xmlns:fb='http://www.facebook.com/2008/fbml' xmlns:og="http://opengraphprotocol.org/schema/"> 14/12/2016 | Blog do Crato
.

VÍDEO - VÍDEO DE LANÇAMENTO - Em breve, as novas transmissões TV Chapada do Araripe. Espero que curtam o vídeo de lançamento abaixo, em que há uma pequena retrospectiva de alguns trabalhos, reportagens já feitas ao longo dos muitos anos que fazemos reportagens. ( Veja o vídeo e compartilhe ). www.tvchapadadoararipe.com



Comunidade Cratense no Facebook - Mais de 24.000 seguidores. Clique em Curtir e adicione a sua Foto !

14 dezembro 2016

Dom Paulo Evaristo Arns - Por: Emerson Monteiro

Nesta data (14.12.16), aos 95 anos, passou desta vida à espiritualidade uma dessas pessoas que salvam a Humanidade nos testemunhos do valor da criatura diante do Criador. Ícones de minha geração, que viveu os tempos da Ditadura Militar, dom Paulo Evaristo Arns demonstrou coragem inigualável ao apresentar limites aos desmandos praticados pelas forças da repressão, estabelecendo esperança nos corações amedrontados com as ocorrências de então.

Junto de outros nomes corajosos, tais Sobral Pinto, Dom Hélder Câmara, Sérgio Porto, Frei Tito, Frei Betto, Alencar Furtado, Hélio Bicudo, Lisâneas Maciel, Ulisses Guimarães e tantos de igual expressão, firmou princípios que a História os registrará no panteão da honra brasileira dos grandes heróis.

Defensor intransigente dos direitos humanos e do estado democrático de direito, Dom Paulo elevou a voz sem medo contra as violações verificadas no País e cerrou fileiras com os seguidos da Teologia da Libertação, de que porfiou qual dos líderes mais importantes.

Visitou prisões e denunciou a tortura, confrontado órgãos da violência policial, chegando, certa vez, a estabelecer discussões acirradas com altos escalões do Governo da época. Segundo o escritor e jornalista Pedro del Picchia, texto publicado no site da Folha de S. Paulo de 14 de dezembro de 2016: Num encontro com o presidente Emílio Garrastazu Médici, a conversa encerrou-se aos berros. Foi Médici quem decretou, depois, em 1973, a cassação da rádio Nove de Julho, tradicional emissora da Igreja em São Paulo.

Incansavelmente, denunciou os desmandos das prisões do regime, sendo depois responsável pela criação do Centro Santo Dias dos Direitos Humanos e patrocinou a publicação do livro Brasil: Nunca Mais, sobre os mortos e desaparecidos.

Dadas essas razões, Paulo Evaristo Arns foi considerado cardeal da liberdade, bispo dos oprimidos, cardeal dos trabalhadores, bispo dos presos, bom pastor, cardeal da cidadania, guardião dos direitos humanos, dentre outras denominações expressivas do trabalho que desenvolveu em prol da cidadania e sobrevivência dos valores essenciais da raça humana. Que o bom Deus ora o receba nos campos eternos da Justiça Social com Liberdade e Paz, seus amores fundamentais nesta vida.

Justiça desaprova gastos de campanha de José Aílton Brasil




Juiz observou graves e insanáveis irregularidades nas despesas, como doação de dinheiro a candidatos a vereador depois do pleito. Candidato teve contas reprovadas em duas análises da Justiça e não poderá assumir o cargo

A Justiça Eleitoral desaprovou a prestação de contas de campanha do candidato eleito a prefeito do Município do Crato (a 540Km de Fortaleza), deputado estadual José Aílton Brasil, do Partido Progressista (PP); e do seu vice, André Barreto Esmeraldo. Com a decisão, que ainda permite recurso judicial, a vitória da chapa será impugnada e os eleitores terão que voltar às urnas em novo pleito.
A desaprovação das contas de campanha foi proferida pelo juiz de Direito, Ângelo Bianco Vettorazzi, atualmente respondendo pela 27ª Zona Eleitoral do Ceará. Nesta terça-feira (13), o magistrado julgou, pela segunda vez, a prestação de contas de Zé Aílton e seu vice, e considerou a existência de “irregularidades insanáveis” e “confrontos literais aos dispositivos legais”.
Ainda quando os desvios foram descobertos na primeira análise das contas, foi dado prazo para a devida correção. No entanto, conforme Vettorazzi, “os candidatos apresentaram esclarecimentos incapazes de reverter as irregularidades e ilegalidades”.

