xmlns:fb='http://www.facebook.com/2008/fbml' xmlns:og="http://opengraphprotocol.org/schema/"> 21/03/2015 | Blog do Crato
.

VÍDEO - VÍDEO DE LANÇAMENTO - Em breve, as novas transmissões TV Chapada do Araripe. Espero que curtam o vídeo de lançamento abaixo, em que há uma pequena retrospectiva de alguns trabalhos, reportagens já feitas ao longo dos muitos anos que fazemos reportagens. ( Veja o vídeo e compartilhe ). www.tvchapadadoararipe.com



Comunidade Cratense no Facebook - Mais de 24.000 seguidores. Clique em Curtir e adicione a sua Foto !

21 março 2015

Estado Islâmico divulga lista e pede que apoiadores matem 100 militares nos EUA

islamico

O Estado Islâmico publicou na internet o que diz serem os nomes, endereços nos EUA e fotos de 100 militares norte-americanos e pediu que seus "irmãos residentes na América" os matem. O Pentágono disse, depois que a informação foi publicada na internet, que está investigando o assunto. "Nós não podemos confirmar a veracidade da informação, mas estamos analisando o assunto", disse neste sábado (21) um oficial da defesa norte-americana, falando sob condição de anonimato. "Nós sempre estimulamos nossas equipes a adotarem a adequada segurança de operação e os procedimentos de proteção contra ataques", disse o oficial. Na postagem, o grupo que se denomina "Divisão de Hackers do Estado Islâmico" escreveu em inglês que havia invadido diversos servidores, bancos de dados e emails militares e tornado públicas informações sobre 100 membros das forças armadas norte-americanas para que "lobos solitários" pudessem matá-los. O jornal The New York Times disse que a informação não parecia ter sido obtida em servidores do governo dos EUA e citou uma fonte anônima do Departamento de Defesa que disse que a maior parte dessas informações poderia ser encontrada em registro públicos, mídias sociais e sites de busca de endereços.

Reuters

RVNET-Logo5

Comissão da Verdade realiza primeira audiência para apurar crimes em São Paulo

comissao

Foi realizada a primeira audiência pública para discutir os crimes de maio de 2006 no estado de São Paulo, quando 493 civis e 59 agentes públicos foram mortos violentamente durante confrontos entre a polícia e membros da organização criminosa Primeiro Comando da Capital (PCC)
A Comissão da Verdade da Democracia de São Paulo realizou na tarde de hoje (21) a primeira audiência pública para discutir os crimes de maio de 2006 no estado, quando 493 civis e 59 agentes públicos foram mortos violentamente durante confrontos entre a polícia e membros da organização criminosa Primeiro Comando da Capital (PCC). Esta é a primeira comissão do país a investigar crimes cometidos pelo Estado na democracia. “A audiência é um passo importante, mas não é um passo garantido. Ela só terá eficiência se nos debruçarmos severamente perante o Estado opressor e exterminador do povo pobre, preto e periférico”, disse Débora Maria da Silva, coordenadora do movimento Mães de Maio, um dos grupos que pediu a criação da comissão e que dá nome a ela. A intenção, segundo ela, é apurar a verdade sobre os crimes de maio. “No Brasil, é corriqueiro não se contar a verdadeira história, tendo em vista que a ditadura nunca foi passada a limpo. A democracia continua exterminando pobres e negros periféricos e fazendo o desaparecimento forçado. Pretendemos esclarecer os crimes de maio que não foram esclarecidos e os crimes de maio continuados. As vidas de nossos filhos foram tiradas e não temos resposta para isso. O país tem o dever de nos dar uma resposta”, ressaltou Débora, que perdeu um filho durante os crimes de maio. Para José Filho, pesquisador da Comissão de Anistia do Ministério da Justiça, a consequência dos crimes de maio de 2006 foram outras chacinas, entre elas a de junho de 2012, que provocou a morte de 106 policias e outros 306 civis no estado. “A impunidade e a falta de reconhecimento do Poder Público é o que tem gerado a trajetória dos crimes de maio até hoje”, informou. A audiência foi acompanhada pela presidenta da Comissão Especial sobre Mortos e Desaparecidos Políticos da Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República, Eugenia Gonzaga. O número de pessoas desaparecidas nessa época não é conhecido. “É relevante a criação da comissão, porque demonstra que há continuidade nas graves lesões praticadas pelas forças de segurança. Os equipamentos de segurança pública continuam adotando o mesmo método de fazer desaparecer pessoas que não lhe interessam”, disse Eugenia. Segundo ela, a prática continua ocorrendo no país por causa da impunidade. “O Brasil já deveria ter votado uma lei sobre desaparecimento forçado. Até hoje trabalhamos nos casos de crimes da ditadura, com convenções internacionais cuja aceitação é muito difícil por parte do Judiciário brasileiro. Há uma resistência muito grande por parte do Congresso e demais setores em se tratar da questão de desaparecimento.” Para Eugênia, a criação da comissão deve impulsionar a criação de outras comissões estaduais e setoriais no país, a exemplo do que ocorreu com a Comissão Nacional da Verdade. “Essas práticas disseminadas de desaparecimento não acontecem apenas em um lugar e não é possível que uma comissão só dê conta de atingir as peculiaridades de cada local”, acrescentou. A comissão foi instalada no dia 20 de fevereiro, na Assembleia Legislativa de São Paulo (Alesp), com o objetivo de apurar violações cometidas pelo Estado brasileiro após a ditadura militar. A comissão foi criada no interior da Comissão de Direitos Humanos da Alesp e terá apoios técnicos da Comissão de Anistia, que contratou dois consultores para realizar as pesquisas, e da Comissão Especial sobre Mortos e Desaparecidos Políticos da Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República.

