xmlns:fb='http://www.facebook.com/2008/fbml' xmlns:og="http://opengraphprotocol.org/schema/"> 29/08/2011 | Blog do Crato
.

VÍDEO - Estamos de volta com as transmissões da TV Chapada do Araripe ( E agora, com alguns programas ao vivo ). Serão vários programas abordando temas diversos, como a realidade da nossa região, do Ceará e do mundo; Programas científicos, atualidade, entrevistas, e transmissão de eventos ao vivo. ( Veja o vídeo e compartilhe ). www.tvchapadadoararipe.com



Comunidade Cratense no Facebook - Mais de 25.000 seguidores. Clique em Curtir e adicione a sua Foto !

29 agosto 2011



Edição de sábado, 27 de agosto de 2011

Judiação
O cratense ri da própria desgraça. Comentário ouvido na feirinha em frente ao Mercado Walter Peixoto: o pior do fechamento dos retornos na Avenida Padre Cícero foi a crueldade feita com quem mora bairro São José, lado de Crato. Agora, para ter acesso a sua casa, o morador do São José terá de ir, obrigatoriamente, até a Praça do Crajubar, em Juazeiro do Norte. Em lá chegando -- antes de fazer o retorno -- contemplará a “ruma” de altos edifícios ali existentes e avistará -- ao longe -- a estátua do Padre Cicero. Só depois disso seguirá rumo ao lar-doce-lar, no aprazível São José.

Detran burro

O fechamento dos retornos e a colocação de 12 semáforos na Avenida Padre Cícero -- via expressa que liga Crato a Juazeiro -- diminuiu os acidentes de trânsito naquela rodovia! Certo? Errado! Nas duas últimas semanas aumentaram as batidas de carro naquele trecho. Não habituados com tantos semáforos, quando acende a luz vermelha – e pego de surpresa --, o motorista freia o veículo que conduz. Também surpreendido, o motorista que vem atrás freia e bate na traseira do carro da frente. Muitas dessas batidas aconteceram nos últimos dias. E o Detran não está nem aí para tantas reclamações...

United States of Juazeiro

Uma velha ideia -- a de colocar, com grandes letras, o nome Juazeiro do Norte na encosta da colina do Horto – vai virar realidade. Numa imitação do que existe na cidade cinematográfica de Hollywood (EUA), o Governo do Ceará (leia-se secretário Camilo Santana) vai bancar o projeto para tornar visível – à distância – o topônimo da Terra do Padre Cícero em letras garrafais.

Tudo continuará como dantes no Quartel de Abrantes

A “governabilidade” tem razões que a própria razão desconhece. Durou oito meses a esperança dos brasileiros de que a presidente Dilma Rousseff tivesse forças para atacar a roubalheira no governo federal. Segundo a Federação da Indústria do Estado de São Paulo—Fiesp, a corrupção no Brasil retira, por ano, R$ 69 bilhões (eu escrevi bilhões) da Educação, Saúde, Saneamento e Segurança públicas, dentre outras. Sem a ladroagem, a renda per capita do brasileiro seria de US$ 9 mil. Daí porque ninguém entendeu quando a presidente Dilma capitulou e disse que a “faxina” a ser feita será no combate a miséria e não contra a corrupção.

E haja faxina contra a miséria

Que ascensão à classe média que nada! Em 2010, a macrorregião Cariri-Centro Sul foi responsável pela pior situação de miséria no interior do Ceará. Foram contabilizados 117.028 domicílios com renda mensal per capita de até um quarto de salário mínimo da época, ou seja, essa grande massa humana sobrevivia com apenas R$ 127,50 por mês. O fato foi divulgado na última 5ª feira, dia 25, através do Informe nº 15, com números do censo 2010, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística--IBGE. No mesmo documento, o índice saúde, na macrorregião Cariri-Centro Sul, também foi catastrófico: aqui foi a única do Ceará que não obteve redução na taxa de mortalidade infantil. As demais regiões do Ceará obtiveram redução acima de 40% em uma década na mortalidade infantil.

Continua o “rapidinho”


Com a interdição do fluxo de carros, em frente à Catedral de Crato, a partir das 17 horas – por conta da Festa de Nossa Senhora da Penha – o cruzamento da Rua Dom Quintino com Avenida Maildes de Siqueira (para quem vem do Parque de Exposição), tornou-se um suplício. -- Foto ao lado de Dihelson Mendonça --Tudo por conta de um sinal que fica aberto no máximo por 1 minuto. Há meses o fato foi denunciado neste blog. Mas, até hoje, o Demutran nunca tomou as providências. Nota-se que a administração de Samuel Araripe passa por uma boa fase: reforma de todas as praças, calçamentos nos bairros, melhoria na limpeza pública, etc. Mas, o Demutran não acompanha o atual ritmo do governo municipal. Na prática, o órgão controlador do trânsito em Crato só sabe multar. Todos os dias, ao invés de diminuir as grandes filas que se formam naquele local citado, os grosseiros guardas-de-trânsito – com blocos na mão – ficam multando e rindo da cara dos contribuintes...

