xmlns:fb='http://www.facebook.com/2008/fbml' xmlns:og="http://opengraphprotocol.org/schema/"> 12/08/2013 | Blog do Crato
.

VÍDEO - CONVERSA FRANCA - O DESCASO NO CRATO - Dihelson Mendonça ( 30-11-2017 ).
Estamos de volta com as transmissões da TV Chapada do Araripe ( E agora, com alguns programas ao vivo ). Serão vários programas abordando temas diversos, como a realidade da nossa região, do Ceará e do mundo; Programas científicos, atualidade, entrevistas, e transmissão de eventos ao vivo. ( Veja o vídeo e compartilhe ). www.tvchapadadoararipe.com



Comunidade Cratense no Facebook - Mais de 25.000 seguidores. Clique em Curtir e adicione a sua Foto !

12 agosto 2013

Nota Política do PC do B sobre A EXPOCRATO



Em Reunião no dia 02 de Agosto a direção do Partido Comunista do Brasil, discutiu e deliberou como resultado de seu debate interno a aprovação de nota oficial acerca da transferência do Parque de Exposição Pedro Felício Cavalcante. O PC do B de Crato, compreende claramente que antes da tomada de decisão da retirada ou não do referido parque faz-se necessário um forte e amplo debate com a população cratense, com todos os setores da população, sobre este tema.
Entendemos, portanto que seja necessário, o uso de instrumentos democráticos de escuta e participação popular , a exemplo de verdadeiras audiências públicas, plebiscitos, referendos que envolvam todos os seguimentos da sociedade seja, sindicatos, juventude, associações de bairro, lojistas a própria universidade , estudantes, enfim todos os segmentos que queiram fazer a discussão.

Um projeto como a do deslocamento do Parque, e tudo o que ele representa para a população cratense, mantém características subjetivas como a manutenção sinestésica da memória e seu permanente dialogo com a construção histórica de seu povo, bem como aspectos que envolvem e questionam a própria realidade concreta, sendo transversa sobre um novo olhar para cidade no que tange ao seu espaço (vias de acesso, mobilidade,transporte). Emergem outras questões igualmente polêmicas e muito urgentes, como: a privatização de espaços públicos, excluindo o trabalhador do lazer, mantendo-o mais uma vez sobre o tacão da exploração desenfreada, seja pela limitação ao acesso da área de show, seja pela maior importância dada ao Agronegócio em detrimento da Agricultura Familiar, importando e valorizando outras culturas comerciais, se sobrepondo à nossa cultura popular, de nossos artistas locais e regionais.

Existem, no entanto, outros argumentos contrários a permanência do parque, que precisam ser esclarecidos e colocados a público, localização do novo parque, seu tamanho,as vantagens para os que defendem a saída. O PC do B condena a forma como está sendo conduzido a possibilidade de retirada do Parque e defende mecanismos ampliados de escuta qualificada com o povo, ao mesmo tempo que repreende toda decisão tomada a revelia do povo cratense, ou seja sem a sua participação. Para tanto, o PC do B reconhece o legítimo direito da população e dos movimentos sociais que se levantam de forma corajosa e democrática no intuito de fazer o debate,apóia a permanência do parque e orienta seus militantes e filiados a participarem das lutas do povo do Crato, como também conclama a sua militância e simpatizantes a fomentar e esgotar o debate com a população sobre o eixo central da EXPOCRATO de posse das seguintes bandeiras: 

1-Requalificação e modernização do parque de exposição; 
2-Discussão sobre as propostas de requalificação dos espaços urbanos que dialogue com mobilidade; 
3-Por uma política que contemple um sistema público de transportes; 
4-Exigência de uma prestação de contas dos dividendos auferidos pelos promotores da festa e a municipalidade; 
5- Abaixo a privatização da festa! e das áreas locadas, que a expocrato entre no calendário das Férias no Ceará do Governo do Estado, portanto, com shows gratuitos e de qualidade; 
6- Discussão de um novo Plano Diretor para cidade, que contemple as demandas, de mais vias de acesso, e melhor mobilidade; sob a ótica do estatuto das cidades. 
7- Valorização das manifestações culturais de tradições no local do parque; 
8- Por 2% do FPM e outras receitas para a cultura de nossa cidade, para resgatarmos o título de Cidade da Cultura. 
9- Respeito a Lei da meia cultural e de transporte; 
10-Defesa da Autonomia Universitária da URCA, garantindo-lhe dotação orçamentária própria que fortaleça as ações de Ensino Pesquisa e Extensão

Direção Municipal em Crato, em 03 de Agosto de 2013
Samuel Duarte Siebra

O Crato contra o CRACK - Grande evento de jovens procura combater o Crack - Participe !





