xmlns:fb='http://www.facebook.com/2008/fbml' xmlns:og="http://opengraphprotocol.org/schema/"> 14/04/2012 | Blog do Crato
.

VÍDEO - CONVERSA FRANCA - O DESCASO NO CRATO - Dihelson Mendonça ( 30-11-2017 ).
Estamos de volta com as transmissões da TV Chapada do Araripe ( E agora, com alguns programas ao vivo ). Serão vários programas abordando temas diversos, como a realidade da nossa região, do Ceará e do mundo; Programas científicos, atualidade, entrevistas, e transmissão de eventos ao vivo. ( Veja o vídeo e compartilhe ). www.tvchapadadoararipe.com



Comunidade Cratense no Facebook - Mais de 25.000 seguidores. Clique em Curtir e adicione a sua Foto !

14 abril 2012

Questões de direito. Por Nivaldo Cordeiro

02 Janeiro 2012

A impressão que tenho é que os milhões de mortos no altar da estupidez não deixaram lições preventivas, exatamente porque essa nefasta experiência não trouxe impactos no mundo jurídico.

Estou lendo o romance As Benevolentes, de Jonathan Littell (Rio de Janeiro, Objetiva, 2007) e já superei uma boa metade do volumoso livro. A narrativa é chocante, ali vemos que todas as leis e todos os marcos civilizatórios foram derrogados. Um delírio coletivo sanguinário tomou conta de toda a gente na Alemanha de Hitler. Penso que algo equivalente deu-se com a revolução bolchevique, tão sanguinária e tão genocida quanto. Diálogos inseridos pelo próprio Littell demonstram o parentesco ente o nazismo e o comunismo.

Littell, como Thomas Mann, fez do seu personagem um doutor. No caso, em Direito. Muito apropriado que um doutor em Direito, leitor de Kant, tenha aceitado alegremente ser um carrasco da SS. O próprio Doutor Fausto encarnado. O que choca no nazismo não é que o populacho, sempre infame e de instintos baixos e primitivos, tenha tido as rédeas do poder. Não! Foram os sofisticados intelectuais que aderiram sem peias ao irracionalismo homicida que redundou na hecatombe da II Guerra Mundial.

[Importa observar que no Brasil algo semelhante tem acontecido com a nossa classe letrada em relação ao PT. Alegremente deram sua adesão e seu consentimento. Por sorte este partido não teve forças para o terceiro mandato de Lula e não conseguiu governar o Estado de São Paulo, o que impediu até agora a tentação autoritária de governar por decreto. Mas o anseio para estar acima do bem e do mal não é escondido pelos petistas e é questão de tempo e oportunidade que se sintam à vontade para negar os valores elementares da civilização. Como na Alemanha, a adesão dos letrados se deu em simultâneo com a adesão dos empresários. Por isso que não há oposição no Brasil, como não houve oposição a Hitler.]

Nos últimos anos tenho tentado me dar uma resposta para essa questão da perda dos valores civilizacionais, o mergulho no irracionalismo genocida. A resposta que encontrei está no âmbito da filosofia política, com o respectivo desdobramento no campo do Direito. O corte essencial se deu no Renascimento, com a emergência do Estado nacional, e a Reforma, que deificou o direito positivo. A reviravolta na ciência política, desde Maquiavel, levou à superação do direito natural. Desde então a fonte do Direito deixou de ser transcendente para se escorar unicamente no poder do príncipe. Esse foi o declínio civilizacional que abriu caminho para todos os crimes amparados nas razões de Estado, que temos visto desde as guerras religiosas.

O abandono do direito natural consolidou-se nos juristas do século XVII, especialmente com Hobbes e Grocius. Então a expressão direito natural passou a designar algo diverso do que até então se entendia por ela. A fonte do Direito foi transferida para a razão, o que equivale a dizer: para o príncipe. O golpe final veio com a democracia de voto universal, que deu às massas o poder de demandar seus preconceitos e instintos baixos para o governante, que se viu na contingência de procurar atende-las. Governar deixou de ser a busca do bem comum para ser o cultivo das multidões insaciáveis.

