xmlns:fb='http://www.facebook.com/2008/fbml' xmlns:og="http://opengraphprotocol.org/schema/"> 25/03/2015 | Blog do Crato
.

VÍDEO - Estamos de volta com as transmissões da TV Chapada do Araripe ( E agora, com alguns programas ao vivo ). Serão vários programas abordando temas diversos, como a realidade da nossa região, do Ceará e do mundo; Programas científicos, atualidade, entrevistas, e transmissão de eventos ao vivo. ( Veja o vídeo e compartilhe ). www.tvchapadadoararipe.com



Comunidade Cratense no Facebook - Mais de 25.000 seguidores. Clique em Curtir e adicione a sua Foto !

25 março 2015

As tantas camadas de mim - Por: Emerson Monteiro

Falar de si pesa, por isso deixa uma margem às longas falas sobre ética, pois não existe ninguém que mais precise de correção do que quem se conhece melhor que é o si mesmo. Avançar passo a passo nesses escombros fumacentos do eu em profusão, largos retalhos abandonados de esquinas sujas onde a luz só de longe não dobrou, onde marcas profundas insistem ficar feitas nódoas que alimentaram o próprio ego do desgosto das derrotas antigas, e ali permanecem olhando indiferentes das janelas dos prostíbulos, nas ações mal costuradas. São remorsos, mágoas, recalques, frustrações, aquelas histórias grosserias que acumularam no lago da gente, de que inexistiam meios de fugir, pela ignorância de permanecer no erro, testemunhas que fomos de acusação do si no processo da consciência...

Bom, diante disso, no entanto, há de haver meios de reconstituir o quadro dramático das luas que transcorreram na caminhada, recursos nascidos da esperança de construir o itinerário através de sentimentos essenciais dos espíritos em crescimento. Escapar das lamas do inferno. Dar um basta naquilo que foi sem perder a condição de continuar sendo pelos infinitos da galáxia. Recorrer aos contadores de conchas mágicas nas praias siderais. Prever um novo destino aos vilões que somos. Alimentar sonhos de percurso atual e completar o caminho antes do Paraíso desaparecer da imaginação, da reconquista.

Que houve um tempo de inocência jamais esconderia, porquanto a maldade surgiu depois quando a preguiça de fazer o bem mexeu nas entranhas dos elementos humanos, nas horas do prazer a quaisquer preços ou limites, do apetite voraz degradante da ambição tomar conta do eu... E aqueles entes vindos ainda alegres, felizes, ingênuos, quais exilados de festas, e passaram a percorrer vistas grossas pelo outro lado da muralha, olhos presos das sombras. Ali perdiam a força original da existência, caiam do equilíbrio e jogavam fora a leveza da vontade pura em favor das facilidades, esquecidos do bem maior de todos.

Hoje sigo assim tal zumbi à busca da luz do Sol das almas, que clareia as alvoradas de paz e verdade, bem diferente das vendidas ilusões, sangue provável da vitória na persistência.