O Maxxi vem aí

Surpreende a rapidez da construção do Maxxi Atacado, divisão autosserviço do grupo Walmart ora em construção na Avenida Padre Cícero, em Juazeiro do Norte. Numa semana, todas as colunas de concreto foram colocadas no terreno. As paredes são pré-moldadas e serão concluídas também em tempo recorde. Quando for inaugurado o Maxxi-Cariri ofertará mais de 6 mil itens, entre alimentos, bebidas, açougue, frios e laticínios, congelados, hortifruti, higiene e limpeza, bazar, eletroeletrônico, além de produtos e equipamentos voltados para o mercado Food Service.

Curtas

-- Novidades no ar: com tarifa de apenas R$ 119,00, a Passaredo Linhas Aéreas vai ofertar -- a partir de 22 de setembro-- passagens aéreas no percurso entre Juazeiro do Norte e Fortaleza. Os voos entre Juazeiro e a Capital cearense, nos horários de 6h, 17h e 23h. A pergunta que não quer calar: até quando as passagens só custarão R$ 119,00?

-- O reitor da Universidade Federal do Ceará–UFC, o juazeirense Jesualdo Farias anunciou que está tudo pronto para a implantação da Rádio Universitária Cariri–FM. Em Juazeiro do Norte, claro.

-- Na sua vinda a Missão Velha, na última sexta-feira, dia 26, o governador Cid Gomes assinou termo de compromisso para construção de três importantes obras no Cariri no valor total de R$ 2,8 milhões. A primeira, para a urbanização da Avenida do Contorno de Missão Velha. A obra irá melhorar o acesso da população e de motoristas ao parque de festas da cidade. A obra está orçada em R$ 1 milhão e 100 mil reais.

-- Outra foi para a construção da estrada Corredor do Sabino, no município de Barbalha. A obra irá receber um investimento superior a R$ 1 milhão.

-- No mesmo evento, o município de Juazeiro do Norte foi contemplado com um “mimo” do governador: a assinatura da ementa de convênio com a prefeitura para a reforma dos canteiros centrais das avenidas Castelo Branco e Ailton Gomes. Obra no valor de R$ 700 mil reais.

-- E o Crato, não ganhou nada? Ganhou. O governador Cid Gomes assinou a ordem de serviço -- no valor de R$ 117 mil reais -- para a publicação de um livro sobre o Geopark Araripe.

-- A nova superintendente no Ceará do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), arquiteta Juçara Peixoto, confirmou que caminha rápido o processo de tombamento da estátua de Padre Cícero como patrimônio histórico do Brasil e o registro das romarias de Juazeiro do Norte, estas como patrimônio imaterial do Cariri.

-- As voltas que o mundo dá: depois de criticar ad nauseam as privatizações, o atual governo do PT rendeu-se. E anunciou -- com estardalhaço -- um grande feito: a privatização do primeiro aeroporto brasileiro no governo Dilma: o de Natal, capital do Rio Grande do Norte.

-- Pior. Nas próximas eleições os trogloditas lulopetistas não poderão mais enganar os eleitores com a demagogia de que “os tucanos venderam o patrimônio do Brasil”. Pois, a esta altura do campeonato, os eleitores já chegaram à conclusão óbvia: FHC- Lula-Dilma: tudo farinha do mesmo saco.

Coisas da República: A “Vassoura” (1961-2011)


No último dia 25 completou-se 50 anos da renúncia do então presidente Jânio Quadros. O símbolo dele – para chegar ao poder – era uma “vassoura”, destinada à “faxina” na corrupção que tomara conta do Brasil. “A história se repete. A primeira vez como tragédia, a segunda como farsa”, já dizia Marx. Passaram-se cinco décadas e tudo continua igual. Melhor dizendo, piorou. Em jantar na última terça-feira, entre a presidente Dilma e parlamentares da “Base do Governo”, estes exigiram o encerramento da "faxina". O PMDB pressionou dona Dilma para "acabar com isso". A breve "faxina”, na verdade, não foi fruto do governo Dilma. Foi iniciativa da imprensa brasileira que denunciou inúmeros casos de desvios de recursos públicos. No que foi apoiada pela Polícia Federal. Mas, pelo visto, tudo não passou de um sonho de uma noite de verão...