O fim da II Guerra Mundial levou a que juristas e filósofos meditassem sobre o totalitarismo. Era preciso responder: como foi possível? No plano conservador a resposta foi dada adequadamente por Eric Voegelin e Leo Strauss: o ponto estava no positivismo jurídico e o caminho de volta à civilização levava ao retorno ao direito natural. Foram derrotados pela corrente alternativa, a que vinha do jus-naturalismo de Hobbes e Locke: pela tese dos direitos humanos. A ironia é que as boas intenções liberais que tentaram conter a lama negra do totalitarismo com essa perfumaria já estavam derrotadas pela empolgação da tese pelos radicais de esquerda, que fizeram dos direitos humanos panfletos telegráficos para subverter a ordem liberal e restaurar o cinismo do positivismo jurídico com toda pompa. Viu-se, na segunda metade do século XX, o triunfo das teses do partido revolucionário, primeiro nas organizações multilaterais, como a ONU, depois pela paulatina substituição da legislação de cada país por sua forma jurídica uniformizadora em escala planetária.

Nomes como Norberto Bobbio e John Rawls prevaleceram, a partir do ponto de vista de Antonio Gramsci, sobre as posições conservadoras. Se é certo que Eric Voegelin e Leo Strauss inspiraram Ronald Reagan e os Bush, sua influência não passou de inspiração para o governante, jamais para a estrutura do Estado. O direito natural não poderia ser restabelecido se todas as escolas de Direito ensinavam a visão alternativa. O pensamento único em direito virou uma realidade. Foi a vitória completa do igualitarismo revolucionário.

[Uma das coisas notáveis da política em São Paulo é a enorme taxa de rejeição de José Serra. Mesmo os acadêmicos vinculados à sua escola de origem, a Unicamp, rejeitam-no vigorosamente porque José Serra ousou defender as privatizações. Pecado imperdoável para aqueles que desejam uma economia plenamente estatizada, mesmo contrariando a experiência que mostrou ser irracional e contraproducente a estatização total. Essa gente quer isso. É a sua meta e é questão de tempo que a alcancem. A rejeição a José Serra é a mesma de que padece Fernando Henrique Cardoso, pelas eventuais coisas boas que fizeram enquanto governantes.]

Os tempos de crise que se abrem agora colocam os mesmos problemas e os mesmos riscos e dilemas que foram colocados para aqueles que viviam na década de 30 do século passado. Aderir ou não aderir não é pergunta que se faça, já que todos aderiram ao poder estabelecido. A impressão que tenho é que os milhões de mortos no altar da estupidez não deixaram lições preventivas, exatamente porque essa nefasta experiência não trouxe impactos no mundo jurídico. De novo o positivismo nas letras jurídicas triunfa. Por isso que a agenda revolucionária em matéria de costumes não encontra objeção de consciência. O ambientalismo, o gayzismo, o abortismo, a destruição acelerada da família monogâmica encontram-se em estado avançado. A supertributação é vista como normalidade. Se é a vontade do governantes, só cabe obedecer e não questionar. Sabemos muito bem onde esse caminho levará. Basta ler o livro de Jonathan Littell. O matadouro pode estar na curva do tempo.

Do (infidável) seriado "Coisas da República" -- postado por Armando Lopes Rafael

Dilma pede a Lula cautela com CPI do Cachoeira por temer reflexo no seu governo(Fonte: jornal “Estado de S.Paulo”, 14-04-2012)