Dinheiro

Entre as ilegalidades comprovadas está a realização de gastos eleitorais após a data do pleito eleitoral, através da distribuição de doações financeiras aos candidatos a vereadores, o que, segundo o juiz, “infringiu as regras estabelecidas nos artigos 27 e 46 da Resolução número 23.463/2015 do Tribunal Superior Eleitoral/TSE, constituindo infração de ordem material”. Em outro trecho do seu despacho, o juiz aponta que, “entendo que tal ilegalidade constitui infração grave à legislação eleitoral, uma vez que, ao encerrar a campanha eleitoral, não poderia o candidato ter realizado gastos eleitorais (doação financeira), constituindo os valores restantes em sobras de campanha, pertencentes ao partido político, e a este teriam que ser devolvidos”. E mais: o juiz descobriu que os dois candidatos teriam realizado despesas eleitorais antes da abertura da conta bancária específica de campanha, contrariando o disposto no artigo 30 da Resolução de número 23.463/2015 do TSE. Para finalizar, o magistrado considerou o que ele chama de “conjunto de atos em afronta à norma reguladora de arrecadação e gastos eleitorais, sendo o descumprimento da lei medida reprovável, constituindo infração grave, sendo, portanto, necessária a reprovação das contas”. A decisão do juiz contrariou a posição do Ministério Público Eleitoral.

Por FERNANDO RIBEIRO 
Ceará News 7

---------------------------------------------------------------
IMPORTANTE: Desde ontem ( 13 ) circula essa notícia nas redes sociais, inclusive com fotos do processo. É necessário dizer, que nesses casos, cabe recurso por parte de Zé Ailton, e que esta não é a resolução definitiva. Estranha-me a manchete tão enfática e certeira do autor da matéria no site Ceará News 7, que é de alta credibilidade.



Políticos subestimados - Por: Pedro Esmeraldo


Horas à fio, ficamos desanimados, quando observamos o desgaste da política cratense. Em certo momento, às vezes embrutecidos, quando notamos a frieza e a falta de vontade do trabalho desses políticos, alguns ignominiosos. Sempre permanecem na frieza e a falta de vontade de observar o trabalho com seriedade. Não enfrentam as diabruras provocadas pelo outro município. Levam de roldão para seu lado tudo o que possuímos e com muita fraqueza, os cratenses deixam tudo correr frouxo, e entrega facilmente os pontos, quando levam os bens de Crato, sem pestanejar, vivendo dormentes. Parecendo que tem uma trave em seus olhos e não enxergam as ordens regulares das coisas, pois tentam navegar em barco furado, porque têm medo de enfrentar o gatilho ameaçador dos adversários, principalmente daqueles que opõem o crescimento educativo do município. Não se mobilizam em defesa do Crato. Quando assumem o barco parece que seja brincadeira de menino, porque não levam nada a sério. Sua luta é uma quimera que se assemelha ao monstro da mitologia grega, “possuidor de cabeça de leão, corpo de cabra e rabo de dragão”. Pois isso se torna semelhante a uma fantasia de mau gosto que não serve para nada. Pensamos bem, tudo para eles é objeto fantástico. Por isso, deixa-nos amargurados, cheios de fantasia, pensando que seria melhor se todos cuidassem bem de sua terra. Não se esperneiam porque seu objetivo é atoleimar o contribuinte cratense.
Com esse pensamento de desigualdade que possuímos leva o povo a reclamar, gritando sem exigir, deixe esse município em paz, pois nós saberemos levar o barco ao caminho do desenvolvimento. Não queremos permanecer quietos e nem esquecidos, mas queremos lutar com a garra do dragão, preparados para a luta, afastando de nós esse pensamento maldito. Longe daqui essas figuras desniveladas que só vieram atanazar o desenvolvimento do Crato. Isto é um processo que causa indignação no seio do povo, porque esse dito povo não pode olhar para frente, devido ser travado por péssimo desempenho desses políticos manhosos que só esperam para serem contemplados pelos bens do município. Notem o desregramento dos pontos de autoatendimento do Banco do Brasil. Isso é descalabro, é um desrespeito ao cidadão comum, pois além de máquinas obsoletas, vivemos marginalizados, quando formos usufruir nesse banco a fim de retirar alguns vinténs em máquinas antigas que causam aborrecimento ao contribuinte, na hora de retirar algum trocado. Por isso, alertamos à esses políticos dizendo: sua missão é defender o interesse do povo: reajam, gritem, façam manifestações, conclamem a volta do bom desempenho bancário, nesta cidade. Crato não é bugre e podre para que venham querer determinar com desprezo a sua conduta e a sua luta. Portanto, gritem com brados bem altos: não queiram mexer com o Crato, porque Crato tem seu valor histórico e praticou heroísmo na Revolução Pernambucana de 1817 e na Confederação do Equador em 1824.