A solidão da dor - Por: Emerson Monteiro


É isto, sim, invés de tratar do tema a dor da solidão, tocar um pouco neste tema, a solidão da dor. Naquele momento em que se acha face a face com a solidão de verdade, livre das contradições e dos conceitos. Portas e janelas fechadas ainda que ao sol do meio dia. Quando nem adiante gemer, muito menos chorar... E a dor dói de consumir por forte que se seja. Ali, na beira de nós mesmos, esses grandes desconhecidos, no limiar do Eterno, enquanto a dor dói de não ter tamanho. Onde uivam lobos e choram homens, mulheres e meninos. Sem idade, a dor traz o perdão, reduz a nada e atiça o peito das resistências, num desafio esplendoroso... Doloroso, quero dizer.

Isso de quando as vaidades caem de joelhos e querem entrar de buraco adentro, na fronteira da inexistência. Pouco ou muito importa o tamanho da herança, e a dor dói de não ter juízo que aguente... Irmã dor, qual dizia Francisco de Assis, nas suas longas viagens espirituais.

Os laços com tradição e experiências anteriores somem no abismo infinito onde, soberana, a dor dói... Pássaros cantam pelos quintais em festa; o vento sopra nas árvores; ressurge bonito o Sol; a Lua, linda, desfila no céu... Times jogam na televisão do domingo de tarde... Tocam sinos nas igrejas... E dói a dor com fome feroz de paciência a roer o coração dos humanos.

Meu Deus, como estreita o caminho e tudo de repente nos abandona quando dói a dor e o sofrimento pede passagem na avenida, encostas das florestas escuras do desassossego.

Pedir a quem tem para oferecer. Pedir sempre, que ninguém sabe quando a dor chega trazendo consigo o custo das impiedades desse solo dourado. Surgirá silenciosa no instante certo, mãe e mestra, amiga da plena glória, no tempo da colheita nos calendários que nos abandonarão.

Ah, amigo, quando a dor mostra seu rosto, na vitrine daquela solidão, não há bom, não há melhor... Viva, pois, de saber que maiores são os poderes da certeza, e junto deles manda, senhora, a dor que nos prepara o dia de invadir o leito da saudade na paz dos mistérios em constante movimento.

Leitor acha que não deveríamos postar notícias sobre Juazeiro. Você concorda ?


Sr. Armando Rafael,

Sou paraibano , moro em juazero do norte à 31 anos,sempre que posso leio as materias do blog do crato, vc não acha que deveria ser menos ironico ao divulgar materias sobre juazeiro/ce?
so assim o blog do crato passaria a ter mais credibildade junto aos seus leitores.

ats. Cicero Dias

Uma Resposta:

Prezado Cícero Dias, eu não sou o Armando, a quem o questionamento foi endereçado, mas quero dar uma resposta sobre isso. O Blog do Crato é um site que noticia os interesses do povo Cratense, as notícias, os valores, a cultura, as artes, e exatamente por isso, não se pode SEPARAR o Crato dentro do contexto do Cariri. Hoje em dia, acho que por você morar longe, não percebe que nossas cidades estão integradas, áreas quase conurbadas. Quase toda notícia que interessa ao Crat, interessa a Juazeiro e Vice-versa. Se uma nova loja se instala em Juazeiro, isso interessa SIM aos Cratenses, traz desenvolvimento regional, embora não seja no nosso solo, nós compramos e vivemos numa coisa maior chamada CARIRI.

A Visão do Armando é corretíssima. Já vivemos hoje na CRAJUBAR. Tudo que se instala em Juazeiro e Barbalha traz reflexos para o Crato, e como é que não deveríamos publicar ou esconder do público as novidades ? Exatamente para trazer as notícias do Crato e defender os interesses do Crato, é que publicamos certas notícias de interesse REGIONAL, agora se fosse apenas falar de uma rua da periferia de juazeiro, já isso não nos interessaria, mas pode ver que todas as matérias publicadas tem um caráter regional, e interessa e muito aos Cratenses.

