xmlns:fb='http://www.facebook.com/2008/fbml' xmlns:og="http://opengraphprotocol.org/schema/"> 16/11/2012 | Blog do Crato
.

VÍDEO - ÚLTIMAS NOTÍCIAS - Prefeito do Crato é escolhido um dos melhores prefeitos do Ceará pela PPE Eventos, em Fortaleza. ( 09-11-2017 ).
Estamos de volta com as transmissões da TV Chapada do Araripe ( E agora, com alguns programas ao vivo ). Serão vários programas abordando temas diversos, como a realidade da nossa região, do Ceará e do mundo; Programas científicos, atualidade, entrevistas, e transmissão de eventos ao vivo. ( Veja o vídeo e compartilhe ). www.tvchapadadoararipe.com



Comunidade Cratense no Facebook - Mais de 25.000 seguidores. Clique em Curtir e adicione a sua Foto !

16 novembro 2012

Governo Federal investe menos de 1% nas cadeias


Classificados pelo ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, como "medievais", os presídios brasileiros receberam menos de 1% do valor de investimento previsto na Lei Orçamentária Anual (LOA) deste ano. Ao se considerar os cinco programas do Fundo Penitenciário Nacional (Funpen) cuja destinação é a recuperação e a construção de novas unidades, nota-se que pouco do total de R$ 277,5 milhões saiu dos cofres dos governo federal - apenas R$ 2.579.776,61.

O Funpen, gerido pelo Departamento Penitenciário Nacional (Depen), foi criado em janeiro de 1994, com o objetivo de proporcionar recursos e meios para financiar e apoiar as atividades de modernização e aprimoramento do sistema penitenciário. Os recursos devem ser aplicados na construção, reforma e ampliação dos estabelecimentos penais, bem como na formação, aperfeiçoamento e especialização do serviço penitenciário e demais custos do sistema.

De todo o dinheiro disponível neste ano - R$ 435.267.845,00, o que inclui os chamados restos a pagar de orçamentos de anos anteriores -, apenas 19,87% foi gasto até a última terça-feira (13). Os dados são do Sistema Integrado de Administração Financeira (Siafi) levantados pela organização não governamental Contas Abertas a pedido do Estado.

Promessas não cumpridas

A construção da quinta penitenciária federal, que já fazia parte das promessas do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, tem R$ 27,5 milhões para utilizar. Desse total, apenas R$ 21 mil foi empenhado, mas nada pago. O programa que deveria investir R$ 1 milhão na adequação física de penitenciárias federais, segundo o orçamento previsto para este ano, também não teve nada investido. Para a modernização e aparelhamento do sistema penitenciário federal, 10% saiu do caixa do Funpen.

Parte do discurso da presidente Dilma Rousseff durante a campanha eleitoral de 2010, a parceria do governo federal com os Estados na manutenção e recuperação dos presídios estaduais quase fica na promessa. Somente 0,5% dos cerca de R$ 239 milhões destinados a apoiar a construção de estabelecimentos penais estaduais foi pago. Quando se fala em modernização e aparelhamento de estabelecimentos penais nos Estados, 16,67% saíram dos cofres do Funpen, cerca de R$ 5,1 milhões.

A recuperação social de presos também foi alvo de críticas do ministro Cardozo. Mas o programa que visa a reintegrar os egressos não foge à regra dos baixos investimentos. Dos R$ 7,9 milhões destinados a ações de apoio a projetos de reintegração social do preso, internado e egresso, apenas R$ 353 mil foram aplicados.

Investimento

Procurado para comentar a execução orçamentária diversas vezes, o Ministério da Justiça não deu resposta às solicitações. A pasta destacou que a principal ação para melhorar o sistema é o Programa Nacional de Apoio ao Sistema Penitenciário, cujo investimento deve ser de R$ 1,1 bilhão até o fim do próximo ano. Em comunicado à imprensa a pasta destaca que já foram executados R$ 270 milhões no passado. Dados da execução orçamentária do Funpen, no entanto, apontam um investimento muito menor no sistema prisional no ano passado. De acordo com o Siafi, apenas R$ 91,4 milhões foram aplicados.

