xmlns:fb='http://www.facebook.com/2008/fbml' xmlns:og="http://opengraphprotocol.org/schema/"> 21/04/2011 | Blog do Crato
.

VÍDEO - VÍDEO DE LANÇAMENTO - Em breve, as novas transmissões TV Chapada do Araripe. Espero que curtam o vídeo de lançamento abaixo, em que há uma pequena retrospectiva de alguns trabalhos, reportagens já feitas ao longo dos muitos anos que fazemos reportagens. ( Veja o vídeo e compartilhe ). www.tvchapadadoararipe.com



Comunidade Cratense no Facebook - Mais de 24.000 seguidores. Clique em Curtir e adicione a sua Foto !

21 abril 2011

Semana Santa: Crato e a Procissão do encontro entre Mãe e Filho - Wilson Bernardo


A quarta estação é um martírio entre a mãe e o seu filho, que denominamos procissão do encontro, quando Maria virgem santíssima encontra o seu filho jogado aos algozes nos caminhos que levam à sua crucificação. "Mãe, eles não sabem o que fazem", e mesmo assim, o enviado dos espíritos divinos contempla a insanidade humana, com sua benevolência de cristão sabedor das escrituras sagradas. Enviados seremos para um reino sem glorias e fortunas, mas sacramentado no bem maior que é o amor incondicional dos homens para com todas as coisas.


Missa solene no santuário da igreja de São Vicente


Na caminhada do encontro entre mãe e filho sacramentado na vida eterna


os guardiões do fogo na esperança de que a vida seja justa para com a humanidade


Corações ao alto e fraternidade eterna para os homens de todas as crenças


Cristo para sempre a crucificação do santíssimo...Amém


Na escuridão do coração da humanidade a luz desperta a paz e a fraternidade


O templo e a sabedoria da luz na escuridão da mentes profundas de solidão.


Wilson Bernardo (Texto & Fotografia)

Até que enfim, cumpre-se a LEI - Apreensão de equipamentos de som no Cariri


Nota do Editor do Blog do Crato
- A reportagem é de Beto Fernandes, do Blog do Juazeiro, e mostra que ações tem sido realizadas aqui no Cariri para coibir os abusos de proprietários inescrupulosos de veículos, que perturbam a população com volume de som alto no Crato e no resto do Cariri. A lei precisa prevalecer. Se não for para cumprir as leis, melhor seria rasgá-las !



A Companhia de Polícia Militar Ambiental está fechando o cerco contra o uso abusivo de sistemas de som em veículos automotores.

Em Crato, por exemplo, na Rodovia 292, durante uma fiscalização em um bar, sem identificação, um carro do tipo Montana estava com som excessivamente alto e o proprietário foi então conduzido a Delegacia Regional de Polícia Civil de Juazeiro onde foi lavrado o TCO – Termo Circunstanciado de Ocorrência - . Ficaram apreendidos equipamentos como uma caixa de som grave, com 2 alto falantes, 4 cornetas e 2 tweeters e som automotivo.

Na mesma ação foi apreendido um carro do tipo corsa sedan. O proprietário reside em Juazeiro. Deste veículo foram apreendidos uma caixa de som com 2 alto falante, outra com 4 cornetas e um toca cd.

As informações foram prestadas pelo Major Marcos Antonio dos Santos Nascimento, comandante do 2º Pelotão da Companhia de Policiamento Militar Ambiental.

Fonte: Beto Fernandes - Blog do Juazeiro - Rede Blogs do Cariri

Revendo a cidade de Farias Brito – por Armando Lopes Rafael




Terça-feira última, 19, revi Farias Brito. Fui assistir à homenagem que a Câmara Municipal daquela cidade prestou a um ilustre filho da terra, o Desembargador Francisco Darival Bezerra Primo (foto ao lado) e a cinco pessoas distinguidas com o título de Cidadão Honorário de Farias Brito, dentre estas o médico Leonardo Fernandes Távora, que é meu genro.

