xmlns:fb='http://www.facebook.com/2008/fbml' xmlns:og="http://opengraphprotocol.org/schema/"> 20/04/2017 | Blog do Crato
.

VÍDEO - CONVERSA FRANCA - O DESCASO NO CRATO - Dihelson Mendonça ( 30-11-2017 ).
Estamos de volta com as transmissões da TV Chapada do Araripe ( E agora, com alguns programas ao vivo ). Serão vários programas abordando temas diversos, como a realidade da nossa região, do Ceará e do mundo; Programas científicos, atualidade, entrevistas, e transmissão de eventos ao vivo. ( Veja o vídeo e compartilhe ). www.tvchapadadoararipe.com



Comunidade Cratense no Facebook - Mais de 25.000 seguidores. Clique em Curtir e adicione a sua Foto !

20 abril 2017

O Governo do Ceará não pode se eximir da sua parcela de culpa pela proliferação do Crime Organizado no Estado



Se o Crime Organizado tomou conta do Ceará, obviamente que alguém permitiu que isso acontecesse, seja por negligência ou conivência. Os descasos da atual gestão e das anteriores no setor de segurança pública podem ter criado as condições ideais para a proliferação e as ações do crime organizado dessa ordem, no Ceará. Não adianta agora o governo tentar se eximir da sua parcela de culpa perante a sociedade, vindo a público dizendo que "está fazendo o possível". O dever de casa era pra ter sido feito bem antes e não foi. O resultado está nas ruas, com a bandidagem tomando de conta, e agora, será bem mais difícil enfrentar e resolver o problema. O Ceará está nas mãos não mais do governo, mas do crime organizado. 

( Dihelson Mendonça ).



Sindicato diz que onda de ataques em Fortaleza se deve à falta de estrutura da Polícia Civil


O Sindicato dos Policiais Civis de Carreira do Estado do Ceará (Sinpol Ceará) divulgou, nesta quinta-feira (20), nota sobre os violentos ataques registrados em Fortaleza. Para o grupo, a violência é um reflexo da falta de estrutura da Polícia Civil do Estado. Até esta manhã, pelo menos 22 veículos foram incediados.
Segundo a vice-presidente do Sinpol, Ana Paula Lima, a Polícia Civil sofre um sucateamento devido a políticas governamentais nos últimos 25 anos, deixando a categoria atualmente com o pior salário do Nordeste e um dos três piores do país. "O crime organizado no Estado é resultado de uma Polícia Civil desmotivada e desestruturada. Diariamente sofremos duros golpes. Escrivães e inspetores, que investigam e combatem o crime organizado, estão esquecidos”, avalia Ana Paula, que destaca: "O crime organizado encontra aqui um terreno fértil”.

Ação de facções

Para a vice-presidente do Sinpol, "a situação na qual os policiais civis se encontram possibilitou a entrada das facções criminosas no Estado, tendo elas se aproximado por meio de núcleos compostos por bandidos como o irmão do Marcola (Marcos Willians Herbas Camacho, mais conhecido como Marcola, criminoso considerado líder da organização criminosa Primeiro Comando da Capital-PCC), preso aqui", diz.
 Para Ana Paula, os criminosos estruturaram o crime organizado no Ceará, e aproximaram-se de grupos como o Comando Vermelho e o próprio PCC. "Os presos estão divididos por facções nos presídios, para evitar confrontos. E, sem uma Polícia Civil forte, valorizada, dificilmente serão alcançados resultados concretos. Há a necessidade de valorização para que o policial civil consiga fazer o trabalho de inteligência e combater o crime organizado. Só com atividade investigativa é que alcançaremos os líderes dessas facções”, aponta Ana.
Apesar da situação de insegurança, o Sindicato acredita que o atual cenário pode ser atenuado. "Apesar do cenário difícil,  acreditamos que o governador Camilo Santana terá um olhar sensível à nossa categoria, dando uma justa valorização, como foi dada a outros agentes de segurança. Os  policiais civis são tão importantes quanto as demais categorias no combate ao crime, em especial ao crime organizado", conclui Ana Paula.