Responsável por promover mutirões carcerários, o Conselho Nacional de Justiça (CNJ) considera ruim a situação dos presídios brasileiros. Na sua avaliação, o sistema, além de ter instalações precárias, não consegue atender a demanda de casos, o que contribui para a superlotação, uma vez que permanecem presas pessoas que já deveriam ter sido soltas ou recebido progressão de pena - quando o detento recebe o benefício do sistema semiaberto. Em dois anos de mutirão, 42 mil presos receberam benefícios - 21 mil ganharam a liberdade e, os demais, progressão de pena. Desde o início do ano, o foco do conselho tem sido em auxiliar as varas a organizar o sistema de trabalho, o chamado projeto eficiência.

Foto: Colunistas.ig
Fonte: Estadão


Escritor Fortalezo-Cratense Nijair Pinto vence Concurso Nacional de Poesia


Um Fortalezense eminentemente Cratense e um prêmio Nacional

O escritor Nijair Pinto ( que inclusive já escreveu para o Blog do Crato e ainda hoje é colaborador ) venceu na cidade de Leopoldina, o 21° Concurso de Poesias Augusto dos Anjos. O concurso premiou também o melhor intérprete, o músico e compositor leopoldinense, Fabrício Manca.
Na noite desta quarta-feira, 14/11, foram premiadas as  melhores poesias participantes da 21ª edição do Concurso Nacional de Poesias Augusto dos Anjos, realizado pela Secretaria de Cultura, Esporte, Lazer e Turismo, em parceria com a ALLA – Academia Leopoldinense de Letras e Artes - e com o Museu Espaço dos Anjos. Durante a solenidade, as dez poesias finalistas foram declamadas e, após uma reunião dos membros da ALLA, responsáveis pelo julgamento das poesias, foi anunciada o nome da vencedora. Neste ano, a poesia vencedora foi Resposta doutra sombra, do poeta radicado na cidade de Crato, no Ceará, Nijair Araújo Pinto. Nesta edição, com um número recorde de inscritos, 738 no total, a disputa ficou muito acirrada e premiou com justiça um belo trabalho feito por um artista, afirmou a Secretária de Cultura, Rosângela Lima. 

Sobre o vencedor
Nascido em Fortaleza-CE, em 18 de junho de 1971, o escritor Nijair Pinto é filho de Raimundo da Silva Pinto e Maria Eloiza Araújo Pinto. Casado com Elisângela Martins Pinto. É pai de Laryssa Loá Martins Pinto e Loiane Loah Martins Pinto. Mora em Crato desde 2005 - cidade que adotou como segundo lar.
Diplomado pela Associação dos Diplomados da Escola Superior de Guerra - ADESG, bacharel em Direito - URCA e Especialista em Políticas Públicas - UECE. Está no posto de major do Corpo de Bombeiros e é doutorando em Ciências Jurídicas e Sociais pela Universidad deo Museo Social da Argentina, Buenos Aires.
Especialista em Matemática, pertenceu à primeira turma IME/ITA do Estado do Ceará, 1990 (Colégio Geo Studio). Atuou como professor de Matemática e Física de algumas escolar e cursinhos da capital e do interior.
Tem quatro livros publicados: "Memórias de Thi", "Crônicas e mais um conto", "Anversos de um versador" e "Crochê de palavras" - este último lançado dia 17 de outubro no Colégio Militar do Corpo de Bombeiros e dia 12 de novembro de 2012, na X Bienal Internacional do Livro de Fortaleza, pela Editora Premius. Músico, lançou o CD solo "Claustro" e o CD "Alegria, alegria", com a banda La Scène, de Fortaleza. Estudante de Engenharia Civil - UFC, pretende retomar o curso e o concluir, depois do doutorado.

Nós do Blog do Crato, site que sempre exaltou os grandes valores do ser humano e valoriza o intelecto e a capacidade humanas, não poderíamos estar mais felizes por esta premiação muito merecida. Em tempo oportuno faço questão de publicar aqui o poema que foi vencedor deste importante concurso nacional. Vejam que neste ano, tivemos 738 inscritos; 738 poetas, e o Nijair Pinto tirou o primeiro lugar. Não é para qualquer um...

Parabéns, Major Nijair Pinto! 
Honra ao mérito.

( E lembrando que o Nijair está de livro novo na praça, intitulado Crochê de Palavras, um trabalho belíssimo que inclusive leva na capa uma foto da minha autoria e já foi destaque na TV Verdes Mares Cariri  ).