Escândalo das vassouras - Justiça determina novo afastamento de Antônio de Lunga

antoniodelunga

Vereador Antônio de Lunga

Depois de Ronnas Motos, a Justiça voltou a afastar novamente o vereador Antônio Alves de Almeida, o "Antônio de Lunga". A decisão saiu nesta terça-feira (24) e foi determinada pela 8ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE). Segundo a Justiça, Lunga é acusado de cometer crimes contra a administração pública na época em que era presidente da Câmara Municipal. Com o afastamento de Lunga, o suplente Alberto Costa (PT), volta ao poder legislativo municipal.  O relator do caso, desemnargador Carlos Rodrigues Feitosa, reconsiderou liminar que determinava a reintegração do político ao cargo. “A pretensão [do Ministério Público] para que o [vereador] se afaste da administração municipal encontra razoabilidade e pertinência, não só pelos argumentos expostos pelo juízo a quo, mas, sobretudo, em face da notoriedade nacional que ganhou o episódio, a fim de ser resguardada a imagem de moralidade e transparência da administração pública”, disse.
Antônio de Lunga é apontado pelo Ministério Público e a Polícia Civil por fraude na compra exagerada de produtos de limpeza, avaliada em R$ 78 mil. Os delitos teriam ocorrido durante o ano de 2013, em episódio que ficou conhecido como "escândalo das vassouras".
A lista de compra incluiu mais de 4 mil vassouras, 2,5 toneladas de sabão, 33 mil unidades de palha de aço e 312 unidades de óleo de peroba, entre outros itens. O material seria supostamente usado para fazer a limpeza do prédio da Câmara de Juazeiro do Norte. Segundo o MP, mesmo que o local funcionasse todos os dias, seriam necessários 12 anos para o consumo de todas as vassouras, isso se cada vassoura fosse utilizada por um único dia.
Logo após a denúncia, Antônio de Lunga reconheceu que os produtos foram adquiridos em quantidade exorbitante, mas negou ilegalidade na compra. Ele diz ter as notas fiscais originais e que tudo foi feito por meio de licitações. Em novembro de 2013, a Justiça de 1ª Instância decretou o afastamento do cargo até a conclusão das investigações, bem como a quebra de sigilo bancário e a indisponibilidade do bens. Em janeiro de 2014, o desembargador Carlos Feitosa determinou o retorno do político ao cargo, em medida liminar. Requerendo a manutenção da medida, a defesa ingressou com nova ação (nº 0622238-54.2014.8.06.0000) no TJCE.  Ao julgar o caso, a 8ª Câmara Cível determinou o afastamento, acompanhando o voto do relator e a decisão de 1º Grau.

Por: flavio pinto - Jornalista


Não veio de fábrica? - Por Carlos Eduardo Esmeraldo



Quem ainda ao comprar um carro em qualquer concessionária não foi abordado por vendedores insistentes oferecendo gel protetor dos assentos, liquido que conserva a pintura, presilhas de plásticos com refletores de luz para sinalização das portas e tantas outras coisas a mais, todas elas desnecessárias? Não sei se hipnotizado pela boa conversa do vendedor, ou muitas vezes para se livrar dele, caímos na tolice de comprar, mesmo sabendo que estamos com o saldo bancário zerado pela comprar de porte que realizamos, com pagamento à vista ou cheios de prestações que podem durar até vinte e quatro meses.

Pois vou passar uma receita que aprendi com o meu saudoso sogro, o Dr. Aníbal Figueiredo. Se ao sermos abordado por qualquer vendedor, do mais requintado, daqueles que o sujeito pede uma caixa de absorvente e o vendedor termina vendendo até barco a motor, aos mais simples vendedores de óculos escuros tirando nosso sossego na praia.

Basta fazer a pergunta acima. ""Não veio de fábrica"?  A resposta geralmente é negativa. "Então, não é necessário", emendamos imediatamente. Ao aplicar essa salvadora pergunta o vendedor vai embora de fininho. Já consegui desarmar os argumentos de todos os vendedores que me procuraram no momento de fechar qualquer compra, até nas lojas e grandes magazines.

Testem a sugestão e boas compras . 

Carlos Eduardo Esmeraldo - Membro do Blog do Crato




Governo do Estado e Votorantim fecham parceria para construção de duas novas fábricas em Sobral e no Pecém.


Votorantim

O Governo do Ceará e a Votorantim Cimentos firmaram parceria para a construção de duas novas fábricas no estado. Os empreendimentos, que foram apresentados por diretores da empresa nesta terça-feira (24) em reunião com o governador Camilo Santana, serão localizados em Sobral e no Pecém (São Gonçalo do Amarante). Batizadas de Sobral II e Pecém II, o total de investimentos nas empresas será de R$ 969 milhões - R$ 769 na indústria da Região Norte e R$ 200 milhões na companhia da Região Metropolitana de Fortaleza. A previsão, segundo a empresa, é de início das obras em 45 dias, em Sobral, e julho deste ano, no Pecém. O Estado do Ceará oferecerá infraestrutura - estrada de acesso às indústrias e linha de transmissão de energia -, além de benefício fiscal. "Estou muito satisfeito com esses novos empreendimentos. Nós temos o compromisso de gerar emprego e renda para a população de todo o Ceará, com políticas de interiorização do desenvolvimento. Esse já é um primeiro passo para isso", disse o governador.
Empregos