Na verdade, o problema é porque nunca se pode agradar a todos.
O Armando gerencia as coisas tão bem por aqui, ele lê minha mente, que se um dia eu chegar a faltar, ele pode perfeitamente gerenciar o Blog do Crato. Ele SABE o que, como e quando deve ser publicado. E não só ele, como a maioria dos nossos escritores. Eles são a alma deste espaço. Eles têm o mesmo amor que todos nós temos pelo Crato.
Abraços,

Dihelson Mendonça

O CRATO HOJE - Notícias do dia 29 de Agosto de 2011


Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente do Crato aprova produção do Festival Estudantil


O Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente do Crato – CMDCA-, aprovou projeto encaminhado pela Sociedade Cariri das Artes para a realização da produção do Festival Estudantil, isso quer dizer que dentro da programação do Festival Cariri da Canção, acontecerá a Etapa Estudantil, com abrangência aos municípios da macrorregião Cariri e Centro-Sul. As etapas eliminatórias e grande final serão realizadas na cidade do Crato, com apresentações de vintes músicas inéditas e pré-selecionadas, e, dentre elas, serão escolhidas dez finalistas. As três primeiras colocadas farão a abertura da Etapa Nacional, e terão suas músicas junto com as outras sete, gravadas e reproduzidas num CD.

É importante lembrar que Secretaria da Cultura, Esporte e Juventude está realizando as inscrições dos Festivais: Cariri da Canção Estudantil e Cariri da Canção Nacional. Os festivais acontecerão em outubro (Estudantil: dias 20, 21 e 22 de outubro e Nacional: dias 27, 28 e 29 de outubro) e irão abranger a Região Metropolitana do Cariri - o Estudantil, e todo o país, com o Nacional. As fichas de inscrições e o Edital estão disponíveis no site da Prefeitura do Crato, www.crato.ce.gov.br e na sede da Secretaria da Cultura, Esporte e Juventude, na rua Teopisto Abath, no Centro Cultural do Araripe, no Largo da RFFSA. Mais informações 88 3523.23.65. Não esqueçam: As inscrições deverão ser enviadas para a Secretaria da Cultura, Esporte e Juventude do Crato, até o dia 03/10/11.

Participem!

O Governo do Crato, por meio da Secretaria de Cultura Esporte e Juventude vem disponibilizando a inclusão de crianças e jovens em seus inúmeros projetos oferecendo educação, esporte, arte lazer e cultura.

Saúde atua com mobilização nas comunidades

Secretaria de Saúde do Crato, por meio do Núcleo de Educação em Saúde e Mobilização Social, estará realizando oficina de capacitação em dengue, leishmaniose tegumentares e visceral para os novos Agentes Comunitários de Saúde (ACS), nos dias 29 e 30de agosto, na Secretaria de Saúde do Crato.

Ontem, os educadores participaram da Roda de Conversa sobre calazar na Escola Maria Josefa, na localidade de Serrinha, para alunos e pais. Nos dias 29 e 30 a equipe de mobilização social estará realizando visita as escolas e universidades para divulgar o seminário para elaboração do Plano Municipal de Saneamento Básico (PMSB) que acontecerá no dia 31 de agosto, pela manhã, no Teatro Salviano Arraes Saraiva.

Associação de Jornalismo do interior do Ceará homenageia prefeito do Crato

O prefeito do Crato, Samuel Araripe, foi homenageado pela Associação Cearense de Jornalista do Interior do Ceará ACEJI, por ocasião da realização do VI encontro da categoria, realizado no município de Cedro. Ao receber a comenda ‘JORNALISTA DUTRA DE OLIVEIRA”, Samuel destacou a importância do trabalho desempenhado pelos profissionais da imprensa do interior cearense, na promoção do desenvolvimento do Estado. Explicou que seu compromisso como gestor público é sempre manter bom relacionamento de respeito e cordialidade com a imprensa, instituição que ele considera de suma importância no dever de informar ao bem da verdade.

Para o presidente da Associação Cearense de Jornalista do Interior do Ceara, João Ferreira do Nascimento, a comenda entregue ao prefeito do Crato é um reconhecimento da entidade e seus filiados aos relevantes serviços prestados por Samuel Araripe a comunicação e seus comunicadores.

Sindicato dos Servidores do Crato realiza assembléias

O Sindicato dos Servidores Públicos Municipais do Crato vai realizar na próxima segunda-feira, dia 29, no teatro da RFFSA, a partir das 9 horas da manhã, duas assembléias extraordinárias. Pela manhã, o primeiro ato será exclusivamente com professores, merendeiras, serventes, vigias e demais profissionais da educação do município. Presenças confirmadas do secretário municipal de Educação, José Valentim Dantas, e o secretário de Administração e Planejamento do município, Cristiano Siebra. Na ocasião serão discutidas a progressão, efetivação, concurso público e os preparativos para o primeiro congresso da categoria a ser realizado em setembro.