Melhorias

Nesta quarta-feira (19), o governador Camilo Santana assinou a Proposta de Emenda Constitucional que insere o cargo de delegado da Polícia Civil nas carreiras jurídicas do Estado, inclusive de limites remuneratórios. A medida é um antigo pleito da categoria. A Mensagem será encaminhada para a Assembleia Legislativa para apreciação. O secretário da Segurança, André Costa, destaca que esse benefício é importante na conjuntura de ações que vêm sendo realizadas para combater a criminalidade. "Como delegado de carreira, sei da importância desse trabalho. Ele centraliza todo o trabalho que é feito nas áreas de risco, nos bairros. É ele quem faz essa ponte entre o Poder Judiciário e o Poder Público. Essa medida é um reconhecimento para a Polícia Civil e será essencial nesta nova formatação que estamos implantando no estado do Ceará para que possamos melhorar cada vez mais", disse.

Fonte: Último Segundo
Via www.blogdocrato.com 



Pacientes da região do Cariri esperam há meses por uma cirurgia de catarata



Mais de 500 pacientes da região do Cariri estão na fila de espera por uma cirurgia de catarata. Segundo informações do correspondente do Jornal Alerta Geral (Expresso 104,3 FM – Grande Fortaleza e Região Metropolitana + 20 emissoras do Interior do Estado) Franzé Sousa, as dividas atrasadas do Sistema Único de Saúde (SUS) da região impedem que os hospitais especializados realizem os procedimentos. Caso parecido foi noticiado ontem pelo correspondente do Jornal, Alverne Lacerda, que disse que a população do Inhamuns reclama da falta de mutirões para realizar as cirurgias. A produção do Alerta enteou em contato com a Secretaria de Saúde do Estado que afirmou que os mutirões e procedimentos são de responsabilidade da administração municipal. Confira a nota da Secretária na integra e o áudio do Franzé Sousa com mais informações:

Nota de Esclarecimento

O serviço de cirurgias de catarata é de competência municipal. Ou seja, os municípios têm gestão plena dos serviços de média e alta complexidade. Nesse caso, o município que faz a gestão e controle das cirurgias de catarata. Para obter mais informações, você pode entrar em contato com a Secretaria de Saúde do Município. Da rede pública do Governo do Estado do Ceará, há no município de Tauá a Policlínica Regional, a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) e o Centro Especializado de Odontologia (CEO) regional. Essas unidades de saúde do governo estadual atendem à população da região dos Inhamuns. A Policlínica Regional de Tauá atende os habitantes de Aiuaba, Arneiroz, Parambu e Tauá. Inaugurada em 2011, o equipamento realizou 261.027 atendimentos até 2016. São oferecidas na Policlínica Tipo I as seguintes especialidades médicas: Oftalmologia, Otorrino, Clínica Geral, Cardiologia, Ginecologia, Mastologia, Cirurgia Geral, Gastroenterologia, Urologia, Traumato-ortopedia. Com apoio técnico de enfermagem, farmácia clínica, terapia ocupacional, fisioterapia, fonoaudiologia, nutrição, psicologia, assistência social e ouvidoria. Os Serviços de Apoio Diagnóstico e Terapêutico serão: Radiologia Convencional, Mamografia, Ultrassonografia, Endoscopia Digestiva, Ecocardiografia, Ergometria, Eletrocardiograma, Audiometria e coleta de Patologia Clínica.
A Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Tauá foi inaugurada em 2014 e já realizou 150.303 atendimentos até 2016. A população tem na UPA 24 horas acesso a exames de raio-x, eletrocardiograma e exames laboratoriais. Os pacientes podem tratar de doenças como pressão alta, febre, cortes, queimaduras, alguns traumas e receber o primeiro atendimento para infarto ou Acidente Vascular Cerebral (AVC).
Já o Centro Especializado de Odontologia (CEO) regional de Tauá realizou 25.535 atendimentos em 2016, atendendo os habitantes dos municípios de Aiuaba, Arneiroz, Parambu e Tauá. Na rede de urgência e emergência, o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) 192 atua em Aiuaba, Arneiroz, Parambu e Tauá.

Atenciosamente,
Helga Rackel
Assessoria de Comunicação da Secretaria da Saúde do Estado do Ceará

Fonte: Ceará Agora
Via www.blogdocrato.com



Cientistas descobrem duas drogas capazes de frear avanço da demência


Ao longo dos últimos três anos, a equipe testou 1.040 compostos.


