xmlns:fb='http://www.facebook.com/2008/fbml' xmlns:og="http://opengraphprotocol.org/schema/"> 20/03/2012 | Blog do Crato
.

VÍDEO - Estamos de volta com as transmissões da TV Chapada do Araripe ( E agora, com alguns programas ao vivo ). Serão vários programas abordando temas diversos, como a realidade da nossa região, do Ceará e do mundo; Programas científicos, atualidade, entrevistas, e transmissão de eventos ao vivo. ( Veja o vídeo e compartilhe ). www.tvchapadadoararipe.com



Comunidade Cratense no Facebook - Mais de 25.000 seguidores. Clique em Curtir e adicione a sua Foto !

20 março 2012

Controvérsias - Médicos dizem que não há poder de cura no leite de Aveloz - Reportagem de Wilson Rodrigues


Entre as plantas medicinais o uso do aveloz no combate a tumores cancerosos e pré-cancerosos, está no meio das principais indicações terapêuticas da medicina popular. A planta é um arbusto que pode atingir até três metros de altura. Possui ramos verticiliados, cilíndricos, extremamente ramificado com coloração verde. Dos seus ramos é retirado um liquido de cor branca feito látex onde estão concentrados princípios ativos como o hidrocarbonetos terpenicos e aldeídos. Na medicina alternativa, esse produto leitoso caustico, de efeito irritante na pele e nos olhos, tem efeito eficaz no combate ao câncer, bastando tomar uma gota de cada vez três vezes ao dia em meio copo de leite após as refeições e deve ser continuado por três meses após o desaparecimento dos sintomas da doença.

O medico cratense, o clinico geral e endocrinologista, Bernardo Brito contesta o poder medicinal do aveloz e aconselha a ninguém ingeri-lo. Embora não seja especialista em oncologia, mas sua visão é de que são necessários muitos estudos para que a comunidade medico-cientifica afirme as propriedades terapêuticas da planta, dita como detentora de poder de cura de graves doenças, inclusive o câncer. “ Muitas pessoas pesquisam na internet sobre plantas medicinais, mas é bom ter muito cuidado sobre a credibilidade do site e a procedência das informações. Antes de qualquer atitude, deve-se consultar um medico especialista “, concluiu Bernardo Brito.

O Laboratório de Pesquisas de Produtos Naturais da Universidade Regional do Cariri não tem nenhum trabalho com o aveloz por não ser uma planta genuinamente caririense, disse o coordenador do LPPN, professor Galberto Martins. Como pesquisador, ele explica que o aveloz é uma planta que precisa ser bastante discutida e estudada detalhadamente, principalmente seu látex, que é um produto natural sinalizador e altamente tóxico que, ingerido em doses concentradas pode ocasionar problemas gástricos, inclusive hemorrágicos. O Laboratório de Pesquisas de Produtos Naturais da URCA tem pesquisado o leite da janaguba, pequi e barbatimão, plantas nativas do Cariri e que os resultados têm sido satisfatórios, disse Galberto Martins.

Wilson Rodrigues

Leitores começam a enviar sugestões ao futuro Prefeito do Crato


L
eia os Novos Comentários e Sugestões dos leitores no nosso quadro "SE VOCÊ FOSSE PREFEITO DO CRATO - O QUE FARIA PELA NOSSA CIDADE ?" - Leia logo abaixo, aqui na página principal do Blog do Crato. Ou no link:

http://blogdocrato.blogspot.com.br/2012/03/quadro-se-voce-fosse-prefeito-do-crato.html

www.blogdocrato.com
Há 7 Anos, o Crato na Internet

"A DONZELA E O CANGACEIRO" HOJE NO CCBNB CARIRI

No Ceará tem disso, sim! E o Crato tem muito mais. por Elmano Rodrigues Pinheiro

.


NO CEARÁ TEM DISSO, SIM!

Tem o presidente da Casa do Ceará, Osmar Alves de Melo, falando sobre a cultura cearense em Brasília. Tem o humor escrachado de Titela, a melhor parte da galinha. Tem a força expressiva das telas de George Macário. Tem a beleza e a voz da cantora Myrlla Muniz. Tem Ruiter Lima declamando a poesia matuta do sertão. E tem a riqueza do artesanato cearense, oxente! Tudo isso nessa quinta feira 22 de março, a partir das 19 horas no Espaço Chatô, em Brasília.