Segundo auxiliares, presidente discorda do PT, que quer usar comissão para se vingar do mensalão
BRASÍLIA - A presidente Dilma Rousseff reuniu-se nesta sexta-feira, 13, por duas horas e quarenta minutos na subsede da Presidência, na Avenida Paulista, com o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para pedir a ele que tenha cautela ao incentivar a Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) do Cachoeira - que investigará laços de políticos e agentes privados com o contraventor Carlos Augusto Ramos, acusado de comandar uma rede de jogos ilegais. A presidente teme que as investigações respinguem em seu governo. Ao lado do presidente do PT, Rui Falcão, Lula tem sido um dos principais incentivadores da CPI do Cachoeira. Eles entendem que com a CPI será possível provar que não houve o mensalão – maior escândalo do governo do PT, ocorrido em 2005, em que parlamentares da base aliada votavam a favor de projetos de interesse do Palácio do Planalto em troca de uma remuneração mensal, conforme o relatório da CPI dos Correios.
Embora não tenha se manifestado publicamente sobre a CPI, há informações de bastidores do governo de que Dilma acha que existe uma possibilidade forte de a CPI prejudicar sua administração. A visão é compartilhada por petistas mais comedidos, que temem a utilização da CPI como palco de vingança política. Essa ideia foi reforçada depois da volta de Dilma dos Estados Unidos. Recados do governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral (PMDB), do presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), do líder do PMDB no Senado, Renan Calheiros (AL), e do senador Delcídio Amaral (PT-MS) que chegaram à presidente classificam a CPI como “de alto potencial destrutivo”.
“O alcance dessa CPI é inimaginável. Só a empresa Delta Construções (que aparece nas gravações telefônicas feita pela Operação Monte Carlo, da Polícia Federal, e recebeu R$ 4,13 bilhões do governo federal por obras do Programa de Aceleração do Crescimento - PAC) - está presente em quase todo o País, principalmente na construção e reforma de estradas”, disse o senador Delcídio. “Eu já fiz vários alertas sobre isso. Estão brincando com fogo”, afirmou ainda o senador petista.
Delcídio foi o presidente da CPI dos Correios, que apurou o escândalo do mensalão, e sabe que, uma vez em funcionamento, o desdobramento das investigações é algo incontrolável.

Estiagem afeta preços na Ceasa em Barbalha


Barbalha. Há quase dois meses depois da inauguração, neste Município, a Central de Abastecimento (Ceasa) do Cariri ainda não está funcionando em sua totalidade, em todos os seus galpões, inclusive no espaço destinado aos agricultores familiares, que já estão preocupados com os preços dos produtos de sequeiro por conta da estiagem.

Segundo a gerência da Ceasa, neste ano, praticamente não houve comercialização de milho e feijão. Grande parte dos produtos que abastece o empreendimento do Governo, inaugurado no último dia 23 de fevereiro, provém dos Estados de Pernambuco e Bahia.

Alguns agricultores também reclamam da dificuldade de escoamento de produtos. Já o gerente geral, Leonardo Santos, afirma que muitos deles estão tendo a oportunidade de comercializar os produtos em atacado, e até dobrar as vendas. Porém, diz que há uma preocupação quanto à produtividade neste ano, o que reflete na oferta e nos preços. Durante a Semana Santa, o saco de feijão verde de 25 quilos chegou a custar até R$ 85,00. Mas os produtos de perímetros irrigados chegam a 80% da oferta no órgão, inclusive as frutas e as verduras.

Esse é o período do ano em que existe a entrada de produto de sequeiro. Segundo Leonardo, além das frutas de época como o caju e a manga, que também tiveram uma produção reduzida este ano na região. "O que podemos avaliar nesse momento é que o milho e o feijão ainda não chegaram na Ceasa", diz. Em dois galpões da central se encontra grande parte de vendedores de hortifrutigranjeiros do mercado do Pirajá, em Juazeiro do Norte, que se transferiram para o local uma semana antes da inauguração do estabelecimento.

Segundo o gerente, cerca de 90% dos vendedores já se transferiram para a Ceasa, mas ainda vem sendo feito um trabalho de incentivo para que mais comerciantes se desloque definitivamente para os galpões, inclusive com um trabalho de campo junto aos pequenos produtores.

Dificuldades

Dos 82 espaços destinados aos pequenos agricultores, apenas 20 ou 30 ficam ocupados nos dias mais movimentados, quartas e sábados. O agricultor Francisco José explica que, com a estiagem, há uma grande dificuldade em comercializar os seus produtos.

