xmlns:fb='http://www.facebook.com/2008/fbml' xmlns:og="http://opengraphprotocol.org/schema/"> 17/09/2011 | Blog do Crato
.

VÍDEO - VÍDEO DE LANÇAMENTO - Em breve, as novas transmissões TV Chapada do Araripe. Espero que curtam o vídeo de lançamento abaixo, em que há uma pequena retrospectiva de alguns trabalhos, reportagens já feitas ao longo dos muitos anos que fazemos reportagens. ( Veja o vídeo e compartilhe ). www.tvchapadadoararipe.com



Comunidade Cratense no Facebook - Mais de 24.000 seguidores. Clique em Curtir e adicione a sua Foto !

17 setembro 2011

O drama e o desabafo de Victor Hannover


Não, apesar do título, esse tópico não é uma ironia,veja que situação e reflita!!


Tom Barros e Roberto Moreira, a verdade sobre a nostalgia.

Tom Barros e Roberto Moreira são duas pessoas da minha mais profunda admiração. Roberto foi me buscar na praia do Náutico, para que eu voltasse às minhas atividades profissionaiis. Ao chegar na redação, me humilhou o quanto pode, me chamando de consumidor de drogas, entre outras coisas que aqui não irei relevar. Fui várias vezes achicalhado. Numa dessas, fui taxado de "zé preguiça", fato que não tive reação para me defender, já que aconteceu no decorrer de uma reuniião, sendo então, algo públiico. Nada que conto aqui é segredo pra ninguém. Mesmo assim, tenho um sentimento de gratidão pelo senhor Roberto Moreira de Oliveira.

Já com Tom Barros é diferente. Sempre que o chamo para ir ao psiquiatra comigo, já que faço tratamento contra o uso de drogas há mais de cinco anos, ato contínuo, recebo como represálias gritos e mais humilhações. Desta feita, se negou a fazer o pagamento dos meus quinze dias de salários, já que sou vinculado à empresa dele, que presta serviços à TV DIÁRIO. Resultado ? Até agora meu filho está me esperando no shopping via sul, para almoçarmos juntos. Não tinha dinheiro para colocar créditos em meu celular e avisar a ele que, por represália, meu pai resolveu não me pagar ester mês. Estou me preparando para passar fome, já que na minha casa não há geladeira, gás de cozinha, ventilador e nem televisão.

Escrevo estas linhas aqui, porque recentemente o ex-jogador e hoje comentarista Walter Casagrande teve um problema parecido e foi internado para tratamento. Fábio Assunção foi fazer tratamento nos estados unidos. Vera Fischer continua se tratando. Todos receberam apoio irrestrito. Eu, a Rede Globo me mandou embora, humilhado, achicalhado, depois de anos trabalhando para a emissora, via TV VERDES MARES, que essa pra mim não existe.
Alô Sr Tom Barros, trate seus cinco filhos como tal e eu, pode esquecer, mas cobrarei onde quer que seja o meu dinheiro, não por achar que nunca fui ajudado por você. Você sempre me ajudou. O problema é que desta vez eu estou precisando de um dinheiro que é meu e precisando pra viver.

Quando ao senhor Roberto Moreira, esta é a minha carta de demissão. Obrigado por tudo, inclusive pelas humilhações. Alô Roberto, o Zé preguiça está indo embora.

Victor Hannover Gouveia Barros - Radialista profissional

Fonte: Blog do Victor Hannover (Um novo Universo)

STJ anula provas contra filho de Sarney


NE - Volta à estaca zero a apuração de uma suposta rede de crimes cometidos pelo grupo a partir de um saque de R$ 2 milhões em espécie às vésperas da eleição de 2006 e registrado como movimentação atípica pelo Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf). Na época, Roseana Sarney era candidata ao governo do Maranhão.

O Superior Tribunal de Justiça (STJ) anulou as provas colhidas durante a Operação Boi Barrica, da Polícia Federal, que investigou suspeitas de crimes cometidos por integrantes da família do presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP). Os ministros da 6ª Turma do STJ consideraram ilegais interceptações telefônicas feitas durante as investigações.

Revelações sobre a Boi Barrica, feitas pelo jornal O Estado de S. Paulo em 2009, levaram a Justiça a decretar censura ao jornal, acolhendo pedido do empresário Fernando Sarney, filho do senador.

Com a anulação das interceptações ficam comprometidas outras provas obtidas posteriormente, resultantes de quebras de sigilo bancário e fiscal. Volta praticamente à estaca zero a apuração de uma suposta rede de crimes cometidos pelo grupo a partir de um saque de R$ 2 milhões em espécie às vésperas da eleição de 2006 e registrado como movimentação atípica pelo Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf). Na época, Roseana Sarney era candidata ao governo do Maranhão.

