xmlns:fb='http://www.facebook.com/2008/fbml' xmlns:og="http://opengraphprotocol.org/schema/"> 03/06/2014 | Blog do Crato
.

VÍDEO - VÍDEO DE LANÇAMENTO - Em breve, as novas transmissões TV Chapada do Araripe. Espero que curtam o vídeo de lançamento abaixo, em que há uma pequena retrospectiva de alguns trabalhos, reportagens já feitas ao longo dos muitos anos que fazemos reportagens. ( Veja o vídeo e compartilhe ). www.tvchapadadoararipe.com



Comunidade Cratense no Facebook - Mais de 24.000 seguidores. Clique em Curtir e adicione a sua Foto !

03 junho 2014

São Gonçalo do Amarante - Por: Emerson Monteiro

Consta da tradição popular que, certa feita, vindo Jesus por uma estrada deserta, deparou-se com Gonçalo, músico da cidade portuguesa de Amarante.

- Mestre, em que lhe posso ser útil para diminuir a tristeza deste mundo? - quis o artista saber e nisso foi perguntando.

- Ora, Gonçalo, por mais que faça, não conseguirá dominar o espírito rebelde dessa gente, e mais ainda desses que se divertem no prostíbulo da vila - respondeu Jesus. -Passei lá e eles se mostram surdos aos ensinos, iguais a outros que preferem continuar na perdição.

- Senhor, haverá, por certo, meio de educar. Quem sabe a música toque os seus corações. - falou Gonçalo, disposto a colaborar na divulgação do caminho do bem.

- Tudo pode acontecer. Já que é violeiro, quer experimentar esse recurso da música? - acrescentou o Mestre divino. Seguiram prosando e, depois desse diálogo, os dois combinaram que, na hipótese de o músico realizar a proeza de transformar os pecadores do prostíbulo da vila de Amarante, receberia em dobro as bênçãos.

Gonçalo seguiu na missão. Quando chegou à comunidade, tratou de acertar, naquela mesma noite, uma festa em que tocaria para quem viesse ao salão de dança. Os frequentadores do lugar aceitaram de bom grado o convite, animados, naquela rara oportunidade.

Festejaram a noite toda, até de manhã cedo. No cantar do galo, ainda se ouvia o pinicado da viola do músico. Era chegada a hora de trabalhar. Todos deveriam procurar suas obrigações, sabedores, no entanto, de que, mais tarde, de noite, se repetiria a função. Mulheres e homens recebiam de bom grado bem a chance de se alegrar com a música de Gonçalo.

Enquanto isso, a notícia se espalhava das cercanias aos lugares mais afastados, quando escureceu. Vieram as pessoas interessadas no folguedo que invadiu a madrugada. Antes do fim de cada festa, Gonçalo repetia o convite para a noite seguinte. Não deixava diminuir o ânimo dos frequentadores, e dessa forma continuou dias seguidos. À noite, os bailes animados; de dia, os afazeres duros do trabalho de cada um dos convivas, a fim de manter a sobrevivência.    
     
À maneira de Gonçalo, todos, sem exceção, tanto as mulheres quanto os amantes, viram a contingência de largar os vícios e a fornicação, por meio da música sadia e da exaustão, nas numerosas festas

Alguns dias mais, e concluiu a tarefa e se apresentou a Jesus, levando consigo a fieira de almas que havia catequizado. Conta mestre Joaquim Pedro da Silva, o responsável pelo grupo da dança de São Gonçalo que existe na subida do Horto, em Juazeiro do Norte, que Gonçalo, fazendo daquele jeito, adquiriu merecimento de poder socorrer os que lhe procuram, sem precisão de outros intermediários, chegando até Deus com a sua força espiritual, pois dispõe da ciência que recebeu de Jesus quando atendeu ao ofício que Ele determinou.         

