xmlns:fb='http://www.facebook.com/2008/fbml' xmlns:og="http://opengraphprotocol.org/schema/"> 30/01/2011 | Blog do Crato
.

VÍDEO - CONVERSA FRANCA - O DESCASO NO CRATO - Dihelson Mendonça ( 30-11-2017 ).
Estamos de volta com as transmissões da TV Chapada do Araripe ( E agora, com alguns programas ao vivo ). Serão vários programas abordando temas diversos, como a realidade da nossa região, do Ceará e do mundo; Programas científicos, atualidade, entrevistas, e transmissão de eventos ao vivo. ( Veja o vídeo e compartilhe ). www.tvchapadadoararipe.com



Comunidade Cratense no Facebook - Mais de 25.000 seguidores. Clique em Curtir e adicione a sua Foto !

30 janeiro 2011

Revendo as fotos da Tragédia - CAOS: Dominar a Natureza! Os Problemas de Ontem são Presentes Hoje: Wilson Bernardo


Matéria em Destaque


A tragédia anuncia os fatos, mas nem a hora e nem o dia. Os juros que a natureza cobra são incalculáveis, por erros humanos do passado. Os problemas de hoje são heranças de gestões de décadas anteriores, o que nos causam no futuro fatos lamentáveis. O que se fazer? Arregaçar as mangas e trabalhar, principalmente recorrer ao Governo do Estado e ao Governo Federal para soluções rápidas e precisas.

Não é o Paris/Dacar é no centro do Crato...Muita lama!

Esse rapaz se aventura, retirando água do canal pra lavar a casa,em virtude do caos no abastecimento d'água, nas áreas afetadas.

Ponte da igreja do Pimenta em estado critico e danificada.

A proteção se foi na enxurrada e a ponte está comprometida

Postes e rede elétrica...Tudo foi levado em questão de segundos.

Ponte do TG e supletivo danificada e em estado critico

Largo da prefeitura,o que era avenida se tornou leito de Rio.

Há Cem anos atrás isso ai de fato era o leito do Rio Grangeiro e hoje ele voltou ao curso normal.

O Comercio também foi muito atingido, em áreas próximas ao canal

Casa no final do canal foi levada na enxurrada,mas sem vitimas.

Wilson Bernardo (Texto & Fotografia)

Imagens Domingueiras! Pachelly Jamacaru

Uma chuva para sujar, outra para lavar!

Clic na imagem para ampliar.




Fotos:Pachelly Jamacaru
Direitos reservados

Choveu na tarde de domingo em Crato


U
ma chuva de média intensidade e rápida caiu sobe a cidade do Crato ontem, Domingo, dia 30 de Janeiro. A chuva começou por volta das 15:30 e durou cerca de 45 minutos.

Blog do Crato
www.blogdocrato.com

Comentário do Dia - OS ENGENHEIROS DE OBRAS PRONTAS - Por Dihelson Mendonça


"Em tempo de Catástrofes, aparecem Milhares de Engenherios de Obras Prontas. Gente que diz o que devia ter sido feito, mas nunca fez nada pelo Crato. Eu quero saber quem é que está disposto a ajudar nossos irmãos desabrigados e trabalha pelo Crato. Sentar-se comodamente em frente a um computador ou Estação de Rádio e malhar as autoridades com atitudes politiqueiras é fácil. Difícil é fazer algo útil. Logo um povo sem Solidariedade alguma que quando é pra ajudar, tem pena de meter a mão no bolso e dar 10 reais para uma causa, ainda que seja nobre. Muitos Cratenses vivem de aparências! São Ricos pobres que gostam de ostentar uma riqueza comprada em 100 prestações sacrificando o prato do dia !"

Dihelson Mendonça

Obras de arte recuperadas estarão em exposição neste domingo, em Crato


Será realizada de 30 de janeiro a 3 de fevereiro, Exposição das Obras do Museu de Arte Vicente Leite. Com o acervo restaurado, a exposição será realizada no Hall de entrada do Teatro Municipal Salviano Arraes Saraiva, com abertura às 19 horas do dia 30. Todo o material irá compor o Museu de Artes Vicente Leite, do qual faz parte o acervo a ser exposto. A Exposição será realizada por meio da Fundação Cultural J. de Figueiredo Filho e da Prefeitura Municipal do Crato. Estará presente na abertura da exposição, o artista plástico Bruno Pedroza, reconhecidamente um dos artistas que deu uma grande contribuição no desenvolvimento das artes plástica.