Darival foi meu colega nos bancos escolares do velho e tradicional Colégio Diocesano de Crato, a partir do que se chamava, na época, o primeiro ano ginasial. Chegou ali criança, como aluno interno, já carregando atitudes de seriedade e circunspecção que o acompanhariam pela vida afora. Tive oportunidade de dizer isso, em breves palavras, durante a homenagem que lhe foi prestada no Ginásio Poliesportivo de Farias Brito.

Nesta época do ano, a Terra da Cal (assim chamam a Farias Brito) está cercada de um verde luxuriante que inclui as plantações de milho, nas cercanias de uma cidade que cresceu e progrediu. Nem parece aquele Quixará (antiga denominação de Farias Brito), -- foto à esquerda -- cuja população guardava temerosa as palavras fortes do Padre Henrique José Cavalcante, o construtor – em 1868-1869 ¬ da primeira capela que seria, posteriormente, a primeira igreja-matriz de Farias Brito.


Segundo um historiador da terra, já falecido – J. Calíope – o padre Henrique era dado a fazer milagres e o povo tinha por ele grande veneração. Mas, desgostoso com um desvio de conduta de um fiel, abandonou inopinadamente Quixará. E na saída da vila (que à época fazia parte do município de Crato, juntamente com Barbalha e Caririaçu) o Padre Henrique – debaixo de um pé de Juazeiro, no sítio Lagoa de Dentro – bateu a poeira dos sapatos e disse: “Fica-te Quixará, que de Quixará não haverás de passar”.

Hoje, Farias Brito sequer lembra o Quixará mais recente – o da década 40 do século passado – quando lá viveu outro de seus vigários tido também como santo, o cônego Manoel Feitosa, que lá morreu e foi enterrado, no piso da antiga Matriz de Nossa Senhora da Conceição. Esta igreja, de quando em vez, na época da invernada, era invadida pelas águas do Rio Cariús, que chegava ao seu patamar e banhava de leve o túmulo do cônego Feitosa, onde estava colocada uma pequena lápide com a inscrição “Etian se mortuus fuerit vivet”. – Juan II, 25”.

Farias Brito mudou. Na solenidade da última terça-feira vi e ouvi a Banda de Música Municipal Padre Davi Moreira, formada por jovens músicos daquela cidade. Vi alunos das escolas da cidade, perfilados com suas fardas a cantarem o Hino fariasbritense. Vi adultos bem vestidos, comerciantes falando na pujança dos seus negócios e jovens sonhando em cursar a universidade. Pouca gente dali, dos dias atuais, ouviu falar no desabafo do padre Henrique. Há décadas mudaram o nome de Quixará para Farias Brito.

Quixará ficou. Já o Farias Brito de hoje vive progresso e desenvolvimento...

Texto e postagem: Armando Lopes Rafael

Dois lados que se completam - Por Emerson Monteiro


Essa mania de confrontar, em tudo, por tudo, sujeita encher de tormentas o mar das embarcações, nos movimentos de tornar cinzentas as manhãs até doer nos ossos, a ponto de reverter em drama aquilo que deverá ocorrer de modo sadio, auspicioso. Insistir na tecla de viver em paz consigo e com os colegas chega a parecer teimosia, quando, na verdade, ser alegre e sonhar querendo calma muda o instinto da miséria humana, já que quase esqueceram isso jogado fora, nas ribanceiras do caminho. Conquanto o mundo às vezes ofereça cantos de carroceria aos circunstantes, a história fala diferente e confirma sequências de acontecimentos suficientes para acreditar nos aspectos positivos, todo tempo. Quanto de heroísmo oculto nos lugares improváveis. Quanta esperança na juventude, nas escolas. Luzes acesas em noites escuras, clareando prosperidades nos céus.

Ver isto, o que a natureza equilibra em forma de organizar condições, nos momentos desencontrados. Olhar aspectos que definam o seguimento das variações, permitindo sorrir e continuar, independente das opiniões contrárias e dos desistentes empedernidos, endurecidos. Somar pontos favoráveis; significar transposição dos obstáculos, desde que firmes os pensamentos no sucesso dessa longa estrada. Contar, sempre, com as estações felizes, que alternam viagens, no jeito dos alimentos gostosos, repousos e sonos tranqüilos nas madrugadas silenciosas, prazeres familiares e conquistas obtidas. Deixar de fixar os fracassos apenas quais dolorosas perdas, enquanto podem representar lições de esquecer e aprender os efeitos neles contidos. Ninguém, que se preze, repetirá erros dolorosos, no mínimo por instinto de conservação e amor próprio.