Na parte da tarde, a segunda assembléia para os servidores de todos os setores da administração. A pauta está recheada de reivindicações como, por exemplo, a revisão do Plano de Cargos e Carreiras - PCC, onde vai ser criada uma comissão para acompanhar, até dezembro, o andamento de todo o processo de reformulação. O presidente da entidade, Júnior Matos disse que é indispensável o comparecimento de todos os servidores que vão ter a oportunidade de conversar com os secretários e demais membros da administração municipal, sobre importantes questões atinentes à categoria.

Júnior Matos explicou que o I Congresso Municipal dos Servidores Públicos, que vai acontecer em 21 de setembro próximo, vai ser um evento marcante para a história da categoria. Frisou que na ocasião o prefeito Samuel Araripe estará assinando o edital do concurso público para 360 vagas e criando a Secretaria Municipal de Segurança Pública e Cidadania.

Assessoria de Imprensa da Prefeitura Municipal do Crato www.crato.ce.gov.br
http://www.prefeituramunicipaldocrato.blogspot.com

Cariri em clima de eleições

Eleição para nova diretoria do Campus da UFC–Cariri
Acontecerá amanhã, 30 de agosto, a consulta para nova direção do Campus da UFC-Cariri, futura Universidade Federal Regional do Cariri–UFRC. Concorrem a este pleito duas chapas. Haverá urnas em todas as unidades acadêmicas do campus, sendo que o horário da sondagem, nos Campus de Barbalha e Crato, será das 8 as 17hs, e para a unidade de juazeiro, as urnas ficarão aberta até as 21hs. A apuração será feita no dia seguinte, a partir das 9hs, na sala da secretaria da pós-graduação.

Jardim e Altaneira terão novas eleições para prefeito
Os eleitores dos municípios de Jardim e Altaneira voltarão às urnas no próximo dia 4 de setembro para novos prefeitos e vice. Nestas duas cidades localizadas na região do Cariri, não se fala de outra coisa, pois todos os outros assuntos foram trocados pelas eleições que vão escolher prefeitos tampões.

Em 2008, Altaneira elegeu Antonio Dorival de Oliveira (PSDB) com 50,17% dos votos contra 49,83% dados a Joaquim Soares Neto (PSB). Dorival foi cassado e ainda recorreu contra a decisão, mas o presidente do TSE, ministro Ricardo Lewandowski, arquivou ação cautelar interposto pelo mesmo querendo sustar as cassações.

Em 2008, a população de Jardim elegeu Fernando Neves Pereira da Luz (PMDB) com 55,18% dos votos contra 44,82% conferidos a José Alves Coutinho Júnior (PT). Depois, ele e o seu adversário tiveram suas candidaturas impugnadas. Fernando já exercia o cargo que lhe foi tomado. A Câmara de Jardim ainda tentou suspender decisão do TRE que determinou eleições diretas. A pretensão do Legislativo era ter a escolha do novo prefeito de forma indireta com o voto apenas dos vereadores.

NA PRAÇA



NA PRAÇA

(Para Dona Janete Militão) – 26/08/2011


Na praça a graça dos passantes
Antes pássaros cantavam
Encantavam a alma
Armada de desejos
Nos beijos de amores
Odores de ar gostoso
Gosto de pipoca
No nariz
Refiz minhas passadas
Passadas imagens, lembranças
Criança depois homem
Chamem meu tempo

FOTO: Dihelson Mendonça

Notícias da URCA - Universidade Regional do Cariri - Dia 29 de Agosto de 2011



Livro sobre Geopark Araripe será publicado em três idiomas

Assinatura da ordem de serviço se deu no Governo Itinerante, com a presença de representantes da URCA, como a Reitora, Professora Otonite Cortez

O Geopark Araripe terá publicado um livro sobre informações técnicas do único projeto do gênero nas américas. Serão informações sobre os geossítios, presentes em seis cidades da região. A ordem de serviço, no valor de R$ 117 mil, foi assinada na última sexta-feira, pela Reitora da Universidade Regional do Cariri (URCA), Professora Otonite Cortez, durante o Governo em Minha Cidade, acompanhada pelo Vice-Reitor da Instituição, Professor Patrício Melo. O projeto de produção e publicação do material será por meio da Secretaria das Cidades e Geopark Araripe. O governo itinerante contou com a presença do Governador do Estado, Cid Gomes. O livro sobre o Geopark Araripe será publicado em inglês, português e espanhol, com 3 meses para a execução dos trabalhos e produção do material. Durante o evento também foi assinado novo edital para realização de processo seletivo, para os cursos da URCA, em Missão Velha.

