xmlns:fb='http://www.facebook.com/2008/fbml' xmlns:og="http://opengraphprotocol.org/schema/"> 22/01/2014 | Blog do Crato
.

VÍDEO - Estamos de volta com as transmissões da TV Chapada do Araripe ( E agora, com alguns programas ao vivo ). Serão vários programas abordando temas diversos, como a realidade da nossa região, do Ceará e do mundo; Programas científicos, atualidade, entrevistas, e transmissão de eventos ao vivo. ( Veja o vídeo e compartilhe ). www.tvchapadadoararipe.com



Comunidade Cratense no Facebook - Mais de 25.000 seguidores. Clique em Curtir e adicione a sua Foto !

22 janeiro 2014

Houve um tempo - Por: Emerson Monteiro


Houve um tempo quando, diante das aflições maiores, imediatamente lembrava minha mãe e meu pai, e os procurava confiante de neles achar o pouso de curar os anseios e as dúvidas, limpando feridas e alimentando esperanças nos dias melhores. A reserva de cuidados e paciência que tinham auxiliava a descobrir meios de resolver os difíceis e dolorosos dramas da estrada.

Houve, sim, um tempo quando, antes de mim, obstáculos topariam com meus pais até chegar ao meu território. Assim, os dois imporiam condições de sustentação que amaciavam os impactos das ondas fortes e acalmavam as tempestades, a que dedicavam o amor aos filhos.


As surpresas exigentes chegavam, e com elas a lembrança instantânea de a quem procurar, fonte de conselhos, orientações, palavras firmes, decisões...


Tais blocos graníticos, fosse que hora fosse, permaneciam dispostos a tudo, reserva além de todos os limites.

Porém o ritmo da Natureza impõe condições de continuidade, quando o que um dia pareceu eterno se dilui no ar feitos fiapos, a escorrer dos olhos na forma de gotas mornas que descem sistemáticas. Aos poucos, foram indo embora para lá dentro das manhãs, tardes, noites sem fim, pois aqueles entes magnânimos também somem através das cachoeiras da memória e largam a gente nos impactos dos dias quais titulares prematuras, ainda inexperientes, agora, no comando desta vida.

Nessas horas, submetidos ao pulsar constante do coração do tempo, as dificuldades mostram seus dentes afiados, a cara fechada, e desafiam nosso equilíbrio; reclamam da experiência, do tato, e quase imediatamente nos vem a lembrança deles, da mãe e do pai. Nesses momentos, no entanto, por não mais estarem aqui ao poder das nossas mãos, somos impelidos a cumprir o mesmo  papel que um dia lhes pertenceu. Devemos, então, responder a questionamentos semelhantes ao jeito infalível como respondiam quando presentes e perto, valiosos, inestimáveis.

Olho em volta, cheio do ânimo que ensinaram, e reencontro, na certeza do Bem, a força viva de saber que houve um tempo quando, diante das aflições maiores, imediatamente lembrava minha mãe e meu pai, e os procurava confiante...

Por: Emerson Monteiro


Para Você Refletir ! - Por Maria Otilia

Nestes últimos dias, são veiculadas notícias  que na maioria das vezes nos entristecem, deixam -nos desconfiados, e porque não dizer decepcionados.E a maioria destas notícias, estão relacionadas ao poder legislativo do nosso município.Lembrando aqui que um das características importantes para quem pertence ao legislativo, é  a efetivação do decoro parlamentar.E a ausência deste, através de atos tais como:uso de expressões que configuram crime contra a honra ou que incentivam sua prática;abuso de poder; recebimento de vantagens indevidas; prática de ato irregular grave quando no desempenho de suas funções; revelação do conteúdo de debates considerados secretos pelo legislativo , fere este decoro parlamentar.  Sugiro a leitura de uma fábula para  que todos possamos  fazer uma releitura deste momento  crucial que toda a sociedade cratense está vivendo. Boa Leitura!!!!
                              
               A ESPADA DE DÂMOCLES                                               PODER FASCINA!