Dois dias depois - Por Emerson Monteiro


No jornalismo, notícias são acontecimentos de interesse público divulgados pelos meios de comunicação de massa, e existem formas de avaliar a importância das notícias conforme a sua relevância. Uma dessas formas é a proximidade. Entre duas notícias, uma sempre melhor atende a esse requisito de tocar mais de perto a comunidade.

Enquanto avistávamos, no Cariri, as catástrofes climáticas ocorridas em cidades do Rio de Janeiro, as notícias guardavam proporção considerável, porém representavam marcas noutras populações afastadas geograficamente falando. Agora, contudo, diante da cheia desproporcional do Rio Grangeiro, a força das águas nos mostrou outras dimensões, em face da ligação imediata do acontecimento. Esta madrugada, dois dias depois, circulando nalgumas avenidas que margeiam o Canal e ruas circunvizinhas ainda em fase de arrumação, avaliei de perto a dimensão do fenômeno meteorológico que confrangeu toda a cidade de Crato na madrugada do dia 28 de janeiro de 2011.

A imagem principal da cena deixa às claras o risco constante que representa, a curtos e longos prazos, viver exposto à imprevisibilidade natural de possibilidades antes anunciadas. Longe dos brados alarmistas ou lendários, domar rio de tamanha impetuosidade torna-se, de hoje adiante, o fator determinante das administrações, independente do que passou, perante as transformações causadas pela ação do homem nas encostas da serra nestes dois séculos de aproximação. Olhar o assunto de frente, encontrar a solução de engenharia que ultrapasse apenas os sintomas e siga direto à base do problema, sem contemporizar, porquanto a tensão persistirá em graus adiantados durante as fases invernosas do futuro. Interessa, pois, a todos, superar os limites desta herança histórica da localização do núcleo urbano que tanto admiramos e queremos.

Somar a potencialidade dos cidadãos e reconstruir as esperanças da tranquilidade sob outros prismas, na vontade política de uma gente trabalhadora e pacífica, civilizada, respeitada na história e dotada de cultura, cheia de boa vontade e amor pela terra em que vivemos nossas vidas. Despertar as novas energias da autoestima para preservar a natureza em volta com equilíbrio e inteligência. Existirá, com certeza, solução adequada e coerente, desde que se saiba encaminhar estudos e as providências certas.

Por: Emerson Monteiro

A visão do inferno. Por Alessandra Bandeira

No começo de janeiro assisti horrorizada as imagens da região serrana do Rio de Janeiro, aquele caos, todo desastre, a luta das pessoas para sobreviver, mas nunca pensei em minha vida que meus olhos assitiriam isso, nunca pensei que fosse vivenciar, uma madrugada de panico e desespero em que vi minha casa sendo invadida pela agua , ouvia os gritos de panico de dona Ana pedindo socorro, homens arrombando uma corrente de um portão para que a agua desse passagem, cenas de filme de terror, olhava 'para todos os lados e so via um mar, pedaços de asfaltos sendo carregados, a praça da sé sendo coberta pela agua, lixos boiando, e ao mesmo tempo eu lutando contra a agua para sair de casa e arrumar um local seguro para não morrer.
No amanhecer ver a cidade toda destruída, várias amigas desabrigadas, pessoas tirando lama, contando seus prejuízos, nesse momento me sinto pequena pois queria eu ajudar todos os que tem fome, tirar a lama de cada casa, não me interessa mais nada, a não ser ver de novo o Crato lindo, aquele que antes da terrível chuva existia.
Ainda levará muito tempo para que eu esqueça tudo que vivenciei naquela madrugada, e acho que muitos como eu ainda se tremem ao lembrar, nem consigo entrar em minha casa, nem a lama tirei de la, me tremo ao entrar la e ver tudo destruído, mas o que me deixa firme e me motiva e ver o trabalho que Monica Araripe tem feito, e por ela , somente por ela me mantenho firme, pois para nos que perdemos tudo, estamos sem casa o mínimo que precisamos e encontrar o conforto de uma palavra amiga e ela tem sido nosso esteio, nossa fortaleza.
O único pedido que todos nos que moramos na rua Padre Sucupira temos a fazer ao prefeito e que retire imediatamente aquele portão do terreno baldio pois aquele portão foi preciso arrombar a corrente para que a agua desse vazão, somente isso, no mais senhor prefeito o senhor tem sido maravilhoso, tem feito dentro do possível , do que o senhor pode as coisas acontecerem.
Quero também aqui parabenizar a Daniele Esmeraldo e ao Manoel Severo que junto com todos os jovens da Mahikari tem feito um lindo trabalho de ajuda as vítimas da enchente.
Acho que esse momento não é de mostrar as desgraças que ocorreram , mas de mostrar o trabalho que está sendo feito, para que mostrar nossa dor, deixa que ela nos ja carregamos, então Dihelson mostre o que está sendo feito e não dores, pois ela so nos faz lembrar o que passamos.
E vamos a luta, vamos doar roupas, alimentos, produtos de higiene pessoal , agua mineral, vamos nos mover, tirar a lama das ruas, pois o Crato e nosso, nos que temos por obrigação de cuida-lo.
Para mim hoje comemoro feliz mais um dia de vida!