As empresas, juntas, terão 1.200 novos postos de trabalho, com geração de renda anual de aproximadamente R$ 7 milhões. Além disso, serão 1.600 empregos temporários gerados durante as obras. Nas comunidades locais, a Votorantim Cimentos realizará cursos técnicos em parceria com as prefeituras e entidades como o Senai para a preparação de mão-de-obra. As empresas Sobral I e Pecém I, que estão em operação, produzem atualmente cerca de 3 milhões de toneladas de cimento por ano e geram aproximadamente 2 mil empregos diretos e indiretos. 
Foto: Carlos Gibaja

Coordenadoria de Imprensa do Governo do Estado



Tipos populares de Crato II - Por: Emerson Monteiro


Lembramos, ainda, de outros personagens de Crato noutros tempos: Célio Silva, boêmio integral, à maneira carioca dos inícios do rádio, no Brasil. Voz afinada, timbre da de Francisco Alves, cantava deste o repertório, se acompanhando ao violão, pelas quebradas da cidade, centro e periferia. Chegou a gravar um disco e nunca se afastou dos programas radiofônicos, nas emissoras locais, por volta dos anos 60. Expedito Magro, seu outro nome, alegre, comunicativo, cabelo liso e penteado a Chico Alves, vitimou-se cedo no uso exacerbado de bebidas alcoólicas.

Noventa, o chapeado, outro tipo indelével desse passado, empurrando uma carroça para transporte de cargas, sabia conversar com desenvoltura a propósito dos mais diversos temas, em tiradas filosóficas de humor que desafiavam o rotineiro dos dias. Morava no bairro do Seminário, onde, certa feita, fomos vê-lo. Atravessava uma fase de muita bebida, tendo, há pouco, voltado à faina do carreto após sofrer sério acidente (atropelamento e fratura numa das pernas). Exímio artista da palavra falada, distribuía satisfação ao povo.

Outra lembrança, Ramiro, que marcou momentos agradáveis, primeiro entre padres e internos do Seminário São José, com verve engraçada; enfatizava seu aspecto feio em histórias as mais divertidas e apreciadas, ainda agora merecedoras de registro. (Certa ocasião, voltando tarde da noite de festa em Juazeiro, fretou um carro de praça. No escuro completo daquele tempo, mandou parar na frente do cemitério, onde morava e trabalhava de coveiro, para ir buscar o dinheiro da corrida. Depois de longa demora, e acordando com longas buzinadas os moradores próximos, o motorista viu-se surpreendido com a informação de onde se achava, ao que exclamou: - Bem logo vi; com uma cara daquelas não podia ser deste mundo!).

Desapareceu nos fins da década de 70.

Dizíamos, a princípio, que as comunidades dispõem do seu panteão de figuras marcantes, nas várias épocas. Músicos, poetas, loucos. Artesãos, vadios, mendigos, contadores de histórias, profetas impacientes, hóspedes das sarjetas, marquises e bancos de praças, cantadores, andarilhos, anônimos da extra oficialidade, os heróis populares.

Infinidade de outros abordaríamos, por dever de justiça: Pedro Vinte e Um. Vanda. Doca. Anduiá. Expedita do Bode. Só Deus. Canena. Pereira Belém. Porrinha. Capela. Sorriso. Chupetinha. Antônio Cornim. Polícia. Cadeado. Atletas. Prostitutas. Aleijados. Jogadores de sinuca. De bozó. Camelôs. Pais e mães de família pobres e autênticos em sua aventura de viver a incerteza. Contradições ambulantes de um mundo errado, egocêntrico. Os gênios do vulgo, farrapos sociais, ferrões nas consciências culpadas que lhes passaram para trás, na vida social.