Câmara Municipal concede Título de cidadão Cratense aos irmãos Adauto e Humberto Bezerra, e também ao general Gomes de Matos Filho



Acima: da esquerda para a direita: Humberto Bezerra e Adauto Bezerra 


Acima: vista panorâmica do evento 


Acima: A bancada de vereadores, ocupando a primeira fila


Acima: general Gomes de Matos Filho recebe o título de cidadão cratense 


Acima: Ex-prefeito Samuel Araripe, presente no evento, concede entrevista


Acima: Ex-prefeito Ariovaldo Carvalho


Acima: Panorâmica do público presente 


Acima: panorâmica da mesa, onde se vê a presença do prefeito muncipal


Acima: Irmãos Bezerra e o vereador Luis Carlos Saraiva


Acima: Dr. Zé Adega - Ex-prefeito do Crato concede entrevista

Aconteceu em Crato, na noite desta segunda-feira, dia 02 de junho, a entrega do título de cidadania Cratense ao Cel. Adauto Bezerra, ao seu irmão Humberto e ao general Gomes de Mattos Filho. O evento foi prestigiado por inúmeras autoridades municipais e estaduais, que incluíam desembargadores, juízes, o atual prefeito do Crato, Ronaldo Gomes de Mattos e também ex-prefeitos como Dr. Zé Adega, Ariovaldo Carvalho e Samuel Araripe. 

O evento foi realizado no auditório da escola profissionalizante Violeta Arraes, em Crato, promovido pela câmara municipal. A condução do cerimonial foi feita pelo jornalista Huberto Cabral, e a condução dos trabalhos, a cargo do presidente da câmara, Luis Carlos Saraiva.

Logo após a composição da mesa, quando os homenageados foram conduzidos pelos vereadores, foram feitas leituras das suas biografias. O vereador Paulo de Tarso leu parte da biografia do general Gomes de Mattos Filho, e depois houve a entrega do título de cidadão cratense. Em seguida, o general Gomes de Mattos fez um discurso agradecendo a honraria. Logo em seguida, o vereador Pedro Alagoano leu a biografia de Humberto Bezerra, quando foi feita a entrega do título de cidadão cratense e o diploma do mérito legislativo, a maior honraria da câmara municipal do Crato. Chegou-se então, ao ponto alto das comemorações, quando o vereador Pedro Alagoano leu um resumo da biografia do Coronel Adauto Bezerra e procedeu-se a sua entrega do título de cidadão Cratense, que foi seguido por um discurso do Cel. Adauto, que mesmo de improviso, arrebatou a platéia. Em seguida, falou também o Prefeito do Crato, Ronaldo Gomes de Mattos.

UM ILUSTRE DESCONHECIDO CHAMADO HUBERTO CABRAL

"E agora, eu gostaria de abrir um parêntesis: Aí estão homenagens, homenagens e homenagens...Ok. Sem querer desprestigiar ou desmerecer qualquer dos que receberam a outorga, sou forçado a concordar com o presidente da câmara Luis Carlos Saraiva, quando enalteceu a vida e a obra do Jornalista Huberto Cabral, afirmando que este deveria ser homenageado. E aqui fazemos um questionamento aos vereadores: O Presidente Luis Carlos tem toda razão. Huberto Cabral é a enciclopédia viva da cidade do Crato, no entanto, com a humildade, que é a sua característica maior, não faz questão de ser bajulado ou receber honrarias. Seu trabalho, sua dedicação ao Crato é silenciosa e constante. Mas deveria e muito, ser lembrado por aquela câmara, porque dos que ali estavam, na nossa humilde opinião, Huberto Cabral, era sem dúvida alguma, a pessoa mais importante, e a que mais fez pelo Crato, de todos dali. Ele não veio dar um passeio no Crato e ganhar um título; Ele nunca foi político, nunca foi Deputado, mas Huberto Cabral tem o principal: Ele é um dos pilares do Crato. Uma vida inteira dedicada a uma cidade, terra que nunca reconheceu completamente o seu trabalho e a sua vida. Fica aqui a nossa homenagem ao Huberto Cabral, ou melhor, este pequeno lembrete, que ecoará pela eternidade na rede mundial de computadores, a internet, para ressaltar essa grande injustiça que vem sendo cometida por décadas. Mas não se preocupe, CABRAL, o grande gênio da Música, Johann Sebastian Bach, que hoje é considerado um deus, só teve o seu trabalho reconhecido 200 anos depois da sua morte. Muitas vezes as pessoas que mais fazem por sua terra, não tem seu trabalho reconhecido, em detrimento de outros que mal pisaram os pés."