Em Crato, um projeto social intitulado "Forca Jovem Universal" visa tirar jovens da marginalidade, das drogas, e de outras atividades ilegais que podem levar a juventude à perdição.

A reunião de jovens acontece na Igreja Universal todos os sabados, à partir das 19:00. O movimento Força Jovem realizarará um grande evento no próximo dia 24 de agosto, na quadra bicentenário, em Crato, que terá a participação de grupos teatrais, danças de rua, músicos, e outros talentos ainda desconhecidos da população. O evento "driblando o Crack" já é bastante conhecido nacionalmente, e onde passa, tem reunido milhares de jovens. Assim foi no Rio de Janeiro, São Paulo e Fortaleza. É esperado um grande público, e haverá campeonato de Futsal masculino e feminino com premiações para os times vencedores, que receberão os seus troféus e medalhas na reunião de domingo pela manhã, na Igreja Universal.

Como se sabe, o Crack é a droga mais devastadora da atualidade, e está muito disseminada na cidade do Crato. É importante que a sociedade cratense compareça em peso a este evento, que tem o apoio do Blog do Crato, Portal de Notícias Chapada do Araripe, e WebTV Chapada do Araripe, que fará em breve, uma reportagem em vídeo para o programa "FATOS EM FOCO".

O movimento possui um lema sobre as drogas: "quem não é contra, é a favor".
Crack, tire esta pedra do seu caminho.

Serviço:

Evento: Driblando o Crack
Local: Quadra Bicentenário, em Crato
Data: Dia 24 de Agosto
Horário: 15Hs





Com informações de Diego Lima

www.blogdocrato.com
Desde 2005 registrando todo dia a história do Crato para a posteridade


Sempre eles.


ESCRITO POR EDSON CAMARGO | 10 AGOSTO 2013


A condenação radical do conhecimento histórico e filosófico deve ser identificada como um fator importante em nosso ambiente político-social, porque aqueles que a ditam não podem sequer ser chamados de impostores intelectuais – seu horizonte de consciência é por demais limitado para que estejam conscientes de sua desonestidade objetiva. Devem, portanto, ser caracterizados como analfabetos funcionais com uma forte ânsia de autopromoção.
Eric Voegelin


No dia 22 de agosto o projeto de lei de "democratização da mídia" será lançado no Congresso Nacional. A apresentação da proposta, intitulada como “de iniciativa popular” já está sendo trabalhada e articulada com toda a vasta rede de militantes, ONG´s (Intervozes, Andi, e outras, financiadas também pelo banco Itaú), tentáculos para-partidários de que o PT e a elite globalista dispõem. Sabe-se o que querem: é o velho sonho do Zé Dirceu, o controle da mídia. Quem leu Orwell sabe que para essa turma “guerra é paz”, e neste caso, “democracia é controle”. Não se pode esquecer o que foi a Confecom e o chiste de Millôr Fernandes: “democracia é quando eu mando, quando você manda, é ditadura”, o que podemos considerar uma boa síntese da mentalidade esquerdista. Lá vêm eles de novo. O PT e seus comparsas. Graça Salgueiro destaca que o controle da mídia foi o assunto mais debatido no último encontro do Foro de São Paulo, realizado há poucos dias. E as FARC já afirmam que apóiam tal controle.

Começaram os tumultos e as manifestações que deixaram pelo menos 10 mortos – o jornalista José Maria e Silva contabilizou 16 -, custaram milhões de reais em prejuízos e só deram ocasião para o governo acelerar a venezuelanização do país. Quem começou a palhaçada toda? O comparsas do PT. Aparece a “Mídia Ninja” armando das suas, posando de independentes e denunciando a polícia carioca. Até que a farsa chega ao fim. E quem são eles? Comparsas do PT. Figuras grotescas típicas da militância feminista promovem um freak-show pornô, grotesco e blasfemo, só para afrontar católicos em plena JMJ. Vamos ver quem são? Amiguinhas do PT.

Olavo de Carvalho denuncia o Foro de São Paulo, e Breno Altman tem chiliquinho. Passam-se algumas horas, e todos vêm a saber quem ele de fato é: comparsa do PT. Mais um. Sempre eles.