Postado por Armando Rafael no BLOG DO CRATO
www.blogdocrato.com


Primeira-dama do Ceará é indiciada em investigação de compra de voto


Polícia Federal flagrou assessora com dinheiro nas vésperas das eleições. Inquérito foi encaminhado para o Ministério Público.


Mulher foi presa com material de campanha e dinheiro (Foto: Biana Alencar/TV Verdes Mares)


A Polícia Federal indiciou a primeira-dama do Ceará, Onélia Leite Santana, em inquérito que investiga compra de voto nas eleições municipais da cidade de Barbalha neste ano. Em nota, Onélia Santana afirma nunca ter participado de "qualquer prática ilícita". Disse, ainda, sempre ter pautado sua "vida pela correção nos atos e respeito às leis". Veja, no final da matéria a íntegra da nota de Onélia Santana. O inquérito foi concluído em 1º de dezembro e, segundo a justiça eleitoral de Barbalha, foi encaminhado para o Ministério Público. A investigação começou quando a Polícia Federal (PF) prendeu em flagrante, no dia 30 de setembro, em Juazeiro do Norte, cidade vizinha a Barbalha, três pessoas suspeitas de compra de votos para o candidato Fernando Santana (PT) e de formação de quadrilha. Uma delas, Ana Kitéria, tinha um cargo comissionado no gabinete da primeira-dama. O grupo portava envelopes nominais com um total de R$ 47.750 em cédulas de R$ 50 e R$ 100, além de material de campanha do candidato, segundo o delegado Márcio Borges. O homem, que, conforme a polícia entregou o material e dinheiro para a assessora, e o motorista dele, são os outros dois presos. A mulher foi encaminhada para um presídio feminino em Juazeiro do Norte e os outros dois para a cadeia pública de Barbalha. O advogado de Kitéria, Luciano Alves Daniel, disse que a cliente estava afastada das suas funções do Estado desde o início de setembro de 2016. Em nota, o advogado informou que os R$ 9.750 encontrados na bolsa da cliente e "em sua mala reserva" eram referentes a despesas pessoais de viagem.

Nota na íntegra

"A respeito da informação de indiciamento envolvendo meu nome em inquérito de suposta compra de votos na última eleição, em Barbalha, esclareço que jamais participei de qualquer prática ilícita, a qual repudio de forma veemente. Tenho pautado minha vida pela correção nos atos e respeito às leis. Os últimos dois anos tenho dedicado todos os meus momentos, de forma voluntária e incansável, ao desenvolvimento de projetos sociais. Um compromisso que assumi e que irei cumprir com muito zelo e dedicação." Onélia Maria Leite de Santana

Fonte: G1


Cobrança por bagagens em voos em voos é contestada no Congresso e poderá ser questionada na Justiça



O fim da franquia que permite atualmente aos passageiros do transporte aéreo viajar com até 23 kg de bagagem, sem cobrança, confirmado nesta terça-feira pela Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC), já está sendo contestado no Congresso Nacional e poderá ser tema de questionamento também na Justiça. Requerimento de convocação da direção da ANAC e das companhias aéreas para explicar o caso foi apresentado pelo deputado federal Chico Lopes (PCdoB-CE), na Comissão de Defesa do Consumidor, da Câmara dos Deputados. O parlamentar também apresentará ao Procon Fortaleza proposta de ação judicial sobre o tema, questionando a autorização emitida pela ANAC para a cobrança.