Em 2013, uma equipe de cientistas identificou um mecanismo que leva células cerebrais à morte, e agora, os cientistas encontraram duas drogas capazes de bloquear esse mecanismo, prevenindo a neurodegeneração. Em experimentos com camundongos, os medicamentos provocaram danos colaterais mínimos, e a expectativa é que os testes clínicos em humanos demorem entre dois e três anos, já que um dos remédios já é licenciado para uso comercial. Caso os resultados sejam positivos, uma nova porta será aberta para o tratamento de doenças como o Alzheimer e o Parkinson.
Giovanna Mallucci, da Universidade de Cambridge, no Reino Unido, explica que várias doenças neurodegenerativas, incluindo as demências, têm como fator importante o acúmulo de proteínas malformadas. Na pesquisa anterior, os cientistas descobriram que esse acúmulo dispara um mecanismo natural de defesa, fazendo com que as células cerebrais suspendam a produção de proteínas vitais, e acabem morrendo. Na ocasião, eles descobriram uma droga capaz de retornar com a produção proteica, mas ela era muito tóxica e inadequada para testes em humanos.

Ao longo dos últimos três anos, a equipe testou 1.040 compostos, primeiramente em uma espécie de verme que possui sistema nervoso funcional e serve como modelo experimental. O experimento filtrou algumas drogas, que então foram testadas em camundongos com doenças neurodegenerativas. Com isso, foram identificadas duas drogas capazes de restaurar a produção de proteínas pelas células cerebrais dos camundongos: o cloridrato de trazodona, medicamento antidepressivo licenciado; e o dibenzoilmetano, composto que está sendo testado para o tratamento do câncer.
Nos modelos com camundongos, as duas drogas preveniram o surgimento de sinais de danos às células cerebrais e restauraram a memória de animais, além de reduzirem o encolhimento do cérebro, uma das características das doenças neurodegenerativas. Os resultados foram publicados nesta quarta-feira, no periódico “Brain”.

— Nós sabemos que o cloridrato de trazodona é seguro para uso em humanos, então um teste clínico agora é possível para analisar se os efeitos protetivos que notamos nas células cerebrais de camundongos com neurodegeneração também se aplicam a pessoas em estágio inicial do Alzheimer e outras demências — disse Mallucci, líder dos estudos. — Nós poderemos saber, em dois ou três anos, se essa abordagem pode desacelerar a progressão da doença, o que seria um bom começo para o tratamento dessas desordens.

De acordo com a pesquisadora, o cloridrato de trazodona já é usado no tratamento dos sintomas em pacientes com estágio avançado da demência. Os testes clínicos vão determinar se o medicamento é capaz de frear o desenvolvimento da doença quando em estágio inicial.
— Nós estamos excitados com o potencial dessas descobertas — disse Doug Brown, diretor de pesquisas da Alzheimer’s Society. — A pesquisa ainda está em estágio inicial e não foi testada em humanos, mas como uma das drogas já está disponível como um tratamento para a depressão, o tempo para levá-la do laboratório para a farmácia pode ser reduzido.

Fonte: O Globo
Via www.blogdocrato.com



Polícias Militares de todo o Brasil desencadeiam a Operação Tiradentes



As forças estaduais militares do todo o Brasil desencadeiam, hoje (20), a primeira operação nacional que une todas as Polícias Militares do país. Denominada Operação Tiradentes, a ação inicia simultaneamente em todos os Estados Federados às 14 horas e tem o período de duração de 24 horas, encerrando no dia 21 de abril, data alusiva ao patrono da nação e das PMs brasileiras, Tiradentes.
Alinhada à operação nacional, a Polícia Militar do Ceará elaborou um plano específico para a ação no Estado, adicionando 346 policiais militares de todas as especializadas. A Operação irá iniciar no Quartel do Comando Geral, quando reunirá a tropa. Depois, as tropas serão divididas em  locais com maior incidência de crimes. “Temos orgulho de mostrar que a Polícia Militar do Ceará faz parte dessa ação nacional. Essa é a primeira de muitas que virão e ficarão na história do Brasil”, afirma o coronel Comandante Geral da Polícia Militar do Ceará, Ronaldo Viana. A Operação Tiradentes é resultado da primeira reunião ordinária do Conselho Nacional de Comandantes Gerais das Polícias Militares e Corpos de Bombeiros Militares (CNCG – PM/CBM), ocorrida no período de 04 a 07 de abril de 2017, que aconteceu no Rio de Janeiro. Na ocasião, foram alinhadas estratégias de ação e, unida às peculiaridades de cada região, os comandantes das Instituições Militares concordaram em somar esforços em razão de um único objetivo: a população brasileira.
“A operação recebe esse nome, alinhado com os propósitos de nossa nação, porque visa contribuir, de forma significativa, para o exercício do papel primordial do Estado, que é a promoção da segurança, condição essencial para a vida em sociedade”, explica o presidente do CNCG-PM/CBM, Coronel Marcos Antônio Nunes de Oliveira.