E o gigante novamente adormeceu. Babando no sofá após o Jornal Nacional e a novela. Sabe como é: é muito conteúdo para um dos povos que menos lê no mundo. Dorme, mas sonha: quer mais saúde, mais educação, mais empregos. Ou melhor: querendo continuar a ser enganado, sonha com mais saúde estatal, mais educação estatal, e claro, um emprego estatal. É brasileiro e não aprende nunca. Não consegue conceber uma vida, uma sociedade e uma economia relativamente livre do intervencionismo de um Estado que ao longo de décadas tem inviabilizado carreiras, vocações, frustrado ideais, imposto o auto-exílio para as melhores mentes que surgem no país e roubado, nos últimos anos, via impostos abusivos, quase 40% do que o “contribuinte” (desaforo, hein?) ganha. Enfim, brasileiro tem medo do capitalismo porque nunca o viu. É puro medo do desconhecido. E depois o burro é o americano. Esse ser que inventou o blues, o jazz, o jeans, a t-shirt, o rock, e o melhor, os “checks and balances”. Para quê saber onde fica Brasília no mapa?

A matança nossa de cada dia prossegue: os quase 50 mil homicídios anuais podem ser muitos mais. Em 2010 podem ter chegado a 60 mil. Mais armas, contingente e preparo para as polícias? Nem pensar, isso é idéia que causa arrepios à elite progressista que comeu ração foucaultiana. Reduzir a maioridade penal? Ah, “coisa de fascista”. O que pressupõe que o adolescente brasileiro é retardado moralmente quando comparado aos de outros países. O legal é deixar o Estatuto da Criança e do Adolescente tratar marmanjo com quase trinta anos na cara como criança. No país da malandragem e da conexão PT-FARC, o “jovem infrator” é sempre a vítima da sociedade. Mas para certas figuras da nossa esquerda hegemônica, é com Dadinhos e Zés-Pequenos que se constrói uma grande nação. Pátria de chuteiras e ‘AK’ na mão. Seu herói morre de overdose e seu inimigo, no poder, fala exatamente tudo o que você gosta, e assim você, como boa “mulher de malandro”, continua votando nele. A chamada “maldição de Saturno” presente no processo revolucionário é realmente assustadora: a revolução começa a devorar seus filhos muito antes que eles percebam.

Falei na aliança PT-FARC. Lá estão seus amiguinhos e simpatizantes, no Foro de São Paulo, que continua dando as cartas na América Latina. “Nunca ouvi falar”. Claro que não, criatura. Em jornal sustentado pelo governo você não verá nada mesmo sobre o Foro. Ou quase nada. O poder, para ser total, precisa ser invisível. Ou no mínimo discreto. “Ah, acho esse negócio ‘muita viagem’”. Aí eu pergunto se o cara já entrou no site do Foro. “Ah, tem site?”, responde a criatura, com cara de toalha pública usada. Há figuras nessa terra que, enquanto não trabalharem num gulag tropical, ao ouvirem qualquer prognóstico um tanto desagradável sobre os rumos do país, para elas, será coisa de gente paranóica. Por mais que mal consigam verbalizar suas muitas insatisfações. Por mais que nos olhos você veja frustrações inúmeras. Almas fragilizadas e estupidificadas pelo convívio com pessoas embrutecidas, cínicas, hedonistas, presunçosas e ignorantes. O país onde há quem se diga cristão e que, diante da idéia de combater o aborto, o estúpido diz: “ah, há outras questões mais importantes a serem discutidas”. Mas por 20 centavos ele aceita se tornar massa de manobra.

Se hoje somos terra devastada, é por sermos muito mais do que “analfabetos políticos”. Como nação, nos tornamos suicidas culturais, eunucos espirituais - para usar o termo de Voegelin - que se castraram assim que viram o preço do compromisso que as experiências que evocam o eterno, o bom, o belo e o verdadeiro nos cobram. Restará a barbárie. Que para muitos nem sequer foi uma escolha. Não souberam que era possível escolher. Pois quem lhes contou a história toda foram eles: os amiguinhos do PT. De ontem e de hoje. Dos quais alguns crimes e pilantragens podem vir a público a qualquer momento, para escândalo efêmero do povão, enquanto o plano mestre de dominação avança, destruindo o já combalido Estado de direito, roubando recursos e liberdade, dividindo e conquistando.

Fonte: Mídia Sem Máscara.