 Conta a história que um jovem plebeu ambicionava ser Rei. Em sua imaginação fantasiava a vida de riqueza e luxo em que o Rei e sua corte viviam, e dizia:
- Gostaria de ser Rei. Nem que seja só por um dia.
Ao saber do sonho do jovem, o Rei resolveu satisfazê-lo. Mandou chamar o pretensioso, e, assim que chegou, encarregou seus criados de paramentá-lo, colocar a coroa em sua cabeça e o cetro na mão. Levou-o até o trono e mandou que sentasse. Ordenou-lhe que atendesse aos súditos que aguardavam audiência com o Rei.

O jovem plebeu primeiro estranhou o peso das roupas e o desconforto do trono. Mas agora ele era o Rei e tinha que se comportar como tal.  E lá ficou ele o dia todo atendendo, ouvindo queixas e tentando resolver pendências além de ter que tomar decisões importantes que só um Rei pode tomar.

No fim do dia o Rei apareceu para saber do jovem o que achara da experiência. O jovem respondeu:

- Difícil, majestade! O bom mesmo é a sensação de poder que ninguém pode contestar mesmo que o Rei esteja errado.
O rei disse:
- Olhe para o alto, meu jovem.
O jovem olhou e  percebeu, assustado,  que estivera o tempo todo com uma pontuda espada de aço presa apenas por um fio de seda, mais fino que teia de aranha, bem acima de sua cabeça.
O rei disse:
- Para o Rei o primeiro erro grave, será o último.

Moral – Todo poder tem sua responsabilidade e, quem assume a responsabilidade que o poder exige, deve arcar com as consequências de seus atos. Os tempos mudam. Os homens comuns ambicionam o poder que fascina. Querem ter os direitos de um Rei. Esquecem e ignoram que a espada da justiça está mais próxima e será mais pesada para quem abusa do poder. A lição desta pequena Fábula vale para todos os políticos atuais que se julgam e se comportam como se Reis fossem e não tivessem que prestar contas nunca.

                                                      Aprenderão eles a lição?
Martina Sanchez

O MENSALÃO CRATENSE E A MOROSIDADE DA JUSTIÇA


O que mais "CHATEIA" nessa estória toda do MENSALÃO DO CRATO é que pela quantidade de denúncias e pelo tempo que isso já está rolando, ninguém viu a justiça tomar nem mesmo a primeira posição. Será que pelos depoimentos prestados, as provas circunstanciais, isso não está mais do que claro ? Será que isso tudo vai dar mesmo em PIZZA ? - Vejam só, tantas denúncias...nenhuma atitude. ESSE POVO SE ACHA, OU SÃO INTOCÁVEIS ? - Muito estranho isso ! - Se brincar, pode acabar como o Mensalão nacional, onde alguns foram até presos ( após uma década ) e o povo fazendo vaquinha para tirá-los da cadeia. Como diz o BIAL: "VIVA OS NOSSOS HERÓIS" - O Brasil merece !

Filmes dedicados aos "mensalões Brasileiros"




O Ano de 2013 está entre os mais quentes da História


O ano passado esteve entre os mais quentes desde 1880, quando começaram os registros modernos, segundo dados oficiais divulgados nesta terça-feira pela Agência Espacial Americana (Nasa) e pela Administração Nacional Oceânica e Atmosférica dos EUA (NOAA), números que reforçam as evidências de que a Terra está esquentando.

Segundo a NOAA, a média das temperaturas combinadas da terra e da superfície dos oceanos em 2013 foi 0,62°C superior à média do século XX, de 13,9ºC. De acordo com a fonte, 2013 empatou com 2003 como o quarto ano mais quente desde que os registros começaram a ser feitos, em 1880, enquanto para a Nasa, o ano passado foi o sétimo mais quente. Apesar disso, para os especialistas, as diferenças reais de temperatura entre os anos são muito pequenas e a tendência generalizada a um planeta mais quente está clara. O ano passado também foi o 37º mais quente sucessivamente, com temperaturas globais acima da média.

Para a NOAA, os primeiros 13 anos do século XXI estão entre os mais quentes já registrados, sendo que em 2010, 2005 e 1998 foram os de temperaturas mais elevadas. Para a Nasa, a poluição provocada pelo homem e a queima de combustíveis fósseis, como petróleo e carvão, fizeram aumentar os níveis de gases de efeito estufa, levando a esta elevação das temperaturas no longo prazo. A concentração de dióxido de carbono está no nível mais elevado na atmosfera em 800 mil anos, tendo aumentado de 285 partes por milhão em 1880 para 400 partes por milhão no ano passado, informou a Nasa. Segundo o climatologista da agência espacial, Gavin Schmidt, a menos que as tendências atuais mudem, o mundo deve esperar temperaturas nas próximas décadas mais elevadas do que na passada.