E O CRATO TEM MUITO MAIS!
Tem os Irmãos Aniceto, Zulene Galdino, Mestre Aldenir, Carlos Henrique, Cleivan Paiva, Josenir, Luciano Carneiro, João Nicodemos, Dihelson Mendonça, Geraldo Ananias, João do Crato, Josilson Lobo, Aldema, Edésio, Nezite, Abidoral Jamacaru, William Brito, Ernani, Bastinha, Emerson Monteiro, Pachely Jamacaru, e tantos outros Mestres da nossa cultura, apenas esperando a hora e a vez de brilharem com a sua arte.

VÍDEO - Orquestra de Sanfonas do Ceará em Juazeiro

Vejam quantos novos talentos verdadeiros na sanfona:


Produção: Dihelson Mendonça

Canal do Rio Grangeiro - Prefeito do Crato reúne-se em Brasília com o Ministro da Integração Nacional


.
http://1.bp.blogspot.com/-ypkq3P0IMtc/T2gEJB9q4gI/AAAAAAAAf64/cxcFxdvEasY/s1600/samuel_brasilia2012-600.jpg


Em audiência realizada no Gabinete do Ministério da Integração Nacional, em Brasília, o prefeito do Crato, Samuel Araripe, foi recebido pelo ministro titular da pasta, Fernando Bezerra. Na ocasião, o prefeito do Crato foi acompanhado pelo deputado federal (PTB), Arnon Bezerra. Durante a reunião foi discutida uma pauta envolvendo assuntos como planejamento estratégico, medidas e resoluções definitivas a fim de solucionar o impasse sobre o problema do Canal do Rio Grangeiro, que já se arrasta há mais de um ano. O encontro serviu também para avaliar mecanismos de financiamento no sentido de alocar recursos da União que cubram o valor total da obra de reconstrução do Canal. A estimativa é que sejam investidos mais de R$ 50 milhões.

Na última terça-feira, dia 13 de março de 2012, técnicos do Ministério da Integração Nacional visitaram a cidade do Crato para uma reunião no Gabinete do Prefeito e em seguida coletar dados e informações detalhadas da real situação que compreende o Canal do Rio Grangeiro. Ao lado de autoridades locais, sobrevoaram a área e percorreram os trechos mais danificados pela catástrofe provocada pelas enchentes.

A partir dessa visita de campo será elaborado um laudo técnico constando de um estudo em engenharia, apontando os estragos e a dimensão do problema. Após a análise desse documento pelos técnicos especialistas no assunto em Brasília é que será emitido um parecer do Ministério da Integração Nacional sobre a liberação de verba. Uma nova audiência entre o prefeito do Crato e o ministro Fernando Bezerra está prevista ainda para esta semana.

Assessoria de Imprensa da PMC
Foto enviada pela assessoria
www.blogdocrato.com
Há 7 Anos, o Crato na Internet


Crucifixo, chatice e intolerância -- por Carlos Alberto di Franco

(Publicado n’O Estado de S.Paulo)

Carlos Brickmann, jornalista arguto e politicamente incorreto, decidiu entrar no vespeiro do despejo do crucifixo de todas as dependências do Poder Judiciário do Rio Grande do Sul. Vale a pena registrar o seu comentário.
"Há religiões; também há a tradição, há também a história. A Inglaterra é um estado onde há plena liberdade religiosa e a rainha é a chefe da Igreja. A Suécia tem plena liberdade religiosa e uma igreja oficial, a Luterana Sueca. A bandeira de nove países europeus onde há plena liberdade religiosa exibe a cruz.

O Brasil tem formação cristã; a tradição do país é cristã. Mexer com cruzes e crucifixos vai contra esta formação, vai contra a tradição. A propósito, este colunista não é religioso; e é judeu, não cristão. Mas vive numa cidade que tem nome de santo, fundada por padres, numa região em que boa parte das cidades tem nomes de santos, num país que já foi a Terra de Santa Cruz. Será que não há nada mais a fazer no Brasil exceto combater símbolos religiosos e tradicionais?
Se não há, vamos começar. Temos de mudar o nome de alguns Estados e cidades como Natal, Belém, São Luís e tantas outras. E declarar que a Constituição do País, promulgada 'sob a proteção de Deus', é inconstitucional.

Há vários símbolos da Justiça, sendo os mais conhecidos a balança e a moça de olhos vendados. A balança vem de antigas religiões caldeias. Simboliza a equivalência entre crime e castigo. A moça é Themis, uma titã grega, sempre ao lado de Zeus, o maior dos deuses. Personifica a Ordem e o Direito.