Dihelson Mendonça
Com informações do site Jornal Leopoldinense


Crato promove 4ª edição da Guerrilha do Ato Dramático


Durante o período acontece uma fusão entre as companhias recém-criadas e as veteranas

Crato. Está sendo realizado até o próximo dia 25, a quarta edição da "Guerrilha do Ato Dramático Caririense". Ao todo, são mais de 20 grupos de teatro que estão se apresentando no Crato. Os espetáculos acontecem nas ruas, teatros, praças públicas ou em qualquer outro espaço que comporte os espectadores e os artistas. Este ano, a "Guerrilha" teve início no último dia 3.

O espetáculo "A Guerrilha" favorece o surgimento de atores da região do Cariri FOTO: YACANÃ NEPONUCENA. Para os organizadores, o evento já está consolidado como sendo um das principais oportunidades para exibição dos trabalhos, como um mutirão de grupos regionais de dança, teatro e circo.

Fusão

Durante o período acontece uma fusão entre as companhias recém-criadas e as veteranas. Em cena, os artistas renovam o gosto pelas artes cênicas e oferecem à plateia uma diversidade de estéticas. Este ano, a "Guerrilha" inaugurou concretamente o processo de intercâmbio com outras regiões do País. Dois dos espetáculos vieram de Fortaleza e de Serra Talhada, no interior de Pernambuco. Neste sentido, está sendo celebrado um ambiente de diálogo entre as experiências artísticas e o fortalecimento da circulação das apresentações, além do escoamento das produções. Devido ao grande número de inscrições para participar do movimento, foi necessária a criação de uma curadoria especial, que selecionou 23 das mais de 40 performances. Estima-se que aproximadamente seis mil pessoas confiram as exibições. Nesta edição, os espetáculos que tiveram grande sucesso de público nos anos anteriores conseguiram garantir espaço, a exemplo da peça "Esperando comadre Diana", "A comedia da Maldição", "Caboré", "A donzela e o cangaceiro" e "As irmãs castanholas".

Perfil

O perfil do público que confere as peças é formado, geralmente, por estudantes, profissionais de artes cênicas, turistas e comunidade regional. O movimento contempla os gêneros do drama, comédia, tragicomédia, dança e circo. Entretanto, a preferência dos espectadores é pelos gêneros da comédia e infantil. A "Guerrilha" tem o diferencial de não ser apenas um evento limitado ao começo, meio e fim. Contudo, prima-se na sequência das produções das companhias regionais, que ao longo do ano realizam pesquisas e elaboram novas encenações. Durante "A Guerrilha", os artistas trabalham em sistema de cooperativismo, onde cada companhia entra com sua obra como capital, fazendo jus a participação na renda da bilheteria.

Formato

Esse formato foi criado em função da ausência de patrocínios para os cachês. Atualmente, a principal dificuldade dos grupos culturais do Cariri ainda é a limitação de recursos para a elaboração das produções. Devido ao processo eleitoral, que foi concluído recentemente e seguindo às reivindicações a nível nacional, os artistas que participam do ato estão defendendo a bandeira de criação de fundos municipais para a cultura, com destinação de 2% da arrecadação dos municípios e acesso democratizado pelas políticas de editais.

De acordo com o dramaturgo Cacá Araújo, "A Guerrilha" favorece o surgimento de atores locais, como ele próprio, Emanoel Nogueira e Joylson Kandhare, contribui para a educação e desenvolvimento cultural da população, gera novas demandas e por isso deve ser valorizado. Segundo ele, os custos das produções são altos e em nenhuma ocasião a arrecadação da bilheteria supre os valores e com relação aos cachês pagos por instituições como o Centro Cultural Banco do Nordeste(CCBNB), Sesc e Dragão do Mar são ínfimos, segundo os organizadores. Uma nova mudança na oferta do espetáculo surgiu a partir da insatisfação e cobrança do público quanto ao pequeno número de apresentações de artes visuais que aconteciam na região. Além disso, havia a recusa das participações de alguns grupos em grandes eventos da área que eram realizados. Assim, em sinal de protesto, ainda em 2009, os artistas reuniram-se para criar um movimento alternativo de afirmação que contemplasse o anseio popular por outras iniciativas artísticas.

"A Guerrilha do Ato Dramático Caririense", que é uma realização da Sociedade Cariri das Artes e Companhia de Teatro Brincante, em parceria com a Sociedade de Cultura Artística do Crato, tomou proporções maiores e hoje envolve mais de 300 atores, encenadores, produtores, dramaturgos e pesquisadores. A expectativa dos envolvidos é pela conquista de uma maior identificação do grande público e da afirmação da identidade cultural caririense.