Fonte: Ceará Agora
Foto: RTV Canal 38
Via www.blogdocrato.com



Jacinta e Francisco serão canonizados em 13 de maio em Fátima

Cidade do Vaticano (RV) - Jacinta e Francisco Marto, os dois pastorzinhos que tiveram visões de Nossa Senhora, serão canonizados pelo Papa Francisco em Fátima, em 13 de maio.A confirmação deu-se na manhã desta quinta-feira (20/04) durante o Consistório Ordinário Público, presidido pelo Santo Padre no Vaticano. Serão as primeiras crianças não-mártires a serem proclamadas Santas. Na mesma data, há 17 anos, os dois irmãos foram beatificados por João Paulo II.
Jacinta e Francisco Marto, os dois irmãos de apenas nove e dez anos, junto com a prima Lúcia dos Santos, tiveram visões de Nossa Senhora. A primeira vez em 13 de maio de 1917, seguindo-se em todos os dias 13 de cada mês, até chegar ao mês de outubro. Nos "encontros celestiais" Maria deixou mensagens sobre acontecimentos futuros e recomendações aos pequenos, entre estas, a de rezar o Rosário diariamente.
A fama de santidade dos dois pastorzinhos logo após as suas mortes já havia se difundido por todo o mundo. Francisco morreu em 4 de abril de 1919, de febre espanhola. Jacinta, dez meses mais tarde, em 20 de fevereiro de 1920.
Jacinta, após muitos sofrimentos oferecidos pela conversão dos pecadores, morreu sozinha em um hospital de Lisboa, sendo sepultada em Vila Nova de Ourém, o município ao qual pertence o Santuário de Fátima.
De Francisco - chamado de "o consolador" pelo seu desejo de consolar com a oração Nossa Senhora - perdeu-se o local preciso de seu sepultamento. Somente anos mais tarde seus restos mortais foram reconhecidos pelo pai, por um detalhe muito particular, o terço que ele tinha nas mãos.
Em setembro de 1935, o corpo incorrupto de Jacinta foi traslado de Vila Nova de Ourém a Fátima. O corpo foi fotografado e o Bispo de Leiria-Fátima, José Alvez Correia da Silva, enviou uma cópia à Lúcia, que havia se tornado uma Irmã dorotéia. Na ocasião, o prelado pediu a Lúcia que escrevesse tudo o que sabia sobre a vida de Jacinta. Nascia assim a Primeira memória, que ficou pronta no Natal de 1935.
Sucessivamente o bispo pediu que Lúcia escrevesse também suas recordações a respeito de Francisco e os fatos ocorridos em Fátima.
Não fossem estes relatos deixados sobre a breve vida dos dois irmãos, talvez ninguém poderia ter pensado em abrir uma Causa de canonização, mesmo porque naquele tempo ainda não havia sido decretado o reconhecimento de "exercício das virtudes em grau heróico" também para os pequenos.
O pedido para investigar a santidade dos dois foi iniciado pela Diocese de Leiria somente em 1952 e concluída em 1989, com o decreto sobre a prática das virtudes, em consideração à idade das crianças.
O milagre atribuído à intercessão das duas crianças, e que levou à beatificação, foi reconhecido em 1999. Já o que abriu o caminho para a canonização, foi reconhecido em 23 de março passado, e diz respeito a uma criança brasileira, que na época tinha seis anos.
Esta criança estava na casa do avô, brincando com a irmãzinha, quando caiu por acidente de uma janela de cerca sete metros de
altura, sofrendo um grave traumatismo crânio-encefálico, com a perda de material cerebral.
Levada ao hospital em coma, foi operada. Caso sobrevivesse, viveria em estado vegetativo ou, no máximo, com graves deficiências cognitivas.
Milagrosamente, após três dias, a criança recebeu alta, não sendo constatado nenhum dano neurológico ou cognitivo.
Em 2 de fevereiro de 2007, uma equipe médica deu parecer positivo unânime sobre o caso, como "cura inexplicável do ponto de vista científico".
No momento do incidente, o pai da criança havia invocado Nossa Senhora de Fátima e os dois pequenos beatos. Na mesma noite, os familiares e uma comunidade de irmãs de clausura haviam rezado com insistência, pedindo a intercessão dos pastorzinhos de Fátima.