Ele descreveu o aquecimento das últimas décadas como "incomum" e fez uma advertência para que as pessoas não julguem se as mudanças climáticas estão acontecendo ou não com base em eventos climáticos aleatórios, como "ondas de frio". "As tendências de longo prazo no clima são extremamente robustas", declarou a jornalistas. "As pessoas têm uma memória muito curta quando se trata de sua própria experiência com o tempo e o clima, e a única forma de termos uma avaliação de longo do que está acontecendo é observando os dados", acrescentou.

Embora sejam produzidas de forma independente, os dados globais anuais da Nasa e da Administração Nacional Oceânica e Atmosférica (NOAA) sobre o clima revelaram altas similares na temperatura de todo o planeta. Uma diferença-chave entre o ano passado e outros anos quentes da década passada é que em 2013 não houve fenômeno El Niño para aquecer a região equatoriano, um fenômeno climático que poderia ser esperado e causaria um aumento das temperaturas globais.
Meteorologistas dizem que o El Niño poderia voltar em 2014, podendo tornar este ano ainda mais quente do que o passado.

Outro efeito preocupante do aquecimento global é o derretimento do gelo marinho no Ártico, que deve causar uma elevação no nível do mar com o passar dos anos, ameaçando comunidades costeiras ao redor do mundo. "O gelo do mar no Ártico diminuiu consideravelmente, especialmente nos últimos 10 a 11 anos", afirmou Tom Karl, diretor do Centro de Dados Climáticos da NOAA.
O ano passado foi o sexto com menor extensão de gelo marinho no Ártico, enquanto na Antártica observou-se a tendência oposta, com gelo marinho acima da média.

Enquanto a maior parte do mundo experimentou temperaturas mundiais acima da média, algumas poucas regiões do centro dos Estados Unidos, leste do Pacífico e América do Sul estiveram mais frias do que a média, segundo a NOAA.

AFP/AFP/Arquivos - Sobreviventes do tufão Haiyan, que devastou as Filipinas no último mês de novembro, são vistos em 18 de novembro de 2013

Reuters


Foto tirada em Marte mostra pedra branca misteriosa



CABO CANAVERAL, EUA, 22 Jan (Reuters) - Cientistas estão intrigados sobre como uma pedra apareceu misteriosamente numa foto enviada de Marte pelo robô explorador Opportunity.

O robô, que aterrissou há uma década na região chamada Meridiani Planum, explora a borda de uma cratera por sinais de existência de água no passado. Um outro robô, o Curiosity, aterrissou do outro lado do planeta em 2012 para a mais ambiciosa missão de procurar lugares habitáveis no passado. Contudo, no momento, os cientistas tratam de uma questão mais imediata. Em 8 de janeiro, quando se preparava para uma investigação científica, o Opportunity enviou uma foto do seu trabalho na área. Estranhamente, ela mostrou uma pedra brilhante branca, do tamanho de um pãozinho, onde somente solo rochoso aparecia na foto tirada duas semanas antes. Os cientistas suspeitam que a pedra foi virada por uma das rodas do robô.

Pode também ter parado ali por conta da queda de um meteorito. De qualquer maneira, a pedra chamada de "Ilha Pináculo" proporciona um inesperado bônus para os cientistas. "A maior parte da pedra tem um tom brilhante, quase branco", disse a Nasa, a agência espacial dos Estados Unidos, num comunicado na terça-feira. "Uma porção é vermelha. A Ilha Pináculo pode ter sido virada de ponta-cabeça pela roda, proporcionando uma circunstância incomum para o exame do lado de baixo de uma pedra de Marte."

Por Irene Klotz - Reuters

NOSSO DINHEIRO EM IMPOSTOS - Governo arrecada R$118 bi em dezembro e fecha 2013 com recorde de R$1,138 tri


BRASÍLIA, 22 Jan (Reuters) - O governo federal arrecadou 118,364 bilhões de reais em impostos e contribuições em dezembro, acumulando no ano receitas recordes de 1,138 trilhão de reais por conta de recolhimentos extraordinários que acabaram minimizando as fortes desonerações no período.

