xmlns:fb='http://www.facebook.com/2008/fbml' xmlns:og="http://opengraphprotocol.org/schema/"> 25/02/2010 | Blog do Crato
.

VÍDEO - VÍDEO DE LANÇAMENTO - Em breve, as novas transmissões TV Chapada do Araripe. Espero que curtam o vídeo de lançamento abaixo, em que há uma pequena retrospectiva de alguns trabalhos, reportagens já feitas ao longo dos muitos anos que fazemos reportagens. ( Veja o vídeo e compartilhe ). www.tvchapadadoararipe.com



Comunidade Cratense no Facebook - Mais de 24.000 seguidores. Clique em Curtir e adicione a sua Foto !

25 fevereiro 2010

IEC inicia trabalho com Mulheres do Coco - Por: Alexandre Lucas


Com o objetivo de realizar de visitas e registros audiovisuais das atividades nos terreiros dos brincantes da cultura popular da região do Cariri para produção de documentários e disponibilizar às escolas públicas, incentivar as “Rodas de Conversa” entre pesquisadores, estudantes, artistas e brincantes (in lócu) e criar pagina virtual para divulgação das pesquisas desenvolvidas na universidades sobre as temáticas Cultura/ Grupos da Tradição Popular/Identidade/Patrimônio Imaterial , Religiosidade e questões correlatas, o Instituto Ecológico e Cultural Martins Filho – IEC, vinculado a Pró-Reitoria de Extensão da Universidade Regional do Cariri – URCA, inicia na manhã deste sábado, dia 27, o Projeto “No Terreiro dos Brincantes”.

A primeira ação acontece junto às Mulheres do Coco da Batateira, no bairro Gizelia Pinheiro no Crato. O Coco das Mulheres da Batateira teve inicio no final da década de setenta do século passado, a partir de uma curso de alfabetização de jovens e adultos e atualmente reúne cerca de 20 mulheres entre 50 a 80 anos. As mulheres se dividem entre cavalheiros e damas, tendo em vista, que na época, os homens não queriam participar. Para a mestra Edite Dias (foto) essa será uma oportunidade importante para divulgar o trabalho do grupo. “Nunca ninguém fez um documentário sobre a gente” destaca. A Mestra enfatiza que uma das lutas do grupo é conseguir um terreiro para que a comunidade tenha um local para os ensaios dos grupos. As Mulheres do Coco ainda mantém um grupo mirim de Coco e de Maneiro Pau e na comunidade existem outras manifestações como a Capoeira e os Irmãos Aniceto. Mestra Edite se orgulha da brincadeira “temos um trabalho bonito e bem feito”, mas frisa que é preciso existir apoio para a manutenção do grupo. Para a acadêmica de Ciências Sociais da URCA, Ruth Rodrigues, que é monitoria do Projeto, a proposta possibilita mostrar a pluralidade da região do Cariri no que se refere as manifestações da cultura popular.

A acadêmica de Pedagogia, Cícera Araújo, também monitora, enfatiza que esse projeto é importante para valorização da cultura popular e para mostra a educação não formal praticada nos terreiros. O professor Alexandre Lucas, idealizador da iniciativa destaca que um dos principais proveitos sociais do projeto “No Terreiro dos Brincantes” é contribuir com a memória e a disseminação da diversidade de manifestações da cultura do povo. O Projeto será desenvolvido até dezembro deste ano e a intenção é produzir 11 vídeos com manifestações de outras cidades da Região do Cariri.

Serviço:
Informações adicionais na PROEX
(88) 3102 1200

Um pedacinho do Nordeste na Lapa

Todo domingo, a festa Terreirada Cearense leva coco, reisado e forró ao território do samba. Carnaval chegou mais uma vez, e, por mais empolgado que eu esteja para brincar no maior número de blocos possível, engana-se quem acha que a minha dica de hoje está ligada ao samba.
Apesar de adorar a folia de rua da cidade, gosto de reservar pelo menos um dia do carnaval para fazer algo novo e diferente, e este ano a pedida é, sem dúvida, a Terreirada Cearense.

A festa acontece há um ano na Lapa e nasceu de um grupo de artistas e músicos cearenses radicados no Rio que queriam, além de reunir amigos, celebrar as suas raízes nordestinas por meio da música. Focada no grupo Geraldo Júnior e Forró de Raiz - que toca um repertório autoral recheado de coco, reisado, cabaçal e, obviamente, forró - , a Terreirada tem um clima animado e romântico de show de quermesse nordestina, que nunca vi por aqui. E me arrisco até a dizer que talvez nem na Feira de São Cristóvão se escute numa só noite a quantidade de ritmos nordestinos diferentes contemplada nessa festa. De acordo com o próprio Geraldo Júnior, além de resgatar as raízes nordestinas, a Terreirada é também um ato político, que visa a levar à Lapa música brasileira alternativa, diferente da que o bairro está acostumado a ouvir - leia-se principalmente samba.

Tiro mais do que certeiro, pois a Terreirada certamente trouxe um sopro de originalidade às noites do bairro. Com edições todos os domingos, às 21h, a Terreirada já passou por várias casas da Lapa e seu palco atual é o Centro de Teatro do Oprimido. Neste domingo de carnaval, a festa conta ainda com convidados especiais. Então, abandonem as marchinhas por uma noite e viajem para o Ceará com a Terreirada.

Garanto que, como eu, vocês vão se tornar fregueses.

Terreirada Cearense:
Centro de Teatro do Oprimido. Av. Mem de Sá 31, Lapa - 2232-5826. Dom, às 20h.
Mulheres sete reais e homens dez reais.

João Sette Camara
joaosettecamara@gmail.com.

Lula silencia sobre morte de prisioneiro político e direitos humanos em Cuba

NE - Quando a ditadura é a de Cuba, o silêncio e a omissão reinam...

Do ex-guerrilheiro e hoje deputado federal Fernando Gabeira (PV):

"No momento em que Lula e sua comitiva desembarcam em Havana, morre numa greve de fome o prisioneiro político Orlando Zapata Tamaya. É um fato gravíssimo que coloca em suspenso a posição brasileira sobre direitos humanos. Lula deve silenciar sobre o tema? Deve ouvir o apelo de 50 presos políticos que pedem ajuda ao Brasil? Na minha opinião, independente da esquerda e da imprensa brasileira, é um fato escandaloso. A própria mãe de Orlando Zapata, Reina Tamaya afirmou que seu filho foi assassinado na cadeia, pois, uma longa greve de fome poderia ter esse desfecho somente com a indiferença do governo. É a segunda vez, desde 1972, que um prisioneiro morre fazendo greve de fome em Cuba... O silêncio brasileiro diante da morte de um prisioneiro em Cuba reflete apenas uma longa distorção no modo como se aborda o problema de direitos humanos. Numa ditadura de direita, qualquer violência é denunciada; numa ditadura de esquerda qualquer violência é apenas uma necessidade histórica."

