14 maio 2018

Fazendo justiça a Dom Vicente Matos – por Armando Lopes Rafael



       Poucos habitantes de Crato vibraram tanto quanto eu, quando se divulgou que a Câmara de Vereadores aprovou a denominação de “Dom Vicente Matos” para a nova avenida (com início no bairro Mirandão, e término no novo bairro de Fátima) outro acesso ao monumento de Nossa Senhora de Fátima.
     Era uma dívida imensa que a Cidade de Frei Carlos tinha para com a memória de Dom Vicente de Paulo Araújo Matos, o maior benfeitor de Crato.
      Lembrei-me de que, tempos atrás publiquei um articuleto do qual transcrevo trechos abaixo:
***   ***   ***
       “Consta no imaginário popular da cidade de Sobral, que o maior benfeitor daquela importante urbe cearense – o bispo Dom José Tupinambá da Frota – um dia, amargurado com as ingratidões que sofria dos seus conterrâneos, teria desabafado: “Em breve morrerei, e Sobral vai passar 40 anos estagnada para dar valor a quem somente trouxe benefícios para esta cidade”. Dom José morreu em 1959, e Sobral ficou estagnada até 1999, quando o sobralense Ciro Gomes foi eleito governador do Ceará e aquela cidade voltou a crescer. Foram 40 anos de quase estagnação. Comparando o alardeado fato com esta Nobre e Heráldica Cidade de Crato: Será que coisa análoga não acontece aqui? O maior benfeitor de Crato, seu 3º bispo, Dom Vicente de Paulo Araújo Matos, foi um gigante em reivindicar e trazer melhoramentos para a Princesa do Cariri. Também ele recebeu muita ingratidão por parte de uma minoria de “linguarudos”. Era chamado de “Dom Ratão”, uma injustiça que clamava aos céus!
        Pois com “fama” de ladrão, Dom Vicente morreu paupérrimo, em 1998, quando há seis anos, vivia de um mísero salário do INSS. Quem sabe não estejamos nós (todos os que aqui moramos) pagando pela injustiça cometida que essa minoria desalmada fez contra Dom Vicente, um Sucessor dos Apóstolos, um homem bom, profundamente caluniado e injustiçado. Na dúvida, já passou do tempo para os homens e as mulheres de bem desta cidade façam uma reparação pública à memória do 3º bispo de Crato! O leitor sabe que não existe sequer uma ruela, ou até mesmo até um beco como o nome de Dom Vicente Matos, na cidade onde ele continua sendo o maior benfeitor? ”
***   ***   ***
           Graças a Deus essa fase de ingratidão começa a desaparecer. No próximo dia 1° de junho a população cratense vai festejar o centenário de nascimento de Dom Vicente Matos. É o início da reparação à memória deste grande homem. Quem sabe novos e abençoados tempos voltem a cair sobre esta terra que tem Nossa Senhora da Penha como Rainha e Padroeira?
Ilustração abaixo:
Há 63 anos o jornal O POVO publicou:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Visite a página oficial do Blog do Crato - www.blogdocrato.com - Há 10 Anos, o Crato na Internet.