Povo sem memória é povo sem história: nomes antigos das ruas de Crato ( Por: Armando Lopes Rafael )


Para quem não viu esta excelente matéria escrita pelo Prof. Armando Rafael, estamos postando novamente aqui no Blog do Crato:



"Um povo sem memória é um povo sem história. 
E um povo sem história está fadado a cometer,
 no presente e no futuro, os mesmos erros do passado".
Emília Viotti da Costa  
 Começou, nos primeiros anos do século XX – por iniciativa dos vereadores desta cidade, e isso foi feito ao longo de várias legislaturas – o triste costume de mudança dos nomes das ruas e praças de Crato. Essas alterações sempre atenderam a interesses menores dos vereadores e foram feitas sem ouvir a população, resultando disso na destruição de denominações tradicionais, que eram preservadas por várias gerações de cratenses. 
   Tenho em mãos um artigo publicado na Revista do Instituto do Ceará, com o título “Descrição da Cidade do Crato em 1882”, de autoria do Dr. Gustavo Horácio. Este escrito cita, a certa altura, o fato de que – naquele recuado ano – a cidade de Crato possuía 11 ruas, conhecidas por Ruas: de Santo Amaro, da Pedra Lavrada, das Laranjeiras, do Pisa, Formosa, Grande, do Fogo, da Vala, da Boa Vista, Nova e do Matadouro.
     No mesmo artigo, são nomeados os becos e travessas do Crato antigo, a saber: Travessas: do Cafundó, da Caridade, dos Candeia, da Matriz, dos Sucupira, de São Vicente, do Charuteiro, do Cemitério, da Ribeira Velha, do Barro Vermelho, da Califórnia, do Pequizeiro, da Taboqueira, das Olarias, da Cadeia e do Pimenta.      Infelizmente, a mudança voraz dos vereadores cratenses resultou na mudança dessas tradicionais, poéticas e curiosas denominações.
      Não sou contra a designação de nossas ruas com nomes de pessoas já falecidas. Apenas acho que deveriam escolher como patronos das nossas artérias urbanas pessoas que gozaram de bom conceito ou foram prestadoras de relevantes serviços à cidade e ao Brasil. E, principalmente, depois da lei aprovada pela a Câmara Municipal, os vereadores não poderiam mais mudar o nome de uma rua.
      Ademais, não se justifica a mudança feita nas antigas e tradicionais denominações das ruas de Crato, apagando um pouco da história e da memória coletiva da Princesa do Cariri.
       Anos atrás, a Câmara de Vereadores de Independência – município localizado no Sertão dos Inhamuns, no Ceará – aprovou um projeto de lei, dispondo sobre a identificação de ruas, praças, monumentos, obras e edificações públicas daquela cidade. O projeto de lei passou a exigir – para qualquer mudança na denominação de ruas e praças – um pedido antecipado, contendo lista com assinaturas de pelo menos cinco por cento do eleitorado daquele município.
        Idêntica providência deveria ser adotada pela Câmara de Vereadores de Crato. Só assim acabaria a farra irresponsável da mudança indiscriminada dos nomes das ruas da Cidade de Frei Carlos...

O Professor Armando Lopes Rafael -e Historiador e Co-Administrador do Blog do Crato - www.blogdocrato.com - © 2017 - Todos os direitos reservados.



