xmlns:fb='http://www.facebook.com/2008/fbml' xmlns:og="http://opengraphprotocol.org/schema/"> 11/08/2012 | Blog do Crato
.

VÍDEO - VÍDEO DE LANÇAMENTO - Em breve, as novas transmissões TV Chapada do Araripe. Espero que curtam o vídeo de lançamento abaixo, em que há uma pequena retrospectiva de alguns trabalhos, reportagens já feitas ao longo dos muitos anos que fazemos reportagens. ( Veja o vídeo e compartilhe ). www.tvchapadadoararipe.com



Comunidade Cratense no Facebook - Mais de 24.000 seguidores. Clique em Curtir e adicione a sua Foto !

11 agosto 2012

Coluna Armando Rafael - 11 de Agosto de 2012


11 de agosto de 2012

Última coluna

Pois é. Depois de 4 anos esta coluna chega ao seu último número. Além de novo curso que estou enfrentando na Faculdade Católica do Cariri devo assumir – nos próximos dias – novo compromisso profissional, e a exiguidade de tempo poderia comprometer  a qualidade  que sempre foi característica e foco desta coluna, feita com notícias inéditas (ainda não divulgadas na imprensa regional) e de forma opinativa (fugindo dos parâmetros com "linguagem neutra" imposta pelas agências de  notícias na mídia). Para mim, valeu a pena esta experiência de colunista. Até porque – como dizia Fernando Pessoa – “Tudo vale a pena quando a alma não é pequena”.
Ficarei postando artigos diversos  e seguindo como um dos colaboradores deste Blog do Crato. Blog de todos nós...

Experiência-piloto

São onze os investimentos previstos  na experiência-piloto – leia-se:  Projeto Cidades do Ceará–Cariri Central –, iniciativa do Governo do Estado, para a Região Metropolitana do Cariri. A Conferir: 1) Construção do Aterro Sanitário na fronteira de Caririaçu com Juazeiro do Norte; 2)  Avenida do Contorno  em Juazeiro do Norte; 3)  Roteiro da Fé em Juazeiro do Norte; 4)  Recuperação Ambiental e Urbanização no Bairro Seminário, em  Crato;  5)  Requalificação das Praças Centrais  de Crato; 6)  Requalificação da Área Central  de Farias Brito; 7)  Centro Multifuncional de Serviços, em Juazeiro do Norte; 8) Serviços de Sinalização e Pavimentação do Centro Histórico de Barbalha; 9) Urbanização de vias urbanas nos municípios de Santana do Cariri, Nova Olinda, Caririaçu, Missão Velha e Jardim; 10)  Serviços de Sinalização Turística do Geopark Araripe e 11) Infraestrutura e Melhorias dos Geossítios do Geopark Araripe.

Balanço dessas obras


Juazeiro do Norte, como era previsto, foi o mais beneficiado nessa experiência-piloto. Em toda a Região Metropolitana do Cariri, alguns desses investimentos já foram realizados. Outros continuam em construção. É o caso do “Roteiro da Fé” (foto ao lado)  que vai causar forte impacto na Terra do Padre Cícero. Essa obra vai beneficiar  os trechos que os romeiros visitam naquela cidade. Investimento orçado em quase R$ 5 milhões de reais, o Roteiro da Fé foi iniciado em fevereiro e deverá estar concluído dentro de um mês.
Chique

Todo o piso das Praças dos Franciscanos, das Cacimbas e do Memorial está sendo trocado. Serão construídos, ainda, dois  calçadões: um entre a Basílica Menor de Nossa Senhora das Dores e a Capela do Socorro, e outro num trecho da Rua São José próximo a casa onde o Padre Cícero residiu. Esses trechos terão placas indicativas, bancos, nova iluminação e modernos projetos de jardinagem. Em resumo: Juazeiro do Norte está ganhando novo e chique visual.