Escola de Artes da URCA traz II Mostra Didática para teatros do Cariri

A Circulação em Cena traz mais um final de semana de apresentações, por meio do projeto Mostra Didática - Atos, Processo de Encenação II. No final de semana último foi realizada em Juazeiro do Norte, no segundo encontro da arte com o público, por meio do Departamento de Teatro, do Centro de Artes Reitora Violeta Arraes Gervaiseau. A primeira semana de apresentações aconteceu em Barbalha. O trabalho tem a orientação da Professora Cecília Raiffer. O evento foi iniciado no dia 19 de agosto, em Barbalha, com apresentações no Teatro Neroy Filgueira. Em Juazeiro, as apresentações foram realizadas no Teatro Patativa do Assaré, no SESC. No Crato, a última temporada do projeto terá suas apresentações nos dias 2, 3 e 4 se setembro, às 19 horas, no Teatro Rachel de Queiroz, com entrada gratuita.

Segundo a professora orientadora dos trabalhos, a disciplina é um laboratório de experimentação de linguagem cênica, no qual cada aluno cria um espetáculo de 30 minutos. Na primeira versão está sendo apresentada uma multiplicidade de encenações: clássicos da dramaturgia original como George Buechner, adaptações da literatura para palco, colagem de textos (Eurípedes - Heiner Müller - Chico Buarque), cordel encenado e criação de dramaturgia original para a cena.

As apresentações em Barbalha foram com as peças “A Vaca Surrealista” e “Beijo, Beijante, Beijado”, esta última uma adaptação do cordel “Uma anatomia do beijo” de Abraão Batista, prosseguindo nos dias posteriores com “A Vendedora de Fósforos”, adaptação do conto de Hans C. Anderson, pelo diretor do Grupo de Teatro Louco em Cena, Gilsimar Gonçalves, com direção e readaptação de Aline Sousa; “A Cor da Rosa”, “Diário”, “Woyzech”, texto do alemãoGeorg Büchner, de 1836; “De Medéias”, texto adaptado de fragmentos de Medéia (Eurípedes), Gota Dágua (Chico Buarque e Paulo Ponte) e Nedeamaterial (Heiner Muller).

FICHA TÉCNICA:

Orientação: Cecília Raiffer
Alunos-Encenadores e Encenações
Aline Sousa, com A Vendedora de Fósforos, adaptação da obra de Hans Andersen.
Kelyenne Maia, A Vaca Surrealista, de Jair Antonio Alves
Kathylene Furtado, Diário!
Joaquina Carlos, A Cor é Rosa.
Raimundo Lopes, Woyzeck da obra de George Buechner.
Rita Cidade, De Medéias, colagem da obra de Eurípedes, Heiner Müller, Chico Buarque.
Rodrigo Tomaz, Beijo, Beijante, Beijado adaptação do cordel Anatomia do Beijo de Abrão Batista.
Livro ‘Padre Cícero Romão Batista e a Família Crajubar’ será lançado dia 30

Será lançado no próximo dia 30, no Salão de Atos da Universidade Regional do Cariri (URCA), às 19 horas, o livro Padre Cícero Romão Batista e a Família Crajubar, da Professora Maria Laudecy Ferreira de Carvalho. O livro traz antigas memórias da docente, por meio da fé e do misticismo, através da personagem Juliêta, que ao longo da narrativa enfrenta com o marido Cícero dificuldades somente superadas com fé em Deus e no Padre Cícero.

Inscrições abertas para Curso de Especialização em Acupuntura na URCA

Estão abertas as inscrições para curso de Especialização em Acupuntura, na Universidade Regional do Cariri (URCA), durante os meses de agosto e setembro. O curso tem uma duração de 36 meses, com início em outubro deste ano. São 1200 horas/aulas e há disponibilidade para 40 vagas. As inscrições podem ser feitas no valor de R$ 50,00 e mensalidades de R$ 350,00. As aulas acontecerão aos sábados e domingos. O curso é destinado a profissionais das áreas de saúde física e mental, emocional do ser humano, médicos, fisioterapeutas, psicólogos, enfermeiros, bioquímicos, terapeutas ocupacionais, fonoaudiólogos, odontólogos, e outros profissionais, cujos conselhos profissionais reconhecem a acupuntura como recurso terapêutico. O curso tem a coordenação do Professor Elizardo de Brito. Mais informações como a secretária do curso, Emanuelle Freire, por meio dos fones: (88) 3102.1212, 8823.5685.

Documentos necessários para o curso:

Diploma superior; declaração de conclusão, autenticada; histórico escolar; curriculum vitae; cópias autenticas de RG e CPF, 2 fotos 3x4.