A eles, aos ídolos de nossa infância, nas calçadas, gafieiras, estações, esta homenagem, mesmo que nunca venham a nos incluir em suas conversas animadas, bondosas, sensíveis ao sofrimento alheio, nas contradições desconhecidas das massas, nos trechos biográficos dos becos solitários, que, de tão comum, desatinam e se desatinam.

Por Emerson Monteiro - Membro do Blog do Crato
www.blogdocrato.com


Fique Por dentro ! - Por Maria Otilia

                                             
Feriado de 25 de Março, no Ceará.

Uma Emenda Constitucional aprovada em dezembro de 2011 pela Assembleia Legislativa do Ceará e promulgada com divulgação no Diário Oficial do Estado determina como Data Magna do Estado, o dia 25 de março. A data escolhida é uma menção ao dia da abolição da escravidão no Ceará. Com isso, de acordo com lei federal, o 25 de março é considerado feriado.  
             
A emenda é de autoria do deputado estadual Lula Morais. "Essa data significa o marco para a história do Ceará e do Brasil para acabar com a escravidão. É o nosso reconhecimento a esse importante ato", exalta o deputado. 
Nosso Estado foi palco de relevantes movimentos abolicionistas, que denunciavam, pela imprensa, os abusos cometidos pelos senhores de escravos e combatiam o comércio negreiro entre estados. Como representante do povo cearense, não hesitei em apresentar essa emenda. Ressalta o parlamentar.
 Ainda de acordo com ele, a data é uma oportunidade para lembrar todos aqueles que lutaram pela liberdade e a democracia. 
 O Ceará é muito mais do que a terra da luz, sendo denominado de ‘Berço da Liberdade’ pelo abolicionista José do Patrocínio. No dia 1º de janeiro de 1883, a Vila do Acarape, atual Redenção, emancipou seus escravos quase um ano antes da província do Ceará. Assim, o município é conhecido como Rosal da Liberdade. Destaca.
Lula Morais explica, ainda, que essa atitude dos antepassados cearenses, há mais de 100 anos, tem repercussão hoje, pois, devido ao fato histórico, Redenção é sede da Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira (Unilab). 