Aguardando os demais investimentos


São poucas as obras da experiência-piloto que ainda  não foram iniciadas. Entre essas estão a Recuperação Ambiental e Urbanização no Bairro Seminário, em  Crato (foto à direita) e a Urbanização de vias urbanas nos municípios de Santana do Cariri, Nova Olinda, Caririaçu, Missão Velha e Jardim. 


Baixio em festa

No último dia 2, o pároco do município de Baixio – padre Weslley Barbosa Barros – entregou ao fiéis a nova Capela do Santíssimo Sacramento, totalmente ampliada e remodelada. Presidiu à solenidade o bispo diocesano de Crato, dom Fernando Panico. Uma curiosidade: Na inauguração da capela, dom Fernando usou uma cruz peitoral que pertenceu ao tio dele, o Cardeal Giovanni Panico, falecido há 50 anos. O Cardeal  foi Núncio (embaixador) do Vaticano em vários países. Nas fotos abaixo, primeira à esquerda, o Cardeal Giovanni Panico,  ao lado do Papa Pio XII, portando a cruz peitoral que foi presenteada a dom Fernando (visto na outra foto abaixo usando a mesma cruz, tendo ao seu lado o jovem padre Weslley Barros).

Pense num cenário

A Petrobrás sofreu um mega prejuízo de 1 bilhão e 300 milhões de reais no último trimestre; O crescimento do PIB brasileiro para 2012 sinaliza um índice menor de 2%, ou seja, outro “pibinho”; A inflação oficial, medida pelo IPCA (Índice de Preços ao Consumidor Amplo), registrou alta 0,43% em julho último. Considerando os últimos 12 meses, o índice cresceu 5,20%, superando a meta governamental para a inflação que é 4,5% para este ano; 360 mil funcionários da Policia Federal, Polícia Rodoviária, Receita Federal, Universidades Federais, Anvisa, dentre outras,  continuam em greve. E o crescimento do  desemprego ameaça os  acordos de renúncia fiscal... Pense!

Coisas desta República

Só mesmo no Brasil: a maior empresa deste país (que atua justo na área do petróleo) contabilizou o surpreendente prejuízo de R$ 1 bilhão e 300 milhões de reais no último trimestre. Tudo resultado do custo que foi  imposto à Petrobrás por um modelo de gestão que a levou à estagnação em suas duas áreas essenciais: a de exploração e produção e a de refino e abastecimento. Considere-se, ademais, que parte da baixa eficiência da Petrobrás foi atribuída ao fato de muitos poços perfurados pela estatal –  na área do pré-sal, o carro-chefe da propaganda dos governos do PT  –  foram encontrados... secos!

Burla midiática

Considerando que R$ 2 bilhões e 700 milhões foram  gastos pela Petrobrás na exploração de 41 poços secos – na área do pré-sal – num clamoroso  erro estratégico, chegamos à conclusão de que aquela foto de Lula na campanha eleitoral de 2010, quando o “Cara” aparecia de uniforme, capacete e as mãos sujas de petróleo,   não passou de jogo de cena e enganação midiática para cabalar votos dos incautos.

Muy amigo

Bom não esquecer outra promessa lulista para a autossuficiência do Brasil na produção de petróleo: a Refinaria Abreu e Lima, em Pernambuco. Concebida a partir de  uma parceria  entre a Petrobrás e a venezuelana PDVSA, essa refinaria, até agora, não recebeu um único centavo do falastrão Hugo Chávez. As obras,  que já deveriam estar pronta, foram orçadas – em 2005 – por  US$ 2,3 bilhões. Na atual  previsão vai passar de US$ 20 bilhões. Apesar do calote de Chávez, a  diplomacia brasileira presenteou  o ditador com a admissão da Venezuela  – pela porta dos fundos – no Mercosul.

Profecia

Por falar no moribundo Mercosul, no início do seu artigo na revista “Veja” desta semana, (“Um bye-bye para o Mercosul?”) o ex-ministro da Fazenda,  Maílson da Nóbrega escreveu: “A entrada da Venezuela no Mercosul, agora oficializada, poderá ser o prego que faltava nesse caixão". Mailson costuma acertar seus prognósticos...