Por Alessandra Bandeira

CRATO - ANATOMIA DA RECONSTRUÇÃO


MATÉRIA EM DESTAQUE

O que a Administração do Crato está fazendo para ajudar as vítimas da tragédia

Img_3539

Na foto acima: Tratores removem entulhos deixados pela enchente do canal do Rio Grangeiro

Logo que parou a chuva de 162mm ( 200mm no Grangeiro ), que se abateu sobre a cidade de Crato no dia de ontem ( 28 ), o governo municipal formou uma equipe de emergência, que contou dentre outras pessoas, com os secretários: Christiano Siebra ( Administração ), Dr. Nivaldo Soares ( Meio-Ambiente e Controle Urbano ), Procópio da Silveira ( SAAEC ), Joatan ( chefe do Demutran ), Davi Cariri e Erico Felício Callou, que se reuniram no paço municipal, sob a coordenação do prefeito Samuel Araripe para traçar diretrizes urgentes para o longo dia que se seguiria.

Uma frota de tratores e caminhões totalizando mais de 30 máquinas, em que contaram com a ajuda de empresários locais que num gesto de solidariedade, disponibilizando equipamentos, seguiram imediatamente para as áreas afetadas do município, a fim de remover o entulho. O Demutran agiu rápido e bloqueou as ladeiras da Vilalta e do Bairro do Seminário nas primeiras horas da manhã, a fim de que as máquinas pudessem desobstruir e garantir a segurança das pontes e ruas. Ao mesmo tempo, foram formadas 10 equipes multidisciplinares distribuídas por todo o município a fim de coletar dados da destruição para que se avaliem a profundidade dos estragos e se pudesse tomar providências.

Pela manhã, foram distribuídas através da Secretaria de Ação Social, cerca de 250 cestas básicas para as famílias atingidas, e reunidos 4 caminhões-pipas para levar água potável às comunidades. Equipes formadas por assistentes sociais uniram-se para atender a população, levando atendimento médico, psicológico e humanitário para as vítimas da enchente.

Secretário de Administração Christiano Siebra fala ao Blog do Crato sobre as providências imediatas

"Desde as primeiras horas da manhã a municipalidade agiu em ações de infraestrutura, em ações de humanização, levando os assistentes sociais, e toda a equipe de infraestrutura para atender as famílias que estavam em situação de risco e mais de 10 equipes multidisciplinares estão distribuídas em todo o município, espalhados pelos bairros com a finalidade de levantar dados da destruição e que áreas foram afetadas.

Um dos objetivos primordiais da administração é primeiro atender às famílias que estavam em situação de risco. Dar condições de que elas tenham atendimento médico, atendimento social, psicológico, para isso a secretaria de ação social colocou todo o seu corpo técnico para atender a essas famílias, inclusive alojando em casas apropriadas, para poder fazer com que minimizem os danos causados por essa chuva.

Outro ponto importante a se destacar são as ações de infraestrutura que a gente vem desenvolvendo dentro do município com intuito de retirar toda a terra, a lama, e recuperar o canal do Rio Grangeiro. Temos recebido apoio dos empresários locais que colocaram todos os seus equipamentos, maquinários, à disposição do município, solidarizando com essa ação de humanização e levar conforto e condições para estas famílias que estão desabrigadas.

O Prefeito Samuel Araripe em 2005, ao assumir a prefeitura do Crato trouxe o plano de requalificação urbana do município, em que um dos principais projetos contempla a construção de pequenos açudes urbanos que tem a finalidade de conter toda essa água que vem escoando pelo rio, chapada e termina nas ruas do município. Dr. Procópio esteve na semana passada em Brasília batalhando recursos para por em prática esse e outros projetos para o canal do Rio grangeiro previstas no Plano de Requalificação urbana.

A SAAEC, através de Dr. Procópio da Silveira, colocou à disposição do município 3 caminhões pipas para levar água potável para as famílias, e o corpo de bombeiros tem ajudado nesse sentido. A secretaria de infraestrutura adicionou outro caminhão pipa, e temos hoje 4 caminhões pipas levando água potável. Segundo informações já recebidas, Dr. Procópio afirmou que em pouco mais de 4 horas, nós estaríamos com o sistema de abastecimento d´agua regularizado na cidade.