“Não há o menor sentido em o consumidor pagar por algo a que ele tem direito atualmente. Qual o serviço extra que as companhias passariam a prestar, para justificar uma nova cobrança?”, questiona o deputado, citando que a Comissão de Defesa do Consumidor trabalhará para impedir a mudança e garantir a continuidade do direito a despacho a 23 kg de bagagem, por pessoa, para voos nacionais e 32 kg para voos internacionais.

“O preço das passagens aéreas no Brasil decolou há muito tempo. Atualmente até os lanches a bordo são cobrados. Os preços das passagens, de um modo geral, subiram bastante, com as empresas praticamente escondendo essa elevação com promoções nos finais de semana, que são ilusórias, porque vêm com várias e várias restrições”, acrescenta o deputado Chico Lopes, chamando atenção para o fato de o consumidor brasileiro ainda ser penalizado com passagens aéreas muito caras e com distorções no sistema.

“Muitas vezes, é mais barato ir de Fortaleza pra Argentina que de Fortaleza pra Aracaju ou João Pessoa”, exemplifica. “O consumidor não vai aceitar pagar mais essa tarifa. Parece que no governo Temer a mala de maldades está realmente aberta”, aponta o deputado. “Chamamos a sociedade e os diversos órgãos de defesa do consumidor a reagir contra essa medida, que é inaceitável”.

Roberto Moreira
Via www.blogdocrato.com




Ministério Público e Polícia Civil investigam desvio de mais de R$ 13 milhões na Prefeitura de Aurora



O Ministério Público do Estado do Ceará, através do Grupo de Atuação Especial de Combate às Organizações Criminosas (GAECO) e da Promotoria de Justiça de Aurora, acompanhou o cumprimento de mandado judicial de busca e apreensão pela Polícia Civil no setor de licitações da Prefeitura Municipal de Aurora. A medida foi determinada pelo juiz João Pimentel Brito, a pedido dos promotores de Justiça em investigação que apura os crimes de fraude à licitações, peculato, corrupção e lavagem de dinheiro na contratação de transporte escolar pela Prefeitura, de 2009 até 2012, nos primeiros anos da administração do prefeito Adaílton Macedo (PMDB). As investigações iniciaram após comunicação do Conselho de Controle de Atividades Financeiras (COAF), do Ministério da Fazenda, ao MPCE acerca de movimentações financeiras dos investigados absolutamente incompatíveis com suas condições econômicas. A partir daí, aprofundou-se a investigação, inclusive com a quebra de sigilo bancário determinado pela Justiça. Uma das empresas investigadas teria recebido, indevidamente, mais de R$ 13 milhões de reais dos cofres municipais.
Os promotores de Justiça seguem realizando diligências e oitivas de testemunhas e investigados na sede da Promotoria na Comarca de Aurora e em breve será apresentada acusação formal contra quem for considerado responsável pelos ilícitos.

Fonte: Flávio Pinto, com informações do MPCE
www.blogdocrato.com





Com aprovação da PEC do Teto, governo espera frear crescimento da dívida



A aprovação de um teto para os gastos públicos garantirá, de acordo com o governo, uma freada histórica no aumento dos gastos públicos. As despesas têm crescido ano após ano a taxas superiores à média do produto interno bruto (PIB). O gasto público federal saltou de cerca de 10,8% do PIB em 1991 para 19,5% em 2015. A previsão é que esse porcentual chegue a 20% em 2016. 