Mais informações:
Teatro Rachel de Queiroz
Rua Dom Quintino Centro
Município do Crato
Telefone: (88) 3523.2168

YACANÃ NEPONUCENA
Repórter do DN

VÍDEO - TV CHAPADA DO ARARIPE - Entrevista com o Artista Don Tronxo no Cariri


TV Chapada do Araripe - O Repórter Wilson Bernardo entrevista o músico Don Tronxo


VÍDEO - FATOS EM FOCO - Don Tronxo - O programa FATOS em FOCO apresenta uma entrevista com o cantor Don Tronxo, autor de músicas conhecidas do público, gravadas por Alceu Valença, Zé Ramalho, Geraldo Azevedo, dentre outros...

Don Tronxo, cujo nome de batismo é João Fernando, é uma dessas lendas urbanas. Nasceu em João Pessoa, mas cedo se radicou nas swingings Recife e Olinda dos efervescentes e produtivos anos 1970. Foi quando Don enturmou-se com a rapaziada da cena de música local e iniciou uma profícua parceria com Alceu Valença e Lula Cortes, dois ícones da MPP - Música Popular Pernambucana. Entre outras peripécias, tocou guitarra no lendário disco Paêbirú, de Lula Cortes e Zé Ramalho, lançado em 1975. Desse disco, também participaram Alceu Valença e Geraldo Azevedo.

Nessa época Don Tronxo tomou conhecimento da cultura do Cariri cearense através de Abidoral Jamacaru e, desde então, sempre alimentou o desejo de conhecer essa região. Desejo esse que vai se realizar em breve. Don Tronxo tem uma apresentação no Crato marcada para o próximo dia 17 de novembro. O local será o aprazível recanto do Restaurante Chico da Cascata, no sopé da Chapada do Araripe. Será mais do que um show - uma verdadeira celebração musical, com a participação de músicos, cantores e compositores do Cariri cearense.

Texto de Carlos Rafael Dias

www.tvchapadadoararipe.com
www.blogdocrato.com



A Ativista Cultural Dane de Jade - Prêmio Cláudia 2012 - é cotada para ser a nova secretária de Cultura do Crato



A notícia foi ventilada no perfil do vice-prefeito Raimundo Filho e postada inclusive uma foto do prefeito eleito Ronaldo Gomes de Matos conversando com a ativista cultural Dane Jade.

Quem é Dane de Jade

"A força do Cariri. É assim que mestres da cultura popular da região ao sul do Ceará definem Dane de Jade, 45 anos. Desde a juventude, a gestora cultural trabalha para dar visibilidade aos cantores e dançarinos de manifestações folclóricas locais, como reisado, banda cabaçal, maneiro-pau, lapinha e guerreiro. “Luto para que tradições riquíssimas sejam preservadas e perpetuadas”, afirma. Em 1999, Dane idealizou o mais importante festival de cultura do estado, a Mostra Sesc Cariri, que está hoje em sua 13 a edição. Durante sua realização, grupos de teatro nacionais e estrangeiros se apresentam em cerca de 20 municípios da região. Também são promovidos debates literários, exposições de arte e oficinas. “Proporcionamos um intercâmbio entre a cultura popular e a arte contemporânea”, afirma ela.

Enquanto artistas de todo o país tomam conta dos palcos, mestres populares e seus grupos se apresentam nos “terreiros” – o quintal da casa deles –, localizados nas comunidades mais carentes das cidades. “Levamos o público até lá para despertar nos moradores o sentimento de pertencimento à tradição”, explica. “Eles passam a ter orgulho de seus mestres e tradições, e os pais se sentem seguros ao ver os filhos envolvidos com sua cultura.” Dane trabalha desde 1998 no Sesc Ceará, do qual já foi gerente regional responsável pela programação cultural do estado e hoje é consultora. Já desenvolveu diversos projetos, como o Sesc Cordel, a Cultura de Raiz, a Mostra Sesc da Música Cearense e a de Arte Naïf. Ela também é fundadora da Beatos, ONG com sede no Crato, sua cidade natal, de onde vêm muitos dos mestres que se apresentam e dão oficinas durante os eventos de resgate que ela organiza."