A religião de viver elabora, destarte, frutos na casa das consciências, livros abertos da condição das criaturas. Trazer para si dias dourados em jeito de sabedoria. Crescer sobre raízes que estabelecem passos em sentido da formação de novos seres dentro do mesmo ser. Plataformas de progresso. Visões brilhantes, portas abertas ao gosto de conhecer pessoas e descobrir amigos, nas muitas diversas oportunidades. Mundo feliz de existências. Cura de males antigos. Visualizar possibilidades a todo instante, no trabalho, nas ruas, nos pensamentos e sentimentos; estabelecer formulações de imagens mentais qual revelar o mistério da fé nos planos maiores das maiores circunstâncias.

Isto, sim, fomentar mudanças no universo dos objetos de aparentes contradições, no meio das quais circulam pessoas e instintos de satisfação, pois a perfeição dos elementos pulsa na mão tal matéria prima do desejo harmonioso de paz. Gestos e falas que elevam e jamais escondem a eterna força da criação aos protagonistas desta cena, diante do palco infinito das oportunidades, boas e semelhantes às maravilhas.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS - Crato vence Fortaleza e deixa o Tricolor em situação complicada


O Crato venceu o Fortaleza por 1 a 0 nesta quarta-feira (20) pelo placar de 1 a 0, no estádio Domingão, em Horizonte. O gol do Azulão foi marcado por Marquinhos Portugal aos 28 minutos do 2º tempo.

1º tempo pouco movimentado

O Fortaleza precisava da vitória para sonhar com a classificação, mas foi o Crato quem deu iniciativa. Até os 15 minutos do 1º tempo, o Leão não tinha chutado uma bola ao gol, enquanto o Azulão levava perigo por meio dos chutes de fora do meio-campo Djalma. O primeiro lance de perigo do Leão só aconteceu aos 20 minutos, quando o lateral Guto fez jogada pela esquerda, mas ninguém chegou para concluir. Sozinho no ataque, o atacante Itacaré não recebia a bola, pois o meio-campo do Tricolor não conseguia criar.

Lances finais do 1º tempo

Enquanto o Fortaleza tentava abrir o placar, o time do Crato ia se defendendo como dava, como o goleiro Anderson como destaque

Mudanças no 2º tempo

O Leão voltou para o 2º tempo com duas mudanças: saíram Itacaré e Adriano Pimenta e entraram Vinícius e Felipe Klein. As mudanças não surtiram efeito e foi o Crato quem partiu para cima.

Marquinhos Portugal decide

Aos 12 minutos do 2º tempo, o meia Marquinhos Portugal no lugar de Gilson Costa. O jogador foi decisivo. Aos 28 minutos da etapa final ele recebeu livre na área para marcar o gol do jogo.

Fortaleza vaiado

Com o placar negativo, a torcida do Tricolor começou a protestar. “Não é mole não, a diretoria acabou com meu Leão', gritava.

Situação complicada

Com a derrota, o Fortaleza precisa vencer a próxima contra o Icasa e torcer para uma combinação de resultados. Já o Crato respira um pouco e depende só de si para continuar na 1ª divisão do Campeonato Cearense.

Fonte: Verdes Mares

APRECIANDO O CRIADOR E A SUA CRIAÇÃO


Para a sobrevivência do corpo, o reabastecimento diário com substancias nutricional é indispensável. Há tempos venho meditando sobre a nossa alimentação, e os caminhos preparatórios e necessários a sua produção.

Por enquanto esqueçamos os oceanos, mares, rios e lagos e falemos um pouco da produção na superfície da terra.

Normalmente, a idéia, é a de que compramos e ingerimos todo e qualquer alimento que venhamos a necessitar, além daqueles que cultivamos de forma caseira, e ponto final!