Agência Brasil via www.blogdocrato.com

crajubatur_banner400

Para você refletir ! - Por Maria Otilia

Estamos vivendo um  momento de muita preocupação. Falo aqui não do campo da política, óbvio que se faz necessário e urgente rever toda a reorganização do modelo de gestão através da representatividade.Esta forma que dizemos ser democrática (organização política partidária) em nada está contribuindo para  o bem da coletividade.Mas buscamos fazer uma reflexão sobre a postura de cada  indivíduo  como " ser vivente" neste planeta. A cada dia que passa nos deparamos  com muitas pessoas que vivem para o seu mundo particular, individualmente, achando que este mundo é só seu.Como por exemplo, acreditar que o poder é único e de uso próprio, utilizar um bem público como de sua propriedade, acumular riqueza a todo custo,etc.Em suma, nada pode e deve ser expandido como bem comum, ou seja da coletividade.
Para uma melhor reflexão posto abaixo uma bela fábula  que retrata toda esta problemática. Boa leitura!

                           FABULA DA COLETIVIDADE

Uma senhora vivia numa pequena chácara e tinha alguns animais: uma vaca, um porco, uma galinha. E lá também guardava milho na tulha. E havia um rato que morava lá. Esse rato vivia sossegado até o dia em que a mulher resolveu colocar uma ratoeira dentro da tulha. O rato saiu desesperado. Correu até a vaca:
- Vaca, nós estamos com um problema sério; a mulher colocou uma ratoeira lá.
A vaca deu risada:
- Como nós? Você já viu ratoeira pegar vaca? Eu não tenho nada com isso. Isso é problema seu.
E saiu ruminando. O rato correu até o porco:
- Porco, nós estamos com uma encrenca danada, a mulher colocou uma ratoeira lá.
- O que é isso? Eu estou aqui bem longe, isso não vai me pegar, não. Ratoeira não pega porco, olha o meu tamanho e olha o seu. O problema é seu.
O rato, atônito, correu para a galinha:
- Galinha, nós estamos com um problema muito sério.
- Pelo amor de Deus, eu já estou de problema por aqui e você ainda vem me torturar. O máximo que eu posso fazer é rezar por você.
- Mas tem uma ratoeira lá.
- Mas isso não é comigo, é contigo.
O rato foi embora desanimado. À noite todos dormiam e, de repente, splaft. A ratoeira desarmou. Todos correram para olhar, inclusive o rato; era uma cascavel que tinha sido pega na ratoeira. A mulher levantou-se, foi tirar a cascavel da ratoeira e tomou uma picada. Foi levada ao hospital à morte. Ficou vinte dias de recuperação e, na volta, precisava restabelecer a saúde na chácara. Qual a melhor comida para reforçar a saúde? Canja. Lá se foi a galinha. Depois de um mês, resolveu dar um almoço com feijão tropeiro para os parentes que a tinham ajudado e lá se foi o porco. A questão é que o tratamento tinha ficado caro e aí tiveram de vender a vaca para um açougue...