Torpedos

1 –Juazeiro do Norte vai ganhar nova agência do Banco Itaú. Para tanto está sendo adaptado um prédio  localizado na Av. Pe. Cícero, próximo ao Hiper Bompreço.

2 –– Homenagens a Violeta Arraes. Em Crato prossegue a construção da ampla e bonita Escola Profissionalizante Violeta Arraes, localizada na Rua Teodorico Teles, bairro São Miguel. Em Barbalha, o Governo do Ceará vai investir R$ 3.654.074,29 na construção do  Campus de Artes Violeta Arraes, onde funcionarão os cursos da Universidade Regional do Cariri que funcionam na  Terra dos Verdes Canaviais.

3 –– Camelódromo. No centro da nova Praça da Sé, já se apossaram de espaço 5 carrocinhas vendendo bombons. Já na área destinada aos quiosques padronizados para venda de comidas (esta prevista na reforma do logradouro), foram acrescidas 12 improvisadas bancas, algumas vendendo quinquilharias. É só passar lá para conferir...

4 –– Tutti buona gente. Nos seus discursos de defesa, os advogados dos réus do mensalão passam a impressão de que seus clientes são pessoas boas, idealistas, puras, probas, ingênuas e injustiçadas.  A defesa dos réus no mensalão beira o deboche jurídico e democrático...

5 –– Populismo e demagogia. O Senado Federal aprovou a cota de 50% para ingresso de alunos oriundos de escolas públicas nas universidades do Governo. Tal fato – além de se constituir flagrante injustiça – penaliza, mais uma vez,  a classe média brasileira. Esta, só levou cacetadas dos governos federais  de 2003 para cá. E, agora,   pagará pela incompetência de  administradores que nunca deram  prioridade à educação neste país.

6 –– Queda e coice. A classe média se esforça para pagar escolas particulares para os seus filhos  porque o ensino público fundamental e médio no Brasil é de péssima qualidade. Por isso, os alunos das escolas públicas chegam despreparados ao vestibular. A partir de agora o ensino superior, que já não é bom, ficará ainda pior.

Dia do Estudante - Por Jorge Carvalho

 Esta postagem é dedicada aos estudantes, pela passagem do seu dia, em forma de homenagem do professor Jorge Carvalho e do Programa Rapadura Cultural.


HINO DO ESTUDANTE

Letra: Filgueiras Lima
Música: Sílvo Novo

 Hino do Estudante

Ideal grandioso e puro,
Ilumina o nosso afã
pelo Ceará do futuro
pelo Brasil de amanhã.

II
È chegado o momento da luta,
Mocidade vibrante e viril,
Este brado de angústia se escuta;
vinde, jovens, salvar o Brasil.

III
Pelejemos em prol da instrução,
Estudantes, patriotas em flor,
na batalha em que o livro é clarão,
quem mais sabe será vencedor.

IV
Antes os mares revoltos e fortes,
sob os céus estrelados e azuis
marcharão nossas rijas coortes,
aureoladas de glória e de luz

Tudofel: Hare Krishna

Tudofel: Hare Krishna: N o final de 1984, minha vida deu uma guinada. Foi quando me converti à religião Hare Krishna, que tinha ouvido falar pela primeira ve...

HORMÔNIOS ANTIENVELHECIMENTO: O RISCO VALE A BUSCA PELA JUVENTUDE?