Leonardo Santos entende que o processo de ocupação e comercialização tem sido satisfatório, tendo em vista a quantidade de compradores de cidades de Estados vizinhos, como o Pernambuco e a Paraíba. A tendência é que essa clientela seja ampliada. Quanto ao trabalho com os agricultores familiares, ele ressalta que vem sendo realizados contatos para que a atuação em campo seja intensificada.

A meta é proporcionar incentivo aos produtores, com a proposta de conscientização para que eles desenvolvam nas comunidades a iniciativa de comercializar seus próprios produtos. Para Leonardo, a Ceasa veio proporcionar ao comércio do setor na região uma oportunidade de comercializar em uma área com segurança, estacionamento e vigilância, uma das grandes preocupações para quem chegava pela madrugada no lugar.

Segundo o Governo do Estado, foram investidos no equipamento R$ 11 milhões. A Ceasa foi inaugurada com a meta de fortalecer a produção e ampliar o comércio de hortifrutigranjeiros da região, o que irá possibilitar o abastecimento de 33 cidades do Ceará, Pernambuco, Bahia, Piauí e Paraíba.

Dos investimentos voltados para a Central, o Governo do Ceará entrou com 42,7% (mais de R$ 4,6 milhões), o Banco Nacional do Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), com 45,7%, (cerca de R$ 5 milhões) e o Ministério do Desenvolvimento Agrário com 11,6% (R$1,2 milhão).

ELIZÂNGELA SANTOS
Repórter do Jornal Diário do Nordeste


Hoje tem Samba de Raiz no Cantinho do Pimenta

Apostando na boa música, o Cantinho do Pimenta traz  hoje muito samba, já consagrado o sucesso do chorinho que acontece aos sábados, o espaço alterna  com o samba de raiz, a partir das 20:00h, com o grupo "samba de minuto", que tem na sua formação Janinha Brito, Cidinho, Savio Souza, Rodrigo Moura, Vinicius Pinho.
Cantando Cartola, Noel Rosa, Chico Buarque e toda a raiz do samba!
Hoje é dia de cerveja, samba e sorrisos!


Cuba continua sendo Estado antidemocrático e autoritário, diz Obama

.

O presidente americano, Barack Obama, criticou Cuba nesta sexta-feira, afirmando que país comunista "continua sendo um Estado antidemocrático e autoritário". De acordo com o mandatário, isso impede que o país seja um membro da comunidade internacional e justifica o veto para a Cúpula das Américas. "O que impede que Cuba seja membro completo da comunidade internacional não é os EUA, é sua própria prática que é contrária aos princípios universais e espero que isso mude com o tempo", disse Obama, apesar de ressaltar as reformas econômicas produzidas pelo regime comunista e a libertação de presos políticos. "Ninguém ficaria mais feliz em ver mudanças em Cuba do que eu. Gostaria de ver esses presos políticos libertados e o povo de Cuba determinar seu próprio destino. De braços abertos, esperarei esse dia", disse Obama.

Folha Online


Divulgada lista de Municípios selecionados pelo Minha Casa, Minha Vida


Após mais de 120 dias de atraso e três adiamentos, o Ministério das Cidades divulgou, ontem (12), a lista dos Municípios contemplados pelo Programa Minha Casa, Minha Vida (MCMV). Esta gama de recursos foi destinada especialmente para cidades com menos de 50 mil habitantes. Ao todo 2.582 Municípios receberão apoio financeiro para construção de 107.348 moradias, no valor de R$ 25 mil cada, sendo 50 unidades por Município.

O critério de seleção foi o nível de pobreza dos Municípios, ou seja, onde há mais famílias carentes. Pois, o governo federal usou os recursos para atender metas de outro programa, o Brasil sem Miséria. O investimento para a construção das casas é de R$ 2,8 bilhões. Mas, há também contrapartida dos Municípios, como a aquisição dos terrenos, por exemplo.

Segundo o governo, 1.163 entes municipais foram selecionados pela primeira vez no MCMV. Outros 1.419 foram escolhidos também em etapas anteriores. O número de inscritos para serem contemplados nesta etapa chegou a 4.042 Municípios. Eles pediam a construção de 426.146 unidades habitacionais, em 8.939 propostas enviadas ao Ministério.propostas enviadas ao Ministério.