Universade Regional do Cariri - URCA
(88) 3102-1212 - 8812.5525 ramal 2617
www.urca.br – Crato, 22 de agosto de 2011

No Blog do Crato cabem 40 postagens. Só tem 15, porque tem gente que não aprendeu ainda a postar !


Peço mais compreensão da turma.
Tem gente que não está seguindo as nossas recomendações!

Na página principal do Blog do Crato cabem de 30 a 40 postagens. Por conta que alguns são indisciplinados ou porque ainda não aprenderam a postar corretamente, este número cai para 10 ou 15, porque não seguem aquilo que eu sempre falo, que toda postagem deve ANTES ser copiada no Bloco de Notas do Windows para eliminar toda a diagramação, e só depois, copiada DO BLOCO DE NOTAS para a janela de postagem.

Nunca copiem do Word diretamente para a janela de postagem, pois cda mensagem escrita no Word e trazida diretamente, estará tomando o locla de 5 a 8 postagens dos nossos colegas. Por favor, não façam mais isso. Eu já ensinei tanto e pedi tanto...e é tão fácil fazer isso, minha gente!

Dá tristeza abrir o Blog do Crato e ver que aonde cabem 30 ou 40, só tem 15. Que é isso, gente, vamos cooperar ? Agradeço a todos que puderem seguir essas orientações, para o prazer dos nossos leitores que poderão ter mais notícias e reportagens.

Abraços,

Dihelson Mendonça

Um exemplo de vida, uma lição de fé! - por Magali de Figueiredo Esmeraldo e Carlos Eduardo Esmeraldo

* Magali
* Carlos Eduardo
Quando temos nossos pais vivos e todos irmãos com saúde, jamais imaginamos que a doença ou a morte se abaterá sobre alguns de nossos entes queridos, ainda mais na flor da idade. Só pensamos que ela ocorrerá quando todos estiverem velhinhos. Além do mais, acreditamos que tudo só acontece com a família dos outros. Mesmo sem estarmos preparados, Deus está do nosso lado para nos dar a força e a coragem de enfrentarmos uma grande dor que, é ter um irmão e uma irmã acometidos de uma doença grave e partirem com uma diferença de 14 dias. A fé em Deus e a solidariedade dos amigos muito nos confortaram.

Tendo convivido com Emília por mais de um ano, desde que ela veio em novembro de 2009 iniciar o tratamento aqui em Fortaleza, hospedando-se em nossa casa, eu e Carlos resolvemos através desse depoimento, fazermos uma homenagem a grande mulher que foi Emília. Com certeza, tanto eu, quanto Carlos aprendemos com ela e nos tornamos melhores como pessoa humana. Também crescemos na fé, graças ao testemunho de Emília. Ela queria muito ficar curada, pois desejava ver todos os filhos formados. Participou da formatura de André, o mais velho, que colou grau em Letras na URCA, recentemente. Faltou as duas filhas mais novas. Aceitou todo o tratamento, por mais doloroso que fosse, com muita resignação, sem nunca reclamar de nada. Preocupava-se achando que estava dando trabalho a mim e a Carlos. Eu respondia que, ao contrário, aquela era uma oportunidade que Deus estava nos dando para cumprirmos nossa missão de cristãos: "servir ao nosso próximo". E eu acrescentava que, ela era o nosso "próximo mais próximo".

Como eu sou onze anos mais velha do que ela, pois sou a terceira filha de uma família de oito irmãos, sendo ela a sétima, sempre me dizia que, eu estava substituindo mamãe que já tinha falecido e que, Carlos estava fazendo o papel de pai. Isso me fazia muito bem, já que era uma prova de que ela estava se sentindo à vontade e em paz em nossa casa.

Emilia era linda na aparência externa e mais bela ainda em seu interior. Sempre com um sorriso nos lábios, mesmo nos momentos pesados de radioterapia e de quimioterapia. Muitas vezes sentada na sala de espera, com ela, no Hospital do Câncer olhando para os lados, às vezes víamos pessoas muito tristes. Ela comentava que aqueles estavam tristes porque não tinham fé em Deus. Fez amizade com as pessoas que estavam fazendo tratamento e com os acompanhantes. Além de conversas agradáveis, ela fazia orações pela cura de todos aqueles doentes.