Texto extraído do portal  CNEWS.com  por Maria Otília



Mais de 150 municípios têm chuva

chuvace

Cinco dias após as comemorações em homenagem a São José, padroeiro do Ceará, as preces dos devotos demonstram finalmente serem atendidas. Com as nuvens carregadas, cobrindo todo o Estado com mais frequência, o número de lavouras está começando a se multiplicar no campo. Quem vive nas comunidades rurais comemora e está acordando cedo para brocar a terra e cuidar do roçado. Para quem tem fé, o santo protetor está contrariando as previsões pessimistas sobre a quadra chuvosa.
Na região Centro-Sul, os agricultores voltaram ao campo para o cultivo de subsistência, milho e feijão. Em algumas áreas, os pés já brotaram e cresceram com as últimas chuvas que banham o sertão cearense. Na localidade de Baú, o agricultor Raimundo Vieira de Brito fez o plantio de quatro hectares de milho consorciado com feijão, no inicio deste mês, mas no último dia 19, data em que se comemora São José, plantou mais um hectare. "Estou animado com o crescimento da lavoura e espero que as chuvas não faltem e terei uma boa safra", disse.
O agricultor, Francisco Barbosa de Oliveira, mais conhecido por Nena, plantou seis hectares de milho e dois de feijão. "No ano passado, só colhi um quarto da safra, mas, neste ano, estou esperançoso de que a chuva vai ser boa para a agricultura", disse. "Tenho fé de que não terei prejuízo. Quem plantou vai ter safra garantida". Em alguns municípios da região, a falta de chuva nos últimos oito dias já preocupava os produtores rurais. "As chuvas estão irregulares, localizadas", disse o agricultor, Paulino Bezerra. "Acredito que até o fim deste mês e em abril teremos boas chuvas".
Estragos
Apesar da alegria com as mudanças pluviométricas favoráveis aos agricultores, em algumas áreas urbanas, como Quixadá, embora bem-vinda, a chuva começou a trazer transtornos. Pouco mais de meia-hora e cerca de 82 mm foram suficientes para deixar várias áreas residenciais alagadas. Moradores da Avenida José Caetano, onde o problema do escoamento das águas pluviais se arrasta há décadas, voltaram a reclamar. Mais uma vez o terminal rodoviário e as ruas do entorno ficaram alagadas.
Noutro ponto da Cidade, onde estão localizadas a unidade regional do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), um posto de saúde e a residência universitária da Faculdade de Educação Ciências e Letras do Sertão Central (Feclesc), a rua ficou intrafegável por algumas horas. As viaturas do Samu não puderam adentrar na unidade, e os vizinhos, 20 estudantes da residência coletiva da Feclesc, foram obrigados a saírem às pressas. Rapidamente a água invadiu os cômodos, contou a estudante Rayane Fernandes. Ela aproveitou para solicitar à Prefeitura de Quixadá a limpeza dos bueiros, a fim de evitar mais transtornos e prejuízos com as próximas chuvas.
A titular da Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Meio Ambiente (Seduma), Verônica Costa, justificou terem sido realizados serviços de limpeza nas valas e galerias pluviais das áreas consideradas críticas.
As chuvas caídas durante o último fim de semana também trouxeram transtornos e aborrecimentos para milhares de pessoas que residem em pontos críticos de Juazeiro do Norte, na região do Cariri. Por causa do lixo acumulado em bueiros e bocas de lobo, bem como devido à falta de sistemas de drenagem na maioria dos bairros periféricos de Juazeiro do Norte dezenas de ruas ficaram alagadas durante a madrugada de sábado para domingo e de domingo para segunda-feira.
Na Avenida Padre Cícero, que liga o município à cidade de Crato, houve congestionamento de veículos devido ao surgimento de uma verdadeira "lagoa" nas imediações da fábrica Singer. Os motoristas que tentaram atravessar o local tiveram seus veículos invadidos pelas águas.
Nos bairros Tiradentes, São José, Novo Juazeiro, Betolândia Lagoa Seca e em alguns pontos do Centro, a força das águas acabou destruindo parte da pista de rolamento. Calçadas também acabaram danificadas. Em muitas vias públicas surgiram buracos de grandes proporções. Um trecho da Avenida Aílton Gomes, nas proximidades do Mercado do Pirajá, ficou tomado por pedras trazidas pelas chuvas.
"Qualquer chuva que caia em Juazeiro do Norte acaba prejudicando a vida da população. A cidade, na verdade, mais parece uma pastilha de Sonrisal. Começa a chover e ela se desfaz imediatamente", ironizou o comerciante Francisco das Chagas Soares, que teve seu estabelecimento invadido pelas águas que retornaram de um bueiro próximo.
Deslizamentos
As chuvas também foram apontadas, por moradores de Itapajé, na região Norte, como responsáveis pelo desmoronamento de pedras em trecho da BR-222. O fato ocorreu entre os quilômetros 117 e 119. O trecho, que atualmente passa por reformas de alargamento e aprofundamento, passou por uma série de explosões, necessárias à execução da obra realizada pelo Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT). Após uma forte chuva ocorrida na madrugada do domingo (22), as pedras rolaram para a pista, interditando parte da via, no sentido Fortaleza-Sobral.
Osmar Bastos, que sempre trafega pelo local, se diz preocupado, porque "isso se tornou um risco para quem passa por aqui. Existe o temor que numa precipitação maior de chuva venha a acontecer uma queda maior de pedras nesse trecho", disse.
De acordo com Robert Alexandre de Sousa, encarregado da obra, "logo no domingo foram tomadas todas as providências. O espaço foi logo desobstruído, as pedras retiradas, e nesta segunda-feira, colocamos uma equipe completa para o trabalho. A empresa, que presta esse serviço para o DNIT, vai seguir com o monitoramento. Só não posso garantir que mais desmoronamentos não ocorram, até por conta das chuvas que têm caído na região", afirmou.
De acordo com o DNIT, em nota "o bloqueio da via durou pouco tempo. A empresa contratada segue realizando os serviços necessários para que seja garantida a segurança no local. Também foram providenciadas sinalizações verticais de advertência (Perigo de Deslizamento de Rocha). Os técnicos estão analisando a causa do fenômeno ocorrido para evitar futuros transtornos. Uma equipe de geólogos já está sendo enviada ao local para realizar estudos.

