xmlns:fb='http://www.facebook.com/2008/fbml' xmlns:og="http://opengraphprotocol.org/schema/"> 30/12/2010 | Blog do Crato
.

VÍDEO - Estamos de volta com as transmissões da TV Chapada do Araripe ( E agora, com alguns programas ao vivo ). Serão vários programas abordando temas diversos, como a realidade da nossa região, do Ceará e do mundo; Programas científicos, atualidade, entrevistas, e transmissão de eventos ao vivo. ( Veja o vídeo e compartilhe ). www.tvchapadadoararipe.com



Comunidade Cratense no Facebook - Mais de 25.000 seguidores. Clique em Curtir e adicione a sua Foto !

30 dezembro 2010

Argentina cria comissão para registro e observação de Ovnis


BUENOS AIRES (AFP) - A Força Aérea Argentina (FAA) decidiu criar uma comissão para registrar e investigar denúncias de aparecimento de Ovnis (Objetos Voadores Não identificados) no espaço aéreo do país, disse esta quarta-feira à AFP um porta-voz da instituição.

"A Comissão de Investigação de Fenômenos Aeroespaciais está em processo de formação", disse o capitão Mariano Mohaupt, assessor de imprensa da FAA. O militar revelou que a Força já tem registro de experiências vividas por alguns de seus pilotos e que não puderam ser explicados, mas "agora dá as cartas no assunto de um ponto de vista formal, profissional, que contribui para a sua própria missão, que é o controle do espaço aéreo". A equipe será interdisciplinar, com meteorologistas, controladores de voo, pilotos e especialistas em radares, e será a receptora das denúncias feitas pelos cidadãos sobre fenômenos observados no espaço.

"Há muitíssimas denúncias que depois acabam se esclarecendo e ocorre que não se trata de fatos não convencionais", explicou Mohaupt. Organizações deste tipo já existem em outros países do Cone Sul, como o Uruguai, onde funciona desde 1979 a Comissão Receptora e Investigadora de Denúncias de Objetos Voadores Não identificados, subordinada à Força Aérea. Em agosto, o Brasil anunciou que o aparecimento de Ovnis no espaço aéreo do país será oficialmente registrado pelo Comando da Aeronáutica.

As autoridades instaram aos pilotos de aviões civis e militares, bem como os controladores do tráfego aéreo nacional, que relatem suas experiências ao organismo e também enviem provas documentais sobre objetos voadores não identificados.

Fonte: Agência France Press - AFP

ACONTECEU

Aconteceu em
30 de dezembro
   
   
  Charge da época, em A Careta  
  1930 - Dia do Com que Roupa?  
  Noel Rosa grava pela Phono-Arte o samba Com que Roupa? O estrondoso sucesso (15 mil cópias) estende-se pelo século. "É sobre o Brasil. O Brasil de tanga", explica o autor.  
 
1830:
D. Pedro I viaja a MG ao som de dobres de finados pela morte de Líbero Badaró, atribuída à repressão imperial.
   
1888:
A Guarda Negra (formada por ex-escravos monarquistas) interrompe pela violência conferência republicana de Silva Jardim no Rio.
   
1905:
Criado o 4º (e atual) Banco do Brasil.
   
1911:
A revolução do Kuomitang proclama Sun Yat-sen, 45 anos, 1º presidente da China.
   
1918:
Fundação do PC da Alemanha, que rapidamente atrai a ala esquerda das bases social-democratas.
   
1922:
Congresso dos Sovietes cria a URSS (União Soviética).
   
1968:
1ª lista de cassações pós-AI-5, encabeçada pelo dep. Márcio Moreira Alves.  
   
1977:
O Vietnã invade o Camboja para ajudar a derrubar o regime de Pol Pot.
   
1992:
O Senado vota o impeachment de Collor (76 votos a 3). Condenado por crime de responsabilidade, este perde o direito de concorrer em eleições e ocupar cargos públicos até 2000.
                        Collor por Chico Caruso

VAMOS VER CONTOS DE BRUXAS!!!