Logo após a cerimônia, o repórter Ed Alencar ouviu diversas autoridades acerca da importância do evento e da contribuição que cada um dos homenageados deu à cidade do Crato. ( Veja o vídeo na TV Chapada do Araripe ). Logo após a cerimônia realizada na Escola Profissionalizante Violeta Arraes, a maioria dos presentes se dirigiu ao hotel Encosta da Serra.

E aqui finalizamos mais uma edição do programa FATOS em FOCO, com Dihelson Mendonça, pela TV Chapada do Araripe Internet. Para outras informações, visite o site BLOG DO CRATO - www.blogdocrato.com  e para assistir a outros vídeos, visite o site www.tvchapadadoararipe.com ou nossos diversos grupos no Facebook. 

Blog do Crato - Desde 2005 registrando a história do Crato para a posteridade

Texto e Fotos:  Dihelson Mendonça
É PROIBIDA A REPRODUÇÃO, CÓPIA SEM AUTORIZAÇÃO DO AUTOR

VEJA O VÍDEO MAIS TARDE NO PROGRAMA FATOS EM FOCO DE HOJE


Cortejo do Pau da Bandeira reuniu cerca de 250 mil fiéis


Barbalha. Com milhares de pessoas nas ruas deste município, teve início ontem, a festa considerada a abertura dos festejos juninos regionais e a maior do Brasil em louvo a Santo Antônio. 

A Secretaria de Cultura e Turismo de Barbalha estima que cerca de 250 mil pessoas passaram pela cidade neste domingo. O hasteamento da bandeira do padroeiro aconteceu por volta das 18h30m.
Por mais de sete horas, centenas de homens carregaram o pau da bandeira, que se tornou um dos símbolos mais representativos da festa. À noite, depois de 6 quilômetros de percurso do sítio São Joaquim ao Centro Histórico da cidade, foi finalmente hasteado o pau da bandeira de Santo Antônio, de frente à matriz que tem o nome do padroeiro. Até o encerramento das comemorações, no dia 13, devem passar pela cidade, cerca de meio milhão de pessoas.

Um cortejo dos grupos de tradição saiu da igreja por volta das 11 horas, em direção ao largo do Rosário, onde houve a abertura oficial pelas autoridades. O secretário de Cultura e Turismo, Antônio de Luna, destacou a abertura da festa com a conquista este ano do registro da tradicional Festa do Pau da Bandeira de Santo Antônio de Barbalha como patrimônio histórico para o Brasil, pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan). O tronco de uma rama branca, com mais de 23 metros e cerca de 2,5 toneladas foi escolhido cerca de 20 dias antes da festa e passou 11 dias na ‘cama do pau’ secando, para ser transportado pelos fiéis carregadores. É um dos mais pesados dos últimos anos. São mais de 200 pessoas, conforme o capitão do pau da bandeira, Rildo Teles, que desde 2001, vem comandando o cortejo. Segundo ele, todos os detalhes para o carregamento são acertados e o último momento antes de cumprir a missão é pedir a bênção ao padroeiro, na missa de abertura oficial do domingo, antes de seguir para o sítio São Joaquim.

Confira as imagens

Riscos

A todo momento as pessoas são alertadas do risco, por conta do tronco. A carroça com a famosa cachacinha do vigário vai ao encontro da multidão de homens, já exaustos, mas concentrados na tarefa de horas. Uma das reclamações de alguns os carregadores é quando a ausência de policiais e agentes do trânsito no local, o que imprime um risco maior, por conta de grande número de veículos transitando e pessoas embriagadas. E junto de uma multidão de homens, se encontra uma mulher. A dona de casa Ester Sales, que já perdeu a conta de quantos ajuda a carregar o mastro da bandeira de Santo Antônio. Segurando a corda no final do tronco, ela com mais um grupo de carregadores, ajuda no equilíbrio do mastro.