Cuidado : A ratoeira que aparece ali num canto pode não te pegar num primeiro momento, mas os efeitos dela são fortíssimos. A nossa arrogância é tamanha que nos consideramos proprietários do planeta, assim como alguns se consideram proprietários daquele cargo, daquela área. Não somos proprietários, somos usuários compartilhantes.Esse planeta é o lugar onde nós nos abrigamos, onde nós nos protegemos assim como bilhões e bilhões de formas de vida também o fazem. Aliás, a ciência calcula que, afora a espécie humana, em nosso planeta haja mais de trinta milhões de espécies diferentes com bilhões de seres vivos. Aliás, para cada ser humano no planeta há sete bilhões de insetos. Já imaginou se, para entender o que estamos fazendo com o planeta partilhado, hoje à noite só os seus vierem lhe visitar? 

Aprendizado:
Nada nos dá legitimidade para supor que sejamos os proprietários da vida que nesse planeta está.

Extraida do livro: Qual é a sua obra? do filósofo Mário Sergio Cortella

PMDB quer excluir pelo menos 19 ministérios

Foto externa do Congresso Nacional
22.11.03
Foto Reynaldo Stavale

A coluna Dinheiro Público & Cia (Folha de S. Paulo), mostra que o número de ministros no Executivo federal, que o PMDB agora quer reduzir a 20, foi multiplicado desde os anos 90 para facilitar a cooptação de aliados no Congresso. De apenas 12 no governo Collor, a quantidade de pastas cujos titulares são considerados ministros saltou para as atuais 39. Pela estratégia do PMDB, o número seria limitado por meio de uma proposta de emenda à Constituição apresentada em 2013 pelo hoje presidente da Câmara, Eduardo Cunha (RJ). Segundo a coluna, os peemedebistas procuram se distanciar do desgaste enfrentado pelo PT, que, em pleno período de ajuste fiscal, mantém um número recorde de ministérios e cargos de livre nomeação, que hoje somam 22,9 mil. Se levada adiante, a medida dificilmente significará uma economia relevante de dinheiro: como a quase totalidade do funcionalismo público tem estabilidade no emprego, os servidores das pastas extintas serão simplesmente realocados nas pastas remanescentes. Um ministério mais enxuto, porém, pode, ao menos em tese, proporcionar uma gestão de governo melhor. O atual inchaço do primeiro escalão torna mais difícil o processo de tomada de decisões, além de dividir políticas públicas entre diferentes pastas, muitas vezes de posições contraditórias. Um exemplo sempre citado é a cisão do antigo ministério da Agricultura e Reforma Agrária em duas pastas -a primeira defendendo interesses do agronegócio; a segunda, hoje, aliada ao movimento dos sem-terra. A proliferação de ministros foi acelerada na administração petista, que operou a aliança partidária mais ampla e heterogênea desde a redemocratização. Houve, ainda, a criação de secretarias especiais dedicadas a temas caros ao PT, como direitos humanos, igualdade racial e direitos das mulheres.

Fonte Ceará Agora

Via www.blogdocrato.com – Desde 2005 registrando todo dia a história do Crato para a posteridade ( Foto: Divulgação )

Ataques do Estado Islâmico matam pelo 63 seguidores de Bachar Al-Assad

islamic-estate

As informações do Observatório Sírio de Direitos Humanos são de que os confrontos ocorreram no leste da província central de Hama.
Pelo menos 63 seguidores do regime sírio de Bachar Al-Assad morreram nas últimas 24 horas em combates contra o grupo Estado islâmico. Os confrontos ocorreram no leste da província central de Hama, segundo informou neste sábado (21)  o Observatório Sírio de Direitos Humanos. A organização não governamental assinalou que os jihadistas lançaram um ataque contra postos de controle e posições das forças do governo na zona de Sheij Hilal, em Hama, com o objetivo de cortar uma das linhas de aprovisionamento das autoridades. Representantes do Estado Islâmico informam que o número de mortos é indeterminado. Conforme o Observatório, o número de pessoas executadas pelo Estado Islâmico nas províncias de Deir Ezzor, Homs e Damasco subiu para 13. Três homens foram crucificados e decapitados por tentarem se entregar ao governo sírio. Outros dois foram executados a tiros por espionagem e insultos a Deus. Outros cinco foram decapitados e três jovens mortos também por espionagem. Nesta sexta-feira (19), a mesma organização, com ampla rede de ativistas no local, anunciou que 70 efetivos governamentais morreram em confrontos contra o Estado Islâmico desde a noite de quarta-feira (18).As mortes ocorreram em Sheij Hilal e Al Sujna, na província central de Homs. O Estado Islâmico iniciou o ataque em áreas rurais de Homs e Hama, depois das derrotas sofridas nas províncias de Alepo e de Al-Hasaka.