O aumento da expectativa de vida, tanto do homem como da mulher, leva a uma procura incansável pela “fonte eterna da juventude”. Além disso, como o processo de envelhecimento está normalmente associado a um maior número de problemas de saúde ou a uma maior chance de desenvolvê-los, diferentes substâncias, como o famoso “hormônio antienvelhecimento”, têm sido usadas com o objetivo de retardar este processo. Entretanto, será que o risco do uso sem critério vale a busca pela juventude? 
Ainda que a maioria dos hormônios apresente um declínio com a idade, o uso indiscriminado destas substâncias representa perigo à saúde. Os conhecidos hormônios “antienvelhecimento” ou, do inglês, “anti-aging” podem ser de vários tipos: sexuais (estrógenos e testosterona), hormônios tiroidianos, hormônios produzidos pela glândula adrenal (DHEA e DHEA-S), melatonina e até o hormônio de crescimento (GH). A curva de declínio hormonal inicia-se após os 30 anos de idade, mas esta “queda” tem um sentido bastante diferente daquele que os endocrinologistas conhecem como “deficiência”, ou seja, uma coisa é um declínio fisiológico esperado para a idade, outra seria uma deficiência hormonal com manifestações ou sintomas decorrentes disso. 
Assim, mulheres na menopausa, que apresentam muitos sintomas relacionados à deficiência hormonal e que não têm contraindicação (câncer de mama prévio, por exemplo), são fortes candidatas à terapia de reposição, sem problema algum. Da mesma forma, homens na andropausa (menopausa masculina) que apresentam queixas de diminuição de libido, disfunção erétil e outras queixas gerais relacionadas à deficiência dos níveis da testosterona (como cansaço e desânimo) também têm indicação de reposição hormonal. Nos exemplos citados, há uma nítida “deficiência” hormonal, mas sem contraindicação ao uso da medicação. Sendo assim, os benefícios da reposição hormonal são indiscutíveis. 
Logo, nunca deixaremos de tratar um paciente cuja tireoide não está funcionando conforme deveria (hipotiroidismo), diferentemente de receitar “hormônio tiroidiano” a pacientes que não apresentam a disfunção da glândula, expondo-os a um risco desnecessário que pode resultar em problemas como batimentos cardíacos irregulares (arritmia). Há alguns anos surgiu o termo “hormônios bioidênticos”, ou seja, substâncias que, na teoria, seriam semelhantes ao hormônio produzido pelo próprio organismo. Contudo, esta “nova” nomenclatura se refere simplesmente a todos os hormônios já existentes e conhecidos no mercado e que sempre foram utilizados pelos endocrinologistas para reposição naqueles pacientes que apresentam sabidamente déficits. Até aí, nada de novo... 

Um exemplo interessante de quem “bebeu na fonte da juventude” e não se beneficiou foi na época em que a melatonina era a bola da vez. Não deu certo e, hoje, o candidato é o hormônio do crescimento (GH). Como disse anteriormente, referindo-me a todos os hormônios de modo geral, o GH também tem um declínio com a idade. Mas será que isto é tão ruim assim? Por exemplo, existe uma condição na qual alguns pacientes produzem em excesso este hormônio (acromegalia) e estão em risco maior de morte, seja por problemas cardiovasculares, seja pela maior frequência de câncer. 
Por outro lado, um estudo publicado este mês pela revista Archives of Neurology apontou uma melhora significativa na memória de idosos, tanto os saudáveis como aqueles com início de comprometimento após uso do hormônio GHRH (que estimula a formação do GH). Logo, é bom ou ruim ter um GH mais baixo em uma idade biológica tardia? Não sabemos! Porém, mais estudos são necessários até que seja possível recomendar ou não, com segurança, a reposição com GH. Sendo assim, fica claro que hormônios antienvelhecimento não podem ser associados à “fonte da juventude” e que devem ser tratados como qualquer medicação que demanda acompanhamento médico rigoroso. Afinal, a tão sonhada longevidade deve ser alcançada com segurança e responsabilidade! 

Informações à imprensa Flávia Ghiurghi
Dra Claudia Chang Graduação pela Universidade Federal de Juiz de Fora UFJF Endocrinologia e Metabologia pela UNESP Membro efetivo da Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia Doutoranda em Endocrinologia e Metabologia pela USP Coordenadora e Professora de Pós-Graduação em Endocrinologia pelo ISMD.