Os números representam alta real mensal de 8,25 por cento e, no ano, de 4,08 por cento, informou a Receita Federal nesta quarta-feira. Pesquisa Reuters feita com analistas mostrou que a mediana das expectativas era de que a arrecadação somaria 116 bilhões de reais no mês passado.
Em 2013, a arrecadação federal foi marcada pelo fraco crescimento da economia, baixa lucratividade das empresas e alta desoneração tributária.

No acumulado do ano, informou a Receita Federal, as desonerações resultaram em renúncia de 77,8 bilhões de reais. Só com Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI), deixaram de entrar nos cofres públicos 11,8 bilhões de reais em desonerações, definidas para tentar estimular o crescimento econômico. Com o caixa baixo para cumprir a meta ajustada de superávit primário de 2,3 por cento do Produto Interno Bruto (PIB) para o setor público consolidado (governo central, Estados e municípios), o governo teve que recorrer às receitas extraordinárias.
Só com o Refis, programa de refinanciamento de dívidas tributárias, rendeu ao governo receita de 21,8 bilhões de reais no ano passado. Também foram recolhidos de forma extraordinária outros 6,6 bilhões de reais com Imposto de Renda de Pessoa Jurídica (IRPJ), CSLL, Cofins e Pis, informou a Receita.

Só em dezembro, o resultado da arrecadação também foi favorecido por receitas extraordinárias de 14,3 bilhões de reais.

(Por Luciana Otoni) - Yahoo.com - Reuters


Barbalha-CE: Excursionista morre afogado em piscina no Balneário do Caldas


O aposentado Francisco Bispo, de 68 anos, morreu afogado em uma das piscinas do Balneário do Caldas no município de Barbalha na manhã desta terça-feira. Ele fazia parte de um grupo que veio numa excursão de Brasília e pode ter sofrido um mal súbito no momento em que se encontrava nas águas quando terminou se afogando. Seu Francisco ainda foi levado às pressas para o Hospital São Vicente de Paulo de Barbalha, mas já havia morrido.

O caso chegou ao conhecimento da Delegacia de Polícia Civil de Barbalha que acionou o rabecão a fim de recolher o corpo no hospital e levar para necropsia no IML (Instituto Médico Legal) de Juazeiro do Norte, onde deu entrada por volta das 16 horas de ontem. Parentes e amigos aguardaram a liberação do corpo em meio a um clima de tristeza em virtude da tragédia com um dos membros da excursão, enquanto cuidavam do traslado para Brasília.

Fonte: Agência Miséria



Nota de Agradecimento - Familiares de João Sátiro de Sousa




Os familiares do saudoso João Sátiro de Sousa vem de público agradecer à Câmara Municipal de Crato e ao Executivo cratense pela aprovação e sanção do Projeto de Lei de autoria do Vereador Raimundo Amadeu de Freitas( PT) que denomina de Rua João Sátiro de Sousa uma das artérias localizadas no Bairro Novo Crato, na cidade de Crato, de acordo com a LEI Nº 2.921/2013, de 20 de setembro de 2013.

Antonio Correia Lima - Membro do Blog do Crato



Crato - Notícias Administrativas - 22 de Janeiro de 2014


Programa Minha Casa, Minha Vida realiza 2ª reunião no Bairro Seminário

Dando continuidade ao cronograma de reuniões do Programa Minha Casa, Minha Vida, a coordenação do programa esteve na tarde desta terça-feira, 21, no bairro Seminário. O encontro aconteceu na quadra coberta do CRAS – Novo Crato, sendo o segundo de três encontros programados para o bairro Seminário.

A assistente social Luciana Vieira fez a abertura da reunião, detalhando informes contidos em informativo que foi entregue aos presentes. Em seguida o secretário municipal da cidade, José Muniz apresentou detalhes do programa, e, o  subsecretário  municipal da cidade, Hildo Junior, coordenou os trabalhos, expondo a todos  detalhes sobre os modelos de casas a serem construídas. O programa Minha Casa, Minha Vida conta com a parceria do Governo Federal, Governo Estadual e Governo Municipal, com financiamento  da Caixa Econômica Federal,  e terá três empreendimentos na cidade do Crato, dois no bairro Barro Branco  e um na Vila Lobo. Após a apresentação do projeto os participantes puderam tirar dúvidas sobre o programa.