Felicitações - Por José de Arimatéa dos Santos

Chegamos a mais um final de ano. Devemos sempre agradecer a nossa saúde e a nossa disposição para a labuta diária de todo dia. O cansaço do trabalho é reparador, pois pelo nosso trabalho muita gente consegue progredir e ter um futuro brilhante. Eu procuro trabalhar direitinho para que outros não encham meu saco com alguma falha minha. Sei que ninguém é perfeito, mas não gosto de pessoas que só vêm o lado negativo das coisas. Corro desse povo. Prefiro os que pensam para frente e de maneira positiva em tudo. Pensar positivo não é tão bom? Vejo que quando fazemos nossas tarefas diárias, sejam no trabalho ou no nosso lar, descansamos melhor ao final do dia. Acordamos logo cedo, pela manhã, com outra disposição. E esse outro dia representa um novo renascer em nossa vida.
E já que chegamos ao fim desse ano que continuemos na mesma batida. Pensamento positivo em tudo. Sentimentos de melhora para nós e para nossos semelhantes. Tenho bons sentimentos até para aqueles que não gosto. Quero que eles também consigam progredir na vida. Eu só uma pessoa que quando desgosto de alguém dificilmente volto até falar com essa pessoa. Não tenho ódio, fico só na reserva em relação a essa criatura. Esse é meu jeito. Ah! Mas deixa isso pra lá, pois o que interessa é a vontade e a disposição para mais trabalho e para mais lazer em 2011. É assim que a vida prossegue e que tenhamos mais amor, paz, solidariedade e justiça para todos nós. Bens materiais todos nós queremos e aspiramos, mas que lutemos também por nossas convicções e ideiais. Por que não mais amizade, mais amor, mais companheirismo e o principal, mais paz para o mundo? O ano novo se aproxima e que os abraços e felicitações tão comuns nesses dias, sejam perenes e durante todo o 2011. O bom dia, boa tarde e boa noite para todos durante o ano todo. Assim, todos nós poderemos fazer um mundo diferente. Não podemos esquecer de reforçar cada vez mais os nossos laços de amizade com os nossos semelhantes. Grandioso 2011 para todos nós e que nossos sonhos sejam realizados. Se não 100% uns 99,99%. Está bom! Paz!

Petrobras lança edital para difusão de música e cinema

Estão abertas até o dia 21 de janeiro de 2011 as inscrições para a seleção pública de Festivais de Música, Festivais de Cinema e Difusão de Filmes do Programa Petrobras Cultural (PPC). O programa reserva um total de nove milhões de reais para serem distribuidos entre as diversas categorias.

 
A Petrobras quer ampliar o espaço de circulação comercial e cultural da produção artística brasileira, incentivando ações formadoras de novos públicos. Os projetos serão selecionados por uma comissão formada por profissionais ligados à área de música e cinema.

A edição 2011 selecionará projetos de festivais de música popular e erudita, que serão contemplados com total de R$3 milhões. Cada projeto poderá ter valor máximo de R$500 mil.

Em festivais de cinema, que também receberão R$3 milhões, os projetos terão de optar por três faixas de valores: até R$100 mil, R$200 mil ou R$300 mil.

O edital de difusão de filmes de longa-metragem também terá verba de R$3 milhões. Cada projeto inscrito poderá solicitar patrocínio no valor máximo de R$400 mil.

Criado em 2003, o Programa Petrobras Cultural baliza as ações de patrocínio da Companhia em torno de uma política cultural de alcance social e de afirmação da identidade brasileira. É o maior programa de patrocínio cultural do país.

Desde a primeira edição, o PPC já teve sete edições, abrangendo 76 áreas de seleções públicas, destinando R$311 milhões a 1.246 projetos contemplados. Foram mais de 26 mil projetos inscritos, avaliados por 356 especialistas integrantes das comissões de seleção.

As comissões de seleção do PPC são formadas por grupos de profissionais que atuam diretamente nas áreas culturais contempladas pelo programa. Essas comissões são renovadas a cada ano e sua composição busca diversificar os perfis para o julgamento dos projetos, que são selecionados por seu mérito qualitativo.

Serviço:
As inscrições devem ser feitas apenas pela internet, no site www.hotsitespetrobras.com.br/ppc.


Fonte: http://www.vermelho.org.br/

Cariri e Centro-Sul - Plantão Policial das últimas 24 Horas - Por: J. Lopes



JUAZEIRO DO NORTE – CEARÁ:

Ajudante de pedreiro morre eletrocutado

Um acidente de trabalho ocorrido por volta das 09h, desta quarta-feira (29), causou a morte do ajudante de pedreiro, Cícero Antonio da Silva, 41 anos, casado, que residia na Rua Senhor do Bonfim, bairro João Cabral, em Juazeiro dom Norte. Ele trabalha em uma construção na Rua São Pedro, no bairro Santa Teresa, em Juazeiro do Norte quando o fato aconteceu. A polícia foi informada por colegas de trabalho de Cícero que o mesmo se encontrava em cima de um andaime onde faria uma medição utilizando-se de uma fita métrica metálica, próximo a rede de alta tensão que passa na extensão do prédio, momento em que o equipamento tocou em um dos fios, descarregando aproximadamente 13 mil volts que o derrubou do andaime sem vida.

A polícia militar foi comunicada do ocorrido indo até o local, vindo a acionar a perícia florense através do perito Milton Alencar juntamente com rabecão que realizou os exames preliminares e a condução do corpo para necropsia no Núcleo de Pratica Florense Regional do Cariri. Inquérito policial foi aberto na 20ª DRPC de Juazeiro do Norte para apurar as responsabilidades pelo acontecido.

Discussão banal durante bebedeira termina em crime de lesão corporal à garrafada.