Lembrando Dom Newton Holanda Gurgel – por Armando Lopes Rafael


Da sua vida pessoal sabemos o que este servo de Deus nos contava: que havia nascido em 1923, na cidade de Acopiara, à época pertencente à Diocese de Crato, e que era oriundo do tradicional clã dos “Gurgel Valente”, sendo um dos 17 filhos do casal Francisco Henrique e Aurélia.  Seu pai resolveu retirar dos 17 filhos, o sobrenome Valente, deixando apenas o GURGEL.
     Aos 13 anos, em 1937, o adolescente Newton já estava em Crato, distante 300 km de Acopiara, numa época que as comunicações entre as duas cidade se faziam unicamente por meio do trem. Veio para estudar no Seminário Diocesano São José, onde fez seus estudos menores, em sete anos, em meio a idas e vindas, entre o verde vale do Cariri e o seco Sertão central cearense, onde está localizada a cidade de Acopiara.
      Os estudos maiores – de Filosofia e Teologia – foram feitos inicialmente em Fortaleza e, depois, em João Pessoa, capital da Paraíba, pois Dom Newton sentiu dificuldades em se adaptar ao clima da capital cearense. Naquela época teve um colega ilustre com quem manteve amizade até o último dia de vida: Dom José Freire Falcão, também nascido no sertão cearense, e que ainda hoje se constitui no primeiro e único cardeal da Igreja Católica nascido no Ceará.
***   ***   ***
Dedico, pois, estes comentários acima, à santa memória deste bispo. E faço minhas as palavras da escritora inglesa Taylor Caldwell, inseridas no preâmbulo do seu livro Os servos de Deus. Naquele livro, a autora relembra a missão de anônimos sacerdotes católicos difusores do Reino de Cristo, nas vilas e zonas rurais das ilhas britânicas que hoje formam o sólido Reino Unido. A escritora citada iniciou o prefácio daquela obra com o seguinte parágrafo:
“Este livro é dedicado à heroica memória de todos os servos de Deus, cuja devoção não merecemos, de cujas orações não somos dignos, de cujo amor não somos merecedores e cujos trabalhos incessantes são conhecidos apenas por Deus”.


Dois documentos que fazem parte da história de Crato – por Armando Lopes Rafael

1 – O primeiro é o da Lei Municipal nº 1.774, de 10 de Junho de 1998, sancionada pelo então Prefeito Dr. Raimundo Coelho Bezerra de Farias, denominando a Rua que dá acesso ao Parque Getúlio Vargas–Morro da Coruja (no sentido Crato-Juazeiro) de “Rua Imperatriz Leopoldina”.
No entanto, anos depois um vereador mal informado apresentou projeto mudando a denominação da rua para “Orestes Costa”. Ora, a mudança de uma Lei só tem validade se a anterior for revogada. A Câmara Municipal é tão desorganizada que a lei anterior não foi revogada e, consequentemente, o que continua prevalecendo é a antiga denominação de  RUA IMPERATRIZ LEOPOLDINA.
ALIÁS, O Sr. Orestes Costa tem 3 (três) ruas de Crato com seu nome.
Todas aprovadas devido a falta de organização e controle da Câmara de Vereadores.
É para rir ou para chorar?
2 – O outro documento é a Consagração da Cidade de Crato ao Imaculado Coração de Maria, assinada pelo Prefeito Moacir Soares de Siqueira, em 27 de janeiro de 2000.
          As palavras abaixo dizem tudo...

Compaixão - Por: Emerson Monteiro

Diante de circunstâncias por vezes adversas temos de pensar além de nós. São dores atrozes que raiam todos os limites da capacidade humana de resistir. Quais seres pequeninos que já somos, exigem respostas de continuar a peleja desta vida. Sobreviver face tudo, inclusive aos extremos de suportar a vulnerabilidade. A quem elevar os olhos da alma? Depositar o tempo e viver em paz? Nisto é a hora de erguer a fome de amar, razão principal do percurso das vidas. Salientar dentro do Ser de que somos parte o direito da conformação. Pouco importa nomes, endereços, tempestades, há de haver conformação.

Nesse duelo entre a dor e o amor existe vida. Nós existimos bem ali. Testemunhas dos dramas universais da consciência em desenvolvimento, nessa hora descobrimos o quanto valem bons sentimentos, a força da compaixão, da aceitação da dor qual instrumento de revelação da Eternidade em nós. Vêm daí as buscas, os segredos sussurrados nas religiões, os pousos das escolas que ensinam trabalhar a si mesmo por meio do autoconhecimento.