Alex Pimentel / Sucursais
Colaborador
Diario do Nordeste - Regional


Receita Federal abre consulta de lote residual do Imposto de Renda nesta quarta-feira


receita_federal1

A Receita Federal abre na próxima quarta-feira (25), a partir das 9h, consulta ao lote residual do Imposto de Renda Pessoa Física das declarações de 2008 (ano-base 2007) a 2014 (ano-base 2013). Ao todo, serão contemplados 100.368 contribuintes, que receberão R$ 240 milhões. As restituições terão correção de 9,93%, relativa às declarações de 2014, a 67,51%, para as declarações de 2008. Os índices equivalem à taxa Selic – juros básicos da economia – acumulada entre o mês de entrega da declaração até este mês.A relação dos contribuintes estará disponível na página da Receita Federal na internet. A consulta também pode ser feita pelo telefone 146 ou nos aplicativos da Receita Federal para tablets e smartphones. O pagamento será feito no próximo dia 31. Caso o valor não seja creditado nas contas informadas na declaração, o contribuinte deverá receber o dinheiro em qualquer agência do Banco do Brasil. Também é possível ligar para os telefones 4004-0001 (capitais), 0800-729-0001 (demais localidades) e 0800-729-0088 (telefone especial exclusivo para deficientes auditivos) para agendar o crédito em conta-corrente ou poupança, no nome do declarante, em qualquer banco.
* Confira mais na Agência Brasil aqui.

Fonte: Jornal - O povo


Governo do Estado inicia Missão de Apoio a Implementação do Projeto São José III


saojoseiii

O Governo do Estado do Ceará, através da Secretaria do Desenvolvimento Agrário, iniciou, nesta segunda-feira (23), a Missão de Apoio a Implementação do Projeto São José III, que se estenderá até sexta-feira (27). O evento de abertura reuniu representantes do estado e do Banco Mundial.
No primeiro dia da Missão aconteceram as reuniões temáticas para discutir sobre os planos de ação, operativo e estratégico – 2015/2016, sistemas de abastecimento de água, questões socioambientais, aquisições e financeiros. O objetivo da Missão é supervisionar e avaliar a execução dos projetos, a fim de acelerar e atender todos os distritos do Ceará.

Segundo o coordenador da Unidade de Gerenciamento de Projetos (UPG) do Projeto São José III, Josias Farias, “o Plano Operacional 2015/2016 está sendo cumprido com êxito, fortalecendo as organizações e os movimentos sociais e a Missão vai servir também para dar visibilidade as novas ações do projeto.” Na abertura oficial do evento, houve apresentação definição dos objetivos, programação e aspectos gerais da missão, com explicação dos coordenadores do São José e dos representantes do Banco Mundial. Segundo o Secretário do Desenvolvimento Agrário Dedé Teixeira, “até sexta-feira todos os encaminhamentos devidos para o avanço do projeto serão feitos, facilitando a fiscalização e atingindo uma boa execução da missão.” Até sexta-feira, além das reuniões temáticas, acontecerão viagens a campo, capacitação para técnicos da UPG, oficinas e a assinatura da ajuda memória, que simboliza o fim da missão.

Assessoria de Comunicação SDA | ASCOM



Edições Anteriores:

Setembro ( 2017 ):

01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30