Professores participam do I Seminário Municipal PNAIC

A Secretaria de Educação do Crato realizou nessa terça-feira, 21, o I Seminário Municipal PNAIC, que aconteceu no  Garden Palace Buffet. O evento encerrou o curso do Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa, para professores alfabetizadores de 1º, 2º e 3º ano, do ano de 2013, e contou com a presença de 208 professores e nove orientadores.

O PNAIC é um compromisso formal assumido pelos governos federal, estadual e municipal que tem como objetivo assegurar que todas as crianças estejam alfabetizadas até os oito anos de idade, ou seja, ao final do 3º ano do ensino fundamental. Segundo a coordenadora do PNAIC, Tatiane Noronha, o pacto foi de grande contribuição para os orientadores de estudo e professores alfabetizadores do município do Crato, pois subsidiou o professor com saberes relevantes a sua pratica resultando em uma aprendizagem significativa das crianças. Durante todo o dia, o evento contou com palestras, mesas redondas e apresentações de trabalhos desenvolvidos no ano de 2013. O palestrante Antonio Roberto de Araújo, diretor da 16ª Crede – Iguatu reforçou em sua apresentação a importância da liderança do diretor para o bom desempenho do programa, e afirmou que “quanto maior o desafio,  planejar mais  é preciso”.

O encontro contou ainda com a participação de Eulina Carmem Santiago, formadora educacional e com Adriana Castro, coordenadora da célula de inclusão da Secretaria Municipal de Educação. 

Fonte: PMC


Prefeitura de Juazeiro avalia nucleação nas escolas públicas


Projeto prevê redimensionamento das unidades de ensino tanto na zona rural quanto na sede

Juazeiro do Norte. As discussões em torno do redimensionamento de algumas unidades da rede de ensino neste município foram iniciadas na semana passada através de reuniões envolvendo técnicos da Secretaria Municipal de Educação, diretores, professores e pais de alunos matriculados nas escolas onde a ação poderá ser realizada. Conforme o Secretário de Educação de Juazeiro do Norte, Geraldo Alves, o projeto prevê o redimensionamento em unidades localizadas tanto na zona rural como na sede do município. Reunião realizada na semana passada deu início ao processo de redimensionamento FOTO: ROBERTO CRISPIM

Na última sexta-feira, o projeto de redimensionamento das unidades escolares foi apresentado à promotora de Justiça Alessandra Magda Ribeiro, da 2ª Promotoria de Justiça da Comarca de Juazeiro do Norte, responsável pela realização de um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC).

Critérios

Isso resultou na desocupação da Câmara de Vereadores por manifestantes em setembro do ano passado, onde também foram estabelecidos critérios relacionados à nucleação e redimensionamento de escolas municipais. O documento estabelece que a Secretaria de Educação deva discutir com a comunidade e demais representantes estudantis, bem como com professores e membros da direção das unidades, em data previamente agendada, sobre a necessidade e a viabilidade do redimensionamento da rede escolar pública do município. A discussão ficou prevista após o encerramento das matriculas e antes do período letivo de 2014.

"O projeto foi apresentado ao Ministério Público para que houvesse a comprovação de que o Termo está sendo seguido pela gestão do município", frisa o secretário Geraldo Alves. Segundo ele, nenhuma unidade será redimensionada sem a anuência das comunidades onde as escolas funcionam. "Nós estamos, na verdade, apresentando propostas aos pais dos alunos, aos professores e a direção destas unidades. Não está sendo adotada nenhuma ação impositiva. A Secretaria está ouvindo a opinião de todos os interessados para que a responsabilidade em cada uma das decisões possa ser compartilhada por todos", avalia Alves.

A rede municipal é formada por 105 escolas. A maioria está localizada na zona rural de Juazeiro do Norte. Caso as nucleações aconteçam, pelo menos 30 unidades serão atingidas pelo projeto. Geraldo Alves explica, no entanto, que unidades localizadas na sede do município também poderão sofrer alterações. "O objetivo não é reduzir o número de salas de aula, tão pouco fechar unidades escolares. O que se está propondo é a ampliação da qualidade do ensino. Há salas de aula funcionando com seis, sete, oito alunos. Esses casos também são percebidos em escolas da própria sede municipal. Nós queremos mudar essa realidade", defende. 