Fonte: Coluna Política - Fábio Campos - Jornal O POVO

Uma Nova Igualdade depois da crise - Postado por: José Flávio Vieira


Por :Eric Hobsbawm


O "Século Breve", o 20, foi um período marcado por um conflito religioso entre ideologias laicas. Por razões mais históricas do que lógicas, ele foi dominado pela contraposição de dois modelos econômicos – e apenas dois modelos exclusivos entre si – o "Socialismo", identificado com economias de planejamento central de tipo soviético, e o "Capitalismo", que cobria todo o resto. Essa contraposição aparentemente fundamental entre um sistema que ambiciona tirar do meio do caminho as empresas privadas interessadas nos lucros (o mercado, por exemplo) e um que pretendia libertar o mercado de toda restrição oficial ou de outro tipo nunca foi realista. Todas as economias modernas devem combinar público e privado de vários modos e em vários graus, e de fato fazem isso. Ambas as tentativas de viver à altura da lógica totalmente binária dessas definições de "capitalismo" e "socialismo" faliram. As economias de tipo soviético e as organizações e gestões estatais sobreviveram aos anos 80. O "fundamentalismo de mercado" anglo-americano quebrou em 2008, no momento do seu apogeu. O Século 21 deverá reconsiderar, portanto, os seus próprios problemas em termos muito mais realistas. Como tudo isso influi sobre países que no passado eram devotados ao modelo "socialista"? Sob o socialismo, haviam reencontrado a impossibilidade de reformar os seus sistemas administrativos de planejamento estatal, mesmo que os seus técnicos e os seus economistas estivessem plenamente conscientes das suas principais carências. Os sistemas – não competitivos em nível internacional – foram capazes de sobreviver até que pudessem continuar completamente isolados do resto da economia mundial. Esse isolamento, porém, não pôde ser mantido no tempo, e, quando o socialismo foi abandonado – seja em seguida à queda dos regimes políticos como na Europa, seja pelo próprio regime, como na China ou no Vietnã – estes, sem nenhum pré-aviso, se encontraram imersos naquela que para muitos pareceu ser a única alternativa disponível: o capitalismo globalizado, na sua forma então predominante de capitalismo de livre mercado. As consequências diretas na Europa foram catastróficas. Os países da ex-União Soviética ainda não superaram as suas repercussões. A China, para sua sorte, escolheu um modelo capitalista diferente do neoliberalismo anglo-americano, preferindo o modelo muito mais dirigista das "economias tigres" ou de assalto da Ásia oriental, mas abriu caminho para o seu "gigantesco salto econômico para frente" com muito pouca preocupação e consideração pelas implicações sociais e humanas. Esse período está quase às nossas costas, assim como o predomínio global do liberalismo econômico extremo de matriz anglo-americana, mesmo que não saibamos ainda quais mudanças a crise econômica mundial em curso implicará – a mais grave desde os anos 30 –, quando os impressionantes acontecimentos dos últimos dois anos conseguirão se superar. Uma coisa, porém, é desde já muito clara: está em curso uma alternância de enormes proporções das velhas economias do Atlântico Norte ao Sul do planeta e principalmente à Ásia oriental. Nessas circunstâncias, os ex-Estados soviéticos (incluindo aqueles ainda governados por partidos comunistas) estão tendo que enfrentar problemas e perspectivas muito diferentes. Excluindo de partida as divergências de alinhamento político, direi apenas que a maior parte deles continua relativamente frágil. Na Europa, alguns estão assimilando o modelo social-capitalista da Europa ocidental, mesmo que tenham um lucro médio per capita consideravelmente inferior. Na União Europeia, também é provável prever o aparecimento de uma dupla economia. A Rússia, recuperada em certa medida da catástrofe dos anos 90, está quase reduzida a um país exportador, poderoso, mas vulnerável, de produtos primários e de energia e foi até agora incapaz de reconstruir uma base econômica mais bem balanceada. As reações contra os excessos da era neoliberal levaram a um retorno, parcial, a formas de capitalismo estatal acompanhadas por uma espécie de regressão a alguns aspectos da herança soviética. Claramente, a simples "imitação do Ocidente" deixou de ser uma opção possível. Esse fenômeno ainda é mais evidente na China, que desenvolveu com considerável sucesso um capitalismo pós-comunista próprio, a tal ponto que, no futuro, pode também ocorrer que os historiadores possam ver nesse país o verdadeiro salvador da economia capitalista mundial na crise em que nos encontramos atualmente. Em síntese, não é mais possível acreditar em uma única forma global de capitalismo ou de pós-capitalismo. Em todo caso, delinear a economia do amanhã é talvez a parte menos relevante das nossas preocupações futuras. A diferença crucial entre os sistemas econômicos não reside na sua estrutura, mas sim na suas prioridades sociais e morais, e estas deveriam, portanto, ser o argumento principal do nosso debate. Permitam-me, por isso, a esse ilustrar dois de seus aspectos de fundamental importância a esse propósito. O primeiro é que o fim do Comunismo comportou o desaparecimento repentino de valores, hábitos e práticas sociais que haviam marcado a vida de gerações inteiras, não apenas as dos regimes comunistas em estrito senso, mas também as do passado pré-comunista que, sob esses regimes, havia em boa parte se protegido. Devemos reconhecer quanto foram profundos e graves o choque e a desgraça em termos humanos que foram verificados em consequência desse brusco e inesperado terremoto social. Inevitavelmente, serão necessárias diversas décadas antes que as sociedades pós-comunistas encontrem uma estabilidade no seu "modus vivendi" na nova era, e algumas consequências dessa desagregação social, da corrupção e da criminalidade institucionalizadas poderiam exigir ainda muito mais tempo para serem combatidas. O segundo aspecto é que tanto a política ocidental do neoliberalismo, quanto políticas pós-comunistas que ela inspirou subordinaram propositalmente o bem-estar e a justiça social à tirania do PIB, o Produto Interno Bruto: o maior crescimento econômico possível, deliberadamente inigualitário. Assim fazendo, eles minaram – e nos ex-países comunistas até destruíram – os sistemas da assistência social, do bem-estar, dos valores e das finalidades dos serviços públicos. Tudo isso não constitui uma premissa da qual partir, seja para o "capitalismo europeu de rosto humano" das décadas pós-1945, seja para satisfatórios sistemas mistos pós-comunistas. O objetivo de uma economia não é o ganho, mas sim o bem-estar de toda a população. O crescimento econômico não é um fim, mas um meio para dar vida a sociedades boas, humanas e justas. Não importa como chamamos os regimes que buscam essa finalidade. Importa unicamente como e com quais prioridades saberemos combinar as potencialidades do setor público e do setor privado nas nossas economias mistas. Essa é a prioridade política mais importante do Século 21.

Publicado originalmente no jornal La Repubblica.
Tradução de Moisés Sbardelotto em Envolverde/ECO 21.
postado por J. Flávio Vieira