Confira aqui a lista dos selecionados

Via Lindomar Rodrigues ( Colaborador )


Governo vai ampliar rede hospitalar para atender a demanda por aborto legal


O
Brasil possui 65 hospitais públicos capacitados para fazer o aborto legal. Somente os estados do Paraná e de Roraima não têm unidades qualificadas para a intervenção. Até o final do ano, mais 30 centros médicos serão credenciados, segundo anunciou nesta sexta-feira (13) o ministro da Saúde, Alexandre Padilha, ao participar de evento no Rio de Janeiro.

De acordo com o ministério, Paraná e Roraima irão receber centros especializados ainda em 2012. Quando um município ou estado não dispõe do serviço, os gestores locais devem providenciar o atendimento mesmo em outras localidades, segundo o governo federal.

Com profissionais treinados, os hospitais de referência fazem aborto nos casos de gravidez por causa de estupro ou quando existe risco à vida da mãe, situações permitidas em lei. Com a decisão desta quinta-feira (12) do Supremo Tribunal Federal (STF), eles irão também receber mulheres que escolherem interromper a gestação de feto anencéfalo. Antes do julgamento, a mulher que optasse pela antecipação do parto nesses casos precisava autorização de um juiz. Agora, elas têm amparo legal.

O nome dos hospitais não é divulgado para preservar a identidade das mulheres e evitar represálias aos médicos. Em 2010, 1.684 abortos legais foram feitos na rede pública de saúde, conforme balanço do Ministério da Saúde.

Para o ginecologista e coordenador do grupo de estudos sobre aborto da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC), Thomaz Gollop, não deve ocorrer um aumento significativo de abortos no país por causa de gestações de anencéfalos. Segundo ele, a anencefalia pode ser diagnosticada em três meses de gestação e o parto pode ser antecipado a qualquer tempo nesses casos. “O tempo de gestação nesse caso não tem maior importância. O único bem a ser preservado é a saúde da mãe”.

O Conselho Federal de Medicina (CFM) anunciou hoje a criação de uma comissão para definir critérios de diagnóstico de anencefalia em fetos. Formado por especialistas em ultrassonografia fetal, ginecologia, obstetrícia, genética e bioética, o grupo tem dois meses para apresentar o trabalho.

A anencefalia é uma má-formação no tubo neural que impede o desenvolvimento do cérebro e da calota craniana que, na maioria dos casos, leva à morte do bebê poucas horas depois do parto. O Brasil é o quarto país no mundo com a maior incidência de anencefalia – 1 para cada 500 gestações, segundo dados da Organização Mundial da Saúde (OMS).

Fonte: Agência Brasil

Criação de Secretaria de Segurança Pública e Cidadania tem boa repercussão para cidade do Crato


Causou uma boa repercussão nos meios de comunicação e junto à sociedade cratense, a criação da Secretaria de Segurança Pública e Cidadania, instituída pelo atual prefeito, Samuel Araripe, com aprovação da Câmara Municipal. A solenidade de posse do novo Secretário, Joatan Sousa, aconteceu no último dia 4, e contou com a presença dos secretários municipais, o efetivo da Guarda Municipal e integrantes do Departamento Municipal do Trânsito (Demutran) que passam a fazer parte da nova pasta.

Também estiveram presentes na solenidade o padre da Sé Catedral do Crato, José Edmilson, o deputado federal, José Arnon Bezerra, e o presidente do Sindicato dos Servidores Municipais do Crato, Júnior Matos. Os integrantes do Tiro de Guerra prestigiaram a solenidade, que teve à frente o prefeito do Crato.

Joatan Sousa é ex-diretor do Demutran,. Ele destaca a importância da criação da nova pasta, que já nasce com importantes órgãos como a Guarda Municipal e o Demutran, que foram fortalecidos com novos agentes, por conta dos últimos concursos prestados pela administração. “Ferei o que for necessário para manter a efetividade desses serviços”, diz Joatan.