*Com informações da Agência Lusa

RVNET-Logo5

Embate entre Gomes e Cunha chega às redes sociais



Pouco depois do duro embate na Câmara, que terminou com a demissão de Cid Gomes do ministério da Educação foi criada no Facebook uma página chamada “Eu exijo a renúncia do Eduardo Cunha”. O espaço, segundo O Globo teria sido criado por aliados do ex-ministro. A publicação traz ainda análise feita na página de Ciro Gomes no Facebook, onde há mensagens de apoio a Cid Gomes e ataques contra o presidente da Câmara, além de reproduções da fala do cearense durante a sessão em que reafirmou haver “achacadores” entre os deputados e os aconselhou a “largarem o osso”. Segundo O Globo, Cunha demonstrou pouco interesse sobre a ação dos aliados de Cid Gomes. “Nem vou ler. Não perco tempo com ele, nem vou respondê-lo, os advogados é que verão o que é cabível. Ele quer entrar no jogo e não serei escada para ele”, declarou o presidente da Câmara dos Deputados.
Na quinta-feira, a pedido de Eduardo Cunha, o procurador da Câmara, deputado Cláudio Cajado (DEM-BA), ingressou na procuradoria-geral da República com três representações criminais contra Cid Gomes. Cajado também acionou a Justiça Federal para tornar o ex-ministro alvo de processo por danos morais contra a imagem da Câmara dos Deputados.

Desde a sessão de quarta-feira, Cid Gomes tem se mantido recluso em sua casa, em Fortaleza. Quando retornou à cidade após o embate com os deputados, foi recebido por aliados e jovens com discursos de desagravo, aclamando o ex-ministro pela sua postura na Câmara. Cid respondeu dizendo que iria lutar sempre.

Fonte: Ceara Agora
Via www.blogdocrato.com 
Desde 2005 registrando a história do Crato para a posteridade





Tipos populares de Crato I - Por: Emerson Monteiro


As comunidades perenizam, em sua paisagem humana, perfis consagrados de almas exclusivas, movendo o calendário das décadas, tais marcos que servem de referência histórica, sacrários de lembranças e costumes.

Crato não fugiu à regra e testemunhos podem ser recolhidos, pois cada depoimento somado concederá uma visão da memória, comparável às fotografias diferentes de um mesmo sítio.


Nesse sentido, aqui trazemos uma contribuição, enfocando os principais tipos, por nós conhecidos, que se destacaram em feiras, bares, cafés, mercados e praças, no cotidiano da cidade, dos anos 50 até quase agora. Admitidas lacunas, no entanto sendo bom que outros contribuam, preenchendo os claros assinalados.


Muitos talvez se recordem de dois pedintes bem característicos: Pedro Cabeção e Moipen. Pedro fazia ponto na Rua Miguel Limaverde, onde antes ficava a saída do Cine Cassino; hidrocéfalo sempre feliz, estalava a língua no encontro do céu da boca, ocasionando ruído para chamar a atenção dos passantes, com quem trocava chistes e de quem merecia as migalhas da sobrevivência. Simpático por profissão, conseguiu se fazer querido de muitos, sobretudo das crianças.

Moipen (Júlio Grego era o outro nome dele), por sua vez, seguia, de casa em casa, chapéu de palha de aba larga sobre a testa, a lhe encobrir os olhos, girando na ponta do indicador uma bandeja de flandre desbotada, qual fosse um disco, adaptando o som da palavra esmola ao seu falar diferente (moi... moi... moi...) (moipen... moipen... moipen...), para significar uma esmola para Nossa Senhora da Penha.

Outra figura peculiar das ruas cratenses - Tendô, que não mais soubemos dele; representava outra época dessa história natural da cidade, nos fins da década de 40, começo dos anos 50.