Dilma Rousseff estuda importar engenheiros



A presidente Dilma Rousseff já está estudando um modo de facilitar a vinda de engenheiros estrangeiros para trabalhar no Brasil, assim como fez com profissionais da área da saúde, no Programa Mais Médicos. Alguns ministros do chamado “núcleo duro” do governo estão tentando provar para a petista que a medida ajudaria a solucionar um dos problemas que atravancam o andamento de obras e o repasse de verba federal para municípios.

Hoje, faltam nas prefeituras especialistas dispostos a trabalhar na elaboração de projetos básico e executivo, fundamentais para que a cidade possa receber recursos da União. As travas no repasse de dinheiro já foram identificadas por Dilma como um dos obstáculos para que o Executivo consiga impulsionar o crescimento econômico e acelerar obras de infraestrutura - dois gargalos que poderão custar caro para a candidatura à reeleição.

O governo já investe hoje no estágio e na especialização de engenheiros brasileiros no exterior com o Ciência Sem Fronteiras, programa comandado pelos ministérios da Ciência e Tecnologia e da Educação. Mas a ideia estudada no Palácio do Planalto é ir além, aproveitando os profissionais de fora já prontos, para que tragam expertise e preencham lacunas em regiões hoje desprezadas pelos brasileiros. A proposta inicial é importar especialmente mão de obra de nações que enfrentam crise econômica e têm idiomas afins, como Portugal e Espanha.

O plano ainda está em estágio embrionário e setores técnicos do governo ainda não foram comunicados sobre a ideia. O ministro da Secretaria de Assuntos Estratégicos, Marcelo Neri, acredita que o Mais Médicos pode até servir como uma experiência piloto. Entretanto, aposta mais na eficiência do Ciência Sem Fronteiras. “O ideal não é ter mais, porém melhores engenheiros dispostos a trabalhar em áreas carentes desses profissionais.”

Para se ter uma ideia, o Maranhão é hoje o Estado brasileiro que menos abriga empregados da área de engenharia. De acordo com dados do IBGE de 2010, a média é de 1.265 habitantes por engenheiro em todo Maranhão, seguido pelo Piauí (1.197 habitantes por engenheiro) e Roraima (1.023 habitantes por engenheiro). São Paulo é o que mais concentra esse tipo de profissional (148 habitantes por engenheiro).

‘Presente de grego’. Na gestão anterior, o ex-presidente Lula afirmou ter dinheiro em caixa para investir, fez um chamamento aos prefeitos pedindo para que eles encaminhassem a Brasília projetos executivos assinados por engenheiros para que a União pudesse repassar dinheiro para as prefeituras. Dilma também vem reivindicando a mesma iniciativa. Mas há gestores municipais que consideram os programas de transferência voluntária de renda federal um “presente de grego”.
Para o presidente da Confederação Nacional dos Municípios (CNM), Paulo Ziulkoski, a falta de engenheiros é apenas uma das dificuldades para que os municípios recebam investimentos federais. “Além da dificuldade em formar um quadro com engenheiro civil, mecânico e agrônomo, a demora na liberação de licença ambiental e a dificuldade para comprovar a propriedade de um terreno também atrapalham muito”, avalia Ziulkoski.

Outro imbróglio que ele aponta é a falta de dinheiro para a “contrapartida”. Segundo ele, no caso do Bolsa Família, por exemplo, cabe ao município manter atualizado o cadastro dos beneficiários, checar quem morreu, quem arrumou emprego, as crianças que estão na escola. “Tudo tem um custo, é um presente de grego”, afirma. “Eu sou o primeiro a dizer aos prefeitos que nem mandem projetos, porque eles nem conseguem manter os que já têm. Só que os 4.100 novos eleitos ainda estão sonhando, achando que podem fazer muita coisa.”

Imigração. A Secretaria de Assuntos Estratégicos está conduzindo um projeto para estimular a entrada de mão de obra estrangeira qualificada em território nacional. Segundo dados de 2010 compilados pela SAE, o número de imigrantes de primeira geração que vive hoje no Brasil representa 0,3% da população (cerca de 600 mil pessoas), diante da média mundial de 3%. A pesquisa cita que “países altamente desenvolvidos como Suíça, Nova Zelândia, Austrália e Canadá possuem mais de 20% da população formada por imigrantes”. 

As informações são do jornal O Estado de S.Paulo


Crato - Previsão do Tempo para hoje, 12 de Agosto de 2013


Bom Dia, Crato!