Como ambos os símbolos são religiosos, deveriam desaparecer também, como o crucifixo?"
Em São Paulo, cidade cosmopolita e multicultural, basta bater os olhos nas estações da Linha Azul do Metrô: Conceição, São Judas, Saúde, Santa Cruz, Paraíso, São Joaquim, Sé, São Bento, Luz, Santana. E aí, vamos ceder ao fervor laicista e mudar o nome de todas elas?
Carlos Brickmann foi certeiro. Mostrou a insensatez e a chatice que estão no fundo da decisão de um Judiciário ocupado com o crucifixo e despreocupado com processos que se acumulam no limbo da inoperância e do descaso com a prestação da justiça à cidadania. Na escalada da intolerância laicista, crescente e ideológica, não surpreenderia uma explosão de ira contra uma das maravilhas do mundo e o nosso mais belo e festejado cartão-postal: o Cristo Redentor, no Rio de Janeiro.

Receita inicia operação para intensificar fiscalização sobre importações irregulares no país



Atenção, quem for comprar produtos importados...

A Receita Federal iniciou nesta segunda-feira (19) uma operação, chamada de Maré Vermelha, para intensificar a fiscalização sobre irregularidades na importação de produtos no país. A ação vai priorizar produtos cuja importação tem prejudicado a indústria nacional, como vestuário, calçados, brinquedos, eletroeletrônicos, bolsas, artigos de plástico, pneus e artigos de toucador (como cosméticos e perfumaria).

“A Operação Maré Vermelha consiste em um grande esforço da Receita Federal para intensificar a fiscalização nas nossas áreas de portos e aeroportos, visando ao aumento da fiscalização das importações, tendo em vista a situação atual de grande competitividade no mercado internacional, principalmente provocada pela chamada guerra cambial”, destacou o secretário da Receita Federal, Carlos Alberto Barreto.

Segundo a Receita, o objetivo não é regular o comércio exterior brasileiro, função que cabe ao Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, mas apenas evitar que produtos entrem ilegalmente no país ou que importadores utilizem artifícios para pagar menos impostos, como subfaturamento, declaração de origem falsa ou classificação errada da mercadoria.

“Vamos intensificar a fiscalização dentro do Plano Brasil Maior, que prevê uma ação mais concreta em defesa da indústria nacional, da competitividade do produto brasileiro e, portanto, da preservação do nosso mercado, do nosso emprego e da nossa renda”, disse o secretário.

Segundo Barreto, o aumento e a diversificação das importações pelo Brasil nos últimos anos dificultaram o trabalho da Receita Federal. Dados da Receita mostram as importações passaram de US$ 110 bilhões em 2001 para US$ 480 bilhões no ano passado. Os produtos importados também se diversificaram. Se, em 2001, cada operação de importação envolvia uma média de 4,3 produtos, no ano passado, esse número passou para 11,9.

Para ampliar a fiscalização, a Receita também inaugurou hoje o Centro Nacional de Gerenciamento de Risco (Cerad), que vai funcionar como uma central de inteligência para direcionar os equipamentos e agentes para os setores e locais onde ocorrem mais ilícitos.

“Utilizando tecnologia de ponta e trabalhos em rede, vamos identificar com mais precisão as fraudes praticadas no comércio exterior”, disse Barreto. O centro também manterá contato permanente com o setor privado para conhecer os setores mais afetados por ilegalidades nas importações.

Agência Brasil
Foto Meramente Ilustrativa


Novo livro do poeta Pedro Bandeira - Daniel Walker


Será lançado na próxima quinta-feira, 22, às 19h, no Memorial Padre Cícero o livro O Poeta Pedro Bandeira mostra Juazeiro ao mundo. O evento faz parte da programação da Semana do Padre Cícero e os trabalhos estão sendo coordenados pelo professor e escritor Franco Barbosa. O livro tem 135 páginas, sete capítulos, compilado dos mil cordéis lançados por Pedro Bandeira nos seus 56 anos de poesia popular. Segundo Franco Barbosa "O projeto de edição deste livro tem como objetivo primário trazer para as novas gerações, a poesia popular mais pura, genuína e singular de Pedro Bandeira, evidenciando o valor do repentista, por realizado um trabalho de corpo a corpo no Brasil a fora, divulgando no nome do Padre Cícero, de Juazeiro e do Cariri. Uma mídia ambulante realizada nas terreiradas pelos sertões adentro, debaixo dos juazeiros, nas casas de famílias, nos clubes, na TV, no rádio, na imprensa de uma forma geral".