O pároco da matriz, Cícero Alencar, afirma que este é o 304º ano de comemoração da festa alusiva ao santo, considerado casamenteiro. Há mais de 100 anos, a festa de Barbalha acontece com o carregamento do pau da bandeira. Antes os grupos de pifeiros acompanhavam o trajeto, mas atualmente essa tarefa chega a ser penosa, por conta dos riscos. Para o pároco, existe o aspecto profano, mas a fé das pessoas em Santo Antônio predomina. Segundo ele, em todas essas manifestações está à frente o padroeiro, o motivo maior de todas elas.

Mais informações:
Secretaria de Cultura e Turismo de Barbalha
Rua da Matriz, 25
Centro
Telefone: (88) 3532.1708

Elizângela Santos

Repórter do Jornal Diário do Nordeste
Colaboradora oficial do Blog do Crato



Governo do Estado do Ceará inaugura ginásios poliesportivos no Cariri nesta terça-feira (03)


O Governo do Estado do Ceará, por meio da Secretaria da Educação (Seduc), entrega nesta terça-feira, dia 03, dois novos ginásios poliesportivos na região do Cariri. Em Juazeiro do Norte, às 16 horas, a Escola de Ensino Fundamental e Médio Tiradentes receberá o Ginásio Francisco Edgar Gomes. Às 18 horas, em Caririaçu, será inaugurado o Ginásio Monsenhor Vicente Alves Feitosa, na Escola de Ensino Fundamental e Médio São Pedro. O secretário adjunto da Educação, Idilvan Alencar, representará o governador Cid Gomes durante as solenidades. As duas obras reúnem investimentos no valor de R$ 1,2 milhão, oriundo dos Governos Federal e Estadual.

Construídos, cada um, em uma área de 1.023,76 metros quadrados, os equipamentos fazem parte da rede estadual, sob a abrangência da Coordenadoria Regional de Desenvolvimento da Educação (Crede) 19, sediada em Juazeiro. Os ginásios foram supervisionados pelo Departamento de Arquitetura e Edificações (DAE), vinculado à Secretaria da Infraestrutura (Seinfra). Os novos espaços irão contribuir para o desenvolvimento de práticas esportivas e culturais, e concretizam um sonho da comunidade escolar nas duas cidades.

Conforme o diretor da Escola São Pedro, Múcio Lacerda Botelho, a unidade foi criada há 40 anos e não contava com um ginásio. “Aqui são desenvolvidos projetos importantes, como a orquestra com a participação de alunos, que agora terão mais um local para apresentações culturais, além das iniciativas voltadas ao esporte” – destaca Botelho. Para a diretora da Escola Tiradentes, Liduina Patrício, esse espaço chega em boa hora. “É um grande presente para todos que fazem a escola e a comunidade. Esse mês comemoramos 34 anos de existência e não poderia haver celebração melhor” – festeja a diretora.

As escolas ofertam os ensinos Fundamental e Médio e Educação de Jovens e Adultos, além dos projetos Jovem de Futuro, Rumo à Universidade e Professor Diretor de Turma, iniciativas da gestão estadual.

O secretário Idilvan Alencar ressalta que, ao construir novos espaços de educação, esporte e cultura, o Governo do Estado garante aos cearenses a melhoria da qualidade do ensino básico e de atividades esportivas. “Agora passamos a contar com 57 ginásios inaugurados, 24 em fase de execução, 42 em emissão de ordem de serviço e mais 12 em licitação” – destaca o gestor. O investimento soma R$ 60,5 milhões, provenientes do Tesouro Estadual e do Governo Federal.