CRONIQUETA - POR ANTONIO MORAIS


A agressividade está aumentando cada vez mais. Por qualquer motivo se grita, se diz palavrão, se bate, se mata. Maldade, por qualquer asneira sempre haverá aqueles que apelam para insensatez e ignorância. Pra que tanto ódio?
Se não existisse o ódio, não daríamos tanto valor ao amor. Que bom se voltasse à mente da pessoa adulta aquela maneira de ser de criança, aquele espírito e coração que briga, mas logo esquece: está brigando novamente, mas não leva a mal.
“O ódio é como um ácido, pode fazer mais mal ao recipiente onde está do que em quem se derrama”.
Um bom final de semana pra todos e todas.

Por: Antonio Morais


Ex-prefeito de Itatira é condenado à prisão por desviar recursos públicos


A Justiça Federal julgou procedente denúncia do Ministério Público Federal no Ceará [MPF-CE] e condenou à prisão o ex-prefeito do município de Itatira, Francisco Afonso Machado Botelho, por desvio de recursos públicos. Botelho também ficará proibido de exercer cargos ou funções públicas por um período de cinco anos.

Segundo o MPF-CE, o ex-prefeito de Itatira desviou R$ 100 mil que estavam destinados à recuperação de centros de referência para crianças e adolescentes e para a compra de material e gêneros alimentícios destinados ao atendimento de 600 meninos e meninas do município. A verba, oriunda do Ministério da Previdência e Assistência Social, foi repassada à prefeitura através de convênio firmado em 1998.
Botelho não conseguiu comprovar o destino dado ao dinheiro sacado no mesmo ano da assinatura do convênio. Para o juiz federal Marcos Mairton da Silva, titular da 23ª Vara, em Quixadá, onde tramita o processo, ficou patente a intenção deliberada do acusado de desviar os bens ou renda públicas. 
O ex-prefeito foi condenado a cinco anos e nove meses de prisão em regime semi-aberto, mas a Justiça Federal concedeu ao réu o direito de recorrer em liberdade.
 
Assessoria de Comunicação Social do Ministério Público Federal no Ceará

R$ 2,7 bilhões: Primeiro FPM de agosto é creditado na conta das prefeituras


Nessa sexta-feira [10], o Governo Federal repassou às contas das prefeituras o valor total de R$ 2.710.487.162 em valores brutos.

O primeiro repasse do Fundo de Participação dos Municípios [FPM] de agosto cai para R$ 2.168.389.729, considerando a retenção do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação Básica [Fundeb]. Segundo cálculo da Confederação Nacional dos Municípios [CNM], o primeiro FPM de agosto é 11,21% menor do que o valor repassado no mesmo período de 2011, em termos nominais. Em termos reais, a redução é de 15%.

RECEBIDOS - Ainda conforme a CNM, durante todo o ano de 2012, até o momento, o FPM já acumula R$ 42,5 bilhões em valores reais de repasse. Entretanto, no mesmo período de 2011 o valor chegava a R$ 43 bilhões, uma queda real de 1,13%.

Agência CNM - Via Yuri Guedes

Emprego na indústria cai em junho


O nível de emprego na indústria voltou a apresentar queda em junho, e teve variação negativa de 0,2% em relação ao mês de maio e de 1,8% na comparação com o mês de junho de 2011.

Segundo os dados da Pesquisa Industrial Mensal de Emprego e Salário, divulgados nesta sexta-feira [10] pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística [IBGE], junho foi o quarto mês consecutivo em que o emprego no setor registrou resultado negativo, o que acumula perda de 1,2% no período. No confronto com igual mês do ano anterior, a taxa de junho foi a nona a apresentar resultado negativo e a mais intensa desde dezembro de 2009, quando a queda foi de 2,4%. A trajetória descendente também foi observada no índice acumulado dos últimos 12 meses, com um recuo de 0,6% em junho. De acordo com o IBGE, o número de trabalhadores empregados na indústria apresentou queda em junho em 12 dos 14 setores pesquisados, na comparação com o mesmo mês de 2011. O maior impacto foi a queda de 3,5% no nível de emprego industrial no estado de São Paulo, onde o pessoal ocupado caiu 16,9% no setor de metalurgia básica, 14,7% nas indústrias de produtos de metal e 10,2% no de máquinas e aparelhos eletroeletrônicos e de telecomunicações.