O fato ocorreu, ontem (29), por volta das 15h40, na esquina das ruas São Mamede e Dom Pedro II, no Bairro Franciscanos, em Juazeiro do Norte. Francisco Celestino de Paula, 34 anos, residente na rua da Paz, no Bairro Santa Tereza, foi lesionado com um profundo golpe de garrafa na mão direita, após uma discussão durante uma bebedeira. O mesmo foi socorrido por populares para o Hospital Tasso Jereissati, de onde foi transferido para o Hospital Santo Inácio. A dupla de PMs da RD 1229, soldados Portela e Bezerra diligenciou em torno fato mais sem êxito na prisão do acusado do crime que empreendeu fuga sem ter sido identificado.

Colisão envolvendo motocicleta e carroça causa múltiplas lesões em seus condutores.

Um acidente de transito ocorrido por volta das 16h00, desta quarta-feira (29), na Avenida Leão Sampaio, próximo à fábrica KAIANA, no Sítio Mata dos Britos, em Barbalha/CE, envolvendo motocicleta e carroça deixou duas pessoas feridas. Francisco Adriano Justino, 30 anos, residente na Rua Francisco Magalhães, no Bairro Alto da Alegria, na cidade de Barbalha, conduzia a moto YBR FACTOR, de cor roxa, placa NUT-6431, no sentido Barbalha/Juazeiro, quando colidiu contra uma carroça guiada por Francisco João da Silva, 67 anos, residente na rua Antônio Manuel de Queiroz, Alto da Alegria. Os dois veículos ficaram bastante avariados e seus condutores sofreram múltiplas lesões, tendo o condutor da moto sido socorrido em estado grave para o Hospital Santo Antônio com lesão na cabeça, enquanto o carroceiro foi socorrido para o Hospital São Vicente em estado menos gravoso. O socorro as vítimas foi realizado por motoristas que trafegavam pelo local. A polícia militar estive no local adotando os procedimentos de sua competência através da RD 1232, composta pelos soldados Júnior e Roberto.

Bandido toma de assalto malote do banco popular.

Um assalto ocorrido por volta das 11h50min, de quarta-feira (29), na Rua São Francisco com São Paulo em frente a radio progresso, o funcionário do banco popular, Felipe Agostinho da Silva, 23 anos, residente no bairro Parque Granjeiro em Crato-CE , foi abordado por um homem moreno, forte, trajando camisa azul e calça jeans que de posse de uma pistola, subtraiu do mesmo um malote que continha uma certa quantia em dinheiro e uma carteira com documentos pessoais. A polícia militar realizou buscas em torno do fato, mas sem êxito na prisão do acusado. A vítima foi encaminhada 20ª DRPC para procedimentos cabíveis.

Dupla presa acusada de direção perigosa e porte ilegal de arma de fogo

Ontem, por volta das 22h20min, no cruzamento das Ruas São Paulo com Padre Pedro Ribeiro, bairro Centro, de Juazeiro do Norte, a RD 1220, composta pelos soldados Santos e Melo, tentou abordar a motocicleta Honda CBX 250 Twister, de cor preta, ano 2008, de placa HYY 9004-CE, conduzida por Ewerton Ramalho Mendes Dias Melo, 27 anos, residente na Rua São Bento, bairro Franciscanos, que trazia consigo como garupeiro Cícero Miguel da Silva, 40 anos, residente na Rua Santa Rosa, bairro Socorro, os quais empreenderam fuga pelas Ruas do bairro Centro, iniciando assim uma perseguição, onde foram abordados na Rua 24 de Março, 227, bairro São Miguel, pela referida VTR com apoio das RDs 1221e 1223, composta respectivamente pelos soldados Cleiber, Tavares, Érickson e Marx.

Segundo a polícia, durante a abordagem foi apreendido em poder de Cícero Miguel, um revólver, calibre 38, de marca Taurus, de nº. NF 962593, capacidade para seis cartuchos, contendo seis munições do mesmo calibre da arma intactas. Os dois foram conduzidos à 20ª DRPC de Juazeiro do Norte, onde foram realizados os devidos procedimentos.

Furto a estabelecimento religioso.

A polícia de Juazeiro do Norte registrou, ontem (29), por volta das 15h10, um furto contra a igreja Nossa Senhora Aparecida, localizada na Rua Jaime Dorcy, 420, João Cabral. Testemunhas informaram que um homem moreno, de cabelo grande, conhecido popularmente como “Damião”, adentrou a Paróquia e se apossou de uma coroa folheada a ouro avaliada em R$ 300,00, a qual adornava a imagem que dá nome àquela igreja. O acusado fez toda a ação com rapidez prodigiosa e fugiu tão celeremente quanto entrou. Foi acionada a patrulha militar RD 1228, composta pelos soldados Marçal, Alencar e Wescley, que colheu as informações preliminares e se puseram em diligência de captura. O paradeiro do criminoso, foi descoberto às 16h30, quando o mesmo foi visto na Rua Monsenhor Lima, esquina com José Moura Lins, no bairro Santo Antônio, portando o produto do furto quando foi preso pela equipe da RD 1223, soldados Érickson e Marx, que o conduziu à 20ª DRPC, onde o mesmo foi autuado. A polícia acrescenta que contra “Damião”, já existem várias acusações de crimes contra o patrimônio.