Mas, ai está o terrível engano. Para poder dispormos de todo e qualquer alimento que consumimos, mesmo que fôssemos abundantemente ricos, precisamos observar que antes de o adquirirmos, houve a concorrência de milhares de pequenos e devotados trabalhadores visíveis e invisíveis, exercendo harmonicamente e laboriosamente suas funções destinadas pelo Criador. Tarefa esta, iniciada milênios antes de existirmos. – Você já pensou nisto?

Por mais poderosos que fôssemos e com todos os recursos à nossa disposição, não seríamos capazes de sozinhos produzirmos o nosso alimento diário. Poderemos apenas, dar o toque final. Nem mesmo um fruto capturado no pé, resulta do trabalho de uma única pessoa, ou de um único momento.

Gostaria de me fazer entender:

A cadeia produtiva do alimento tem início centenas ou milhares de anos antes da sua colheita, com o incansável trabalho de um número sem conta de pequenos organismos aparentemente rudimentares, habitantes do nosso subsolo, além daqueles, invisíveis aos olhos humanos, mas que convivem conosco na superfície, e pouca importância damos por que não os observamos trabalhando - Exceção para os estudiosos do tempo e da terra.

São exatamente essas criaturas, que revolvendo a terra, ou decompondo resíduos orgânicos, dão os primeiros passos para a fertilização do solo. E nessa transformação, gera os nutrientes necessários a germinação das sementes, que irão se transformar em produtos alimentícios como: cereais, frutos e legumes.

Essas criaturas, não assalariadas, trabalham sem cessar em benefício da humanidade, para que cada ser humano sobreviva o tempo necessário aqui no planeta. Não se rebelam nunca. Vejamos alguns:

AS BACTÉRIAS. Muitos acham que elas só servem para causar doenças, mas a natureza se serve desses seres, que juntamente com os fungos, realizam o processo de decomposição transformando a matéria orgânica morta, e devolvendo-a ao solo sob forma de matéria inorgânica. Assim se efetua a reciclagem, melhorando as propriedades e o rendimento do solo.

AS MINHOCAS são importantíssimas no campo da agricultura, com grande influência no aumento da fertilidade do solo, e conseqüentemente, na produtividade agrícola, devido principalmente à sua capacidade de transformar o nitrogênio de forma assimilável pelas plantas, além de melhorar as propriedades físicas, químicas e biológicas do solo, perfura-o e, à medida que cava através do solo, vai formando galerias subterrâneas e descompactando-o, propiciando a renovação do ar e a drenagem. Isso permite que ocorram atividades químicas em ritmo mais acelerado. Além disso, as minhocas comem terra, e à medida que a terra passa pelo seu sistema digestivo, vários materiais são digeridos ou decompostos em formas mais simples.


AS FORMIGAS também contribuem para a fertilização do solo, pela renovação do substrato orgânico - nutriente que serve de base para o desenvolvimento de um organismo. Em áreas naturais elas fazem parte do equilíbrio ecológico, mas, em ambientes alterados pelo homem, elas agem como verdadeiras pragas, - Infelizmente!


Além desses e muitos outros organismos, o solo ainda não estaria apto a produzir sem a concorrência dos elementos naturais básicos como a água e o ar.


A influência: total e absoluta, solar e lunar na superfície da terra também é indispensável à germinação das sementes, cultivadas ou não.

Por último temos o trabalho humano que, no decorrer do tempo e de acordo com as necessidades, desenvolve as mais variadas técnicas de preparo da terra, plantio e colheita, ampliando a capacidade produtiva, minimizando a escassez. E quando o solo se torna improdutivo, utiliza fertilizantes naturais conhecidos, ou artificiais.

A
nossa refeição diária, não é obtida por que possuímos dinheiro para pagar o que quisermos. Quem pensa assim comete um tremendo engano. Poderíamos ter todo o dinheiro, mas, morreríamos de fome em três tempos, não fosse a distribuição natural das tarefas atribuídas pelo Criador a cada pequeno organismo, o qual cumpre fielmente a sua finalidade indefinidamente.

Observemos que, mesmo sem trabalhar, o ser human de alguma forma recebe diariamente a parcela necessária a sua subsistência. Deus, nosso criador sabe que isto é indispensável, então, não deixa faltar. “ISTO É AMOR”.