Aceitemos que existem mistérios a serem descobertos. Isto significa humildade. Admitamos o quanto ainda temos a aprender no espaço que resta até chegar à Perfeição, à realização pessoal, e aos poucos alguma claridade nos envolverá. Obedecer com esforço o peso da cruz em nossos ombros representa, pois, o dever que nos cabe nessas horas.

Porém jamais desistir de aceitar a bondade qual motivo de viver tudo e todos os momentos. Nem de longe contar a fuga dentre os elementos à disposição. Só amar, e amar muito, de olhos abertos ao poder monumental da Natureza de que nós somos e conduzimo-nos aos Céus.

Uma entrega absoluta, sem precedentes, sem condicionamentos. Eis o que compete aos deuses em elaboração que despertam a todo momento.

SECA - Emergência é decretada em 61 municípios do CE



O quadro de escassez e limitação de água para o abastecimento de centros urbanos e localidades rurais persiste no Interior cearense. Essa realidade fez com que o governo do Estado decretasse situação de emergência em 61 municípios pelos próximos 180 dias. A Coordenadoria Estadual de Defesa Civil (Cedec), do Corpo de Bombeiros Militar do Ceará (CBM-CE) informou que esse número tende a aumentar após o fim da atual quadra chuvosa. O decreto foi publicado no Diário Oficial do Estado dessa terça-feira (18) e encaminhado para reconhecimento federal na Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil (Sedec) do Ministério da Integração Nacional (MI). Apesar da melhoria da chuva neste ano, os médios e grandes reservatórios não receberam recarga de água e o quadro de escassez tende a se agravar no decorrer do segundo semestre.

Outros decretos

Os outros municípios poderão decretar situação de emergência a qualquer tempo, desde que atentem para as normas e critérios definidos para obtenção do quadro emergencial pelo governo federal. "Os municípios têm suas particularidades, seus problemas específicos, e precisam alimentar o Sistema de Informações de Desastre (S2ID)", explica a técnica da Cedec, Ioneide Araújo. "Caso atendam aos parâmetros, é possível isoladamente obter o reconhecimento de seu decreto de situação de emergência por causa da seca". Em maio, conforme Ioneide Araújo, haverá um segundo decreto, que incluirá novos municípios. O decreto anterior do governo do Estado incluía 104 deles, com vencimento no último dia 15 de abril. Desde o atual ciclo de estiagem, iniciado em 2012, o Ceará já chegou a ter 176 cidades em situação emergencial por causa da seca. As justificativas atuais estão relacionadas com a escassez de água nos reservatórios para abastecimento de população das áreas urbanas e rurais, uma vez que a safra de grãos de sequeiro (aquele que depende exclusivamente da chuva) ainda prossegue. "A nossa quadra chuvosa vai até maio e só no fim poderemos ter laudos conclusivos sobre possíveis perdas de plantio", observou Ioneide Araújo.
Benefícios
Em outubro, o governo do Estado vai assinar um novo decreto e, no ápice do período de estio, é provável que o número de municípios em situação de emergência aumente em relação ao atual decreto. O reconhecimento dessa situação permite ao Estado e às administrações municipais receberem recursos de programas específicos de políticas públicas direcionadas para o combate aos efeitos da seca, como distribuição de água por carros-pipa, perfuração de poços profundos, construção de barragens e cisternas, entre outras tecnologias.
Orientação
A técnica da Cedec Ioneide Araújo ressaltou que o órgão está aberto para orientar os novos gestores, que assumiram recentemente as administrações e as Coordenadorias Municipais de Defesa Civil (Comdecs). "Elaboramos cartilhas, um guia prático de apoio, sobre o S2ID", frisou. "Qualquer dúvida é só nos procurar. A Cedec dá capacitação". Para obter o reconhecimento do decreto de situação de emergência é preciso atender critérios da portaria normativa do MI. A análise pelos governo do Estado e Federal é feita a partir das informações apresentadas pelos municípios no Plano Detalhado de Resposta (PDR) do S2ID. Quinzenalmente, os escritórios da Ematerce enviam relatórios com índice de perda e colheita de safra por cultura e por distrito de cada município do Estado. Em muitas áreas, há expectativa de boa colheita de grãos, milho e feijão. Onde o plantio foi iniciado mais cedo, em fevereiro, já houve colheita.

Verdes Mares




Edições Anteriores:

Dezembro ( 2017 ):

01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 30