IGUATU – CEARÁ:

Caminhão atropela lavador de carro.
Na cidade de Iguatu, ontem (29), por volta das 14h00min, a policia foi informada a respeito de um acidente de trânsito que teve como vítima Francisco Rodrigues de Souza, 51 anos, amasiado, lavador de carros. Testemunhas disseram a polícia que Francisco foi atravessar a rua, quando o semáforo veio a abrir, sendo o mesmo colhido por um caminhão do tipo caçamba, de placa NRC 2146, guiado por Manoel Alves Viana, 43 anos, motorista, casado. Ele sofreu fratura no braço, sendo socorrido até o Hospital Regional de Iguatu.

ACOPIARA - CEARÁ

Criança de 06 anos vitima de atropelamento.

A criança de nome Antônia Luana Pereira Barros, 6 anos, filha de Antônio Barros Ferreira e Maria Socorro Pereira da Silva, residente no Sítio Escuro, zona rural de Acopiara foi vitima atropelamento por um veículo Honda 150 de cor vermelha, não tendo mais dados do atropelador, pois o mesmo não prestou socorro a vítima. Testemunha informaram a polícia que a garota ao tentar cruzar o caminho que passa em frente a sua residência foi atropelada, sendo a mesma socorrida para o Hospital local, e em seguida transferida para o hospital regional de Iguatu - CE e logo após para Fortaleza, com suspeita de traumatismo. O acidente aconteceu, por volta das 08h00min. A polícia militar compareceu ao local através da RD 1267 composta pelos soldados Menezes , Delano e Aldemir, que ainda diligenciou no intuito de identificar e prender o motorista do carro atropelador, mas sem êxito.

Por: J. Lopes - Repórter Policial do Blog do Crato e Chapada do Araripe OnLine
PROIBIDA A REPRODUÇÃO

Empresa GOL paga aluguel de R$ 12 mil do apartamento do filho de Lula -- postado por Armando Lopes Rafael


Fonte: “Folha de S.Paulo”, 30-12-2010
Um dos filhos do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, Fábio Luís, mora desde 2007 em apartamento alugado por R$ 12 mil nos Jardins, bairro nobre de São Paulo. Quem paga a conta é uma empresa com contratos com vários governos, entre eles o federal. Lulinha, como Fábio Luís é conhecido, não é sócio da empresa que paga o aluguel. O Grupo Gol, que alugou o apartamento, é do empresário de mídia e mercado editorial Jonas Suassuna, sócio de Lulinha em um outro negócio, a empresa de conteúdo eletrônico Gamecorp.

Primo do ex-senador Ney Suassuna (PMDB-PB), Jonas fez fortuna com venda de CDs da Bíblia gravados por Cid Moreira. Procurado pela Folha, Jonas disse que não vai mais pagar o aluguel para o filho do presidente. A Folha apurou que até hoje é Suassuna quem paga o aluguel, e o dono do imóvel não havia sido contatado até a semana passada para discutir mudança no contrato, informa reportagem de José Ernesto Credendio e Andreza Matais, publicada nesta quinta-feira.

Outro lado

Lulinha disse à Folha que foi morar com o amigo em 2007, quando se separou. "Ele arcava com o aluguel e eu entrei com os móveis da minha antiga residência e assumi as despesas do apartamento. Há quatro meses pedi para ficar com todo o apartamento, pois me tornei pai, e estamos transferindo o contrato para meu nome." Filho do dono do imóvel, o advogado Vladmir Silveira disse que não sabia que o filho de Lula era seu inquilino. "Quem alugou foi o Grupo Gol. O Jonas assina como proprietário dela e fiador, na física", escreveu, por e-mail.

Comentário do postador: Como diria o saudoso Chico Soares: “Jonas Suassuna (o que paga o aluguel mensal de R$ 12 mil do apartamento de Lulinha, “O Neto do Brasil”) Ô HOMEM BOM!”

Oswald Barroso - O desbravador da história popular do Ceará




Se os bandeirantes estiveram a serviço do Rei, Oswald que é de outro tempo esteve a serviço das camadas populares, descobrindo e esculpindo a história do povo do Ceará pisoteada pelas elites econômicas. Entre travessias e encruzilhadas percorreu os 184 municípios cearenses para transformar em arma emancipatória a história e a arte do seu povo.


Alexandre Lucas - Quem é Oswald Barroso ?