Marolinha - Por: José Flávio Vieira

25/02/2010 - 08h09


Lucro do Banco do Brasil atinge R$ 10,15 bi em 2009 e bate recorde do setor

Folha Online
da Reuters

O Banco do Brasil registrou no ano passado o maior lucro da história do setor (R$ 10,148 bilhões), com alta de 15,3% na comparação com 2008. O Itaú Unibanco detinha a maior marca até então, com R$ 10,067 bilhões em 2009, considerando os bancos de capital aberto brasileiros.
Essas duas instituições financeiras e o Bradesco ocupam as dez primeiras posições no ranking de maiores lucros do setor, de acordo com cálculos da Economática, efetuados com os resultados ajustados pela inflação medida pelo IGP-DI até dezembro passado.
No quarto trimestre de 2009, o Banco do Brasil teve um lucro líquido de R$ 4,155 bilhões, montante que equivale a um avanço de 41,1% em relação aos R$ 2,944 bilhões obtidos em igual período do ano anterior.
Em bases recorrentes, o lucro foi de R$ 1,819 bilhão entre outubro e dezembro, 11,9% maior que em igual intervalo de 2008. A estimativa média de nove analistas consultados pela Reuters era de lucro recorrente de R$ 1,802 bilhão.
No final de dezembro, a carteira de crédito do maior banco do país era de R$ 300,829 bilhões, um incremento de 33,8% em 12 meses.
Essa evolução foi puxada pelo segmento pessoa física, cujos financiamentos deram um salto de 88,1%, para R$ 91,79 bilhões.
A inadimplência, medida pelo total de operações vencidas em prazo superior a 90 dias, atingiu 3,3% no trimestre, acima dos 2,4% de dezembro de 2008, mas menor que o pico de 3,6% alcançado em setembro.
Por isso, o saldo das despesas com provisões para perdas esperadas com calores encerrou dezembro em R$ 18,617 bilhões, 2,4% do que três meses antes, embora ainda 36,2% maior do que o de dezembro de 2008.
O retorno anualizado sobre patrimônio líquido médio --índice de rentabilidade de um banco-- evoluiu de 47,4% para 56,8% entre o quarto trimestre de 2008 e o de 2009. Em bases recorrentes, houve queda, de 24,5% para 22,5%.
As receitas com serviços no trimestre foram de R$ 3,61 bilhões, crescimento de 17,9% na comparação anual.
No fim de 2009, os ativos totais do BB somavam R$ 708,549 bilhões, ante R$ 521,273 bilhões um ano antes, um avanço de 35,9%.

Por: José Flávio Vieira

Viva Zapata! Abaixo Raúl Castro, Fidel e Lula – por Reinaldo Azevedo/ postado por Armando Lopes Rafael

Fonte:Veja on line
OS PAPA-DEFUNTOS – Vejam aí que imagem admirável: Raúl Castro, Lula, o Coma Andante Fidel Castro e ele, Franklin Martins, o primeiro-ministro do Brasil
Todos vocês viram na TV, creio, o assassino Raúl Castro se antecipando aos jornalistas, ao lado de Lula, a anunciar: “Eu sei o que vocês estão querendo”. E desandou a falar sobre a morte de Orlando Zapata, preso político condenado a mais de 30 anos por defender os direitos humanos em Cuba.
Obediente, sem nenhum constrangimento, Lula, o “grande líder da América Latina”, assistia à pantomima do tirano. Agora entendemos por que não há imprensa livre em Cuba. Raúl já sabe o que os jornalistas querem perguntar… Foi um espetáculo grotesco, e Lula, quero crer, superou todos os limites da abjeção. Já tinha se revelado, conforme escrevi, na tal reunião de Cancún, quando havia atacado a ONU e os americanos. Ontem, superou-se.
Falando a linguagem própria da tirania, Lula acusou a vítima de ser responsável por sua própria desgraça. A política externa brasileira jamais conheceu esse pântano. Agora, com efeito, ela assumiu a cara de Marco Aurélio Garcia. Cubanos que lutam pelos direitos humanos já haviam feito menção de se encontrar com Lula. O Itamaraty não deu a menor bola. O brasileiro não disse uma única palavra em defesa da democracia e da tolerância política! Nada! Ao contrário: demonstrou indignação com os defensores dos direitos humanos na ilha:
“Eu não recebi nenhuma carta. As pessoas precisam parar com o hábito de fazerem carta, guardarem para si e depois dizerem que mandaram para os outros. Se essas pessoas tivessem falado comigo antes, teria pedido para parar e eu, quem sabe, teria evitado que eles morressem, de forma que eu lamento que uma pessoa se deixe morrer por uma greve de fome”.
Releiam isto: “Se essas pessoas tivessem falado comigo antes, teria pedido para parar e eu, quem sabe, teria evitado que eles morressem, de forma que eu lamento que uma pessoa se deixe morrer por uma greve de fome”. Observem que Lula procura tirar do evento qualquer sentido político, como se a greve de fome fosse, sei lá, uma idiossincrasia de Zapata, que, então, “se deixou morrer”.
Todo o mundo democrático protestou contra a morte de Zapata e pediu a libertação dos presos políticos de Cuba. O Brasil se calou sobre as duas coisas e lamentou a morte do dissidente como se a lamenta a morte de qualquer homem, procurando retirar o seu peso político. Todo o mundo democrático - e até o não-democrático - protesta contra a delinqüência nuclear iraniana, e só o Brasil empresta apoio incondicional a Mahmoud Ahmadinejad.
Lula tem uma característica política particularmente perigosa. No Brasil, aproveita a sua popularidade para mandar às favas a Lei Eleitoral, para atropelar o TCU e para transformar instâncias do Estado em braços operativos do seu partido; nas relações globais, usa o prestígio crescente do Brasil — obra de seus empreendedores — para se aliar ao que o mundo pode produzir de pior. Foi longe demais ao acusar Zapata pela própria morte e banalizá-la? Foi! Mas ele sempre pode se superar.

Autor: Reinaldo Azevedo
Fonte: Veja

Armazém do Som e Performance Poética - João Nicodemos


Nesta Sexta feira, 26 de Fevereiro, estarei apresentando no SESC - Crato, às 20 h, o espetáculo "GESTO, SOM & PALAVRA", programação mensal do projeto Armazém do Som e Performance Poética. Entrada franca. Estamos todos convidados!!! Será uma honra recebê-los todos para esta festa.

Venha e traga os amigos!!!

"Epidemia" de CRACK no Ceará - Especialistas estimam 100 mil usuários


População em risco: O crack já chegou ao Interior do Ceará, deixando um rastro de destruição e violência. A droga é consumida, principalmente por jovens entre 12 e 29 anos. THIAGO GASPAR. 25/2/2010. Vício movimenta R$ 5 milhões por dia e já é considerada epidemia que precisa ser enfrentada pelo Estado. A presidente da Associação Cearense de Imprensa (ACI), Ivonete Maia, revela surpresa quando, ao visitar o município de Jaguaruana, a 175 quilômetros de Fortaleza, observou que o crack tomou conta da cidade. Até então, acreditava que o problema estaria longe de afetar o interior do Estado. A realidade é outra. O crack se alastrou por todo o Ceará, tornando-se uma verdadeira praga e deixando um rastro de destruição e violência por onde chega.

De acordo com números da Central Única das Favelas (Cufa) 30 mil jovens de 12 aos 29 anos de idade são dependentes químicos em Fortaleza. No Ceará, esse número chega a 100 mil usuários da chamada "pedra maldita". O Diário do Nordeste, na edição de 1º de dezembro de 2009, publicou matéria alertando para o avanço do crack em Fortaleza e dando, com exclusividade, os números da epidemia, informando que o vício matou mais de 1,7 jovens nos últimos três anos. "O avanço da droga é uma coisa sem precedentes", avalia o coordenador da Cufa, Preto Zezé.

Pelas estimativas de especialistas, como o psiquiatra Marcelo Fialho, somente o uso da pedra movimenta um mercado de R$ 5 milhões por dia no Ceará. Em Fortaleza, a soma alcança R$ 1 milhão diário. "O crack é barato, disponível e tem alto caráter de dependência. Sua ação é rápida e muitos consomem até 20 pedras por noite".