E para encerrar a minha divagação, peço que se for possivel medite também no seguinte:
Todos conhecem a abelha social – aquela européia, a que chamamos de italiana, que trabalha sem cessar, e lhe é surrupiado quase toda a sua produção, que em seguida, é engarrafada e levada ao comércio. E neste processo de simples coleta, o homem acha que trabalhou. Será?

Pois bem: Para as abelhas produzirem um litro de mel, um dos alimentos mais completos e nutritivos, além dos resultados medicinais inimagináveis, elas visitam mais de um milhão de flores, e percorrem aproximadamente 350.000 quilômetros, isto equivale a mais de dez voltas em torno da terra. As pessoas compram esse mesmo litro de mel, por cerca de R$. 10,00, e ao colocar uma colherada na boca, não pensam na trabalheira desses pequenos e benfazejos insetos. Não lembram si quer de agradecer a Deus por tudo que recebem o que é uma pena!

Aliás, não se lembram de agradecer quase nada, estão sempre muito preocupados em aumentar o patrimônio e se divertir. Usufruem e acham que merecem tudo isto.

Então hoje. Somente hoje, ao chegar a sua sala de refeições, sentar e preparar o seu prato, pense em todos aqueles que contribuíram com uma parcela do seu trabalho para produzir cada bocado que está consumindo.

Vamos ampliar nossos pensamentos, olhando o prato que estamos usando, os talheres, os copos, a mesa, as cadeiras. Tudo está bem disposto para que sejamos bem servidos. Elevemos nosso olhar em volta: geladeira, fogão, armários, liquidificador, pia, micro ondas, e tudo o mais. Agora pense: Além daqueles que produziram o alimento, outros milhares contribuíram com o seu trabalho, para que nós tivéssemos todo esse conforto ao redor. Cada peça móvel: da sala de estar ao quarto, da cozinha à dispensa, da garagem ao jardim ou ao pomar.

Entretanto repito mais uma vez, se não fosse a participação laboral de muitos, tornando todos esses bens de uso e consumo possíveis, nosso dinheiro de nada valeria. Então por tudo isto, nada melhor do que darmos Graças a Deus, voltando para Ele nossos pensamentos, mesmo que por um momento, e dizer: “Senhor, Muito Obrigado Por Tudo Que Recebemos!”

Bom... Não estamos aqui para questionar o ponto de vista de cada um. Mas gostaríamos que aprendêssemos a agradecer a Deus por tudo que recebemos. Afinal ele nos deu vida e uma missão: Desbravar a terra, transformando-a em mundo de paz e de amor, e para isto, tudo que precisamos esteve e estará sempre a nossa disposição na natureza.

Apesar dos nossos erros, nossas crenças e descrenças; Apesar das divergências religiosas; Apesar das nossas atitudes muitas vezes contrárias a sua vontade; Apesar de nosso desamor, Ele estará sempre no final da nossa jornada, de braços abertos para nos receber quando houvermos aprendido a lição.

Devemos aprender que Deus, o nosso Criador e mantenedor, não é Deus de uma religião ou de um conceito religioso, Ele é Deus e Senhor de toda a sua criação e prever para prover. Tudo que para nós, simples mortais, parece um erro, está plenamente de acordo com seus planos e a sua vontade.


Desejo a todos, uma FELIZ PÁSCOA.


Escrito por Vicente Almeida
20/04/2011

ÚLTIMAS NOTÍCIAS - Inscrição para o Vestibular da Uece vai até terça-feira, 26 de abril


A Universidade Estadual do Ceará (Uece) através da Comissão Executiva do Vestibular (CEV) informa que estão abertas até a próxima terça-feira, 26 de abril, as inscrições para o segundo vestibular de 2011. Somente pela internet, tanto para os cursos de Fortaleza, quanto para os cursos das Unidades da UECE no interior do Estado. Ao todo estão sendo oferecidas 1.721 vagas, sendo 1.206 para os cursos da Capital e 515 vagas para as seis unidades no interior do Estado. Segundo o presidente da CEV professor Cleiton Batista Vasconcelos, a inscrição via internet será para todos os candidatos, pagantes ou isentos. Veja na página eletrônica da UECE o Edital, na íntegra, contendo todas as informações.