Troncudo, baixo na estatura, cinto largo de muitos adereços, fivelas variadas, e cravejado de tudo quanto era ilhós, e um chapéu de couro e barbicacho que não destoavam do exagero geral; também muito querido da população, prestativo e eficiente, vivia de recordar as proezas de seu antigo patrão, Dr. José Gesteira, a quem servira em sua casa de saúde.


Cid Gomes é citado entre os presidenciáveis em 2018 por colunista do O Globo


Cid-gomes

Deu na coluna do Ilmar Franco, no O Globo, nesta sexta-feir (20):
Cid Gomes é o mais novo candidato para a Presidência em 2018. Ele quer ser o porta-voz do eleitor “contra tudo e contra todos”, por onde já trafegam Joaquim Barbosa e Marina Silva. Dirigentes políticos explicam que a criminalização das doações eleitorais, o ambiente de escândalo e a crise abrem espaço para o que chamam de antipolítica. E citam Jânio Quadros e Fernando Collor.
VAMOS NÓS – Quem dos Ferreira Gomes sonha com a presidência da República é Ciro Gomes. Pela segunda vez, ele nos disse que não abandonou esse objetivo. Aposta em mudanças no cenário político que, até o momento, apontam para um quadro nebuloso pelas bandas de muitos aliados dilmistas.

O povo


Governador visita obras do Cinturão das Águas no Cariri

cinturao_das_aguas_MG_5169

O governador Camilo Santana visitou nesta sexta-feira (20) as obras do Cinturão das Águas do Ceará (CAC) nos trechos de Porteiras (lote 1) e Missão Velha (lote 5), na Região do Cariri. Além disso, Camilo fez sobrevoo da construção em Jati, Jardim, Mauriti, Abaiara, Penaforte e Brejo Santo, e observou ainda as obras da Transposição do São Francisco no estado de Pernambuco. No total, foram mais de cinco horas de visitas ao CAC e à transposição.
˜Hoje tirei o dia para visitar as obras do Cinturão das Águas, que eu considero a mais importante do estado atualmente. Tive a oportunidade de ver todas as etapas, inclusive a construção dos túneis. A tecnologia é das mais modernas, com máquinas importadas da Finlândia. Fiquei muito feliz com tudo que pude acompanhar até agora”, afirmou o governador, que estava acompanhado do secretário Francisco Teixeira (Recursos Hídricos) e do deputado federal José Guimarães.
Camilo citou que terá uma reunião na próxima segunda-feira com as empresas que ganharam a licitação de todos os lotes do Cinturão das Águas. A intenção é acompanhar o andamento da construção. “Queremos concluir essa obra juntamente com a da transposição do São Francisco, que está prevista para 2016”, disse.
No primeiro trecho visitado, em Missão Velha, o governador desceu até a tubulação por onde a água passará. Já na segunda parte da inspeção às obras, Camilo acompanhou uma apresentação feita pelos engenheiros da empresa contratada e andou pelo túnel Veneza, que tem 2.300 metros de extensão. “Você só conhece com precisão uma obra quando você efetivamente ‘mergulha' nela. Por isso, fiz questão de ver os trechos de perto˜.
Fotos: Carlos Gibaja

Coordenadoria de Imprensa do Governo do Estado
Casa Civil


Justiça vai leiloar Porsche de doleira condenada na Lava Jato

Porsche

A Justiça Federal no Paraná marcou para o dia 23 de março o primeiro leilão de bens de investigados na Operação Lava Jato. Será leiloado um Porsche Cayman que pertencia a doleira Nelma Kodama, condenada a 18 anos de prisão. O lance mínimo é de R$ 200 mil.
Segundo Ministério Público Federal (MPF), reponsável pela força-tarefa das investigações,  a venda do carro antes do fim do processo criminal serve para preservar o valor do bem apreendido. Segundo o MPF, a medida está prevista em lei e por uma resolução do Conselho Nacional de Justiça (CNJ).
Nelma é considerada pelo MPF a líder de um grupo criminoso que operava no mercado paralelo de câmbio, por meio de empresas fantasmas, para abastecer o esquema do doleiro Alberto Youssef, que também foi preso na Operação Lava Jato. De acordo com a investigação, a movimentação financeira atingiu cerca de R$ 103 milhões em 2012 e 2013.