Com as escutas e informações sobre movimentação financeira, a PF abriu cinco inquéritos e apontou indícios de tráfico de influência no governo federal, formação de quadrilha, desvio e lavagem de dinheiro.

Em julho de 2009, depois de seis horas de depoimento na Superintendência da PF, em São Luís, o empresário Fernando José Macieira Sarney, filho do presidente do Senado, chegou a ser indiciado por lavagem de dinheiro, tráfico de influência e formação de quadrilha.

O STJ tomou a decisão ao analisar um pedido de João Odilon Soares, funcionário do grupo Mirante de comunicação, que pertence à família Sarney.

Soares também foi investigado. Para conseguir anular as provas, o advogado Eduardo Ferrão baseou-se em decisões anteriores tomadas pelo STJ e pelo Supremo Tribunal Federal (STF).

Precedentes

Em uma dessas decisões recentes, o STJ anulou as provas da Operação Satiagraha, que investigou suspeitas de corrupção supostamente envolvendo o banqueiro Daniel Dantas, do Opportunity. Na ocasião, os ministros da 5ª Turma do tribunal concluíram que foi ilegal a participação nas investigações de integrantes da Agência Nacional de Inteligência (Abin).

"Os precedentes do STF e do STJ entendem que as decisões judiciais que autorizam interceptação têm de ser rigorosamente fundamentadas", disse Ferrão. "O STJ falou que está nulo porque (a investigação) não respeitou a Constituição Federal e a lei", afirmou Ferrão ao Estado.

"No caso, nós entendemos que não havia fundamentação. Eles não indicavam quais eram as suspeitas. E as interceptações foram prorrogadas por 18 vezes. Foram 200 dias de bisbilhotagem, foi uma devassa", disse o advogado.

Ferrão também reclamou que a quebra de sigilo afetou pessoas que não estavam sob investigação, como advogados e jornalistas. De acordo com ele, isso ocorreu porque a Justiça Federal no Maranhão decretou a quebra de sigilo dos e-mails de todos os funcionários do grupo Mirante.

O advogado sustenta que a anulação das provas não significa o fim das investigações e, consequentemente, a impunidade dos investigados. "As investigações devem prosseguir. Os investigados têm interesse em que as investigações sejam realizadas e concluídas. Mas de acordo com a lei", afirmou. "Os registros bancários continuarão existindo. Os extratos estarão disponíveis daqui a 10 ou 20 anos", disse.

Fonte: Estadão
Foto Ilustrativa: Capa de livro "Honoráveis Bandidos" sobre a vida de J. Sarney.

Lançada a Logomarca oficial dos "TRAIDORES DO CRATO"


Não tem o troféu Abacaxi ? Agora o George Macário, artista plástico, criou um Selo, uma logomarca, um troféu simbólico, que irá rotular todos aqueles políticos que foram beneficiados com votos no Crato e nos causaram prejuízos.

O Blog do Crato apresenta oficialmente a logomarca. Pedimos sugestões ao público. Começando por aqueles que trabalharam para que a sede da Universidade Federal do Cariri não ficasse em terras cratenses, além daqueles que se encontram diante de uma situação, tal como a do LIXÃO, EXPOCRATO, e não se posicionam em defesa do Crato. Quem você votaria como traidor do Crato e por qual motivo ?

A REGRA É: AGIU E NOS PREJUDICOU, NÃO AGIU E NOS PREJUDICOU... É rotulado de TRAIDOR DO CRATO.

Por: Dihelson Mendonça

Escola Dom Quintino Realiza Minicurso de Turismo Regional‏ -Por Maria Otilia



A Escola de Ensino Fundamental Dom Quintino, situada no Crato, dentro das atividades previstas no para o minicurso de turismo regional ministrado pelo professor do Laboratório Educacional de Informática (LEI), Anderson Feliciano, realizou a primeira aula de campo com o apoio da 18ª Coordenadoria Regional de Desenvolvimento da Educação (Crede).
No roteiro, foram contempladas as cidades de Crato, Nova Olinda e Santana do Cariri. Também foi salientado durante o momento a contribuição de todos os presentes, como a dos professores acompanhantes - Paulo (professor de geografia), Washington (professor do Programa Mais Educação) e do núcleo gestor que além do apoio, se prontificou em patrocinar um excelente lanche para os participantes.
As atividades de campo são fundamentais na construção do conhecimento científico, professor e alunos têm diante de si uma riquíssima oportunidade de promoverem juntos, a construção do conhecimento, a troca de ideias, culturas, informações e analisar diferentes resultados que obtiveram por ocasião da realização do primeiro roteiro turístico.


Edições Anteriores:

Maio ( 2017 ):

01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31