A taxa de inscrição no valor de R$ 85,00 poderá ser paga nas diversas agências bancárias, por meio de boleto bancário emitido via INTERNET até o dia 26 de abril. O boleto bancário gerado até o dia 26 de abril terá vencimento no dia 27 de abril de 2011, último dia que o candidato poderá pagá-lo (se o candidato for pagante integral ou isento 50%). A documentação exigida consta de ficha eletrônica de inscrição preenchida, fotocópia de documento de identificação, que será entregue no dia da 1ª fase do concurso (12/06/2011). Não será aceita inscrição por procuração.

O Exame de Habilitação Específica (EHE) para os Cursos de Música e suas habilitações será aplicado a Prova Escrita, no dia 29 de maio de 2011 (domingo), no horário das 9h às 12h e a Prova Oral, no dia 02 de junho de 2011 (quinta-feira), a partir das 8h30.

A primeira fase do vestibular de 2011.2 se realizará no dia 12 de junho, Domingo das 9h às 13 horas, com uma prova de Conhecimentos Gerais de múltipla escolha: Língua Portuguesa, Língua Estrangeira, Geografia, História, Matemática, Física, Química e Biologia. A segunda fase acontecerá nos dias 03 e 04 de julho, com a realização de quatro provas: uma de Redação e três Específicas, de acordo com o curso de opção do candidato. Mais informações no Manual do Candidato, no site www.uece.br/cev, ou pelos telefones 3101.9710 / 3101.9711.

Assessoria de Imprensa da Uece

ÚLTIMAS NOTÍCIAS - Casas reincidentes de focos da dengue recebem visita da Mobilização Social


As visitas domiciliares nas casas com reincidência de focos da dengue começaram ontem, Às 8 horas, na Vila São Francisco, no sítio Quebra e também na cacimbas. O objetivo é conscientizar os moradores a respeito da importância da prevenção do Aedes aegypti e os riscos da infestação do mosquito.

Fonte: PMC

Show Musical Tristes Sinais - Com Dudé Casado

http://3.bp.blogspot.com/-mZ9ESYCJqQU/Ta3x349o9KI/AAAAAAAAWuc/vaDlQgb8N9w/s1600/tristessinais.jpg


ÚLTIMAS NOTÍCIAS - Processo de licitação para recuperação da estrada de Santa Fé concluído


A empresa vencedora da licitação foi a Coral. O anúncio foi feito pelo deputado estadual Sineval Roque (PSB) na manhã desta terça-feira no Plenário Treze de Maio. Mais de R$4 milhões serão investidos na recuperação asfáltica da estrada de Santa Fé, que liga o distrito a cidade do Crato. Segundo o deputado Sineval Roque o orçamento da construtora que venceu o processo licitatório ficou abaixo do valor previsto pelo Departamento de Edificações e Rodovias do Ceará - DER. “A estimativa do DER era de que o custo total da obra passasse dos R$5 milhões. Porém, algumas das propostas apresentadas pelas empresas foram de valor menor que o previsto”, explica o parlamentar. A próxima etapa será a assinatura do contrato entre a empresa Coral e o Governo do Estado. Com o contrato assinado, cabe ao governador Cid Gomes assinar a ordem de serviço da obra e estabelecer os prazos de execução e entrega da nova estrada.

Saiba mais

No dia 03 de dezembro de 2010 o deputado estadual Sineval Roque apresentou uma emenda ao Orçamento do Estado nº. 315, que inclui a pavimentação asfáltica da Estrada de Santa Fé. O próprio governador Cid Gomes já declarou à imprensa, em entrevista a uma emissora de Rádio do Cariri, que o deputado Roque será o responsável por intermediar a restauração da estrada e que vai ajudá-lo a fazer a obra, apesar de a mesma ser competência do município.

Fonte: Assessoria de Imprensa do Gab. do Dep. Sineval Roque
Karol Martins e Sangiorgy Ribeiro

ÚLTIMAS NOTÍCIAS - Recuperado, Chico Anysio volta a gravar 'Zorra Total'


Humorista revive Salomé no quadro que deve ir ao ar no próximo sábado, 23. Chico Anysio voltou a gravar o programa Zorra Total, da Globo, nesta quarta-feira, 20. O ator recebeu alta há um mês do hospital Samaritano, no Rio de Janeiro, onde ficou internado durante três meses.