Difusão

A disseminação da droga no Interior do Estado assusta até quem convive com a violência diariamente, como o caso do delegado de Iguatu, Agenor Freitas. Na avaliação dele, o baixo custo é o que mais influencia a rapidez da difusão do vício. No início do ano, a pedra pequena, segundo o delegado, custava R$ 3 e a grande, R$ 7. Hoje, a menor é R$ 5 e a maior, R$ 10. "O crack é a doença do mundo", sentencia. O problema se repete em outras cidades do interior cearense, como Crato, Juazeiro e Sobral. A assistente social e pesquisadora Cynthia Studart diz que outras drogas, como a maconha e cocaína, estão sendo preteridas frente ao crack. "Na periferia de Fortaleza, por exemplo, a maconha é dita como coisa de gente careta. A cocaína, com a diminuição na sua produção e o alto valor, não é tão acessível às camadas mais carentes".

Para Preto Zezé, a venda da substância pode ser encontrada nos quatro cantos da cidade. "Ela não só invadiu favelas e comunidades da periferia, como não poupou os bairros considerados nobres". O avanço do crack não distingue pobre ou rico. "Muita gente das classes A e média são seus usuários", ressalta a psicanalista Carolina Cavalcante. A coordenadora da Política de Saúde Mental da Prefeitura de Fortaleza, Rane Félix, admite que as unidades de saúde ainda estão se preparando para receber o dependente químico. "Para dar certo temos que propor ações tão prazerosas quanto à droga", considera ela.

LÊDA GONÇALVES
Repórter do Jornal Diário do Nordeste

Fonte: DN

CRATO - Notícias do dia 25 de Fevereiro de 2010



Estrada de Santa Fé: Governo do Crato aguarda verbas para projeto

A Prefeitura Municipal do Crato aguarda posicionamento do Governo do Estado em ralação a parceria para a recuperação da estrada de Santa Fé. São cerca de 15 quilômetros de vias danificadas e que vêm dificultando o tráfego na área, principalmente dos moradores do distrito. O prefeito do Crato, Samuel Araripe, entregou projeto de recuperação da via ao governo Cid Gomes, no mês de setembro do ano passado, repassado para o Secretário de Infraestrutura, Adahil Fontenele, que prometeu examinar o trabalho que foi desenvolvido para a recuperação da estrada. Segundo o prefeito, o projeto contempla inclusive pontes, acostamentos, entre outros aspectos que promova um trânsito seguro e com qualidade. Os custos para realização da obra, conforme o projeto, estão em torno de R$ 5 milhões.

Crato terá Escola de Educação Profissional

O Governo do Estado comprou dois prédios localizados na Av. Teodorico Teles, no Bairro São Miguel, no Crato, para construir uma Escola de Educação Profissional. A área possui 15 mil metros quadrados, onde funcionavam a Eventos Casa de Shows e uma usina de beneficiamento de algodão. Os prédios serão demolidos e a obra custará aproximadamente R$ 6 milhões. O processo de licitação já está em andamento, mas ainda não há previsão de quando as obras comecem. As escolas profissionalizantes funcionarão em período integral, no primeiro horário ofertando matérias do ensino médio, e no segundo, darão formação técnica nas áreas de tecnologia, humanas e saúde.

Prefeitura do Crato adquire prédio próprio para funcionamento do CAPS

A Prefeitura Municipal do Crato, por meio da Secretaria de Saúde do Município, adquiriu a sede própria do Centro de Atenção Psicossocial (CAPS), que antes funcionava em prédio alugado. Desde janeiro que a sede recebeu os cerca de 300 pacientes, que atualmente estão sendo atendidos por meio do Centro. Segundo a Secretária de Saúde, Nizete Tavares, a nova sede oferece melhores condições de funcionamento, por estar adequada ao CAPS. O novo prédio está em funcionamento na Travessa Santana do Cariri, s/n, no Seminário. Este ano, o Centro fará 10 anos em Crato. Maiores informações pelo telefone: (88) 3521.2229.

Secretaria da Cultura do Crato e Cine SESI Cultural promovem exibição de filmes gratuitos para toda a população

Durante os Dias 5, 6 e 7, de março no Centro Cultural do Araripe no Largo da RFFSA em Crato, acontecerá o Cine SESI Cultural, um projeto de exibições cinematográficas gratuitas para toda à comunidade. O projeto vem obtendo sucesso em todos os locais onde está sendo exibido.
A etapa no Crato, que corresponde aos dias 5, 6 e 7 de março tem o apoio da Prefeitura Municipal, através da Secretaria da Cultura, Esporte e Juventude. Os filmes começarão a ser exibidos as 18 horas e 30 minutos seguindo a programação dessa forma:

Sexta feira 05 de março - Desenho sócio-educativo do Sesi Filme da Oficina Audiovisual realizada no Crato Curta metragem :Vida Maria.
Longa metragem:Tapete Vermelho: a emocionante viagem de pai e filho pelo interior em busca do cinema, com Matheus Nathergalle e Gorete Milagres.

Sábado 06 de março - Desenho sócio-educativo do Sesi Filme da Oficina Audiovisual realizada em Icó - CE.
Curta metragem; Os filmes que não fiz
Longa metragem: Se Eu Fosse Você 2 As loucuras de um casal que tem seus corpos trocados mais uma vez, com Toni Ramos e Gloria Pires.

Domingo 07 de março - Desenho sócio-educativo do Sesi Filme da Oficina Audiovisual realizada no Crato Curta metragem : Câmara Viajante.
Longa metragem: A Era do Gelo 3: As aventuras de uma turma de bichos bem diferentes em uma nova era. Toda a comunidade cratense está convidada a participar desse momento de diversão e apreciação de arte.

A Secretaria de Meio Ambiente realiza reunião para planejar ações da Semana da Árvore e da Água

A Secretaria de Meio Ambiente e Controle Urbano do Crato realizará amanhã as 8 horas e 30 minutos, em sua sede, no Centro administrativo da Prefeitura Municipal do Crato reunião com instituições ambientais e educacionais onde será feito o planejamento das ações para a semana da arvore e da água. Segundo Vanda Lucia Roseno, Gerente do Núcleo de Educação Ambiental , a semana acontecerá de 22 a 26 de março terá como tema “ Água e Árvore: Modificando seus hábitos”

Governo Municipal do Crato
Fone/Fax - (88) 3521.9960
Mais informações:
http://www.crato.ce.gov.br
http://www.prefeituramunicipaldocrato.blogspot.com

RAPADURA CULTURARTE Nº 02

27 de fevereiro de 2010
Local: Praça da Sé
Horário: 8:30h

Dedicado ao Bairro Pinto Madeira
Tributo a Marinês

1. Artigo: A farsa da romaria e as chamas do caldeirão.
Alexandre Lucas – Leitura: Jorge Carvalho

2. Histórico do Bairro e Medalha de Honra ao mérito.
Apresentações culturais do bairro.

3. Leitura dos Cordéis:
- Valdetário Andrade - Novo Presidente da OAB/CE
Autor: Luciano Carneiro de Lima
- Educação inclusiva requer participação
Autora: Maria do Socorro B. Brito Matos
- Oitenta anos de idade, saúde e dedicação – Irmã Edeltraut Lerch
Autor: José Joel de Souza

4. Homenagem ao Senhor Valdetário Andrade

5. Homenagens: Pedro Francisco Pessoa
Franzé Sousa (Diploma de Honra ao Mérito)
Televisão Verdes Mares – 40 anos (Diploma de Honra ao Mérito)
Irmão Edeltraut Lerch
Primo – Poeta (Diploma de Honra ao Mérito)
Seu Antônio da Bica.
William Brito (Diploma de Honra ao Mérito)
Francisco Rodrigues Correia – Pintor
José Bonifácio Macedo – Jardineiro
Mazinho – 70 anos (01/03/1940)

6. Entrega de 500 (quinhentos) tijolos para a Associação dos Moradores do Sítio Brejinho. Sede em construção.

7. Lembrando os 70 anos de Correinha.

“Negar a cultura popular é
rasgar a nossa própria identidade”
Eloi Teles

“Um país sem cultura popular,
nunca será uma nação”
Candéia

Juazeiro: recursos para o Centenário estão garantidos - Postado por Océlio Teixeira

A conquista de R$ 10 milhões para as obras estruturantes do Complexo do Centenário repercutiu positivamente e fez a Comissão Organizadora da festa pelos 100 anos de Juazeiro respirar aliviada. Agora, os membros estão correndo atrás dos projetos executivos para enquadrar dentro dos formulários próprios do Ministério do Turismo. Foi o que determinou o Ministro das Relações Institucionais, Alexandre Padilha, que recebeu uma comitiva juazeirense na semana passada em seu gabinete.