Ele informa, ainda, que o projeto de nucleação já foi apresentado às comunidades de Taquari, Pelo Sinal, Riachão e Vila 2000. Agora, a Secretaria aguarda uma decisão por parte das comunidades para dar prosseguimento, ou não, ao projeto.

Fonte: DN


Futuro ministro da Saúde é alvo de investigação por improbidade


Apontado como o futuro substituto de Alexandre Padilha no Ministério da Saúde, o médico Arthur Chioro é alvo de investigação do Ministério Público de São Paulo por possível ato de improbidade administrativa. Secretário municipal de Saúde de São Bernardo do Campo (SP), ele também é sócio majoritário de uma empresa que presta consultoria a diversos municípios paulistas. A informação foi revelada pelos jornais "Diário do Grande ABC" e "Correio Braziliense".

De acordo com o MP paulista, em setembro de 2013 a promotora Taciana Trevisoli Panagio, que atua em São Bernardo do Campo, instaurou um inquérito civil público para apurar se há violação ao princípio da administração pública no fato de Chioro acumular a função de secretário de Saúde com a de diretor da Consaúde Consultoria, Auditoria e Planejamento LTDA. A empresa presta serviços na área de planejamento e gestão de sistemas de saúde a prefeituras paulistas, de acordo com o MP.

Chioro foi recebido pela presidente Dilma Rousseff nesta terça-feira (21) no Palácio do Planalto, quando ficou acertada sua ida para a Esplanada dos Ministérios, segundo informou o Blog da Cristiana Lôbo. A indicação deverá ser formalizada nas próximas semanas.

Agência Brasil


Revólver de papel é encontrado dentro de cadeia pública em Quixeramobim, no Ceará


Só tem Artista!

Policiais militares responsáveis pela guarda da cadeia pública de Quixeramobim ficaram surpresos quando encontraram um revólver calibre 38, com capacidade para sete munições, dentro da unidade prisional. Com todos os detalhes de uma original, inclusive o tamanho, a arma de fogo é de papel. Mas apesar da habilidade manual do artesão, a equipe da guarda ficou preocupada. Após ser pintada a réplica poderia ser utilizada numa tentativa de fuga, no rendimento de algum agente penitenciário.
O artefato de papel encontrado dentro de uma das celas, numa das vistorias de rotina na cadeia de Quixeramobim, é uma prova do talento do presidiário, desconhecido. Todavia, em razão da péssima estrutura carcerária nas unidades prisionais do Interior, a maioria superlotadas, praticamente não é realizada nenhuma atividade de ressocialização. Nenhum dos presos assumiu o trabalho manual, explicou um policial solicitando para não ser identificado.

DN Sertão Central


O que seriam dos espertos se não fossem os Otários! - Delúbio Soares lança campanha para arrecadar recursos


Depois de Genoino, Delúbio lança campanha virtual para arrecadar recursos


Parentes e amigos do ex-tesoureiro do PT Delúbio Soares começaram a arrecadar doações para quitar a multa imposta pela Justiça, resultante da condenação no processo do mensalão. A Vara de Execuções Penais publicou, na segunda-feira (20), a certidão de cobrança da multa imposta ao ex-tesoureiro do partido. Com o documento, começa a contar o prazo de dez dias para a quitação do valor de R$ 466.888,90.

Delúbio segue o exemplo do ex-presidente do PT José Genoino. Na semana passada, a família de Genoino divulgou a arrecadação online de recursos suficientes para pagar a multa decorrente da condenação no processo. Até a manhã de hoje (22), nenhuma doação foi registrada na campanha de apoio a Delúbio Soares.

G1


Agentes penitenciários podem cruzar os braços no Carnaval


Reajuste da Gratificação de Atividades Especiais e de Risco (GAER), auxílio-alimentação, nomeação de todos os candidatos do cadastro de reserva do último concurso e acautelamento de pistolas para todos os agentes penitenciários. Essas são as reivindicações que o Sindicato dos Agentes e Servidores do Sistema Penitenciário do Estado do Ceará (Sindasp-CE) espera discutir com o governador Cid Gomes nos próximos dias.

Segundo o sindicato, a categoria se mobiliza para uma paralisação das atividades, durante o Carnaval, em caso da falta de aceno do Governo do Estado.