"Salve! Chico acordou sorrindo. Feliz com a volta ao trabalho hoje. Incrível, há exatamente 3 meses ele estava em coma e há 1 mês com traqueostomia", escreveu Malga Di Paula em seu perfil no Twitter. O humorista reviveu a clássica personagem Salomé no quadro, que deve ir ao ar no próximo sábado, 23. A cena é uma conversa fictícia entre Salomé e a presidente Dilma Roussef por telefone. Segundo comunicado da Rede Globo, Chico Anysio foi aplaudido por toda a equipe após o término da gravação.

O ator, de 79 anos, deu entrada no hospital em 2 de dezembro, com falta de ar. Após avaliação inicial, foi detectada obstrução da artéria coronariana, e ele foi submetido a uma angioplastia. Durante o período pós-operatório, foi diagnosticado com um tamponamento cardíaco, um acúmulo de sangue entre as membranas que envolvem o coração (pericárdio). Chico Anysio também teve pneumonia no pulmão esquerdo, que foi tratada com sucesso.

Fonte: G1

ÚLTIMAS NOTÍCIAS - Internet da URCA mais veloz


A Universidade Regional do Cariri (URCA) avança com internet mais veloz, no mesmo passo que tem feito o avanço tecnológico de vários setores da Universidade, com a aquisição de novos computadores para diversos setores. Foi iniciado nesta terça-feira(19), o processo de instalação do seu novo serviço de internet. O sistema contemplará todos os Campi universitários da URCA.

A melhoria tem por finalidade aumentar a velocidade de conexão da internet. Com o novo link, a internet do Campus do Pimenta passará de 2Mbps para 10Mbps; no Campus do São Miguel, de 1M para 2M. Já em Juazeiro do Norte, no Campus Pirajá, de 1M passará para 2M e, no Campus Crajubar, de 1M para 4Mbps. Ao longo da administração Plácido Cidade Nuvens e Otonite Cortez, a URCA tem tido como uma de suas marcas a modernização tecnológica da Universidade, nos seus diversos setores. Os laboratórios de informática, inteiramente renovados com novos computadores, são prova desses projetos desenvolvidos por meio da administração, além de todas as coordenações de cursos, e os departamentos.

O Centro de Processamento de Dados - CPD passou recentemente por uma ampla reforma estrutural, com redimensionamento do espaço. Foram investidos R$ 121 mil no setor. Com a reforma, a coordenação do CPD admite um funcionamento efetivo, com capacidade de expansão das atividades, gerando a possibilidade de desenvolvimento de novos projetos.

Fonte: URCA

ÚLTIMAS NOTÍCIAS - Aberta exposição do Geopark Araripe na URCA


Aberto na última terça-feira (19.04) o Centro de Interpretação e Educação Ambiental (CIEA) do Geopark Araripe, no Salão da Terra da Universidade Regional do Cariri (URCA), com exposição sobre o Geopark, que estará aberta ao público por um período de dois meses.

De acordo com a Coordenadora de Educação Ambiental do Geopark Araripe, Neuma Galvão, as peças foram transferidas com o objetivo de divulgar mais o Geopark Araripe na Universidade, em especial, com os alunos novatos da URCA.

São réplicas de fósseis do período Cretáceo, de cerca de 100 milhões de anos, maquetes representativas dos nove geossítios e da Chapada do Araripe, peças esculpidas em madeira representando a flora e a fauna da região. A arte em argila das irmãs Cândido, de Juazeiro do Norte, que contam a história da evolução da vida e da terra. Todos esses elementos estavam antes expostos no estande da URCA, localizado no Parque de Exposições Pedro Felício Cavalcanti.

O Centro ficará aberto nos períodos da manhã, tarde e noite, durante o horário das aulas. Na noite de abertura o local foi bastante prestigiado pelos alunos, que aproveitaram para tirar fotos e conhecer mais sobre os geossítios da área do Geopark Araripe.

Fonte: URCA

Edições Anteriores:

Abril ( 2017 ):

01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30