Oswald Barroso - É um multi-artista pesquisador que tem procurado se dedicar à causa dos oprimidos, atuando como uma espécie de griô, ou um exu, como queiram, sempre em travessias e encruzilhadas: vendo, ouvindo, sentindo a vida popular, traduzindo estas vivências em formas artísticas, para difundi-las em novos caminhos. Comecei com desenho, pintura e poesia. Depois desenvolvi um bom trabalho como letrista e cheguei mesmo a tentar ser músico. Até que me fixei no teatro e fiz ainda muitos vídeos documentários, chegando mesmo a gravar uma experiência em ficção, O Filho do Herói, para a TV Educativa, atual TVC. Hoje gosto também de fotografar, como uma forma de anotação etnográfica. No teatro, passei 18 anos no Grita, 10 no Boca Rica e agora estou do Teatro de Caretas. Fiz de tudo, trabalhei como ator, diretor, dramaturgo sempre, cenógrafo, iluminador etc. No jornal, fiz reportagem, ensaios e crítica de arte e, na universidade, ensino música nas tradições populares, estética, cultura brasileira e antropologia da arte. Admiro o homem renascentista, que transitava entre artes, saberes e culturas sem a menor cerimônia. Quem sabe estejamos retomando esse caminho.

Alexandre Lucas - Quando teve inicio seu trabalho artístico?

Oswald Barroso - Em 1964, depois que um acidente de trânsito encerrou minha carreira de atleta. Eu tinha 16 anos e havia sido convocado para a seleção cearense de vôlei. Uma camionete rural partiu minhas duas pernas, fraturas expostas, e mudou meu destino. Passei mais de um ano acamado e outro ano em tratamento hospitalar no Rio de Janeiro. Foi a oportunidade de conhecer toda a literatura brasileira, principalmente a poesia, e muito do modernismo europeu. Eu lia, escrevia e desenhava sem parar. No Rio de Janeiro, onde passei o ano de 1965, entre uma internação e outra no hospital, freqüentei a vida cultural da cidade: museus, bibliotecas, cinemas, shows, festivais. Voltei muito informado à Fortaleza. Já em 1966, no Colégio São João, me liguei ao grêmio e formamos um grupo de estudos marxistas. No ano seguinte, descobrimos articulações com o pessoal de esquerda, não só com o movimento estudantil, mas com o movimento popular, pescadores e operários de fábrica, no caso, porque eram eles que a gente queria retratar em nossa arte.

Alexandre Lucas - Quais as influências do seu trabalho?

Oswald Barroso - No início por influência do meu pai, poeta modernista, que colocou meu nome em homenagem a Oswald de Andrade, foram os poetas modernistas brasileiros: o próprio Oswald, Mário, Carlos Drummond, Vinícius de Morais, Manoel Bandeira, Solano Trindade, com destaque João Cabral (considero Morte e Vida Severina o maior texto dramático brasileiro), os cearenses, principalmente: Antônio Girão, Aluízio Medeiros e Jáder de Carvalho. Entre meus professores: André Hagüette, Francisco Alencar e Diatahy Bezerra de Menezes. Entre amigos de geração, parceiros, me influenciaram diretamente: Adriano Espínola e Rosemberg Cariry. Dos romancistas e intelectuais brasileiros: Graciliano Ramos (à lucidez de quem atribuo ter sobrevivido às torturas, pois graças à leitura de Memórias do Cárcere nas vésperas da prisão tive um comportamento adequado.), Guimarães Rosa, Euclides da Cunha, Darcy Ribeiro. Mas também: Gregório de Matos Guerra. Entre os latino-americanos: Gabriel Garcia Marquez, Eduardo Galeano, Ciro Alegria, Juan Rulfo, Jorge Luis Borges etc. Teatrólogos: Brecht, Meyerhold, Maiakóvski, Gorki, Peter Brook, Ariane Mneouchkine, os teatros tradicionais de modo geral etc. Mestres tradicionais: Sebastião Cosmo, Aldenir Callou, Manoel Ramos, Manoel Torrado, Biu Alexandre, Apolônio Melônio, João de Cristo Rei etc. Ainda: Joseph Campbell, Iung, Levi Strauss, Fritjof Capra. E mais: Van Gogh, Picasso, Portinari, Glauber Rocha etc.

Alexandre Lucas - Como você vê a relação entre arte e política?

Oswald Barroso - Se a gente fala de política no sentido de que “o homem é um animal político” (nesse sentido, aliás, todo animal é político, porque disputa território), então a política sendo uma dimensão do humano é, por consequência, uma dimensão da arte. É inquestionável que toda obra artística, sendo expressão do ser total, que por isso mais que qualquer outra manifestação do espírito humano implica subjetividade, traz em si uma visão de mundo expressa pelo autor e lida de algum modo pelo receptor. Arte sem significado, sem posicionamento sobre a realidade, sem tomar partido, não é arte, está mais para enfeite, arabesco, confeito e olhe lá.

Alexandre Lucas - O que é arte engajada para você?