Nota do Editor: A ativista Dane de Jade seria um excelente nome, talvez até consenso entre os artistas, para ocupar a secretaria de cultura do município de Crato. Ela possui uma história de vida dedicada à cultura, fartamente documentada, e principalmente no setor da cultura popular. Recentemente, venceu na categoria cultura do prêmio Cláudia 2012.

Por: Dihelson Mendonça
Com informações e foto de Raimundo Bezerra Filho
e site: premioclaudia.abril.com.br

www.blogdocrato.com
Há 7 nos, o Crato na Internet

Conselheiros abandonam situação na OAB do Ceará para apoiarem Erinaldo Dantas


Cerca de um terço do Conselho Seccional e dois terços dos conselheiros federais da OAB cearense abandonaram o candidato e atual presidente da entidade, Valdetário Monteiro. Praticamente todos se uniram em torno de Erinaldo Dantas, em um movimento de renovação. Na campanha anterior, Valdetário condenou a possibilidade de reeleição (Clique aqui para ver) e firmou em cartório o compromisso de apoio a outro nome.

O Ceará tem perto de 13 mil advogados aptos a votar — 3 mil deles no interior. São 12 subseções. A penalidade imposta para quem não participar do pleito é uma multa de 200 reais. A eleição será na segunda-feira, dia 19.

A gestão de Valdetário aprovou um regulamento eleitoral que proíbe a campanha eleitoral com vedação a outdoors, santinhos, adesivos em automóveis (com mais de 10 cm X 20 cm) e até bebidas em festas de lançamento e confraternização de chapas — mesmo que seja refrigerantes.

Valdetário Monteiro encabeça a chapa “Mais OAB Para Você”, oferecendo como candidatos basicamente os mesmos dirigentes atuais em cargos trocados. O atual vice-presidente, Júlio Ponte concorre ao comando da Caixa de Assistência. O atual secretário-adjunto, Ricardo Bacellar, concorre à vice-presidência. Para a vice-presidência da Caixa concorre o atual tesoureiro, Cristiano Alencar. O conselheiro Marcelo Mota disputa o cargo de tesoureiro. Para o Conselho Federal são indicados Cândido Albuquerque, Valmir Pontes e Danilo Mota, o único dos atuais conselheiros que não debandou para a oposição.

A chapa “Renova OAB”, que tem Erinaldo Dantas à frente, concorre com Helio Winston para vice-presidente; Darlene Braga para a Secretaria-Geral; Said Gadelha para secretário-adjunto; e Renato Lima para tesoureiro. Concorre à presidência da Caixa de Assistência, Edson Santana. Para o Conselho Federal são indicados Caio Rocha, Hélio Leitão e Feliciano de Carvalho Júnior.

Via Lindomar Rodrigues



Governo do Ceará anuncia aumento e benefícios para professores

O governo do Ceará anunciou nesta quarta-feira (14) aumento e benefícios para o salário de professores da rede estadual de ensino. Segundo a Secretaria de Educação, o maior aumento será dado aos professores no início de carreira, que será de 40%; especialistas terão aumento de 12% e os temporários, de 10%.

Com o ajuste, o salário de professores iniciais passa de R$ 1.310,77 para R$ 1.872,59. Ainda de acordo com o governo do estado, em dezembro de 2012, haverá pagamento de 8% referente à diferença dos 25% de hora atividade implantada. Para o presidente do Sindicato dos Professores do Estado do Ceará, Anízio Melo, a proposta deve evitar greves da categoria neste ano. "No ano passado houve greve porque teve demora nas negociações, mas com essa antecipação, a categoria fica mais tranquila", diz.

Concurso

Em 2 de novembro, o governo do estado havia anunciado que iria lançar edital ainda em 2012 para contratação de professores de ensino médio. De acordo com a secretária de Educação do Ceará, Izolda Cela, serão 3 mil vagas para professores efetivos. Os aprovados no concurso devem ser chamados no primeiro semestre de 2013. A secretária diz que ainda não há confirmação da data de exames ou remuneração, mas o edital deve ser publicado em novembro. Os professores contratados por meio deste concurso, segundo Izolda Cela, devem substituir os docentes temporários da rede pública de ensino do governo do estado.

G1/CE
Apeoc (Foto: Apeoc/Divulgação)


Anatel suspende promoção da TIM por temor de sobrecarga


A Anatel decidiu suspender uma nova promoção da TIM que oferece chamadas locais ilimitadas por R$ 0,50 por dia. A decisão deve ser publicada no "Diário Oficial" da União de sexta-feira (16) ou de segunda-feira (18).