Agência Brasil


Professores da UFC pesquisam novas ferramentas para detecção de antígenos tumorais

cancer

De acordo com o Instituto Nacional de Câncer (Inca), câncer é o nome dado a um conjunto de mais de 100 doenças que têm em comum o crescimento desordenado de células que invadem os tecidos e órgãos, podendo espalhar-se para outras regiões do corpo. Professor do Departamento de Patologia e Medicina legal da Faculdade de Medicina da UFC, Edson Holanda Teixeira vem trabalhando na identificação e detecção de células cancerígenas por meio de lectinas, proteínas que se ligam a carboidratos de forma estável e reversível, sem modificá-los.
“As lectinas tem a propriedade de se ligar a carboidratos de forma específica. Essa é a grande vantagem, o grande potencial dessas moléculas. Elas podem selecionar”, explica o professor do Departamento de Engenharia de Pesca da UFC, Alexandre Holanda Sampaio. “Por isso que a gente trabalha com o professor Edson na detecção de células cancerígenas, porque muitas células cancerígenas sofrem modificações em suas glicoproteínas de membrana e lectinas podem ser capazes de reconhecer”, acrescenta.
De acordo com o professor Edson Holanda Teixeira, além da célula perder a capacidade de controlar a divisão celular, podem ocorrer alterações na expressão de muitos outros genes Como exemplo, Edson cita as enzimas utilizadas pelas células para "inserir" carboidratos nas glicoproteínas de membrana denominadas glicosiltransferases. “Uma das formas de comunicação entre as células são esses  carboidratos. Então, se você tem alteração nesses genes, a quantidade e o tipo desses carboidratos nas membranas da células tumorais pode ser  alterada. Dessa forma,  as lectinas podem ser capazes de identificar de uma forma mais efetiva essas células tumorais do que as células normais.”, diz.
Para o professor, por conta da dificuldade em diagnosticar alguns tipos de  câncer, ter uma ferramenta para facilitar esse diagnóstico é uma prioridade para comunidade científica. “É importante que a gente trabalhe com isso. Mais do que isso: essas lectinas, ao se ligarem a esses receptores, já nos  mostraram que induzem essas células a entrarem em morte celular  programada, apoptose. Então, são duas linhas: uma de diagnóstico e outra de ‘terapia’”, destaca Edson.
Apoio da Funcap
A pesquisa faz parte do projeto “Avaliação do potencial de macroalgas  marinhas como fonte de moléculas com atividades biológicas: isolamento, caracterização química, estrutura e atividades biológicas de lectinas” aprovado no edital 08/2010 – Programa Núcleos de Excelência (Pronex), da Fundação Cearense de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico (Funcap) em parceria com o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq). Parte dos recursos foi destinada à compra de equipamentos e reagentes, a serem utilizados na pesquisa a ser desenvolvida sobre detecção de células cancerígenas.