Um dia de sol com muitas núvens e períodos de céu nublado. Noite com muitas núvens é o que prevê os principais serviços de meteorologia do país para hoje, 12 de agosto de 2013.

Outras informações:

Nascer do sol: 05h47 - Pôr do sol: 17h38
Temperaturas: Max 32º Min 20º
Ventos a SE a 14km/h
Umidade Relativa do Ar: 94% e minima de 44%
Índice UV: Extremo 

Informações do INPE de GOES12

www.blogdocrato.com
Desde 2005, registrando todo dia a História do Crato para a posteridade





Estiagem afeta saúde no Interior


Foi com um litro d’água, três punhados de açúcar e três pitadas de sal que dona Elza Vieira da Silva, 75, livrou a família do mal-estar no início do ano. Os Vieira tiveram dor de barriga, diarreia, febre. Não teve filho, neto ou sobrinho livre do problema. O soro caseiro e os chás preparados com esmero pela antiga agente de saúde da comunidade de São Gonçalo, em Choró (Sertão Central), foram a salvação.
No fim do ano passado, uma criança menor de um ano morreu por causa da diarreia em São Gonçalo. A família deixou a região. A causa dos problemas de saúde, defende a matriarca, é a quentura destes tempos sem chuva. “É esta seca verde”. Como seca não vê limites e já deixou 178 dos 184 municípios cearenses em situação de emergência, doenças relacionadas à estiagem são comuns. Segundo nota da Secretaria da Saúde do Estado (Sesa), a estiagem é “relevante” na ocorrência de doenças diarreicas agudas (DDAs). No Ceará, até junho, foram confirmados 168.299 casos. Não há informação de óbitos, mas 14 municípios somaram 77 surtos. Ressalva-se que esses são os casos que chegaram à rede de assistência e foram oficialmente notificados. Porque muitos (como os Vieira) tratam a diarreia com medidas caseiras. Em todo 2012, tinham sido 115.014 confirmações de DDA no Ceará.

O documento da Sesa indica ainda que o quadro atual “contraria” a situação dos últimos 13 anos, quando o problema aparecia no período de chuva. Choró, na Região dos Inhamuns, teve surtos porque muitas famílias consumiram água sem qualquer tratamento, indica a coordenadora de vigilância epidemiológica da cidade, Juliana Nunes. Quando choveu, muitos consumiram a primeira água a entrar na cisterna – o que não é indicado, já que, com ela, vem a sujeira acumulada no telhado da casa. A situação repercutiu no hospital da cidade. Em uma semana, chegaram a ser registrados 75 casos de DDA. Foram 11 surtos no município. Alguns cacimbões da comunidade de São Gonçalo ainda têm água, mas o nível baixo preocupa o filho de dona Elza, o agricultor Mauro Vieira, 54. “A água ta fazendo medo a gente. Se secar, da onde vai tirar?”. Apesar de escura e habitada por sapos, é do cacimbão que muitos moradores tiram a água de beber. “Tira e só faz coar”.

Coar também é o único cuidado que a agricultora Maria Isabel Moreira, 41, tem com a água que ela e os 12 filhos bebem. É tirar a água do rio Curu, que passa bem perto da comunidade Pantanal, em São Luís do Curu (Litoral Oeste), colocar um pano cobrindo a boca do pote e despejar a água. Com o pano, crê Maria Isabel, filtram-se “os micróbios” e pode-se beber. O pano, para ela, “tira” o que é deixado no rio pelas lavagens (de roupa a bicho). “Minha filha de 6 anos é doente do rio, por causa dessa água”, reconhece Maria Isabel. Genice, ela comenta, tem 6 anos e 15 quilos – peso de crianças de cerca de dois anos. Mas destinar R$ 3,50 para comprar água mineral, como fazem alguns vizinhos, é impensável para a agricultora. E botar cloro na água do pote não é hábito por ali. “O gosto fica ruim”, cita a mãe.

A água que seria ideal para a artesã Francisca Pereira da Silva, 53, é a da chuva. Mas neste ano ela foi escassa no distrito de Holanda, em Tamboril. Com a “quentura” e a “trocação de água” (“bebe água da chuva num dia e em seguida outra água”, explica dona Francisca), deu dor de barriga em todos os moradores. “Foi uma epidemia”, define a agricultora Francisca Azevedo, 25. O sonho da Francisca artesã é, um dia, não depender mais de cacimbão ou pipa e garantir água boa. Seria o fim de micoses, dores de barriga, doenças. “Se tivesse… Como a gente queria!”, sorri.