"O viés da suspensão não é o preço da promoção e sim o impacto que isso poderá ter na qualidade da rede.", afirmou o presidente da Anatel, João Rezende. Segundo Rezende, a TIM não apresentou à agência quais seriam os impactos da ação no serviço. A reportagem apurou que outro motivo que levou à suspensão foi o temor de que mais operadoras seguissem a promoção, causando uma sobrecarga no sistema e novas quedas no serviço de telefonia do país, o que traria desgaste à Anatel.  A má qualidade dos serviços levou o órgão regulador a suspender a venda de três operadoras em julho deste ano, mas a agência autorizou que voltassem a comercializar seus produtos pouco tempo depois após as empresas aceitarem investir na qualidade de suas redes.

A mais punida

A TIM foi, naquela ocasião, a operadora mais punida e, assim como as demais empresas, ainda não cumpriu todo o plano de melhoria de sua rede definido pela agência. Isso torna, na avaliação de técnicos, um motivo para que seja proibida de lançar uma nova promoção ainda mais agressiva do que o plano Infinity, que a levou a ter problemas inicialmente. A reportagem apurou que a Anatel avisou a TIM ontem sobre a decisão numa tentativa de que a operadora recuasse do novo plano. Mas a empresa encaminhou uma espécie de folder da promoção como resposta.
Na promoção suspensa, chamada de "Infinity Day", a primeira chamada local entre celulares da TIM custaria R$ 0,50 e as demais seriam gratuitas e ilimitadas. A promoção da operadora foi oferecida em algumas cidades do país. No plano Infinity, a operadora cobrava R$ 0,25 por ligação.

Procurada pela reportagem, a TIM informou, por nota, que "foram transmitidas para a agência todos os detalhes técnicos e mercadológicos da iniciativa, que é limitada em 19 cidades para oportuna análise conforme regulamentação em vigor".

DN Online

Bebedeira termina em morte no Cedro


Uma bebedeira na zona rural de Cedro, a 400 km de Fortaleza, terminou na morte de um homem a facadas na madrugada de quarta (14) para esta quinta-feira (15), feriado da Proclamação da República.

De acordo com a Polícia, eram por volta de 2h da madrugada quando José Aprígio de Sousa Neto, 33 bebia na casa de Deilson Pereira da Silva, 25, em um sítio na zona rural. Em determinado momento os dois se desentenderam e o dono do sítio, em posse de uma faca, desferiu cinco golpes em José Aprígio, que morreu no local. O acusado fugiu em seguida e está foragido até o momento. A polícia foi acionada, entretanto, não tem pistas ainda sobre o paradeiro do acusado e encontra-se em diligências na tentativa de localizá-lo.

Portal Verdes Mares

Padre haitiano diz que tráfico de pessoas sustenta imigração ilegal para o Brasil


A imigração ilegal de haitianos para o Brasil pode ser caracterizada hoje como tráfico de pessoas. A avaliação é do padre haitiano Onac Axenat estabelecido no Acre, estado que há dois anos  mais recebe imigrantes sem visto.

O missionário da Sociedade dos Sacerdotes de São Tiago (SSST), da Igreja Católica, disse à Agência Brasil que os haitianos gastam até US$ 4 mil, por pessoa, para se submeter a uma “rede de tráfico” composta por vários coiotes que atuam em seu país. “Alguns [dos imigrantes] venderam tudo no Haiti. A promessa era de que receberiam salários no Brasil entre US$ 1 mil e US$ 2 mil”.

Axenat chegou ao país em 2010, pouco depois do terremoto que atingiu a capital haitiana, Porto Príncipe, e tem atuado no apoio psicológico aos imigrantes ilegais. Para ele, como compatriota e sacerdote é mais fácil fazer com que essas pessoas contem o que passaram e como chegaram ao Brasil.

Um fato que chamou a atenção do missionário foi a mudança de postura dos haitianos que se submeteram às viagens promovidas pelos coiotes. Ele disse que os primeiros a chegar, em 2010, eram mais “abertos e alegres”. Aos poucos eles foram se fechando e nem a ele contam o porquê da alteração de comportamento.
Agência Brasil


Edições Anteriores:

Novembro ( 2017 ):

01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30