“Reconhecemos que o Governo do Estado tem feito investimentos para reverter a situação do sistema penitenciário. Entretanto, faltam viaturas, armamentos, e um efetivo mínimo de agentes penitenciários para que haja uma segurança razoável nas unidades prisionais. Por isso, pedimos com urgência a nomeação dos 754 candidatos do cadastro de reserva”, explica o presidente do Sindasp-CE, Valdemiro Barbosa.

O Povo Online


Confederação dos Cariris - Por: Emerson Monteiro

Qualquer distanciamento, através das cavernas da imaginação, propicia considerar o clima reinante no meio dos nativos das terras brasileiras com a presença intrusa do europeu, que desembarcara a fim de ocupar o território e usurpar, dentre outros bens, a liberdade original em sua natureza virgem e ameaçar a sobrevivência pela força de armas desconhecidas. Trabucos que soltavam faíscas pela boca, lâminas amoladas e o brilho das armaduras metálicas, senhores de baraço e cutelo, sequiosos de riqueza e poder.

Porém a coisa não se deu conforme pensado.

Há capítulos heróicos, insanos, que demonstram se tratar de gentes corajosas e treinadas, as tribos dos antigos habitantes donos naturais destes lugares em que hoje correm os dramas da civilização mercantil daqueles tempos.

Duas extremas reações, denominadas Confederação dos Tamoios e Confederação dos Cariris, impuseram baixas e medo aos colonizadores, durante décadas. A segunda, também chamada Guerra dos Bárbaros, aconteceu no sertão nordestino, entre Rio Grande do Norte, Ceará, Pernambuco, Piauí e Paraíba, quando indígenas de tribos diversas se aliaram para expulsar os invasores, isso durante 30 longos anos.

Em face do terror e da arbitrariedade impostos pelos portugueses, lá pelo ano de 1686 os índios Janduins, vivendo nos pagos de Açu, Mossoró e Apodi, saíram dizimando populações estrangeiras e destruindo o que achavam nas suas posses.

Do Rio Grande do Norte, a revolta coletiva atingiu o vale do Jaguaribe, no Ceará, invadindo as capitanias de Pernambuco, Paraíba e Piauí, envolvendo as nações indígenas de Icós, Quixelôs, Canindés, Tremembés, Crateús, Jenipapos, Anacés, Acriús, etc.

Em 1688, a dois anos do início dos combates, o governador-geral Frei Manuel da Ressurreição recorreria aos bandeirantes de São Paulo e São Vicente, exterminadores contumazes de selvagens, na intenção de enfrentar a resistência. Em apoio à participação das guarnições locais, vieram Domingo Jorge Velho, Matias Cardoso e João Amaro Maciel Parente, principiando o extermínio que representaria as piores atrocidades, nos palcos do Nordeste.

Nas lutas, em favor dos lusitanos lutaram índios domesticados, renegados das origens, costume trazido pelos brancos dominadores, que somavam aos combates degredados criminosos trazidos da Europa ao preço da anistia das penas.

Os colonos, nisso, viveram tempos de incerteza, dificuldade vencida com a destruição dos bandos guerreiros. Em 1713, indígenas confederados atacariam Aquiraz, sede da capitania cearense, eliminando 200 pessoas, enquanto os demais habitantes fugiam para a fortaleza de Nossa Senhora da Assunção, na foz do rio Pajeú. O ocorrido ocasionaria a transferência dos interesses para onde hoje ficou Fortaleza, a capital do Estado.

Em consequência, as tropas do coronel João de Barros Braga subiram de Jaguaribe até o litoral, em defesa de Aquiraz, na chamada Cavalaria do Certam, formada de mestiços e índios mansos, nos trajes de couro, pacificando sob o pretexto de uma guerra justa, exterminando os gentios e ferindo de morte os planos da Confederação dos Cariris.


Ponta da Serra - Posto de Saúde fechado por 15 dias ? - Antonio Correia Lima


PONTA DA SERRA AINDA FAZ PARTE DO CRATO !