NÚMEROS POSITIVOS - Os estados do Paraná, com 1,8%, e de Minas Gerais, com 0,3%, foram os que deram contribuição positiva em junho para o nível de emprego industrial do país, tendo como base a comparação com o mês de maio. Segundo o IBGE, os destaques foram o aumento de 38,1% no pessoal ocupado no ramo de máquinas e aparelhos eletroeletrônicos da indústria paranaense, e de 8,6% nas indústrias extrativas e 6,8% em produtos de metal, no caso de Minas Gerais.

O número de horas pagas aos trabalhadores da indústria registrou em junho uma variação negativa de 0,3% em relação a maio, descontadas as influências sazonais. De acordo com o IBGE, foi a quarta taxa negativa consecutiva do ano. No confronto com junho de 2011, o número de horas pagas caiu 2,6%. O valor da folha de pagamento real dos trabalhadores da indústria avançou 2,5% ante maio, após registrar taxas negativas por três meses consecutivos, período em que a queda acumulou 3,4%. No confronto com junho de 2011, o valor da folha de pagamento real cresceu 3,7%, no trigésimo resultado positivo seguido nesse tipo de comparação. Aumentos no valor da folha de pagamento em diversos setores industriais dos estados de São Paulo, Minas Gerais e do Paraná foram os que exerceram, segundo a pesquisa do IBGE, maior influência sobre o resultado nacional.
 
* Com informações da Agência Brasil ( Yuri Guedes - Colaborador )

Justiça proíbe propaganda de som ( em Quixadá ) - Quando teremos isso no crato ?


Nota do Editor: Esperamos que as autoridades no Crato proíbam também, porque aqui apoluição sonora das Campanhas está Insuportável.

Uso de paredões de som se tornou mais frequente este período do ano, em vista da campanha eleitoral. Com isso, o Ministério Público se mobilizou para denunciar a ilegalidade do ato, reconhecendo o estado como vítima FOTO: ALEX PIMENTEL

Quixadá Escolas, hospitais, igrejas e nem mesmo os fóruns de Justiça estavam escapando da poluição sonora provocada pelos carros de propaganda eleitoral no Centro de Quixadá. Para coibir os abusos, o juiz eleitoral da 6ª Zona, Fabiano Damasceno Maia, proibiu esse tipo de publicidade nas campanhas dos candidatos na área comercial da cidade. A decisão foi tomada quinta-feira passada, após reunião do magistrado com o Ministério Público, autoridades policiais, do trânsito do Município e dos candidatos.

O juiz estabeleceu a apreensão dos veículos e de quem descumprir o Termo de Ajustamento de Conduta firmado.

Conforme o chefe do Cartório Eleitoral da 6ª Zona, Vicente de Paulo da Silva, só os veículos de publicidade comercial podem continuar exercendo a atividade no Centro da cidade. Todavia, os motoristas deverão continuar os limites estabelecidos por lei. O volume não deve ultrapassar 80decibéis, sob pena de responder pela prática de crime ambiental. A esse respeito ele incluiu a queima de fogos. Também está proibida, inclusive nos comícios e carreatas. O objetivo é minimizar os transtornos para a coletividade no período de campanha eleitoral deste ano. Representantes dos comitês das duas coligações nas disputas pela prefeitura de Quixadá tem opiniões diferentes acerca das normas adotadas pela Justiça. Na opinião de Kildery Lobo de Carvalho, integrante do comitê da coligação "Todos por Quixadá", de apoio ao candidato Ilário Marques, a medida é impopular. Nesse período, as manifestações populares afloram entre militantes e simpatizantes dos candidatos. Não ter o pleno direito de exaltarem suas opções nas campanhas é visto como uma forma de fragilizar a democracia.