A previsão oficial é que, com a PEC do Teto, a despesa pública federal recue para 19,5% do PIB em 2017, caindo para 18,8% em 2018 e 18,3% em 2019. Sem a PEC, o porcentual chegaria a 21,9% em 2019.  Segundo projeção da consultoria Tendências, com base em um crescimento econômico de 2,7% ao ano a partir de 2018, em 10 anos de vigência da PEC, a despesa deve cair para 15,9% em 2026, mesmo nível de 2002. De acordo com o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, a aprovação do projeto dá condições para o governo discutir medidas para o bom equilíbrio orçamentário. O ministro ressaltou que é a primeira vez em que o crescimento das despesas é endereçado na Constituição e que isso é necessário porque mais de 75% da alta dos gastos entre 1991 e 2015 se deve a despesas obrigatórias definidas pela Constituição. "O crescimento das despesas públicas no Brasil é definido pela Constituição e para controlar crescimento da dívida é necessário alterar Constituição", completou.

Déficit

Este ano deve ser o terceiro seguido com as contas públicas no vermelho - a previsão é de déficit primário de R$ 170,5 bilhões, o que seria o pior resultado da série histórica. Para 2017, a estimativa é de um novo déficit fiscal, da ordem de R$ 139 bilhões, mesmo com a PEC do Teto já em vigor. O governo espera que o superávit primário - quando as contas fecham no azul, desconsiderando as despesas com pagamento de juros - só volte a ser registrado em 2019. Para analistas, porém sem outras reformas adicionais, como a da Previdência, essa estimativa não se concretizará. O governo Temer estima que, sem a PEC, a dívida bruta total subiria para 77,3% do PIB em 2017 e chegaria a 90,5% em 2019, se aproximando do nível do endividamento de países como Grécia, Portugal e Espanha. Com a aprovação da PEC, a projeção é que o ritmo de crescimento seja menor, subindo de 76,6% do PIB em 2017 para 78,1% em 2018 e 78,7% em 2019. A redução do déficit fará com que a expansão da dívida desacelere, viabilizando uma redução gradativa dos índices de endividamento no futuro. A dívida pública bruta federal saltou de 57,2% do PIB em 2014 para 66,5% do PIB em 2015, e deverá fechar 2016 ao redor de 72% do PIB, acima da média de outros países emergentes ou de economias semelhantes à do Brasil. Pelos cálculos da Tendências, mesmo com a PEC, a reversão da curva do endividamento do governo não ocorrerá em menos de 10 anos, quando a dívida bruta total deverá chegar a 96,7% do PIB. Por outro lado, sem a PEC, o porcentual chegaria a 132,5%.

Fonte: Última Hora
Via www.blogdocrato.com



Chuvas atingem 19 cidades do Ceará



A Funceme (Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos) registrou, das 7h de ontem (13/12) até 7h desta quarta-feira (14/12), chuvas em 19 municípios do Ceará. A maior precipitação foi no município Caririaçu, integrante da Região Metropolitana do Cariri, com 38mm. Também no Cariri, o município de Várzea Alegre com 31.4mm e Ipaumirim com 30 mm de chuva.

As chuvas de pré-estação são motivadas normalmente pela atuação e posicionamento favorável dos Vórtices Ciclônicos de Altos Níveis (VCAN). Esses sistemas meteorológicos são difíceis de prever em longo prazo e por isso a Funceme aconselha aos usuários que acompanhem a Previsão do Tempo diariamente.

Segundo a Funceme, há previsão de chuvas isoladas, nos próximos dias 15 e 16 de dezembro, no sul do Ceará, entre a madrugada e o início da manhã. Durante o dia, céu ficará parcialmente nublado em todo o Estado.

Fonte: DN
Via www.blogdocrato.com



Lula teria encomendado o Museu do Lula


Segundo o site "O Antagonista", o Museu do Lula teria sido encomendado pelo próprio Lula. O site afirma ainda que a Procuradoria de São Bernardo de Campo, que apura o desvio de 11 milhões de reais da Lei Rouanet e do ministério da Cultura para realizar a obra, citou uma entrevista do arquiteto responsável pelo projeto, concedida em 2011. Ele disse, segundo o documento reproduzido pelo Estadão: “Por encomenda do Presidente Lula, fizemos o projeto do Museu do Trabalho e do Trabalhador, a ser construído no terreno do antigo Mercado Municipal, no centro de São Bernardo do Campo". Questionado se Lula fez outra encomenda, o arquiteto respondeu: “Sim, o Presidente Lula nos pediu o projeto para o Museu Luiz Gonzaga, no marco zero de Recife, onde nasceu a cidade. A verba é do Ministério da Cultura e do governo de Pernambuco. O Presidente saiu, mas tem dinheiro para tocar a obra". Sempre tem dinheiro para Lula.