Outra qualidade que eu muito admirava em Emília era a de que ela aceitava as diferenças existentes entre as pessoas. Sendo Evangélica, entendia-se muito bem comigo e Carlos, respeitando a nossa religião católica. Dizia sempre que éramos pessoas de Deus. Cumpria com sua missão de cristã, aproveitando os momentos de tratamento para evangelizar. Presenteava médicos e enfermeiros com bíblias, e sempre tinha uma palavra doce para todos que com ela conviviam. Em todos os momentos aceitava a vontade de Deus. Mesmo lutando e orando para ficar curada, ela citou diversas vezes as palavras do apóstolo Paulo: "Para mim o viver é Cristo e o morrer é lucro". Disse outras vezes que estava nas mãos de Deus. Viveu seguindo a mensagem de Jesus Cristo. Foi excelente esposa, mãe, filha, irmã , amiga e sempre ajudou aos pobres. A gratidão era uma virtude impregnada na pessoa dela . A todo o momento estava a agradecer a quem a ajudasse.

Aquela tarde de 20 de janeiro de 1969 ficou definitivamente gravada na minha memória. Havia acompanhado Magali de uma aula de pré vestibular a que ela se submeteria alguns dias depois, até a sua residência. Um dia antes, começamos um namoro que ainda hoje perdura, para nossa felicidade. Na rua lateral da casa, uma ladeira que sobe para o Parque de Exposição do Crato, um grupo de crianças brincava. De repente, uma menina loura, de olhinhos azuis muito vivos sobressaindo-se de um rostinho corado e muito suado, pés no chão, aparentando menos de oito anos de idade, se aproximou de nós e fez um pedido: "Magali, me dê um picolé." Quis saber quem era aquela criança e para minha surpresa ela me respondeu que era sua irmãzinha, Emília. Paguei-lhe o picolé que ela solicitava, gesto que nos rendeu uma amizade que nos acompanhou vida afora.

À medida que meu namoro com Magali se solidificava, eu acompanhava o crescimento de suas irmãs mais novas. Ficava intrigado quando via dona Maria Eneida ralhar quando Emília chegava em casa sem os chinelos. Pensava-se que ela os perdia com enorme frequência. Mas depois, ficou-se sabendo que ela se descalçava para doar suas sandálias às crianças pobres que encontrava pelas ruas. Esse pequeno gesto já revelava a grandeza de espírito que se formava naquela criança, cuja preocupação pelos pobres e desvalidos foi uma constante durante toda a sua vida.

Quando adolescente, Emília gostava de ajudar sua irmã Magali, cuidando dos sobrinhos. Chegava em nossa casa nos dias de sábado, e após o almoço costumava dizer: "Vão descansar, dormir um pouco, que eu cuido dos meninos." Mal nós adormecíamos, ela retirava o carro da garagem e saia dirigindo pelas ruas do Crato, sem nenhuma orientação ter recebido antes. Foi assim que ela aprendeu a dirigir, firme e decidida, enfrentando riscos, lutando para conseguir o que sempre desejava. Anos mais tarde, o seu pai lhe atribuía a virtude de ser excelente motorista, fato para o qual eu e Magali muito contribuímos, embora contra nossa vontade.

Emília cresceu, constituiu família, criou seus filhos e aprofundou sua fé em Jesus Cristo, tendo sido uma seguidora exemplar do evangelho. Foi para todos nós que convivemos com ela durante seus últimos dias de vida, um exemplo de vida e uma lição de fé.

Por Magali de Figueiredo Esmeraldo e Carlos Eduardo Esmeraldo

FELICIDADE É por João Marni



Nem mesmo o pobre coração da gente saberia responder sobre essa coisa que inunda o nosso ser, aquieta nossas apreensões, normaliza-nos a pressão arterial, nos faz brandos como a brisa da manhã ou vigorosos como os ventos das noites de outono...

Momentos felizes existem sim, mas não sabemos por que fugazes como a própria vida (felicidade é a própria vida?!). Provavelmente para que não sejamos bobos, vazios, se permanentes fossem. Contrastam com os relógios, lentos demais quando sofremos. Apesar de tudo, quem sabe no despertar para o novo dia poderá advir a tal felicidade, alheia se estamos nos estertores dos anos findos ou se esbanjamos saúde? Que ninguém fique triste se o amor da sua vida fugiu feito um pássaro cativo seu ou se morreu. A terra é grande e há gente demais. Imaginem a felicidade tomando como exemplo a água: sem forma, sem cor, insípida e inodora. Faz um bem danado, mas sempre escorre entre nossos dedos. Animem-se! Subirá aos céus junto às nossas preces e descerá como chuva boa no sertão. Sempre. Aí, perguntando continuo: Por que coloriu Deus o mundo e nós o borramos de cinza? Você sabe? Eu não sei. Felicidade tem preço? Seria a dor o preço? Com os mais sinceros votos de felicidade, da felicidade do tamanho do bem que Nosso Senhor nos quer, um grande abraço João Marni de Figueiredo

Edições Anteriores:

Setembro ( 2017 ):

01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30