Entretanto, para Lígia Saraiva, coordenadora do comitê, os critérios da Justiça serão respeitados. Ela espera disputas pacíficas, sem causar transtornos para a população. Para a coordenadora da coligação "Por amor a Quixadá", a favor do candidato João da Sapataria, é importante respeitar o direito dos outros. Para ela, se a Justiça foi obrigada a agir é porque houve essa necessidade. Outra cidade da região onde os abusos sonoros começaram a ser combatidos é Solonópole. O promotor de Justiça Déric Funck Leite se prevaleceu do Artigo 42 da Lei das Contravenções Penais - Perturbar alguém, o trabalho ou o sossego alheios: III- Abusando de instrumentos sonoros ou sinais acústicos - para coibir os excessos dos candidatos. O representante do MP também se fundamenta no Artigo 28 da Lei 9.503/97, onde é infração administrativa de trânsito grave, punida com multa e retenção do veiculo até sua regularização e ainda na "Lei do Silêncio", aplicada pelo Estado, a qual veta qualquer sistema e fonte de som, independente do seu nível causador de poluição. Apoiado nas legislações Federal e Estadual o promotor recomendou providências a Unidade Policial Militar local. No requerimento, solicita a apreensão de qualquer veiculo que esteja utilizando som automotivo em locais públicos ou não, fechados ou não que esteja emitindo ruídos excessivos, filmando e fotografando a ocorrência, quando possível, retendo o veiculo e lavrando o respectivo Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) por contravenção penal. Ele também considerou a eventual recusa da vitima em se expor para fins de procedimentos legais. Nesses casos a ação penal é pública e incondicionada.

O representante do MP de Solonópole ainda orienta não proceder a entrega ou devolução de motocicleta ou veiculo apreendido, quando não for possível retirar o equipamento de som, senão por após manifestação do Ministério Público quanto ao interesse da manutenção da apreensão, ou mediante ordem judicial. O interessado, através de advogado ou defensor público, deverá solicitar judicialmente a entrega ou devolução dos objetos apreendidos. Como em Quixadá, as ações de prevenção devem priorizar as adjacências do Fórum da Cidade, hospitais e postos de saúde, escolas bem como os prédios públicos e estabelecimentos militares. A Lei Eleitoral proíbe manifestações eleitorais a menos de 200m destes locais.

Mais informações:

Cartório Eleitoral - 6ª Zona
Travessa Tiradentes, 452 - Quixadá
(88) 3412.0990/ MP de Solonópole: Av. Prefeito Sigefredo Pinheiro, 108, (88) 3518.1835

Alex Pimentel
Colaborador do Jornal Diário do Nordeste

Governo finaliza contas para dar reajuste seletivo a servidores


BRASÍLIA, 10 Ago (Reuters) - O governo definirá neste fim de semana o montante de recursos disponível para negociar os reajustes salariais dos servidores públicos em greve sem comprometer o equilíbrio das contas públicas, disseram nesta sexta-feira à Reuters fontes do governo.

Por conta das limitações orçamentárias, o governo pretende dar reajuste diferenciado apenas para os professores federais e militares, categorias consideradas prioritárias, disseram as fontes. As demais categorias serão atendidas conforme a disponibilidade de recursos e com base na defasagem salarial. A decisão de discutir o tema no fim de semana deve-se ao compromisso que o governo firmou de realizar as negociações de 13 a 17 de agosto com as categorias em greve e com as que ameaçam cruzar os braços na segunda metade do mês. A expectativa do governo é de que haja um acirramento das negociações nas próximas semanas, já que os reajustes obrigatoriamente têm que ser incluídos na proposta orçamentária do próximo ano, que será encaminhada ao Congresso até 31 de agosto.