Oswald Barroso - Pra mim, portanto, toda arte é engajada. Agora o artista escolhe em que causas engajar sua arte. Hoje, a maioria prefere engajar em campanhas comerciais. Vender o laptop da Xuxa, o tênis da Adidas e outros produto tais, como nas novelas e nos especiais de Natal da Globo. Mas uns preferem engajar em campanhas de caridade, outros em campanhas de saúde pública, usar camisinha, ou de incentivo ao pagamento de impostos etc. Alguns em campanhas de conscientização política, como os CPCs da UNE, ou o Teatro do Oprimido do Boal. Outros ainda em campanhas eleitorais para determinados candidatos. Outros, pelo contrário, em mostrar que a arte é biscoito fino para poucos eleitos e não diz respeito às massas, por isso deve ser financiada pelo governo. Aqueles mais conscientes, neste último caso, se contentam com a compra de suas obras por milionários. E assim vai. Cada um escolhe seu engajamento.

Alexandre Lucas - Qual o papel social do artista?

Oswald Barroso - Nas sociedades paleolíticas todas as pessoas fazem arte. Entre os índios brasileiros, por exemplo, isto acontece, e é muito bom. Não se distingue o artista. No neolítico aparece o artista, como artífice. É quando a arte se distingue entre os outros ofícios. Aparecem as várias artes de ofício. O papel do artista, então, é trabalhar para a sociedade, atender a demanda da sociedade. Penso que este deve ser seu papel social até hoje, o de um trabalhador para o bem da sociedade, ou seja, atender à demanda social. Agora, ele deve saber para quem trabalha. Se para o Rei, como os atores da comedia del’arte, ou para o populacho, como os jograis e saltimbancos? No caso, se para os empresários e banqueiros, ou para o povo e os movimentos populares? Eu gosto muito de trabalhar para os assentados (como fiz no projeto sertão da tradição), as dramistas (como no projeto dramas do litoral leste), os romeiros, os sem-terra, os sem-teto etc., mas trabalho também para algumas editoras ou instituições públicas, que não me cerceiem a liberdade de expressão. Quase sempre trabalho sob demanda. Por minha iniciativa mesmo tenho trabalhado pouco. Falta tempo, embora não falte planos.

Alexandre Lucas - Qual a contribuição social do seu trabalho?

Oswald Barroso - Acho que tenho contribuído para dar visibilidade à cultura popular do Ceará, principalmente aos reisados e às romarias, mas também ao artesanato. Isso não é pouco ao se levar em conta que a elite do Ceará, especialmente, sempre deu às costas ao seu povo. Quando eu nasci, nossa elite ainda estava no auge de uma cruzada para “civilizar” o Estado, lutando para fazer desaparecer tudo quanto é traço de cultura indígena e africana do nosso cotidiano. Esse horror ao popular ainda é muito forte na Fortaleza do Leste, que se espelhava em Londres e Paris, depois em Miami e agora em Dubai (embora ainda haja quem vá à Disney). No teatro, tenho tentado mostrar que temos referência para construir uma linguagem cênica nossa, original, sem copiar o estrangeiro ou o sul maravilha.


Alexandre Lucas - Você deu uma grande contribuição para a pesquisa científica no processo de redescobrimento, registro e discussão sobre as manifestações da “cultura do povo”no Estado do Ceará ?

Oswald Barroso - Tenho muitos motivos de orgulho na vida, um deles é ser doutor em reisado e outro é ser cidadão honorário de Juazeiro do Norte. Já viajei por todos os 184 municípios do Ceará, vários distritos e inúmeras localidades de muitos deles. Dezenas, visitei várias vezes. Outros, dezenas de vezes, como Juazeiro do Norte. Nestas pesquisas, o que eu fiz foi ouvir histórias. Eu sempre viajei para colher boas histórias. Não eram pesquisas científicas propriamente ditas. Não acredito em ciência objetiva, em conhecimento objetivo. Trabalhei inicialmente como repórter de O Povo. Vivia viajando por Fortaleza, desde o centro até a periferia, e pelo interior do Estado, entrevistando gente, colhendo boas histórias e dando a elas a forma da minha arte.
Depois inventei de ser pesquisador, trabalhando na Secult e, em seguida na Universidade, onde continuei fazendo o mesmo, colhendo mitos, lendas, histórias de trancoso, de mistério, do arco da velha, de lutas populares, de assombração, dramas pessoais, aventuras, poesia que eu via, ouvia, imaginava, vivia. Às vezes, essas histórias eu resolvia viver eu mesmo, me aventurava, para depois escrever, desenhar, reviver. Vivenciei muitas das peripécias que conto. É bom porque a gente não perde um detalhe. Almanaque Poético é um livro assim.

Alexandre Lucas - O que representou e representa para você o trabalho de pesquisa?

Oswald Barroso - É uma forma de viver, uma razão para caminhar, a busca de um mistério, a tentativa de compreender o mundo ou talvez apenas de viver de uma maneira desafiadora e prazerosa.
É também a fonte de toda a minha criação e imaginação. Nenhuma imaginação solitária é mais poderosa do que a imaginação do inconsciente coletivo.

Alexandre Lucas - Fale dessas pesquisas?