Assessoria de Imprensa da Seduc


Desembargadores serão agraciados com Medalha Cidade de Juazeiro do Norte


Desembargador Suenon Bastos vai estar nesta terça-feira (3) em Juazeiro do Norte


Depois da cerimônia de entrega do título de Cidadão Juazeirense ao senador Eunício Oliveira (PMDB) e ao ex-governador de Pernambuco Eduardo Campos, os vereadores da Câmara Municipal irão participar de outra solenidade para desta vez agraciar mais duas personalidades com a Medalha Cidade de Juazeiro do Norte e Comenda do Mérito Legislativo. Só que agora as personalidades são do Judiciário cearense. São eles: os desembargadores Francisco Suenon Bastos Mota e Raimundo Nonato Silva Santos, este último filho de Juazeiro do Norte e irmão de outro desembargador Teodoro Silva Santos.

A solenidade será nesta terça-feira (3), às 17h30min no plenário da Câmara Municipal de Juazeiro do Norte. As autorias são dos ex-presidentes da Câmara, vereadores José de Amélia Júnior (PSL) e Antônio de Lunga (PSC), aprovados por unanimidade em 2012, antes de seus fastamento de ambos, portanto..

Fonte: Flavio Pinto News


Reitora da URCA participa de encontro da ABRUEM, na França


A Reitora da Universidade Regional do Cariri (URCA), Professora Otonite Cortez participa de encontro da Associação Brasileira dos Reitores das Universidades Estaduais e Municipais (ABRUEM) na França. A Comitiva iniciou suas atividades na segunda-feira, dia 26, em Paris. A comitiva da ABRUEM participou da recepção no Palais de l'Elysée, com a presença do Presidente da República da França, François Hollande, por ocasião da Semana da América Latina e do Caribe na França, último dia 28. A Viagem Internacional da Comitiva Abruem para a França acontece entre os dias 26 de maio a 07 de junho, e passará pelas cidades de Paris, Clermont­Ferrand, Toulouse e Bordeaux.

No primeiro dia de atividades, foi realizada visita da Comitiva à Universidade Pierre & Marie Curie – Universidade de Sorbonne (UPMC). A Vice-presidente de Relações Internacionais da UPMC, Danièle Seilhean apresentou a instituição e as variadas formas de mobilidade estudantil, em especial para alunos de Medicina, sendo que a universidade está mais voltada para as áreas de ciências e medicina. A Dra. Seilhean explicou o funcionamento da graduação em medicina, os internatos em hospitais públicos da região de Paris e o sistema de residências na França. A UPMC faz exigências de conhecimento pleno (nível B2) do idioma francês para alunos de intercâmbio. O Presidente da Abruem e Reitor da Universidade de Pernambuco (UPE), Carlos Fernando Araújo Calado, apresentou o vídeo institucional da Associação, com o objetivo de demonstrar o potencial das universidades estaduais e municipais públicas brasileiras, e as possibilidades de relacionamento com a UPMC. Após a reunião, os reitores presentes aproveitaram para ver maiores detalhes acerca das suas áreas de interesse para a mobilidade.

Esteve também presente a Delphine Tessier, Coordenadora de Projetos da UPMC ­ Universidade de Sorbonne, que falou sobre projetos e programas desenvolvido por eles.
Também foi apresentado o Campus France, uma espécie de agência pública ligada aos ministérios franceses para fomentar parecerias entre instituições de ensino superior e pesquisa. O Campus France está participando ativamente do Programa Ciência Sem Fronteiras. A Diretora Geral Adjunta Béatrice Khaiat e equipe mostraram os números já obtidos pelo Campus France desde que foi criado em 2010 em todos os intercâmbios já realizados em mobilidade internacional. Ela destacou que a França está como segunda opção para os estudantes brasileiros, ficando atrás apenas dos Estados Unidos.

As áreas mais procuradas são ciências humanas, engenharias, da terra e matemática. Também foi anunciado encontro internacional sobre mobilidade a ser realizado em São Paulo no próximo mês de novembro. Ela mostrou a facilidade para os alunos interessados em mobilidade, na busca de informações sobre as instituições francesas com o uso do motor de buscas do Campus France, no site www.campusfrance.org.