Daniel Walker - Blog do JuaOnline

ESPERANÇA VEGETAL... - Postada por José Cícero


Testes feitos com a planta avelós traz esperança para quem tem câncer, HIV e dor

Avelós é uma planta comum na região. O nome científico Euphorbia tirucalli pode não dizer muita coisa para pacientes de câncer. Mas, quando se fala em avelós, alguns já conhecem e se animam. Originária da África, a planta se adaptou bem ao Nordeste. Mas é preciso ter cuidado com ela: especialistas alertam que o avelós é muito tóxico, e que só o contato com o látex (conhecido como leite) pode lesionar a pele, os olhos e causar alergias.

Mesmo com propriedades tóxicas, o potencial do avelós é grande. Quem explica é o doutor em Tecnologia Farmacêutica pela Universidade do Porto e coordenador dos estudos financiados pela empresa cearense Amazônia Fitomedicamentos, Luiz Francisco Pianowski. “Provamos a ação para câncer em vários testes iniciais. Fizemos testes com animais, testes toxicológicos para provar que era seguro dar a humano. E depois chegamos a humanos”, conta.

A pesquisa com o avelós começou em 2003 e não se restringiu ao câncer. Com o tempo, e por causa dos pacientes que tomavam as conhecidas ‘garrafadas’ (preparações elaboradas com plantas medicinais) feitas com avelós e diziam não sentir dor, os pesquisadores foram investigar se a planta podia funcionar contra isso. “Realmente achei uma molécula, isolei no meu laboratório, começamos a trabalhar e aí a surpresa é grande”, comemora o pesquisador.

E como se não bastassem essas duas importantes linhas de pesquisa, eis que uma terceira também passou a ser estudada. “Por uma questão de mecanismo de ação, deduzi que uma molécula que agia em câncer poderia agir em HIV”, conta Pianowski. Ele explica que alguns testes toxicológicos já foram feitos na França. Agora, o próximo passo é iniciar os testes em macacos nos Estados Unidos.

Os bons resultados obtidos até agora pela equipe do pesquisador Luiz Francisco Pianowski podem representar a esperança para muitos pacientes. Mas é preciso prudência na hora de falar de resultados. Os estudos demandam tempo; até que possíveis medicamentos cheguem ao mercado, costumam se passar anos. Mesmo assim, as pesquisas com o avelós são animadoras, tanto que, cada uma, possui um financiamento de mais de R$ 30 milhões, segundo Pianowski.

Nesta edição, o Ciência & Saúde apresenta cada uma dessas pesquisas. Afinal, quem não tem algum familiar ou amigo que não sofra com um desses males? Também vamos adentrar ao mundo das plantas medicinais e ver como elas estão sendo utilizadas no Estado. Até porque elas estão longe de servir apenas para aquele tradicional chazinho. Que também é muito bom, não negamos.

Fonte: Jornal O Povo
José Cícero - Secretário de Cultura de Aurora

Era uma vez um maestro Azul (in memoriam) - Por: Ana Lúcia Jamacaru.

.

Não podia ser outro o nome do maestro da banda da minha cidade. Nas madrugadas frias, os acordes quentes e festivos da banda de Azul era um café na cama requintado de notas musicais. Filtrando-se pelos telhados de nossas casas, “Violetas Imperiais” e “Rosas de Maio” desciam exalando cheiros e sons de clarinetes e saxofones. Amanhecíamos banhados de melodias azuis, sabendo que um de nossos vizinhos fazia anos de felicidade. Com certeza, esse seria um dia mais primaveril e, naturalmente, mais azul.

O maestro sempre foi o arauto das notícias boas. No seu uniforme com galas douradas, o rosto redondo, tinto de preto azulado fazia bonito o contraste. Comandando os seus “soldadinhos de chumbo” era a sua banda que acompanhava o pau da bandeira, abrindo a festa da padroeira, a visita ilustre, as inaugurações que beneficiariam o nosso município. Entre confetes, serpentinas e lança perfume, o som das marchinhas de carnaval eram azuladas por sua banda, arrastando-nos até a praça numa euforia que me fazem doer de saudade dos carnavais que já não voltam mais. “Alá, lá, lá, ô, ô, ô...”