Fonte: O Antagonista
Via www.blogdocrato.com



Citado em delação da Odebrecht, assessor de Temer pede demissão



Acusado por um delator da Odebrecht de receber recursos em seu escritório em São Paulo em 2014, o
assessor especial da Presidência da República, José Yunes, pediu demissão nesta quarta (14). Ele entregou a carta de demissão ao presidente Michel Temer no início desta tarde. À Folha Yunes, amigo de Temer, disse que o pedido é em caráter irrevogável. Ele nega ter recebido o dinheiro da Odebrecht. Seu nome aparece no acordo de delação de Cláudio Melo Filho, ex vicepresidente de Relações Institucionais da Odebrecht. Segundo Melo, parte de R$ 10 milhões repassados ao PMDB para a campanha de 2014 foi entregue no escritório de Yunes em São Paulo.


"Um dos endereços de entrega foi o escritório de advocacia do sr. José Yunes, hoje assessor especial da Presidência da República", diz trecho do documento. Com a saída de Yunes, Temer perde mais um homem de sua confiança no Planalto. Recentemente, Geddel Vieira Lima pediu demissão da Secretaria de Governo após escândalo ligando seu nome a um empreendimento imobiliário em Salvador. Segundo a Folha apurou, a saída de Yunes deve­se ao temor do presidente de que acusações mais graves contra o assessor presidencial sejam reveladas em delações premiadas de outros executivos da empreiteira. O Palácio do Planalto tem a informação de que foram entregues à Polícia Federal novas evidências contra ele.

DINHEIRO

Segundo o delator da Odebrecht, o ministro da Casa Civil, Eliseu Padilha, apelidado de "primo" pela empresa, foi quem orientou a distribuição de pelo menos R$ 4 milhões dos R$ 10 milhões, acertados em um jantar no Palácio do Jaburu, em maio de 2014, que contou com a presença de Temer e de Marcelo Odebrecht, herdeiro do grupo e preso em Curitiba. Foi Eliseu Padilha, inclusive, segundo os termos da delação, que pediu para que parte dos recursos fosse entregue no escritório de Yunes, em São Paulo. Melo não apontou quem teria recebido o dinheiro entregue no escritório de Yunes em São Paulo. Segundo ele, R$ 6 milhões dos R$ 10 milhões foram para a campanha de Paulo Skaf ao governo de São Paulo, em 2014.

Fonte: Folha de São Paulo
Via www.blogdocrato.com



2016 já teve mais de 1,9 milhão de casos de dengue, chikungunya e zika



Dengue teve quase 1,5 milhão de casos, segundo Ministério da Saúde. Os três vírus transmitidos pelo mosquito 'Aedes aegypti' mataram 734 pessoas ao todo. O Brasil já registrou 1.946.765 casos de dengue, zika e chikungunya só em 2016. Foram 1.475.940 casos de dengue, 259.928 casos de chikungunya e 210.897 casos de zika, segundo boletim divulgado pelo Ministério da Saúde que leva em conta os casos notificados até 28 de novembro. Ao todo, 734 pessoas morreram em decorrência desses três vírus. 

Veja a situação de cada doença:

Dengue

Antes de chegar ao fim do ano, 2016 já é o segundo ano com maior número de casos de dengue na história, atrás apenas de 2015, que teve 1.649.008 ocorrências. Os registros da doença começaram a ser feitos em 1990. Até o fim de novembro, 590 pessoas morreram por dengue e 812 tiveram casos graves.O estado mais seriamente afetado por dengue é Minas Gerais, com 526.064 casos, mais de um terço do total do país. São Paulo e Goiás vêm em seguida, com 204.568 e 113.098 casos respectivamente.