A secretaria de meio-ambiente e a defesa civil do município estão em campo ainda coletando os dados e algumas equipes já voltaram com algumas informações, então a gente vai reunir todas essas informações e será realizada uma coletiva de imprensa hoje ( 29 ) Sábado, às 10:00 no salão nobre da Prefeitura Municipal do Crato."

Img_3526

Na foto acima: Caminhões-Pipa distribuem água potável nas áreas atingidas


Img_3581

Na foto acima: Dr. Nivaldo Soares, Secretário de Controle Urbano recebe relatórios dos emissários para avaliar a extesão da tragédia.


Img_3567

Nas primeiras horas da manhã, prefeito Samuel Araripe se reúne com secretários para discutir ações durante o dia.

Img_3592

Final de tarde: Prefeito Samuel Araripe recebe governador em exercício, que veio ao Crato visitar áreas afetadas e discutir recursos para a reconstrução do Canal do Rio Grangeiro:

Img_3590


Img_3600

Na foto acima: Dep. Zé Arnon, Cratense, traz solidariedade às famílias desabrigadas, aos que tiveram prejuízos com a enchente e se compromete junto ao governo federal a trazer verbas para solucionar o problema.

Img_3468

Acima: Enquanto isso, uma frota de tratores e caminhões rapidamente eliminam o entulho deixado pela enchente. Ao final do dia, várias ladeiras da cidade já estavam com o tráfego liberado.

Img_3643

Na foto acima: Assistentes Sociais atendem áreas afetadas pela enchente

Dr. Nivaldo Soares, Secretário de Meio-Ambiente e Controle Urbano fala ao Blog do Crato

"Pela primeira vez aqui no Crato que eu vejo uma coisa tão forte neste aspecto da colaboração de vários cidadãos do Crato para se minimizar os efeitos dessa catástrofe."

Nivaldo Soares

"Dihelson, a prefeitura logo cedo convidou os seus secretários e demais servidores para agirem, e foi montado todo uma estratégia de trabalho, então nós temos cerca de 10 equipes com profissionais de áreas diferentes pra agir em vários pontos do município, principalmente na cidade onde aconteceram os fatos mais graves, e a gente tá agora aguardando aqui o levantamento. Algumas equipes já trouxeram alguns dados pra gente ter um resultado final em números de quanto foi esse lamentável prejuízo que se abateu sobre toda uma população do município do Crato e também, para o setor público.

Um fato que a gente tem que registrar, aliás, são vários fatos, mas um deles é a rapidez com que o município está conseguindo tirar todo o material que foi arrastado por essa avalanche , que a gente assim pode chamar, que desceu do Rio grangeiro, e é uma limpeza que está acontecendo muito rápido, que são vários caminhões trabalhando, várias máquinas enchedeiras tirando, lavando, limpando as ruas do Crato e isso e esses equipamentos são equipamentos do município, mas também e acima de tudo, de empresários das mais diversas áreas daqui do município do Crato que dispõe desses equipamentos, que disponibilizaram máquinas, caminhões pra que essa limpeza acontecesse de forma rápida. Então, de várias formas, as pessoas se manifestaram, e instituições, apoiando as ações que estão sendo realizadas no sentido de primeiramente limpar a cidade. Evidente que as pessoas das áreas atingidas tem equipe trabalhando, levando para hospitais onde recebem todo o tratamentoi necessário, mas as pessoas até com a necessidade de ter um alimento, a prefeitura está disponibilizando em alguns casos, cestas básicas, mas enfim, a solidariedade é bastante forte e interessante, que pela primeira vez aqui no Crato que eu vejo uma coisa tão forte neste aspecto da colaboração de vários cidadãos do Crato para se minimizar os efeitos dessa catástrofe."