Havia somente uma ocasião em que o maestro, ao invés da azul-alegria, convidava-nos musicalmente a vestir a nossa alma de luto. Seus dobrados, em tom fúnebre, cadenciados, tornavam-se solenes e lastimosos como os trajes roxos de Nossa Senhora acompanhando seu filho morto.

Ao despedir-se das solenidades, o maestro ia deixando no ar o seu rastro azul “... qual cisne brancos em noite de lua, vai navegando no mar azul...” e todos ficávamos sonhando em singrar com ele os mares do Norte a Sul. Quando criança, eu o seguia sem embaraço, tal qual os meninos do canto de fadas seguiam hipnotizados o tocador de flauta. Minha alma azulada ainda não tinha medo de sonhar, de alçar voos ao mundo da fantasia.

Hoje, embora ainda sinta a vontade de dar a mão a todos da cidade e sair cantando e dançando, mostrando o colorido do meu coração; fico no meu canto muda e só, só vendo “as bandas passarem tocando coisas de amor” e outras tantas melodias que não fazem eco no meu coração.
Onde você está Azul, só pode ser azul; eu te agradeço por ter “musipintado” a minha infância de sonhos e fantasias azuis.

Ana Lúcia Jamacaru.

TSE inicia Campanha que incentiva alistamento eleitoral dos jovens


A partir desta segunda-feira [19], as emissoras de rádio e televisão em todo o Brasil começaram a veicular uma campanha de esclarecimento da Justiça Eleitoral para incentivar os eleitores de 16 a 18 anos incompletos a tirar o título e exercer o direito ao voto.

Até os 18 anos o voto é facultativo e quem tem 15 anos, mas fará 16 até o dia da eleição, que ocorrerá no dia 7 de outubro, também pode pedir o documento para votar pela primeira vez. Para tirar o título de eleitor, basta procurar um cartório eleitoral com um documento de identidade com foto e comprovante de residência, não é necessário o pagamento de taxas, o título é gratuito. O cadastramento eleitoral é realizado até o dia 9 de maio.

ATUALIZAÇÃO - Uma outra campanha será veiculada com o objetivo de conscientizar os eleitores para que não deixem para a última hora a atualização de seu cadastro eleitoral. Os eleitores de mais de 5,5 mil municípios brasileiros que irão eleger novos prefeitos, vice-prefeitos e vereadores em outubro deste ano têm até o dia 9 de maio para regularizar a situação de seu título eleitoral. O prazo é determinado pela Lei 9.504/97, que prevê o fechamento do cadastro eleitoral com 150 dias de antecedência da eleição.

DEFICIÊNCIA - O dia 9 de maio também é o prazo final para o eleitor com deficiência ou mobilidade reduzida solicitar sua transferência para uma seção eleitoral especial.

* Com informações da Agência de Notícias da Justiça Eleitoral

Máquinas da Prefeitura do Crato trabalham no desassoreamento do Canal Rio Grangeiro


A prefeitura do município em parceria com a Defesa Civil, preocupados com a atual situação do Canal do Rio Grangeiro, montou vigilância permanente em toda a extensão do Rio, na tentativa de garantir a segurança e a tranqüilidade dos moradores. A administração municipal mandou máquinas e demais equipamentos realizar o desassoreamento, retirando troncos de árvores, pedaços dos gabiões e todo o material que foi arrancado pelas chuvas e jogado no leito do canal. Como medida de segurança o Departamento Municipal de Trânsito (Demutran) interditou a Avenida José Alves de Figueiredo, nas proximidades do Colégio Objetivo, devido o aumento do deslizamento de barreiras avançando em direção aos prédios ali existentes, principalmente no trecho entre a sede do Tiro de Guerra e a Igreja de Nossa Senhora de Fátima, no bairro Pimenta.

A construção do projeto definitivo para o Canal Rio Grangeiro poderá custar R$ 500 mil reais e a sua execução deverá ser entorno de R$ 50 milhões. Foi com esta expectativa que o prefeito municipal chegou de Brasília onde, no Ministério da Integração, apresentou três reivindicações. A primeira foi o pedido de apurar a responsabilidade dos R$ 2 milhões e 600 mil reais que foram investidos nas obras emergenciais e que as águas levaram. A segunda reivindicação feita pelo prefeito foi a liberação de verbas para construção de um novo canal e o terceiro pedido foi o envio de recursos federais para realizar ações pontuais no que foi danificado pelas recentes precipitações, principalmente a cratera que surgiu frente ao colégio Objetivo e que avança de maneira extremamente perigosa e tem que ser contida, urgentemente.