Oswald Barroso - Embora já conhecesse a cultura popular desde menino, da feira do Ipu, onde eu passava as férias, e da periferia do grande Recife, onde vivi na clandestinidade, foi numa romaria ao Juazeiro do Norte que se deu meu grande alumbramento. Daí começaram as pesquisas sobre os mistérios do povo romeiro: cordelistas, xilógrafos, imaginários, profetas, beatos, conselheiros, cantadores, mestres de reisado, santos etc. Aprendi que há uma religião que não é o ópio do povo mas que é dele, nascida de sua alma e por seu espírito alimentada e passei a querer desvendar sua lógica e seus mistérios. Participei de pesquisas seguidas: Artesanato Cearense, Literatura de Cordel, Reis de Congo e Reis de Bailes, Caminhos de São Francisco, Atlas da Cultura Cearense, Festas Populares do Ceará, Memória do Caminho, Sertão da Tradição, Terreiro da Tradição, Mãos Preciosas, Dramas Populares do Litoral Leste, Reis Assentados, Guia Turístico do Ceará, Máscaras Brincantes etc. Como jornalista, escrevi mais de 400 textos, entre artigos e reportagens, a maioria dos quais versando sobre assuntos da cultura cearense. Uma parte das histórias colhidas ainda não foram processadas e outra parte, mesmo transfiguradas, ainda não foram publicadas.

Alexandre Lucas - Como você analisa a nova conjuntura para as políticas públicas para cultura no país?

Oswald Barroso - Penso que os pontos altos do Governo Lula foram as políticas externa e cultural. Gilberto Gil incluiu o Brasil e sua diversidade cultural na ação do Minc., além de solidificar uma prática de editais. Juca foi adiante e queria modificar a Lei Rouanet, assim como a Lei de Direitos Autorais. A nomeação da nova Ministra da Cultura Ana Holanda foi uma reivindicação da elite do Rio-São Paulo que se opõe a esse caminho. Ela surge como representante do pessoal que quer um ministério para os artistas midiáticos e para a indústria cultural. Em compensação, acabo de saber da nomeação do Francisco Pinheiro para a Secult Ce., fato que aponta em sentido contrário, ou seja, para uma política de cultura ampla e diversificada.

Alexandre Lucas - Nas sociedades primitivas a arte não se separava da vida. Você acredita na necessidade deste reencontro arte-vida?

Oswald Barroso - Com certeza, penso que caminhamos para um novo projeto civilizatório onde não apenas a arte se desfragmente, refundindo-se em suas diferentes linguagens, como se reintegre à vida, de tal modo que desapareça, até mesmo, a palavra arte, porque tudo será arte. Como fazem os índios, que dedicam a vida, integralmente, a encher de beleza o universo.

Alexandre Lucas - Qual a importância dos Coletivos de artistas dentro da produção estética e artística?

Oswald Barroso - É total, porque os grandes movimentos artísticos, a melhor arte, embora haja o talento individual, sempre é produção da coletividade. As grandes escolas, os grandes estilos, as grandes criações, o grande saber, o grande fazer artístico é coletivo. O gênio só brota no coletivo. O talento individual precisa de terreno propício para florescer. Nas culturas tradicionais isto é muito evidente.

CRATO - Previsão do Tempo para hoje, Dia 30 de Dezembro de 2010


Bom Dia novamente, amigos!

Nos últimos dias temos tido manhãs nubladas que depois se convertem em dias de sol radiantes. Não mais choveu aqui no Cariri. As temperaturas aumentaram consideravelmente. Ontem 30.1 graus na Vilalta. A previsão do tempo apra hoje é de Sol com algumas núvens e não chove. temperatura máxima de 30 e mínima de 21 graus.

Na imagem ao lado, a foto do satélite, mostrando o nordeste agora há pouco. Como podemos ver, não há em tese, possibilidade de chuvas para o dia de hoje, mas como sempre, tudo é possível. Peço que os leitores leiam a minha postagem sobre um grave problema enfrentado pela população do Crato nesses dias, com relaçao aos buracos nas ladeiras das Avenidas Pres. Kennedy e Getúlio Vargas, ambas no bairro Vilalta.

Bom Dia !

Dihelson Mendonça

Bom Dia, Crato! - Um CAOS QUE PODERIA SER EVITADO com um Mapa !




Bom Dia, Crato!

Como todos sabem, o Governo do Crato está promovendo a troca de 15Km de canos de água no centro e em vários bairros, que estavam deteriorados, e de amianto, substância altamente cancerígena. Isso é uma obra fantástica para o município, porque finalmente, vamos parar de beber água contaminada. Essa é a boa notícia. A má notícia, que todos os que vivem na cidade já tiveram o desprazer de experimentar, são os enormes buracos deixados pelo corte do asfalto. Isso tem trazido enormes transtornos à população. Na verdade, REVOLTA. Nas ladeiras da Vilalta, por exemplo, na Av. Pres. Kennedy e Getúlio Vargas, a situação está caótica. Em uma semana, diversos automóveis já tiveram suas suspensões quebradas por falta de uma SINALIZAÇÃO alertando os motoristas, por falta do conserto dos buracos, por uma demora incrível em fazer o que tem de ser feito, pela empresa CORAL.