Chikungunya

O chikungunya, identificado no Brasil em 2014, cresceu em 727,3% em comparação ao mesmo período de 2015: de 31.418 para 259.928 casos. Ocorreram 138 mortes por chikungunya ao longo do ano. Os meses mais críticos foram fevereiro e março, com novo pico em maio. O estado mais afetado este ano é a Bahia, com 50.236 casos, seguida de Pernambuco, com 46.484, e Ceará, com 44.596.

Zika

Já o zika, identificado pela primeira vez no Brasil em abril de 2015, atingiu mais severamente o Rio de Janeiro, onde 66.925 foram infectadas, seguido por Bahia, com 51.033 e Mato Grosso, com 22.090. A doença matou 6 pessoas. Do total de 210.897 registros, houve 10.608 casos confirmados em grávidas. O pico da doença foi registrado entre fevereiro e março. O Ministério da Saúde divulgou o boletim nesta quarta-feira depois de ficar dois meses sem divulgar novos números sobre dengue, zika e chikungunya. As últimas informações publicadas se referiam aos casos até 17 de setembro.

G1 via www.blogdocrato.com




Dom Paulo Evaristo Arns morre em São Paulo aos 95 anos



Arcebispo emérito estava internado com broncopneumonia desde o dia 28 de novembro. Com 50 anos de bispado, teve atuação importante no combate à repressão na ditadura militar.

Morreu nesta quarta-feira (14) o cardeal Dom Paulo Evaristo Arns, Arcebispo Emérito da Arquidiocese de São Paulo. Ele estava internado no Hospital Santa Catarina em decorrência de uma broncopneumonia. Arns tinha 95 anos. D. Paulo foi internado no dia 28 de novembro para tratar de problemas pulmonares. Com o passar do dia o estado de saúde piorou e ele teve de ir para a UTI por causa de dificuldades na função renal. Segundo o hospital, Arns morreu às 11h45 por falência múltipla dos orgãos.

REPERCUSSÃO: Corinthians, religiosos e personalidades lamentam morte de D. Paulo

O velório de D. Paulo será na Catedral da Sé, no Centro de São Paulo, e deve durar 48 horas. Ele deve ser sepultado na cripta da catedral. O comunicado da morte de Arns foi feito em nota divulgada pela Arquidiocese de São Paulo. O arcebispo metropolitano, Dom Odilo Scherer, afirmou em nota que Arns “entregou sua vida a Deus, depois de tê-la dedicado generosamente aos irmãos neste mundo”. Em nota, o arcebispo Dom Odilo Scherer, da Arquidiocede de São Paulo afirmou: "Comunico, com imenso pesar, que no dia 14 de dezembro de 2016 às 11h45, o Cardeal Paulo Evaristo Arns, Arcebispo Emérito de São Paulo, entregou sua vida a Deus, depois de tê-la dedicado generosamente aos irmãos neste mundo. Louvemos e agradeçamos ao "Altíssimo, onipotente e bom Senhor" pelos 95 anos de vida de Dom Paulo, seus 76 anos de consagração religiosa, 71 anos de sacerdócio ministerial, 50 de episcopado e 43 anos de cardinalato. Glorifiquemos a Deus pelos dons concedidos a Dom Paulo, e que ele soube partilhar com os irmãos. Louvemos a Deus pelo testemunho de vida franciscana de Dom Paulo e pelo seu engajamento corajoso na defesa da dignidade humana e dos direitos inalienáveis de cada pessoa.
Agradeçamos a Deus por seu exemplo de Pastor zeloso do povo de Deus e por sua atenção especial aos pequenos, pobres e aflitos. Dom Paulo, agora, se alegre no céu e obtenha o fruto da sua esperança junto de Deus! Convido todos a elevarem preces de louvor e gratidão a Deus e de sufrágio em favor do falecido Cardeal Dom Paulo Evaristo Arns. Convido também a participarem do velório e dos ritos fúnebres, que serão realizados na Catedral Metropolitana de São Paulo".

Fonte: G1
Via www.blogdocrato.com



Edições Anteriores:

Abril ( 2017 ):

01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30