O prefeito disse que os poderes municipal, estadual e federal têm que dar as mãos para resolver o problema do Canal do Rio Grangeiro. Para ele, a sociedade é a maior vítima desse episódio e por isto ela deve ser consultada e convidada a participar das audiências públicas quando da elaboração do projeto definitivo. O ministro Fernando Bezerra, segundo o chefe do executivo cratense, demonstrou interesse nas idéias apresentadas. Os relatórios já foram enviados para o Ministério da Integração Nacional e esta semana o prefeito do Crato estará novamente na Capital Federal para novos entendimentos sobre o futuro do canal.

ASCOM - PMC

I Ciclo de Encontros da Pesca Artesanal e Aquicultura Familiar será realizado próximo dia 21 em Crato


A
Secretaria de Estado da Pesca e Aquicultura com o apoio da Secretaria de Agricultura, Pecuária e Recursos Hídricos do Crato realiza o I Ciclo de Encontros da Pesca Artesanal e Aquicultura Familiar, que será realizado na próxima quarta-feira, dia 21, no Teatro Municipal Salviano Arraes Saraiva (antigo Cine Teatro, rua José de Alencar, S/N - Centro) a partir das 8 horas.

A programação seguirá dessa forma:

8:00 - Recepção com café da manhã
9:00 – Palestra: “Situação Atual e Perspectivas dos projetos de Pesca e Aquicultura do Estado do Ceará” – Flávio Bezerra (Secretário da Pesca e Aquicultura do Estado do Ceará)
10:00 – Palestra: “Linhas de Crédito e Oportunidades de Renegociação” - Banco do Nordeste
11:00 - Mesa redonda para discussão sobre as demandas dos pescadores e aquicultores
12:00 – Almoço

Compareçam! Esse evento é de suma importância para pescadores e aquicultores de todo o Estado.

Crato realiza Semana da Água e da Árvore 2012


C
om o objetivo de construir junto a comunidade habilidades e atitudes de como economizar água, preservar o verde do meio ambiente praticando ações sustentáveis, o Governo do Crato, por meio da Secretaria de Meio Ambiente e Controle Urbano realiza, de 21 a 28 desse mês a Semana da Água e da Árvore 2012.

Com a temática “Floresta presente, Água corrente”, o evento contará com palestras, concurso de fotografias, exposição de trabalhos relacionados ao tema, blitz educativa, trilha temática, bem como a assinatura do termo de parceria entre Secretaria Municipal de Infraestrutura,- SEINFRA, Secretaria de Meio Ambiente e Controle Urbano - SEMAC e Grupo de Jovens da Maçonaria, para revitalização da pracinha do DETRAN.

A programação completa está disponível no site da Prefeitura do Crato www.crato.ce.gov.br.
Maiores informações na SEMAC, pelo fone 35868011 ou pelo e-mail semac.crato@yahoo.com.br

Brasil pode se tornar o segundo maior país no Facebook, diz pesquisa - Por J.Tavares.



Segundo Socialbakers, Brasil pode passar Índia e Indonésia. Estados Unidos é o país com maior número de usuários no site.

O Brasil está crescendo muito rápido no Facebook e pode se tornar o segundo país com maior número de usuários na rede social, ultrapassando a Índia e a Indonésia, segundo dados da empresa Socialbakers. Em primeiro lugar está os Estados Unidos.

As estatísticas mostram que, se o Brasil mantiver o crescimento atual, pode saltar da quarta para a segunda posição no número total de usuários no Facebook. Segundo os dados da Socialbakers, isso poderia acontecer no próximo mês.

“É difícil pensar em outro país no Facebook que poderia crescer tão rapidamente”, disse a Socialbakers. “No Brasil, onde o Orkut, do Google, tem sido líder desde 2004, o Facebook é agora, finalmente, o número 1”, completou.

Hoje, conforme dados da Socialbakers, os Estados Unidos estão no primeiro lugar em número de usuários, com quase 156 milhões de pessoas na rede social. Na segunda posição está a Índia (45 milhões), seguida pela Indonésia (43,5 milhões). O Brasil está em quarto lugar, com 42 milhões de usuários no Facebook.

Fonte: site G1, em São Paulo (globo online)


Edições Anteriores:

Setembro ( 2017 ):

01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30