Um dos participantes da audiência, o Secretário de Turismo e Romarias José Carlos dos Santos explicou que o complexo é formado pela Praça do Centenário, Marco Zero, Portais de Entrada de Juazeiro, Portal da Fé, Marcos da Identidade Centenária, Museu da Cidade e a Avenida Beira Rio. Segundo ele, o prefeito Manoel Santana e o bispo diocesano, dom Fernando Panico, deixaram o gabinete do ministro felizes com a acolhida e o interesse de Padilha em colaborar com a festa pelos 100 anos de Juazeiro.

O encontro foi viabilizado pelo deputado federal José Nobre Guimarães o qual adiantou que os recursos prometidos serão oriundos do Ministério do Turismo. O Ministério Alexandre Padilha elogiou o portfólio entregue pelas autoridades juazeirenses considerando projetos bem elaborados com seus respectivos valores e as justificativas de cada um. Ele foi simpático às idéias e até sinalizou com a possibilidade de se empenhar para garantir agilidade na liberação dos recursos.(Demontier Tenório)

Imagens ilustrativas

OAB-CE lança serviço para acompanhar processos - Postado por Océlio Teixeira

Através da Central de Acompanhamento Processual será possível verificar a situação dos processos na Justiça

A sociedade cearense acaba de ganhar um meio para acompanhar o andamento de processos na Justiça. A Ordem dos Advogados do Brasil - Secção Ceará (OAB-CE) inaugurou, na última segunda-feira, a Central de Acompanhamento Processual. Através da Internet (www.oabce.org.br) ou do telefone (85-3216.1600), cidadãos ou advogados podem reclamar sobre a situação de processos em andamento na Justiça. Basta ter em mãos os dados relacionados aos casos.

Pelo site, a Central funciona 24 horas por dia. Uma equipe com quatro pessoas trabalha, das 8 às 16 horas, colhendo as informações solicitadas. O tempo médio para retorno aos usuários é de 72 horas. De acordo com o presidente da OAB-CE, Valdetário Andrade Monteiro, o objetivo da iniciativa é minimizar os efeitos negativos da falta de celeridade na Justiça. "É preciso estar atento, porém, às causas da demora em alguns casos. Muitas vezes, a lentidão se deve a trâmites normais, previstos em lei", explicou ele.

Recentemente, acusados de sequestrar um estudante foram libertados por conta da demora no julgamento do caso. Em pouco mais de 24 horas de funcionamento, a Central já recebeu 35 pedidos de informações.

A maior parte, revelou Monteiro, refere-se a falta de celeridade da Justiça em dar respostas às partes envolvidas. Em geral, o tempo de espera por um parecer definitivo fica em torno dos dois anos. "Fazemos a verificação e repassamos o resultado para os usuários que nos acionaram pela Central", ressaltou.

Em alguns casos, a OAB-CE encaminha ofícios aos juízes ou ao Ministério Público cobrando agilidade na definição das sentenças. Existe ainda a possibilidade da entidade acionar o Conselho Nacional de Justiça (CNJ) ou a Corregedoria Geral da Justiça do Estado do Ceará.

Conforme o presidente da OAB-CE, a lentidão da Justiça deve-se, em grande parte, à falta de estrutura e à carência de pessoal. "Neste sentido, é preciso realizar novos concursos públicos e chamar os aprovados nas seleções passadas", disse. "Há diversos técnicos judiciários e oficiais de Justiça só esperando a convocação para começar a trabalhar". Para ele, o problema deverá diminuir também com a conclusão dos trabalhos de virtualização pelo qual passa o Tribunal de Justiça do Ceará. Com a informatização, os processos serão otimizados.

Fonte: Diario do nordeste
Foto: Francisco Viana

Bancos não podem cobrar tarifa para receber boleto bancário em suas agências - Postado por Océlio Teixeira


A cobrança de tarifa pela emissão de boleto bancário ou ficha de compensação é abusiva e constitui vantagem exagerada dos bancos em detrimento dos consumidores. Com esse entendimento, a Quarta Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ) rejeitou recurso interposto pelo ABN Amro Real S/A e o Banco do Nordeste do Brasil S/A contra acórdão do Tribunal de Justiça do Maranhão.

Acompanhando o voto do relator, ministro Luis Felipe Salomão, a Turma reiterou que, como os serviços prestados pelo banco são remunerados pela tarifa interbancária, a cobrança de tarifa dos consumidores pelo pagamento mediante boleto ou ficha de compensação constitui enriquecimento sem causa por parte das instituições financeira, pois há “dupla remuneração” pelo mesmo serviço, importando em vantagem exagerada dos bancos em detrimento dos consumidores, conforme dispõe os artigos 39, inciso V, e 51, parágrafo 1°, incisos I e III, do Código de Defesa do Consumidor (CDC) .No caso julgado, o Ministério Público do Maranhão ajuizou ação civil pública contra vários bancos que insistiam em cobrar indevidamente tarifa pelo recebimento de boletos e fichas de compensação em suas agências. Para o MP, a ilegalidade de tal prática já foi reconhecida pela Federação Brasileira de Bancos (Febraban), por conta da existência de tarifa interbancária instituída exclusivamente para remunerar o banco recebedor. Em primeira instância, os bancos foram proibidos de realizar tal cobrança sob pena de multa diária de R$ 500,00 por cada cobrança, em favor de fundo público a ser indicado pelo Ministério Público. A sentença foi mantida pelo Tribunal de Justiça estadual.

Os bancos recorreram ao STJ sustentando, entre outros pontos, que a cobrança de tarifa sob a emissão de boleto bancário é legal, e que o Ministério Público não tem legitimidade para propor tal ação, já que os alegados direitos dos clientes não são difusos, coletivos e, tampouco, individuais homogêneos. Em seu voto, o ministro ressaltou que cabe ao consumidor apenas o pagamento da prestação que assumiu junto ao seu credor, não sendo razoável que ele seja responsabilizado pela remuneração de serviço com o qual não se obrigou, nem tampouco contratou, mas que é imposto como condição para quitar a fatura recebida. Para ele, tal procedimento gera um desequilíbrio entre as partes, pois não é fornecido ao consumidor outro meio para o pagamento de suas obrigações. Segundo o relator, a legitimidade do Ministério Público é indiscutível, pois a referida ação busca a proteção dos direitos individuais homogêneos e a defesa do consumidor, conforme prevêem os artigos 127 da Constituição Federal e 21 da Lei n. 7.327/85. Ao rejeitar o recurso dos bancos, a Turma manteve a multa diária pelo descumprimento da obrigação de não fazer em favor de fundo público, uma vez que não é possível determinar a quantidade de consumidores lesados pela cobrança indevida da tarifa.