O presidente do Sindicato dos Servidores Municipal, Júnior Matos, destacou toda a luta empreendida para a criação da Secretaria. Ele ressaltou o aspecto positivo para os servidores que passarão a compor a Segurança Pública e Cidadania, além de enfatizar a iniciativa da administração em tornar realidade, junto com a luta dos servidores, um modelo mais organizado de gestão da segurança municipal.

O prefeito do Crato, Samuel Araripe, ainda lembrou da criação de secretarias importantes e vitais durante a sua administração, como as secretaria de Meio Ambiente e Controle Urbano, Serviços Públicos e a Cultura, Esporte Juventude. Com isso, também houve o fortalecimento administrativo, por meio de novos concursos e contratações. Na ocasião, o chefe do Executivo inaugurou a Biblioteca Circulante e entregou mais dois ônibus para a o Transporte Escolar da cidade. Ano passado dois ônibus repassados pela administração à Secretaria.

ASCOM - PMC

Juiz condena senador José Pimentel a pagar indenização de R$ 30 mil a Tasso Jereissati


O juiz Wotton Ricardo Pinheiro da Silva, integrante do Grupo de Auxílio para Redução do Congestionamento de Processos Judiciais da Comarca de Fortaleza, condenou o senador José Pimentel a pagar indenização por danos morais de R$ 30 mil para o ex-senador Tasso Jereissati.

Consta nos autos que, em 2001, o então deputado federal José Pimentel participou, na condição de sub-relator, de Comissão Parlamentar de Inquérito para apurar irregularidades na liberação e aplicação de recursos do Fundo de Investimento do Nordeste, conhecida como “CPI do Finor”.

Ainda conforme o processo, antes da elaboração e votação do Relatório Final da CPI, José Pimentel divulgou, na imprensa de todo o país e por meio da internet, sub-relatório no qual acusava Tasso Jereissati, na época governador do Ceará, de ter cometido crime de sonegação fiscal, mediante a emissão de notas fiscais “frias” por empresas de sua propriedade.

Alegando que as acusações vieram a se mostrar falsas, tendo inclusive o sub-relatório sido rejeitado pela Comissão, Tasso Jereissati ajuizou ação requerendo o pagamento de R$ 500 mil, como forma de reparar as ofensas sofridas.

Na contestação, José Pimentel afirmou ter agido estritamente dentro da ética e da moralidade pública, tendo apenas elaborado relatório para a CPI, não lhe competindo aprofundar as investigações, o que seria de responsabilidade do Ministério Público.

Na decisão, o magistrado considerou que as informações foram repassadas para ampla divulgação, em situação que extrapolou as prerrogativas parlamentares. “As provas demonstram que as informações foram repassadas fora das dependências da Casa Legislativa, gerando ampla divulgação a fatos ainda não conclusos e sem dar ao promovente [Tasso Jereissati] a chance de prestar os esclarecimentos necessários, prejudicando a defesa do investigado”.

O juiz considerou também que o “vazamento” das informações contidas no sub-relatório trouxe prejuízos de ordem moral ao ex-senador. “Pelo contexto das provas apresentadas e pelo cargo que então desempenhava, de governador de um Estado da Federação, os acontecimentos não podem ser considerados como caso de simples aborrecimento, pois as sequelas são bem maiores para quem vive quase que exclusivamente de sua imagem pública”.

O valor da indenização foi fixado em R$ 30 mil, quantia que, conforme o entendimento do magistrado, é proporcional ao dano causado e à situação socioeconômica das partes.

* Com informações do TJ-CE ( Via Yuri Guedes )

Cariri terá Centro de Inovação Tecnológica de Calçados


T
écnicos das secretarias estaduais das Cidades e da Ciência e Tecnologia se reuniram nesta quarta-feira [11] para discutir os acordos de cooperação entre as entidades, que deverão ser assinados para a instalação do Centro de Inovação Tecnológica de Calçados do Cariri [CITE].