O POVO Online


Prefeito renuncia ao cargo por causa de salário baixo em Paranapanema


Como prefeito, Márcio Faber recebia R$ 5,8 mil. Político é médico ginecologista e recebia anteriormente R$ 30 mil do G1 Itapetininga e Região

Márcio Faber, de 35 anos, renunciou cargo. O prefeito de Paranapanema (SP), Márcio Faber, renunciou o cargo na manhã desta quarta-feira (30). O anúncio oficial foi feito através de um ofício encaminhado para a Câmara de Vereadores. Segundo o diretor administrativo, Luiz Antônio Galvão, na noite desta terça-feira (30), Faber reuniu os secretários e assessores em uma reunião para falar explicar sua decisão. Segundo ele, um dos principais motivos da renúncia é que o salário que recebia como prefeito seria muito baixo em relação ao seu salário anterior. Márcio Faber é medico ginecologista. Antes de assumir a prefeitura, atendia no Hospital Municipal de Paranapanema e em unidades de pronto-socorro da região. Ainda segundo Galvão, a renda média de Faber como médico seria de R$ 30 mil, já como prefeito ele recebia R$ 5.800.

Segundo o presidente da Câmara de Vereadores, Leonardo de Araújo (PSDB), a decisão não foi uma surpresa. Em entrevista ao G1 Itapetininga e Região ele afirmou que desde o último sábado (27) ouvia boatos de que o prefeito renunciaria. “Nós ouvimos rumores de que isso poderia acontecer, mas só recebemos o ofício hoje”, afirmou.

Ainda segundo Araújo, os motivos que o levaram a tomar essa decisão não foram explicados no documento. O presidente da Câmara também convocou uma sessão extraordinária para às 16h desta quarta-feira para empossar o vice de Faber, Antônio Nakagawa como atual prefeito de Paranapanema.

Fonte: Agência Estado


Papa pede respeito mútuo entre cristãos e muçulmano



Cidade do Vaticano – O papa Francisco pediu no último dia 11 de agosto a muçulmanos e cristãos para que promovam o “respeito mútuo”, ao incluir na oração semanal do Angelus uma saudação aos muçulmanos que celebram o fim do mês sagrado do Ramadã.

“Quero enviar uma saudação aos muçulmanos de todo o mundo, nossos irmãos, que há pouco tempo celebraram a conclusão do mês do Ramadã”, disse o papa aos fiéis presentes na Praça de São Pedro para a oração semanal.

“Espero que cristãos e muçulmanos se empenhem na promoção do respeito mútuo, especialmente por meio da educação das novas gerações”, declarou, na segunda mensagem aos muçulmanos. No último dia 2, o papa enviou um texto aos religiosos, pedindo para que "ambas as religiões evitem críticas injustificadas ou difamatórias”.

Na oração deste domingo, Francisco se dirigiu aos católicos para pedir que “amem Deus”, que “tem um nome e uma cara, que se chama Jesus Cristo”. “É esse amor que dá valor e beleza a todas as coisas: a família, o trabalho, o estudo, a amizade, a arte e toda a atividade humana”, disse.

Agência Brasil e Agência Lusa


Datafolha – Dilma melhora popularidade, mas só Lula venceria no 1º turno


Assim como a popularidade, a presidente Dilma Rousseff (PT) recuperou também a intenção de voto, de acordo com pesquisa Datafolha divulgada na edição dominical da Folha de S.Paulo. No cenário mais provável, tendo como adversários Marina Silva (Rede), Aécio Neves (PSDB) e Eduardo Campos (PSB), Dilma tem 35% das intenções, ante 30% na pesquisa anterior, de junho, seguida pela ex-ministra do Meio Ambiente. Marina tem 26% da preferência, três pontos acima dos 23% da pesquisa anterior. Aécio recuou 17% para 13% e o governador pernambucano Eduardo Campos variou de 7% para 8%. Mesmo com a reação, Dilma ainda enfrentaria um segundo turno, nesse caso com Marina, se as eleições fossem hoje. A soma de votos brancos, nulos e dos que não votariam em qualquer candidato atingiria 13% e outros 5% dos ouvidos não sabem em quem votar.