Assessoria de Comunicação da Fundação Cearense de Apoio ao Desenvolvimento


Alta estação trouxe mais de um milhão de turistas ao Ceará


FORTALEZA_BEIRA_MAR_01R

O Ceará recebeu 1.023.485 turistas nesta alta estação. O período compreende os meses de dezembro de 2014 e janeiro e fevereiro deste ano. A demanda de visitantes teve um acréscimo de 5,3% em comparação com os números do mesmo período do ano anterior, quando o Estado recebeu 971.350 turistas. Foi gerada uma receita de R$ 2,1 bilhões durante a alta estação, número 23,8% maior que no ano passado. Os dados são da Secretaria do Turismo do Ceará (Setur).
A quantidade de turistas internacionais também cresceu. Foram 56.292 estrangeiros visitando o Ceará nesta alta estação, número 9,5% maior que no ano anterior. "Esse aumento aconteceu porque ano passado o Ceará teve muito destaque por causa dos jogos da Copa do Mundo e também em razão da VI Conferência de Cúpula do Brics (grupo de países formado por Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul)", avalia Valdo Mesquita, coordenador de Estudos e Pesquisas da Setur.
No Brasil, os principais mercados durante a alta estação foram São Paulo (21,7%), Pernambuco (8,5%), Rio de Janeiro (8,4%), Bahia (7,6%), Paraíba (7,5%), Minas Gerais (6,1%) e Distrito Federal (5,7%). Do exterior, o Ceará recebeu mais turistas da Itália (21,3%), de Portugal (17,3%), da França (7,8%), da Alemanha (7,3%), da Suíça (5,3%), da Argentina (5,2%) e da Espanha (4,8%). O gasto médio de cada turista foi de R$ 2.058,55, valor 17% maior que o registrado no ano passado.
Grande parte dos turistas que visitaram o Ceará nesta alta estação são homens (54%), com idades entre 26 e 50 anos (67%), têm ensino superior completo (73%), são casados (48%) e viajaram com a família (45%). Quase 20% deles utilizaram Fortaleza apenas como portal de entrada e foram para praias como Jericoacoara, Canoa Quebrada, Porto das Dunas, Cumbuco e Morro Branco. Ao todo, 73% dos turistas utilizaram o avião como meio de transporte para chegar ao Ceará.
Durante a alta estação, a rede hoteleira do Estado teve ocupação de 76,7%, número também maior do que o registrado no ano anterior (73,5%). A maioria dos turistas que vieram ao Estado se hospedou na rede hoteleira (53%). O restante ficou em casa de parentes (37%), em casa ou apartamento alugados (6%) ou em casa própria (4%). A maioria (55%) veio ao Estado a passeio e 23% para visitar parentes ou amigos. A alta estação englobou os feriados de Natal, Réveillon e Carnaval.

Assessoria de Comunicação da Secretaria do Turismo do Ceará (Setur)


Prefeito José Leite presta contas com a população de Barbalha


barbalhacontas


Desde o início de seu primeiro mandato, em 2009, o prefeito de Barbalha, José Leite (PT), tem mostrado transparência e compromisso com a população. Como prova disso, vem desde então prestando contas de tudo que foi pago, apresentando o levantamento geral das receitas, despesas e aplicações. Segundo  o prefeito, sua atitude reforça o respeito e o compromisso que a administração possui com os munícipes. O prefeito Zé Leite considera como dever do governante prestar contas à população de todas as ações implementadas pela Prefeitura, para que o povo saiba exatamente como o dinheiro está sendo aplicado. Visando apresentar como é feita a prestação de contas de forma transparente na administração pública, que é guiada por princípios, vem sendo afixados em vários pontos da cidade, banners com toda a receita e despesa do período de julho a dezembro de 2014. 
Essa iniciativa visa tornar público a responsabilidade da administração em todos os seus atos e está relacionada à transparência da administração e o uso dos recursos públicos. 

A prestação de contas do Governo Municipal de Barbalha, é feita em cumprimento às exigências da Lei de Responsabilidade Fiscal e, visa promover, a transparência da administração com informações acessíveis a população. 

 
(Com informações da Assessoria de Imprensa - PMB )


Camilo entregou na última sexta-feira, rodovia no Crato


BrejoSantoCamilo3


Uma antiga reivindicação da população do Crato e quem sabe de todo o Cariri que vai beneficiar, além de indústrias instaladas na região, as comunidades da Vila São Bento, Vila Padre Cícero, Serraria, Sítio Teotônio, Vila Guilherme e Jenipapo, foi entregue nesta sexta-feira (20), às 18 horas, pelo governador Camilo Santana ao povo cratense.
Foi a inauguração da estrada da Bela Vista. A obra foi feita pelo Governo do Estado com contrapartida da Prefeitura do Crato, num total de 5,4 quilômetros de estrada com custo em torno de 4 milhões de reais. A estrada da Bela Vista irá dar acesso também ao Distrito Industrial do Crato.
Foram realizados serviços de drenagem, terraplanagem, construção de contenções, pavimentação, revestimento asfáltico, sinalização e implantação de nova iluminação no trecho de 5,4 quilômetros de pista dupla. A obra foi executada pela Secretaria das Cidades, por meio do Projeto de Desenvolvimento Econômico Regional do Ceará – Cidades do Ceará / Cariri Central.
Além do governador Camilo Santana, estiveram presentes na solenidade o secretário das Cidades, Ivo Gomes, o deputado cratense, José Aílton Brasil (PP) e o prefeito Ronaldo Gomes de Mattos, entre outras autoridades.