Fonte: Superior Tribunal de Justiça - O Tribunal da Cidadania

Um convite: vamos discutir o Crato - Por Océlio Teixeira


Porque certos temas com religião, igrejas, política, governo Lula e outros provocam tanta discussão, e temas que tratam do Crato passam quase despercebidos ou têm poucos comentários? Eu sinceramente não entendo. Há cerca de dois dias postei um tópico intitulado: O CRATO MERECE UMA SECRETAIA DO TURISMO, no qual eu sugiro a criação dessa pasta para o nosso município. Tivemos dois comentaristas: Carlos Rafael e Dihelson. Antes dessa postagem, postei um texto tratando das vocações cultural e turística da nossa cidade. Novamente poucos comentários. E aí eu pergunto a todas e a todos, leitores e colaboradores: VAMOS OU NÃO VAMOS DISCUTIR NOSSA CIDADE?

Eu, particularmente, estou disposto a encetar uma campanha para a criação da Secretaria do Turismo, pois percebo que podemos promover bastante o Crato a partir dessa atividade. ASSIM CONCLAMO: VAMOS ESQUECER NOSSAS DIFERENÇAS POLÍTICAS, IDEOLÓGICAS E RELIGIOSAS E VAMOS PENSAR, SUGERIR E FAZER PROPOSTAS PARA O DESENVOLVIMENTO DO CRATO.

NE - Originalmente postada em 22/02/2010
Foto: Dihelson Mendonça

Notícias da URCA - Dia 25 de Fevereiro de 2010


Reitor assina Edital de Licitação para Ginásio da URCA de mais de R$ 3,8 milhões


Mais uma vitória para a região e a Universidade Regional do Cariri (URCA). O Reitor da Instituição, Professor Plácido Cidade Nuvens, assinou na tarde de ontem, o Edital de Licitação, para construção do Ginásio Poliesportivo da URCA. A obra terá investimento de mais de R$ 3.805.616,12 e deverá estar concluída num período de 300 dias corridos. Os recursos para construção da obra são oriundos do Governo do Estado. Também foi iniciada a sede da Residência Universitária, da Universidade, que está sendo construída próxima ao Restaurante Universitário, no Campus do Pimenta. O empreendimento voltado para atender a classe estudantil tem um investimento em torno de R$ 450 mil.

O Ginásio Poliesportivo, reivindicado pela atual administração da Universidade e a classe estudantil, há mais de 12 anos teve a obra iniciada e paralisada. O Ginásio beneficiará toda a comunidade acadêmica, em especial o Curso de Educação Física e toda a sociedade. Segundo a Vice-Reitora, Professora Otonite Cortez, que recentemente esteve em Fortaleza, o Governador se comprometeu em investir o valor que for licitado. Na mesma reunião, o Governador Cid Gomes atendeu o pedido de complementação do Programa de Educação no Campo (Procampo), disponibilizando mais R$ 240.000,00 para este projeto, que tem o financiamento do Ministério da Educação (MEC). O Procampo irá funcionar em Juazeiro do Norte, com curso educação voltada para educação no campo. As inscrições para o Processo Seletivo acontecem no mês de abril.

Ordem de serviço: construção da sede do Geopark Araripe deve começar na próxima semana

A ordem de serviço para construção da sede do Geopark Araripe, em Crato, foi assinada ontem pelo Secretário das Cidades, Joaquim Cartaxo. Na próxima segunda-feira, dia 1º, o Governador do Estado, Cid Gomes, estará no Cariri para o Governo Itinerante, em Araripe, onde será divulgada oficialmente a assinatura da ordem e iniciada a construção. A primeira parcela do empreendimento para a região, já se encontra depositada em conta, segundo informa a Secretaria das Cidades, que irá executar a obra com investimentos do Ministério da Integração Nacional. Serão investidos R$ 778 mil na sede para compra dos equipamentos de informática e mobiliário, além de um veículo de R$ 100mil. Na construção do prédio está sendo destinada a quantia de R$ 500 mil. A sede do Geopark funcionará no bairro Pimenta, área onde atualmente funcionam os laboratórios da Universidade Regional do Cariri (URCA), em breve será inaugurado o Restaurante Universitário, além de abrigar futuramente a sede do Curso de Mestrado em Bioprospecção Molecular da Instituição.

Começam as construções das dependências da Residência Universitária

A Construção da Residência universitária da URCA sai do papel e torna-se realidade. Os trabalhos estão na fase de estruturação do prédio com início das fundações e dos alicerces. A obra está sendo construída por trás do Galpão onde funciona a carpintaria da universidade e é sem dúvida a realização de uma grande sonho dos estudantes universitários. Segundo o Professor José Cavalcanti da Silva Filho, Pró-Reitor de Assuntos Estudantis da URCA, a obra terá dois pavimentos com capacidade para 20 dormitórios que abrigará estudantes, e outras dependências complementares. Quanto ao regime de seleção para aquisição de vagas na residência, o Professor Cavalcanti vai discutir com a reitoria a criação de um regimento para gestão das instalações e isso será submetido aos conselhos superiores da universidade e depois será publicado através de Resolução para o conhecimento público. O Pró-Reitor finalizou convidando a comunidade universitária para visitar o canteiro de obras e, in loco, testemunhar a realização desse grande sonho.

PROAE recebe proposta para administrar a Casa do Estudante do Crato

A Pró-Reitoria de Assuntos Estudantis da URCA, recebeu a Presidenta da Casa do Estudante do Crato, Maria Célia Gonçalves, que repassou a documentação da instituição, pois a mesma solicita a retirada de seu nome da responsabilidade jurídica da casa. Ela afirma não morar mais no local e precisa liberar o seu nome da Receita Federal. A presidenta propôs ao Professor José Cavalcanti da Silva Filho, Pró-Reitor de Assuntos Estudantis da URCA, para que o mesmo assumisse legalmente a gestão do órgão para tentar organizar a casa, que convive com sérios problemas, inclusive uma multa na fazenda impossível no momento de ser paga pela diretoria. Maria Célia reafirmou o seu pedido, justificando que a URCA é uma entidade que tem credibilidade junto à sociedade caririense, para poder empreitar esta ação, até porque hoje a casa é ocupada em sua maioria por estudantes universitários matriculados na instituição.

O Professor Cavalcanti adiantou a presidenta que vai solucionar o problema, envolvendo outras instituições, na finalidade de poder encontrar uma solução para a Casa do Estudante.

Museu de Paleontologia praticamente concluído

Está mais próxima de se concretizar a inauguração do Museu de Paleontologia da Universidade Regional do Cariri (URCA), onde já foram investidos mais de R$ 700 mil, num amplo trabalho de quase duplicação da área de exposição. O diretor do Museu, o professor doutor em Paleontologia, Álamo Feitosa, afirma que será iniciada a fase de pintura do prédio, que se estende na sua área de exposição de uma esquina a outra. Ele afirma que entre o final de março e início de abril o Museu deve estar sendo reinaugurado. Em mais de um ano de reforma, os principais entraves para a conclusão da obra se deram por questões burocráticas, que foram sanadas. O Museu virá com uma nova roupagem, inclusive na forma de exposição das peças. Serão mais de oito mil fósseis expostos, o que antes ficava impossível, por conta da restrição do espaço. Um planejamento está sendo feito por especialista na área, para melhor dispor a coleção rara do museu da ‘Capital da Paleontologia’, que também ganha um acesso facilitado, com novo asfaltamento. A estrada que liga os municípios de Nova Olinda a Santana do Cariri está praticamente concluída. O projeto está dentro da proposta de infraestrutura, dotando o Geopark de melhores condições e possibilitando adequações indispensáveis para melhoria da área que envolve todo o projeto.