O Datafolha traçou ainda cenário com a candidatura de José Serra (PSDB) e com a inclusão do também tucano Aécio para avaliar o posicionamento do ex-governador paulista, cujo futuro ainda é incerto. Nesse caso, Dilma teria 32%, no seu pior posicionamento entre as avaliações, Marina 23%, Serra 14%, Aécio 10% e Campos 6%.

Com a entrada do presidente do Supremo Tribunal Federal (STF) Joaquim Barbosa no páreo, que teria 11% dos votos, ante 15% no levantamento anterior, Dilma teria 33% das intenções, Marina 22%, Aécio 12% e Campos 6%. Brancos, nulos e nenhum candidato somados chegariam a 11% e 5% não saberiam em quem votar.

Dilma mantém 32% das intenções de voto também no cenário análogo, mas com Serra substituindo Aécio. O ex-governador paulista aparece com 15% dos votos nessa avaliação, o melhor cenário da pesquisa para o tucano. Na disputa aparecem ainda Marina em segundo lugar, com 21%, Joaquim Barbosa com 11% e Campos se sustenta com 5%.

Lula

Outro destaque da pesquisa é o posicionamento do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que venceria em primeiro turno, com 51% dos votos, o que representa um avanço de cinco pontos em relação à pesquisa de junho, quando tinha 46% das intenções de voto. Esse cenário de vitória sem segundo turno se configura na disputa com Marina, que ficaria com 20% dos votos ante 19% da pesquisa anterior, seguida da Aécio, cuja intenção de voto caiu de 14% para 11%.

Com Agências


A humildade triunfa - Por Antonio Morais


"Orgulho, pra que? Se a humildade triunfa! Engula o seu orgulho. O orgulho é o inimigo numero um da humanidade. Temos dois exemplos de comportamentos antagônicos. Francisco de Assis, que abdicou dos prazeres do mundo, trocando a fortuna pela pobreza e pela solidariedade, é bem o que se pode chamar de exemplo de humanidade. Suas palavras, cheias de puro amor, ecoam ainda hoje em todo mundo, quase novecentos anos depois de sua morte. A oração a ele atribuída é uma das belas paginas da literatura mundial. Ele se coloca dentro da dimensão de sua pequenez humana e recorre a Deus, pedindo que haja “amor onde houver ódio; que haja paz onde houver intriga: que haja luz onde houver trevas” e caminha por aí, pedindo o que for de melhor para seu próximo.
Seu espírito de doação emociona quando ensina que “é dando que se recebe e que é morrendo que se nasce para a vida eterna”.

Claro, Francisco de Assis é Francisco de Assis e nem todos poderiam ser iguais. Assim como houve Francisco de Assis, houve também apenas um Benito Mussolini, embora este ultimo tenha encontrado centenas de outros muito parecidos no comportamento. Contrastando com a humanidade franciscana, a Historia nos mostra, de corpo inteiro, o orgulho mussoliniano. Não vamos discutir aqui os benefícios que possa ter feito para sua gente. Mas se um governante é louco, pode levar seu povo à loucura. E isso aconteceu na Itália durante a segunda guerra mundial que acabou transformando a humanidade.

O orgulho de Mussolini era tão grande que sua megalomania falou mais alto que os interesses italianos. Seu grande erro e desastre total para seu povo foi à submissão a outro louco chamado Adolfo Hitler, de cuja memória se envergonha a espécie humana. Mussolini mandou cunhar medalhas e imprimir folhetos com sua fotografia, no mesmo estilo de sempre, onde aparecia com ar de poderoso, sem conseguir, no entanto esconder sua empáfia, com as palavras que revelavam toda sua mania de grandeza. No verso de sua efígie ou de sua fotografia, estava escrito: Se eu avançar, segui-me; se eu morrer, vinga-me; se eu trair, matai-me. Na verdade, depois de muitos sacrifícios e humilhações, a Itália não seguiu a Mussolini que ainda tentou avançar. Benito Mussolini, que arrastara seu pais a uma aliança desastrosa com a Alemanha hitleriana, não foi vingado, muito pelo contrario, foi morto por sua própria gente que o linchou e o pendurou num poste ateando fogo ao cadáver.

Toda empáfia, todo orgulho e toda a pseudo-grandeza do simples professor primário que se transformou no maior ditador europeu por mais de vinte anos, acabaram confirmando o pensamento de Young “Aqui Jaz”. Sua memória é hoje lembrada com tristeza porque a seu povo ele fez mais mal do que o bem. Enquanto a humildade triunfa, o orgulho leva a nada, e todos, um dia, estaremos sob uma pedra fria enfeitada por um apitafio com as indefectíveis palavras: aqui Jaz".