Via Flávio Pinto


Ambientalistas pedem criação do Plano Nacional de Proteção de Nascentes


nascente_rio_cabacal_wwf_brasil_adriano_gambarini

A organização ambiental WWF-Brasil lançou documento pedindo a adesão da população à proposta de criação do Plano Nacional para a Proteção de Nascentes, aproveitando a mobilização gerada pela Hora do Planeta, que ocorre no próximo dia 28, e a comemoração, nesse domingo (22), do Dia Mundial da Água.
O coordenador do Programa Água para a Vida do WWF-Brasil, Glauco Kimura de Freitas, disse hoje (20) que as principais causas da crise hídrica no Sudeste brasileiro são o desmatamento e a degradação das nascentes dos rios. As soluções de infraestrutura apresentadas pelos governos e formadores de opinião para a crise não contemplam, segundo ele, a proteção das nascentes e a recuperação das nascentes degradadas.
“Temos ouvido muito sobre a construção de novos reservatórios e transposição de rios, mas a parte de proteção das nascentes, que é fundamental, está um pouco esquecida”, comentou. A WWF-Brasil está preocupada porque entende que a legislação tem vulnerabilizado as nascentes.
Glauco Kimura de Freitas destacou que o novo Código Florestal desobrigou proprietários de terras de protegerem as nascentes intermitentes, que secam naturalmente em períodos do ano e depois voltam a encher. Isso, segundo ele, coloca em risco as nascentes. “Temos visto que só chuva não enche reservatório, porque as nascentes dos rios que abastecem os reservatórios já foram todas degradadas”.
A proteção das nascentes se insere entre as medidas importantes de adaptação às mudanças climáticas, que estão sendo colocadas em prática por grande número de países. O coordenador do Programa Água para a Vida da WWF-Brasil explicou que com a atual seca no país, “a pior em 85 anos”, muitos rios que eram considerados perenes secaram e passaram a ser qualificados como intermitentes.
A petição ficará à disposição da população para a coleta de assinaturas até meados de junho. A meta é garantir, pelo menos, 50 mil adesões, conforme o ambientalista. O abaixo-assinado será encaminhado à presidente Dilma Rousseff, para que ela tome as medidas necessárias, no Executivo, em recursos e capacidade técnica, para compor um grupo interministerial que possa criar essa política nacional de proteção de nascentes. “Isso vai garantir o nosso futuro. Se não protegermos as nascentes agora, colocaremos em risco a segurança hídrica no país, no médio e longo prazos”, diz Kimura de Freitas.
Ele acrescenta que o Dia Mundial da Água é uma data importante, que está intimamente relacionada à seca enfrentada no país. Do mesmo modo, a Hora do Planeta é uma campanha global que a WWF faz todos os anos de proteção ao meio ambiente. A sétima edição ocorrerá no dia 28 deste mês, quando milhares de cidades, empresas e pessoas apagarão suas luzes entre as 20h30 e as 21h30, em um grande alerta mundial contra as mudanças climáticas. No Brasil, já está confirmada a participação de 108 cidades em todas as regiões brasileiras, incluindo 18 capitais.
O objetivo da Hora do Planeta, este ano, no Brasil, não é só apagar as luzes, mas chamar a população à ação. “E o chamado à ação é justamente assinar a petição, para que o governo crie um instrumento de proteção de nascentes”, afirma Kimura de Freitas, para quem trata-se de  uma mobilização essencial do povo brasileiro.

Agência Brasil


Começa a Semana Padre Cícero em Juazeiro do Norte

padreciceroartesanal

Aconteceu ontem (20), às18h30min na Fundação Memorial Padre Cícero, a abertura oficial da XXXIII Semana Padre Cícero, com uma vasta programação elaborada pela Secretaria de Cultura e Romaria (Secrom). As festividades em homenagem aos 171 anos de nascimento do Patriarca de Juazeiro do Norte prosseguem até a próxima terça-feira, 24. A programação contará com missas, renovação das Famílias Juazeirenses ao Sagrado Coração de Jesus, apresentações artísticas e culturais, exposições, procissão das flores, a tradicional corrida Padre Cícero e ainda, com shows musicais de diversos artistas, tais como: Mauricio Jorge, Joãozinho do Exu, Jota Farias, e outros. Mais informações o site da prefeitura: www.juazeiro.ce.gov.be

Via Flávio Pinto






Edições Anteriores:

Maio ( 2017 ):

01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31