xmlns:fb='http://www.facebook.com/2008/fbml' xmlns:og="http://opengraphprotocol.org/schema/"> 08/05/2017 | Blog do Crato
.

VÍDEO - Estamos de volta com as transmissões da TV Chapada do Araripe ( E agora, com alguns programas ao vivo ). Serão vários programas abordando temas diversos, como a realidade da nossa região, do Ceará e do mundo; Programas científicos, atualidade, entrevistas, e transmissão de eventos ao vivo. ( Veja o vídeo e compartilhe ). www.tvchapadadoararipe.com



Comunidade Cratense no Facebook - Mais de 25.000 seguidores. Clique em Curtir e adicione a sua Foto !

08 maio 2017

O Estádio Romeirão - Por: Emerson Monteiro

Sim, Nicássio, eu estava lá naquele tarde do primeiro de maio de 1970, em meio a comemorações alusivas ao Dia do Trabalho, foi inaugurado, em Juazeiro do Norte, o Estádio Mauro Sampaio, depois consagrado sob a legenda de O Romeirão. Era numa dessas tardes cearenses agradáveis à prática do melhor futebol. No campo, duas escolas do futebol brasileiro, Fortaleza e Cruzeiro. Festa alegre, embandeirada, novidadeira por excelência. O Cariri afinal recebia sua primeira praça de esportes que mereceu o nome de estádio, graças aos esforços administrativos de quem o denominava, Dr. Mauro, então prefeito do Município.

No decorrer da pugna, lotadas que estavam todas as dependências de animado público em júbilo intenso, dos pés de Natal, o ataque cruzeirense marcaria o primeiro tento no novo gramado. Para além do bairrismo, se apresentara a maturidade do melhor dos times em campo, ainda que diante dos aguerridos craques cearenses, numa demonstração de relativo equilíbrio e boa qualidade técnica das duas forças no campo.

A sequência das tradições traria raros espetáculos futebolísticos que ora marcam a história do lugar. Valiosos atletas ali demonstrariam seus talentos, dentre outros os gênios fabulosos Pelé e Garrincha, de brilho imortal. Logo adiante, surgiriam as primeiras equipes profissionais do Cariri cearense, Guarani e Icasa, frutos da semente que se plantara.

Transcorridas algo em volta de cinco décadas, hoje permanece vigoroso o estádio juazeirense, palco de amplas possibilidades e emoções da prática esportiva. Mesmo que projetado a 15 mil, o estádio já chegou a comportar 24 mil pessoas, quando, em 27 de novembro de 1977, recebeu a visita do Fluminense carioca.

Naquele primeiro jogo a que assistíamos, o Cruzeiro faria mais dois gols, fechando em 3X0 o resultado da partida, hoje matéria de memória dos presentes qual evento de rara beleza e notoriedade, e início de fase adiantada do nosso esporte.  

Não temos bandidos de estimação - Aécio depõe no inquérito de Furnas.


Para quem perdeu esta interessante notícia que foi postada na página do Blog do Crato no Facebook, mas aqui não, estou repostando, pois fatos dessa natureza, não podem passar despercebidos dos olhos do público, e no país em que vivemos, parece-me que a esta altura "não há vivalma honesta" na política ( salvo algumas excessões ).


Aécio depõe no inquérito Furnas
.
Presidente nacional do PSDB foi ouvido por uma hora e negou envolvimento em suposto esquema de propinas no âmbito da estatal de energia
.
O senador Aécio Neves, presidente nacional do PSDB, foi ouvido nesta terça-feira, 2, no inquérito Furnas – suposto esquema de propinas no âmbito da estatal de energia. O tucano foi ouvido na condição de investigado. Aécio teria envolvimento com dirigentes do PP em contratos de Furnas.
O inquérito é decorrente da Operação Lava Jato.
No último dia 26, o ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal, acolheu pedido da defesa de Aécio e suspendeu o depoimento do tucano. O ministro mandou a Polícia Federal disponibilizar ‘todos os depoimentos de testemunhas já colhidos’ no inquérito Furnas.
Gilmar proibiu a PF de ‘surpreender’ Aécio, investigado por corrupção passiva e lavagem de dinheiro no âmbito da estatal mineira. No início de abril, o ministro Edson Fachin, relator da Lava Jato no Supremo, autorizou a abertura de outros cinco inquéritos contra o tucano, todos com base na delação da Odebrecht. No pedido de adiamento do depoimento de Aécio, na semana passada, seu advogado, o criminalista Alberto Zacharias Toron alegou que lhe foi negado o acesso a depoimentos já produzidos, sob o argumento de que representariam ‘diligência em andamento’.