Prefeito do Crato, Samuel Araripe fala sobre as providências que estão sendo tomadas

Em entrevista ao Blog do Crato na tarde de ontem, o prefeito do Crato, Samuel Araripe, depois de receber a comitiva do governador em exercício, que veio constatar In Loco os principais pontos atingidos pela enchente do canal do Rio Grangeiro, falou sobre os procedimentos que estão sendo tomados num primeiro momento e a médio prazo:

"O próximo passo é redigir um documento expondo efetivamente quais são os prejuízos. Tem aqui 10 equipes percorrendo a cidade, inclusive na zona rural, para ver realmente qual o tamanho do prejuízo, que nós já sabemos que é imenso, mas não temos a precisão. Feito esse estudo, muito em breve nós vamos redigir um documento oficial e passar uma cópia ao governo do estado e ao governo federal ( Avadã ) e pedir que os governos a partir de um levantamento preciso de quantos imóveis caíram, qual é o prejuízo do canal, quais são as ruas afetadas, nós já sabemos que mais de 500 imóveis foram afetados ( particulares ). E graças a Deus, até o presente momento não temos notícias de óbitos, mas as equipes estão percorrendo... a coisa foi assim muito rápida, ontem estávamos em Fortaleza reunido com o Governo do Estado, Corpo de Bombeiros e Defesa Civil exatamente discutindo as forças-tarefa para enfrentar o inverno. Onte. A reunião foi ontem. Hoje acontece uma coisa dessas, mas a gente tem recebido uma solidariedade imensa. Tem mais de 30 máquinas pesadas trabalhando aqui no Crato da iniciativa privada, muitas delas. Espontaneamente, os construtores, o pessoal da cerâmica, e tem mais de 200 homens fazendo a limpeza da nossa cidade. O município não tem recursos para recuperar tudo isso, infelizmente. Então nós temos é que procurar o governo e de logo, já agradecer, porque estivemos de manhã com o governador, e agora nesse exato momento ele já se encontra aqui com o secretário Camilo Santana das cidades, o chefe de Gabinete Ivo, e eu tenho certeza que o governo do Estado e o governo Federal vão nos ajudar."

Reportagem: Dihelson Mendonça

Primeira-Dama Mônica Araripe solicita donativos para as vítimas da enchente do canal do Rio Grangeiro


Campanha de Solidariedade



Neste momento difícil porque passa a população do Crato, vítima da enchente que destruiu o canal do Rio Grangeiro e deixou muitos desabrigados, a Primeira-Dama Mônica Araripe vem a público fazer um apelo para que a sociedade se solidarize, fazendo doações de agasalhos, alimentos não-perecíveis, água mineral e outros donativos no sentido de trazer conforto às vítimas da enchente. As doações podem ser feitas durante o dia no Centro Administrativo ou diretamente na Prefeitura Municipal. Equipes de várias secretarias já estão preparadas para receber os donativos e encaminhar às famílias necessitadas e cadastradas pelos órgãos competentes.

Sua doação é Importante.

Qualquer doação é importante nesse momento, de uma simples toalha a um cobertor. Muita gente perdeu suas casas e móveis, e é nessa hora que mais necessitamos de sua colaboração. Ajude o seu próximo. Faça a sua parte. Vamos juntar as mãos numa grande corrente de solidariedade às vítimas da enchente. Esqueçamos qualquer diferença ideológica e passemos a pensar apenas assim: Eu hoje vou ajudar de alguma forma os meus irmãos Cratenses que perderam tudo e que precisam de mim.

Mônica Araripe

Bom Dia, CRATO ! - 30 de janeiro de 2011


Bom Dia, Crato!

Hoje é o dia 30 de Janeiro de 2011. Acontece em Crato, no Teatro Municipal Salviano Saraiva, a exposição das obras do Museu de Arte Vicente leite que foram restauradas. O evento acontece com a participação do internacionalmente conhecido artista Bruno Pedrosa, que veio especialmente para este evento, e com a Artista Plástica a restauradora Edilma Rocha.

Enquanto isso prosseguem os trabalhos de recuperação das áreas afetadas pela recente enchente do dia 28. Há cerca de 200 homens trabalhando nas ruas do Crato apenas nas áreas que circundam o Canal. Famílias em situação de risco estão sendo removidas para locais seguros. A primeira-dama Mônica Araripe criou uma campanha de solidariedade em prol das vítimas, na qual propõe que as pessoas forneçam donativos como agasalhos, alimentos não perecíveis, água mineral e outros para as vítimas. Qualquer doação é importante, e podem ser entregues no Centro Administrativo, bem como na Prefeitura Municipal do Crato, onde há equipes qualificadas para receber, separar e distribuir o material com as vítimas.

Previsão do Tempo

A previsão do tempo para hoje indica Sol e aumento de nuvens de manhã. Pancadas de chuva à tarde e à noite. Uma coisa interessante nessa previsão é a temperatura máxima: 34 graus, e mínima de 22. Dados fornecidos pelos sites de meteorologia do Brasil.

Tenham todos um Bom Domingo,
Bom Descanso!

Dihelson Mendonça

Edições Anteriores:

Dezembro ( 2017 ):

01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 30