Reitor participa de audiência em Santana do Cariri para obra de esgotamento sanitário em toda cidade

O Reitor da Universidade Regional do Cariri (URCA), Professor Plácido Cidade Nuvens, participou, juntamente com o Diretor do Museu de Paleontologia da Instituição, Professor Álamo Feitosa, de audiência pública em Santana do Cariri. O objetivo foi obter a licença de instalação da obra da Companhia de Água e Esgoto do Ceará (Cagece), de esgotamento sanitário da cidade. O evento aconteceu na Câmara Municipal. Na ocasião, o projeto foi apresentado por técnicos, e terá o acompanhamento de pesquisadores em arqueologia e paleontologia. Serão investidos na obra R$ 3,3 milhões, beneficiando mais de 7 mil habitantes. O material fóssil encontrado nas escavações será analisado e identificado, passado ao Departamento Nacional de Produção Mineral (DNPM), e, em seguida, doado ao Museu de Paleontologia. A audiência contou com a presença de técnicos da Companhia, responsável pela obra, arqueólogos, paleontólogos, representantes URCA, do Instituto do Patrimônio Artístico Nacional (Iphan), prefeitura municipal e o legislativo local. Estarão acompanhando os trabalhos dois estagiários da URCA.

Contato:
Assessoria de Comunicação
Universidade Regional do Cariri - URCA
(88) 3102-1212 ramal 2617
www.urca.br
Crato, 25 de fevereiro de 2010.

Começa em Sobral, a construção do maior hospital do Interior do Ceará


O maior hospital de todo o Interior do Estado, com 269 leitos, começa a ser construído nesta quinta-feira, 25. O governador Cid Gomes e o secretário da saúde, João Ananias, assinam a ordem de serviço do Hospital Regional Norte às 19 horas, no local da obra, onde funcionava o parque de exposições de Sobral, no bairro do Junco. Além de destacar o tamanho do novo hospital, o Secretário João Ananias informa que o grande diferencial será um prédio completo para atenção à saúde da mulher. Segundo ele, no Hospital Regional Norte haverá 32 leitos só para as mulheres, que receberão cuidados integrais.

Fonte: Paulo Cesar Cariri

ANÚNCIO IMPORTANTE - Postagens Úteis terão prioridade na Página Principal


Conteúdo Selecionado para Permanecer !

Amigos, tá muito ruim esse cobertor curto aqui do Blog. Conforme expliquei, estamos trabalhando com apenas 30 postagens na página principal. A cada mensagem nova, uma mensagem some lá embaixo para a segunda página. O problema é que muitos leitores têm preguiça de irem até a página 2. Essa é uma limitação do sistema. Até que encontremos uma solução para isso, cada espaço vale ouro na página principal. Sendo que as postagens descem rapidamente, como editor, eu me ocuparei em dar mais sentido ao nosso Blog, impedindo que postagens úteis desçam rápido demais para a segunda e terceira página, e ao mesmo tempo, resgatando as postagens da semana , que já desceram, de volta para a página principal. É mais trabalho para mim. Importante: Ao mesmo tempo, fica terminantemente proibido algum autor tentar burlar o sistema, postando a mesma matéria duas vezes para que ela apareça de novo na página principal, ou fazer algum artifício para impedir que ela siga o curso natural se ela não foi escolhida pelo editor para voltar. A tendência mesmo é a página principal ser um conteúdo selecionado, para o leitor do Blog, como qualquer jornal faz, priorizando as melhores e mais construtivas matérias. Nosso Blog é essencialmente Jornalístico e no estilo Revista: Notícias, Crônicas, Reportagens são muito bem-vindas, por isso é preciso cada um saber o que vai postar.

Peço também que as reportagens fotográficas sejam reduzidas ( no máximo 5 fotos ), pelas limitações que estamos passando no momento.

Isso significa que: Mesmo que uma matéria haja descido para páginas antigas, ela poderá ser resgatada para a página principal. E se uma matéria for inútil, ela não será resgatada mesmo! - Portanto, se os autores quiserem que suas matérias tenham prioridade, escolham com cuidado o que irão postar. Pedidos para subir as matérias poderão ser analisados caso a caso enviando e-mail para o editor: blogdocrato@hotmail.com Esta nova resolução constará no conjunto de Regras do Blog do Crato a partir de hoje, 25 de Fevereiro de 2010.

=========================================
Matéria Original:
Cobertor Curto: Cobre a Cabeça e Descobre os Pés.
A cada mensagem no topo, uma mensagem some lá embaixo para a página 2


O Google, que é o administrador dos servidores de todos os Blogs, fez umas modificações nos últimos dias, e instalou um sistema que limita a quantidade de postagem que TODOS os Blogs ( milhões ) podem ter na página principal. A quantidade vai depender do "pêso" da página ( fotos, etc ). Medida polêmica. Em certos Blogs predominantemente de textos, essa quantidade pode ser de 40 postagens. No Blog do Crato, que é um site multimídia, tem muita coisa, muita informação, estamos com somente de 25 a 30 postagens na página principal. Essa é uma limitação mesmo do Google, através do Blogger. Ela serve para tornar a página principal mais leve para o usuário que lê o Blog.

Estou tentando desativar esse treco. Eu entendo que não podemos ficar limitados a 30 postagens na principal, porque a maioria das pessoas tem muita preguiça de ir à página 2, 3, 4, etc. Até pouco tempo, 30 postagens era o conteúdo de um único dia...Passei a tarde pesquisando aqui, pois nem dessa informação eu dispunha. Amanhã estudarei este caso em profundidade, e tentar achar um meio de desativar para voltarmos ao normal. Enquanto isso, quero pedir algumas coisas. Sendo que estamos temporariamente limitados a menos de 30 postagens, vamos postar coisas ESSENCIAIS. Coisas ÚTEIS. Que sejam realmente importantes para o Crato, para nossa região, e principalmente no sentido do Blog, que é Jornalístico. Evidentemente que isso não se aplica a todo mundo. Porque os cronistas podem continuar a escreverem suas crônicas normalmente. E todas as crônicas são bem-vindas. O que podemos eliminar, ou pelo menos filtrar são alguns tipos de mensagens que nem somam nem subtraem muito. Mesmo esta mensagem aqui, eu pretendo apagá-la depois, para dar lugar a algo mais útil. Como eu disse antes, essa é uma medida temporária. Que valorizemos mais o espaço. Quando eu conseguir solucionar o problema, nós voltaremos à normalidade. Uma coisa também que pode ser feita ( para aquelas pessoas que desejam localizar aonde foram parar os artigos ), é visitar as postagens dos dias anteriores. Na entrada do Blog temos isso, as postagens anteriores. E quem quiser também, pode clicar no ítem: "Postagens mais antigas" na parte inferior do Blog, a fim de visitar as outras postagens. Infelizmente, por enquanto, é só o que eu posso adiantar de dicas.