Antonio Morais - Blog do Sanharol - Rede Blogs do Ceará


Sociedade Cratense - Casamento de Haoni Caiena e Luana Macário de Brito



Enfim sós - Haoni Caiena e Luana Macário - Foto de Samuk Gregório

"Em sociedade, de tudo se sabe", já dizia o grande Ibrahim Sued. O fim-de-semana em Crato foi bastante movimentado, com diversos eventos, desde a Conferência Municipal de Cultura, exposições de arte, apresentação da orquestra da Solibel, fatos que já foram abordados aqui no Blog do Crato em outras reportagens. Mas o que eu quero mesmo é ressaltar um evento que para mim tem um apreço especial e até pessoal: A união em matrimônio de dois grandes amigos que eu conheci ainda crianças ( Não é que eu esteja ficando velho, rs  ), mas eles cresceram rápido demais! 

Haoni Caiena, um menininho inteligente que em 1997, quando Eu, Josane Garcia e Sérgio Ribeiro desenhávamos a primeira página do Crato na Internet, no tempo do saudoso prefeito Raimundo Bezerra, contribuiu ainda com muitas sugestões importantes ( E olha que na época ele tinha apenas 7 anos ). Quantas vezes, varamos noites trabalhando naquele projeto, que teve inclusive a participação, ou melhor, a supervisão do memorialista Huberto Cabral, para nossa honra! E este rapazinho foi crescendo em tamanho e conhecimento; Tenho orgulho de dizer que hoje é um dos grandes profissionais de informática do Cariri, mas sempre permaneceu com seu caráter firme, nunca deixou de ser uma pessoa simples, um coração bom, sempre disposto a ajudar quem o procura, para os quais, não mede esforços. 

Haoni Caiena é um desses raros seres humanos que merecem toda a consideração da população da nossa cidade, pelo profissionalismo, pela competência e pela honestidade. Este eu posso contar no hall das pessoas a quem posso chamar de amigo. 

A nossa querida Luana Macário, da mesma forma. Filha do artista plástico e nosso "companheiro" velho de lutas George Macário de Brito, ( também neta de Humberto Macário ), Luana é também uma pessoa de grande inteligência em várias áreas do conhecimento, inclusive para a fotografia ( está no sangue da família ). Quero destacar que Luana esteve à frente da Fundação J. de Figueiredo Filho recentemente, buscando preservar as obras do Museu histórico, quando catalogou e fotografou mais de 700 obras registrando uma por uma num enorme banco de dados que foi entregue 3 cópias: uma a um promotor de justiça, outra à secretária de cultura Danielle Esmeraldo, e outra cópia à atual secretária Dane de Jade, a fim de que, estando em sua responsabilidade, todo o acervo do museu pudesse ter uma história de cada peça enquanto o prédio está em reconstrução. ( Cabe aqui um parêntesis: Embora, acabemos entrando em outro assunto, a população do Crato espera que a nova gestão possa enfim, concluir os trabalhos de restauração do prédio que abriga os museus ).

Como vimos, um casal de destaque na sociedade cratense, e desejamos que a sua descendência seja grande e suas vidas sejam longas e prósperas. E quem sabe, logo logo, não teremos o prazer de divulgar aqui no Blog a notícia de que o primeiro filho do casal vai estar a caminho ? 

Ao belo casal, o nosso sincero desejo de amor e felicidade. Que a tolerância, paciência, os trabalhos e a soma de todas as virtudes contribuam e influenciem na grande vida que o casal tem pela frente, e que o criador os abençoe nesta incrível e maravilhosa jornada.



O casamento, que aconteceu no Buffet Lagarta Pintada, contou ainda com a participação da orquestra Sonata.




Acima, os pais de Haoni Caiena, Sérgio Ribeiro Bastos e Josane Garcia


Feliz é quem tem amigos e faz novos amigos!


E olha quem estava também na festa, o famoso "Parente" da CDL, e o nosso querido amigo Ernani Brígido, brilhante advogado e ex-procurador do município de Crato.


Fotos do perfil de Haoni Caiena, Luana Macário e Josane Garcia ( fotos de Samuk Gregório ? )

Por: Dihelson Mendonça



Edições Anteriores:

Dezembro ( 2017 ):

01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 30