Os Reitores tomaram conhecimento do Projeto Alisios de cooperação entre Brasil e União Europeia (www.alisios-project.eu), atualmente coordenado pela Universidade de Coimbra de Portugal. Na seqüência, o Professor Carlos Calado, Presidente da ABRUEM, apresentou o sistema de ensino superior formado pelas universidades associadas e das necessidades de formação básica e da importância da mobilidade internacional para a melhoria da qualidade dessa formação, quando realizada por mais de país, aproveitando-se as experiências já desenvolvidas.  O Presidente da ABRUEM, Carlos Calado, entregou placa comemorativa a visita ao de Michel Monsauret, responsável pelo departamento de cooperação em educação da instituição. 

(Com informações da Assessoria da ABRUEM e Carlos Luciano Vargas) 
URCA




Todo poder aos sovietes petistas

Escrito por Alexandre Borges | 30 Maio 2014


 Mais um mandato presidencial para o PT e esse país estará irreconhecível em 2018.


Esse país de vocês ganhou um decreto realmente peculiar semana passada, o de nº 8243. Ele institui a “Política Nacional de Participação Social – PNPS” que tem como objetivo “consolidar a participação social como método de governo”.

A linguagem sinuosa e dissimulada do decreto é proposital, mas vamos traduzir: se você é um militante ou é um membro do Agitprop petista aboletado em algum agrupamento apelidado de “movimento social”, você passará a ter, oficialmente, poder político acima do cidadão comum e poderá influenciar diretamente, sem intermediários, (leia-se Congresso Nacional, por exemplo) a gestão do país.

A idéia é antiga e remonta ao paleolítico do comunismo. Desde a Primeira Internacional e da Comuna de Paris, em meados do séc. XIX, os comunistas desdenham do sistema republicano, com representantes eleitos, a tal democracia burguesa. As idéias de separação de poder de Montesquieu e da democracia representativa sempre foram consideradas empecilhos para a “democracia direta” ou plebiscitária, uma excrescência jacobina que sempre termina em barbárie.

A Atenas do séc. IV a.C. tentou uma forma de democracia direta, em que os julgamentos eram realizados por 500 “juízes” sorteados entre os seis mil cidadãos com plenos direitos políticos, que decidiam por maioria simples os casos do dia-a-dia. O resultado era uma cidade em que todos acusavam todos pelos motivos mais banais, com julgamentos realizados de maneira açodada e emocional, com vereditos diretamente influenciados mais pela eloquencia do orador do que pelo mérito da questão. A experiência ateniense e seus resultados desastrosos já deveriam ser suficientes para enterrar de vez a idéia jacobina de governar por plebiscitos. Mesmo o atual regime suíço, que muitos consideram um tipo de democracia direta, é uma experiência totalmente distinta e com diversas salvaguardas para que leis não sejam aprovadas no calor das emoções (e estamos falando de suíços, não necessariamente o povo mais emotivo do mundo).

A experiência mais emblemática desse tipo de grupamento não-eleito com poderes políticos são os “sovietes” ou conselhos operários, que ajudaram a criar as condições para a revolução russa em 1917. Instituídos em 1905 e festejados por Lênin como “expressão da criação do povo”, os sovietes chegaram a criar uma corrente do comunismo chamada “conselhismo”, uma oposição ao comunismo de estado, que acreditava serem os conselhos operários formas superiores de participação popular na política.

Com a revolução de 1917, os bolcheviques lançaram o lema “Todo poder aos Sovietes” e até a dissolução da URSS os sovietes eram considerados pilares essenciais do regime comunista.

Não se enganem, esse pessoal sabe o que está fazendo. Mais um mandato presidencial para o PT e esse país estará irreconhecível em 2018, podem anotar.


- Decreto nº 8242: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_Ato2011-2014/2014/Decreto/D8243.htm

Fonte: http://www.midiasemmascara.org/

Edições Anteriores:

Abril ( 2017 ):

01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30