"Aí um portuga, comerciante aqui em Ponta da Serra me chamou a atenção, dizendo: Seu Antonio o senhor vive a falar dos que já morreram e está esquecendo dos que estão vivos, com tantas carências na comunidade, e como é que um único Posto de Saúde que tem na comunidade fica fechado por 15 dias. Cadê os postos de atendimento dos correios, os Caixas de atendimentos bancários, e a segurança? Como se vê Ponta da Serra já parece uma cidade mesmo, pois, até um comerciante português já tem.Deixar de falar dos mortos não deixarei não, mas mostrar as necessidades irei, sim, mostrar, e principalmente, depois da "chamada" do português."

Por: Antonio Correia Lima


Os cafetões de minorias - Os Rolezinhos dos Shopping Centers


Escrito por Alexandre Borges | 21 Janeiro 2014

Se 6 mil jovens não podem entrar num shopping ao mesmo tempo, gritam “preconceito!” e energizam a combalida militância pós-mensaleira.


Se você quer ser famoso, esqueça o Big Brother e vá cursar Ciências Sociais. Parte da imprensa do país agora acredita que sociólogos e afins são entes superiores de razão ou oráculos da vida moderna. Alguém precisa avisar Tatá Werneck que há um caminho mais curto para Valdirene chegar ao estrelato.

De preço de ingressos na Copa às UPPs, do Bolsa Família até o sumiço do Amarildo, da condenação de mensaleiros até meia dúzia de peitos caídos na praia, é ligar a tevê e ver um cientista social ou historiador dando ares supostamente científicos à má poesia engajada dos candidatos a Bertold Brecht que, como poetas de esquerda, não superam nem Tarso Genro.

Faço um convite aos analistas de rolezinhos: se você ainda não foi, vá a um shopping center num bairro de periferia e surpreenda-se ao descobrir que são locais iguais aos que você conhece e que são frequentados por, veja você, moradores da periferia. Se você diz na imprensa que impedir 6 mil adolescentes de invadir um shopping ao mesmo tempo em Itaquera, no ponto extremo da Zona Leste de São Paulo, é “discriminação”, está simplesmente mentindo. E não é uma mentira qualquer.

Se houvesse uma preocupação legítima com a “inclusão” desses jovens, que melhor exemplo no país do que os shoppings? Em seus espaços privados, eles abrem as portas gratuitamente para a população ter opções de lazer, alimentação e consumo totalmente voluntários, num ambiente seguro, confortável, livre e democrático. Já os governos que obrigam esses mesmos cidadãos a trabalhar até cinco meses do ano apenas para pagar impostos são incapazes de dar algo remotamente parecido.

E a quem interessa transformar um evento que seria naturalmente descartado com o tempo pelos próprios jovens em passe livre para arrastão, vandalismo e saques ao som de palavras de ordem? Se há crime, nesse caso de lenocínio ideológico, de cafetinagem sociológica, é preciso identificar os proxenetas do rolezinho alheio.

Política é feita de narrativas e a esquerda viu no rolezinho uma oportunidade de criar má poesia ou sociologia de pé-quebrado com eles, vendo em jovens que frequentaram shoppings a vida inteira supostos excluídos que não poderiam entrar nestes mesmos shoppings, na tentativa de fabricar factoides para proselitismo político em ano eleitoral. Segundo uma pesquisa recente, 71% dos paulistanos são contra os rolezinhos e, apesar da tentativa de doutrinação sistemática nos meios de comunicação, o eleitor ainda não comprou a cascata.

As manifestações do ano passado pegaram a esquerda de surpresa, sem uma narrativa pronta para vender aos vassalos de sempre na academia e na imprensa, mas os rolezinhos forneceram um material dramático melhor aos roteiristas partidários. Se 6 mil jovens não podem entrar num shopping ao mesmo tempo, gritam “preconceito!” e energizam a combalida militância pós-mensaleira, tão desesperada em busca de um discurso para chamar de seu.

O Brasil teria neste ano uma oportunidade histórica de apear do poder a esquerda e suas narrativas orwellianas, mas infelizmente ainda não há o que colocar no lugar. Caso consigam mais quatro anos, que esse tempo seja usado diligentemente pela sociedade para a construção de uma real e sólida alternativa política para que o Brasil deixe de fazer apenas rolezinho entre as nações mais desenvolvidas do mundo.

Alexandre Borges, publicitário, é diretor do Instituto Liberal.

Publicado no jornal Gazeta do Povo.



Edições Anteriores:

Setembro ( 2017 ):

01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30