Para Toron, as acusações ao senador ‘são infundadas’. Segundo ele, Aécio respondeu todas as perguntas que lhe foram feitas no depoimento.

Fonte: Estadão Conteúdo



CRATO - ZONA !



Enquanto a zona azul não volta, o centro do Crato está uma verdadeira ZONA, não há lugar para estacionar, trânsito caótico, e a cidade começando a parecer "entregue", com inúmeros buracos, depressões no asfalto e novamente, falta de perspectivas. Que tal por órdem nesse caos, Sr. Prefeito ? 4 meses já se passaram, e é preciso mostrar ao povo do Crato, a que veio ! A paciência tem limites, e espero que aos chegar os 9 meses de gestão, que é o tempo de provação inicial, os Cratenses não se decepcionem mais uma vez com uma espécie de FENÔMENO PARTE II. Crato não aguenta mais tanto descaso.



Ninguém quer voltar ao “Paraíso Socialista”: Médicos cubanos manifestam desejo de permanecer no Ceará

Fonte: “Diário do Nordeste” 08-05-2017.
Na foto ao lado: A exemplo do que acontece nos demais municípios cearenses, delegação de médicos cubanos que desembarcou em Iguatu presta um grande serviço, principalmente às comunidades mais carentes ( Foto: Honórito Barbosa )

 O aumento de ações judiciais movidas por médicos cubanos vinculados ao Programa Mais Médicos do Governo Federal para permanecer no Brasil motivou, no mês passado, a manifestação de Cuba para resolver a situação que tem afetado o acordo internacional. No Ceará, a Comissão Estadual Provab/Mais Médicos (CCE), embora não especifique a quantidade de solicitações, informa que alguns cubanos têm manifestado a vontade de continuar nos atuais postos de trabalho. Hoje, há 372 médicos naturais de Cuba atuando nas 22 regionais de saúde do Estado. Em Fortaleza, dos 16 cubanos que atendem nos postos, cinco casaram com brasileiras e solicitaram a permanência.
Quando o Ministério da Saúde recebeu, no dia 11 de abril, por meio da Organização Pan-Americana de Saúde (Opas), a solicitação de uma reunião com representantes de Cuba, foi também informado que o governo cubano havia barrado a vinda de 710 profissionais para o Brasil que iriam atuar no Mais Médicos. No Ceará, em janeiro deste ano, segundo a secretária da CCE, Kílvia Macêdo, 597 cubanos estavam trabalhando. Destes, 225 foram embora por conta do encerramento do contrato. Estas vagas ainda não foram preenchidas por estrangeiros. Ao todo, o Estado conta, em média, com cerca de 1.000 profissionais no Mais Médicos.
Kílvia explica que pode permanecer no Brasil, conforme pactuado no Acordo de Cooperação Internacional que rege o programa iniciado em 2013, o profissional que casar oficialmente e tiver o Revalida - Exame Nacional de Revalidação de Diplomas criado pelos ministérios da Educação e da Saúde para simplificar o reconhecimento de diplomas de medicina emitidos por instituições de ensino estrangeiras. "Respeitando essas condições, os médicos podem continuar. Mas é necessário enquadrar-se nestas duas condições", reforça a secretária.
A representante da Comissão explica que os cubanos têm o contrato vinculado ao municípios e que, no Ceará, a Comissão tem ciência que há pedidos de declarações destes médicos junto às cidades para reiterar o apoio à continuidade dos trabalhos. Ela disse também que o Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde (Conasems), através de uma nota pública divulgada em abril, orientou os gestores municipais a não assinarem documentos apoiando o pedido d




Edições Anteriores:

Setembro ( 2017 ):

01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30