O encontro contou com a participação de representantes do Centec, Nutec, Funcap e Urca, vinculados a pasta da Tecnologia. O projeto de instalação do Centro no Cariri é uma ação do Projeto Cidades do Ceará – Cariri Central e receberá investimentos de aproximadamente R$ 8 milhões. O objetivo é apoiar, através da inovação, os arranjos produtivos locais da Região.

De acordo com o secretário das Cidades, Camilo Santana, serão ações nas áreas de capacitação e organização, infraestrutura, melhoria do ambiente de negócios, marketing, dentre outras. “Estamos trabalhando para fortalecer e desenvolver as atividades econômicas com maior potencial de transbordamento da região do Cariri Central” destaca.

As ações e projetos em discussão envolvem também a implantação de laboratórios de testes e ensaios físio-quimico, mecânico e de polímeros; central de serviços de CAD-CAM para desenvolvimento de design dos produtos, modelagem e corte, complementação dos equipamentos para fábrica-escola e capacitações. Os recursos são financiados por meio empréstimo firmado com o Banco Mundial.

Assessoria de Imprensa da Secretaria das Cidades

Ministério do Planejamento autoriza concurso para 725 vagas para Analista Social


Uma boa oportunidade para quem atua na área de Serviço Social. O governo federal anunciou que vai abrir concurso público para o provimento de 725 vagas para o cargo de Analista Técnico de Políticas Sociais. A ministra do Planejamento, Miriam Belchior, disse que assinará a portaria que autoriza o concurso possivelmente na semana que vem. As vagas serão distribuídas em órgãos da Administração Pública Federal que desenvolvam programas e projetos de cunho social.

Segundo nota divulgada pelo Ministério do Planejamento, os servidores que vierem a ser aprovados serão os primeiros a integrar a Carreira de Desenvolvimento de Políticas Sociais, criada em 2009 e regulamentada em 2012, e poderão atuar em diversos ministérios. Será exigido nível superior compatível com a área para se candidatar. A remuneração inicial será de R$ 3.966,53, podendo chegar até R$ 10.210,87, de acordo com a progressão funcional e a promoção dentro do órgão.


Interessado em conhecer e aprender um Método para Estudar e passar em Concursos Públicos, por R$ 69,00? Clique aqui para receber mais informações.


O Analista Técnico de Políticas Sociais deverá prestar assistência técnica nas áreas de saúde, previdência, emprego e renda, segurança pública, desenvolvimento urbano, segurança alimentar, assistência social, educação, cultura, cidadania, direitos humanos e proteção à infância, à juventude, ao portador de necessidades especiais, ao idoso e ao indígena.

O local de trabalho dos futuros servidores será definido pelo ministério de acordo com as habilidades demonstradas. Os aprovados passarão por um curso de formação no qual serão direcionados para diversos órgãos públicos. A lei que criou a carreira prevê ainda a criação de 2.400 cargos de Analista Social. As 725 vagas deste primeiro concurso são destinadas a substituir servidores terceirizados que estão em desacordo com a legislação.

Além dessas vagas, estão previstos também vários Concursos para os próximos meses, com mais de 55.000 vagas. Para a Petrobras, que tem um edital aberto, deverá ser realizado, além desse, pelo menos mais um concurso esse ano ainda, incluindo vagas tanto para o Nível Superior quanto para o nível Médio.

Por Larissa Alberti | Redação IMP

Na Alemanha, prisioneiro sexual pede ajuda à polícia


U
m homem alemão de 43 anos imaginou que teria uma noite dos sonhos, mas acabou entrando em uma grande enrascada. Depois de conhecer uma mulher de 47 anos em um bar de Munique e ter feito sexo várias vezes, ele foi trancado em um quarto e foi exigido a fazer mais sexo. Exausto, o homem se refugiou no balcão do apartamento e chamou a polícia por telefone. O caso inusitado ganhou destaques nos jornais de Munique e chamou a atenção da imprensa internacional. A alemã fogosa poderá ser processada por coação e cárcere privado.

(Com agências)

Edições Anteriores:

Dezembro ( 2017 ):

01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 30