PRESSÕES

O governo também tem buscado desconstruir a magnitude da paralisação dos servidores. As entidades representantes dos funcionários públicos argumentam que são 350 mil com os braços cruzados. O governo alega que há 570 mil funcionários da ativa e se 350 mil estivessem em greve o país estaria parado. Em paralelo, a Advocacia-Geral da União mantém as ações na Justiça para cortar o ponto e minar o fôlego dos grevistas. O governo enfrenta a pressão de servidores em duas frentes: das categorias que já estão em greve, como professores, funcionários do Incra, IBGE e técnicos administrativos, entre outros: e de outras 23 entidades que ameaçam paralisar a partir de 20 de agosto, caso não haja avanço nas negociações da próxima semana. Entre as categorias que ameaçam paralisar estão a dos funcionários do Banco Central, da Comissão de Valores Mobiliários e do ministério do Planejamento.

"O governo tem dito que pretende fazer ajuste fiscal, fazer mais investimento e dar mais incentivo à economia", afirmou o presidente do Sindicato dos Servidores do Banco Central, Sérgio Belsito. "Mas é preciso achar espaço para os servidores, mas se não tiver nenhuma proposta a disposição de parar continua de pé", acrescentou. O governo já apresentou propostas aos professores --reajuste de 15 por cento dividido em três parcelas anuais-- e aos técnicos administrativos, que representam conjuntamente um gasto adicional de 6 bilhões de reais em 2013. Os sindicalistas argumentam que para atender minimamente as reivindicações de todas as categorias seriam necessários entre 18 bilhões de reais e 20 bilhões de reais.

(Por Tiago Pariz; Reportagem adicional de Jeferson Ribeiro e Ana Flor)
Reuters - Via Yahoo
Foto: Candido Neto. blogspot


Ministro do STF diz estar assustado com julgamento do mensalão


SÃO PAULO - Um dos 11 ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) que julgam o mensalão, Marco Aurélio Mello disse nesta sexta-feira, após participar de um evento em São Paulo, que está "exaurido e assustado" com o julgamento e seu formato que, para ele, ocorre num "sistema obsoleto que precisa urgentemente ser revisto". Segundo o ministro, que havia defendido o desmembramento do julgamento, o STF tornou-se "um cemitério de inquérito e ações penais" e não era a instância ideal para se julgar os 38 réus.
Além disso, Mello declarou que o mensalão paralisou todo o judiciário já que, ao avaliar um único processo, o STF "deixou numa fila cerca de 900 outros de extrema importância para a população". Mello admitiu ainda que o fim do julgamento do mensalão pode não acontecer antes das eleições municipais de 7 de outubro.

- Estou exaurido de tanto ouvir. E sedento para que as explanações (da promotoria e da defesa) acabem para que, no próximo dia 16, comecemos logo a votar - disse o ministro, afirmando que seu voto será de improviso e que ainda não há nada resolvido sobre como se dará este voto entre os 11 ministros. - Não sabemos se desmembraremos ou não a acusação da condenação das penas, caso elas existirem. Se cada ministro falar o que pensa e der a pena que ache correta, vai ser como um leilão, uma confusão que não sei se teremos resultado antes das eleições.
Mello não compareceu à sessão nesta sexta-feira em Brasília, afirmando ter "sido surpreendido pelo calendário do julgamento", desta vez de segunda a sexta. Afirmou ainda que concorda com as declarações de um dos advogados de Defesa, Márcio Thomaz Bastos, de que o julgamento é uma "bala de prata", já que, com um único ato, os ministros podem condenar réus tão diversos.

- Era por isso que defendia o desmembramento, o julgamento somente de três réus, os três com foro privilegiado (João Paulo Cunha, Pedro Henry, Valdemar Costa Neto). O restante deveria ir a tribunais comuns. O sistema é obsoleto. Começamos mal e consertar isso é muito difícil. Estamos assustados com isso e não há prazo mesmo para terminar - disse.

Agência O GloboPor Mariana Timóteo da Costa

Tudofel: Movimentos culturais cratenses

Tudofel: Movimentos culturais cratenses: No Crato existe um movimento cíclico em torno da produção artística e do engajamento sócio-político-cultural. Nos anos 50 brilhava um...

Edições Anteriores:

Maio ( 2017 ):

01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31