O Blog do Crato é o site de maior volume de acessos no Cariri. Atingimos marcas de 5.000 acessos diários. Nosso dever primário é auxiliar os Cratenses no que for necessário. Por conta disso, estarei publicando um pequeno mapa para alertar as pessoas a se possível, tratar de desviar dessas duas ladeiras intransitáveis ( coisa que não deveria ser encargo meu, mas da própria SAAEC, que nunca vem a público divulgar as coisas, embora convite não falte ).

É bom que se relembre que quando o Dr. Procópio, Pres. da SAAEC explanou lá no Teatro Salviano Saraiva sobre como se daria as obras de saneamento, ficou acertado que 1 semana ( UMA SEMANA ) antes de mexer nas ruas do Crato, ele divulgaria na imprensa quais ruas seriam trabalhadas no período, para que os moradores não tivessem o desprazer de sairem de manhã e não pudessem guardar o carro na garagem na volta ( lembra, Dr ? ). Além do mais, Procópio prometeu que iria divulgar mapas de DESVIO, junto com Joatan do DEMUTRAN, informando a população, para evitar o caos no trânsito.

O que tem acontecido é que nada desses mapas foram divulgados. Pelo menos, aqui no Blog do Crato e no site oficial da prefeitura chegaram quaisquer mapas de desvios. Já passei inúmeras vezes os nossos telefones, e-mails, que sempre estiveram à disposição da SAAEC, e nunca mapa nenhum chegou.

Meus amigos, o que é que custa divulgar informações que evitarão tanto mal-estar na população como o que estamos vendo ? fica aqui a minha cobrança, a minha crítica construtiva à SAAEC, que deveria ter feito o dever de casa mas não fez, para evitar tanto transtorno no Crato nos últimos dias, com uma simples mensagem por E-mail. Gente, vamos trabalhar corretamente! O prefeito Samuel Araripe precisa de pessoas que cumpram a sua parte. O Crato está embarcando em vários projetos neste ano, e não se admite esse tipo de coisa.

Outra coisa: Cadê as lombadas prometidas pelo DEMUTRAN ?

Já faz um "Século" que eu fiz o pedido ao Joatan do DEMUTRAN para colocar uns quebra-molas lá na ladeira da Cel. Luiz Teixeira. Os mototaxistas descem ali a 120Km por hora a todo instante, e vem parar na ponte do Arco. As pessoas atravessam ali morrendo de medo de serem atropeladas. Apesar das minhas inúmeras reivindicações, nenhuma providência foi tomada. Acontecem acidentes frequentes ali.

Ô DEMUTRAN, se vocês não observam nem os trechos perigosos da cidade, como este aí, e outro, na ponte do Hotel Tabajara, também colocar um quebra-molas pra quem vem do lado do posto de Antonio Almino, o que diabos vocês estão fazendo aí no Demutran ? Pra que serve um órgão que não enxerga essas coisas ? Isso me deixa muito irritado, sabe, porque eu venho solicitando há meses e eu vejo acidentes acontecendo. Vejo que são coisas que não dependem de dinheiro. Não se precisa de milhões para resolverem problemas puntuais na cidade. Precisa apenas de boa vontade e atenção. Eu não admito má vontade nem descaso. Quando nós outros trabalhamos 24 horas por dia pelo município, e eu tenho certeza que o Sr. prefeito quer o melhor para o Crato, as pessoas que estão por perto, TEM que trabalhar também. Não se admite ineficiência. Em 2011, o prefeio Samuel Araripe já nos garantiu que vai ser um ano das maiores realizações. Para essas tarefas monumentais de levantar o Crato, nós precisamos do auxílio de toda a população. Do engajamento de todos os setores da sociedade. Da consciência do povo, para saber tratar do problema do lixo, não poluindo a cidade, ajudando o poder público a resolver os problemas.

Agora, é preciso que alguns setores do poder público também, cumpram a sua parte, ajudando, orientando e fazendo jus ao cargo que ocupam. É só isso que se pede. Que cada um cumpra a sua parte!

MAPA DO TRECHO INTRAFEGÁVEL:
As Av. Pres. Kennedy e Getúlio Vargas estão muito esburacadas. Diversos automóveis já tiveram suspensão quebrada em poucos dias ao trafegar pelo trecho. Sugiro uma mudança de rota:


http://3.bp.blogspot.com/_WY3qKeZY6L0/TRxXWd6zKzI/AAAAAAAAUfc/WvNG0c0-QgQ/s1600/trechos%2Bintrafegaveis.jpg

Dihelson Mendonça
Apenas um Cidadão Cratense que deseja o bem dessa cidade.

Edições Anteriores:

Setembro ( 2017 ):

01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30