Abraços,

Dihelson Mendonça - Administrador

Orientação Vocacional – Para Pais Com Filhos No Ensino Médio- Por César Mousinho


Orientar é guiar, esse é o papel dos pais e encarregados de educação que pode ser iniciado a qualquer momento, sem aflições, sem pressões, sem ansiedade. Orientar não significa escolher pelo seu filho ou escolher para ele. É estar presente, é motivar, é realçar os aspectos positivos do seu filho, é apoiar as suas opções, para que este tenha mais condições de tomar uma decisão ponderada, coerente e refletida. Vocação é: Tentando conhecer a etimologia da palavra vocação, vai-se a Aurélio Buarque de HOLLANDA (1976) e encontra que ela significa ato de chamar; escolha; predestinação; tendência ou inclinação. São os empregos comuns que esta palavra serve no dia-a-dia das pessoas bem informadas, ou não. Sabe-se que o termo vocação não significa casos restritos, mas tem uma abrangência bem maior do que se pensa, como também pode denotar uma extensão metafísica que atinge o aprendizado de muitas vivências.

Os pais afetam as escolhas vocacionais dos filhos enquanto modelos no desempenho dos seus papeis (pais, trabalhadores), na medida em que influenciam a imagem que os filhos têm de si próprios, enquanto motivadores dos filhos para atividades ocupacionais,como fontes de informação sobre as profissões e como promotores de um ambiente de desenvolvimento. À medida que o Filho-Aluno-Adolescente se envolve de forma mais ativa, os pais devem assumir um papel cada vez mais periférico. Os pais devem deixar claro aos filhos que aceitam e esperam deles uma decisão individual quanto à escolha de um curso/profissão. Os filhos crescem rumo à autonomia e a escolha a que nos referimos devia ser intransmissível tal como o bilhete de identidade. Os pais devem, no entanto encorajar os filhos a efetuarem uma exploração planejada em vez de esperarem apenas uma tomada de decisão relativamente ao curso/profissão pretendida. O mais importante não é o jovem ser capaz de dizer – eu quero ser psicólogo(a), por exemplo. O mais importante é o processo em si. A forma como o jovem se implica e participa, com o objetivo de se descobrir a si mesmo e construir um projeto para si. Com a sua ajuda e da escola, o seu filho vai ser capaz de efetuar uma exploração planejada e de, por fim, solucionar da melhor forma a tarefa de escolher uma profissão.

O Aluno-Filho-Adolescente depara-se com várias tarefas de desenvolvimento que deve ultrapassar neste período, estabelecer uma identidade como adulto, separar-se psicologicamente dos pais e construir um projeto escolar/profissional. Estas três dimensões estão interligadas. Construir uma identidade (como adulto) significa ser capaz de perceber e assimilar as diferenças entre os valores, necessidades e expectativas próprios e os dos outros, principalmente dos pais. A formação da identidade começa com a capacidade de realizar esta distinção. Se os Filhos -Adolescentes não forem capazes de ultrapassar esta tarefa da adolescência então também não serão capazes de se percepcionar como capazes de efetuar uma tomada de decisão relativamente a um curso/profissão. Os pais que pretendem ajudar os filhos a consolidarem uma identidade devem eles próprios ser capazes de encorajar a autonomia dos filhos, consolidar a sua relação conjugal e diminuir as dependências emocionais que ligam o adolescente à família.

A construção de um projeto escolar/profissional é simultaneamente a construção de um projeto de vida. Significa estar disponível para nos conhecermos a nós próprios explorando os nossos valores, aptidões e interesses, bem como para conhecer os sistemas de ensino com as suas ofertas específicas e o mundo das profissões. Este conhecimento é parte integrante do processo de escolha e surge da reflexão, isto é, parar para pensar como tem vivido nos grupos em que participa (família, amigos, atividades de lazer, desportivas, culturais, religiosas, para percebermos quais são os “nossos” valores, interesses e aptidões e nos ajudar a pensar sobre quem queremos ser, no futuro. Na escola a Orientação Vocacional é muitas vezes associada, apenas a um conjunto de testes aplicados por um psicólogo que identificam uma “vocação” uma opção escolar e ou profissional a seguir. Os testes podem ser uma ajuda mas, não revelam aquilo que o jovem ainda não descobriu sobre si, são meramente uma atividade entre outras na construção de um projeto e na descoberta de si mesmo.

Muitos consultores e autores bem-sucedidos de livros de negócios e carreira dizem que estamos vivendo a era dos multi-especialistas. Precisamos entender de muitos assuntos: administração, finanças, informática, outros idiomas, pessoas (esta talvez seja a aptidão mais importante e mais difícil), trabalho em equipe,etc. Eles estão certos. Precisamos entender de muitos assuntos e a única maneira de dominá-los é através do estudo e aprendizado contínuos.

O diploma de um curso superior já foi garantia de emprego, até meados da década de 70; hoje não é mais. Pensar que após o término da faculdade ou universidade você está "livre" do estudo é simplesmente decretar a morte da sua carreira profissional. Hoje precisamos estar sempre estudando, sempre nos atualizando. Estamos vivendo a "era da informação, da velocidade e da orientação para resultados". Muitas vezes, ficamos atônitos com a rapidez com que as mudanças acontecem. Já não basta mais sermos especialistas em uma única área: Engenharia, Administração, Economia, Direito, etc. Precisamos "entender do negócio", isto é, conhecer todos os aspectos relacionados com o ramo da empresa onde trabalhamos ou da nossa, senão como poderemos aplicar nossos conhecimentos em benefício da empresa, ou em outras palavras: gerar resultados organizacionais e pessoais. Cabe aqui lembrar aos senhores pais de abrir espaços para discurssões e aprofundamentos sobre concursos públicos e cursos de qualificações profissionais.

*A vocação da arma é o alvo." (Manuel Vicent Recatada)"
Ama a tua vocação com paixão, ela é o sentido da tua vida."
(Auguste Rodin)
"Que é uma vocação? A revelação de uma consciência." (José María Vargas Vila)
"Vocação é diferente de talento. Pode-se ter vocação e não ter talento, isto é, pode-se ser chamado e não saber como ir." (Clarice Lispector)
"Porque tenho sido tudo, e creio que minha verdadeira vocação é procurar o que valha a pena ser."(Monteiro Lobato)
"As coisas a propósito das quais encontramos mais depressa as mais justas e vigorosas palavras, são certamente aquelas que estamos vocacionados para fazer ou para aprofundar." (Paul Valéry)
"Se você exerce a sua vocação, metade da sua vida está resolvida." (Fernanda Montenegro)
Ψ Jurídico - T. Familiar-Artigo VI- São Paulo 20/02/10 – www.sosdrogasealcool.org

Por: Cesar Mousinho

Originalmente postada em 22/02/2010

Cinema - José Flávio Vieira

Cristo de "2012" gera pedido de indenização


ANDRÉA MICHAEL
COLUNISTA DA FOLHA
FERNANDA EZABELLA
DA REPORTAGEM LOCAL

A Arquidiocese do Rio cobra da Columbia Pictures o pagamento de uma indenização por uso indevido de imagens do Cristo Redentor no filme-catástrofe "2012", que é destruído no longa de Roland Emmerich.
As negociações começaram em dezembro, um mês após o lançamento do filme no Brasil, e preveem também uma retratação pública por escrito da Columbia, disse à Folha Claudine Dutra, coordenadora do Departamento Jurídico da arquidiocese.
"Até o final de março devemos chegar a um acordo, senão vamos ter que entrar com uma ação judicial. Mas está tudo indo bem na negociação e, quanto à retratação por escrito, já está fechado", afirmou a advogada.
Rodrigo Saturnino Braga, diretor-geral da Columbia, confirmou o recebimento de uma notificação e que advogados do estúdio em Los Angeles estão cuidando do caso.
A arquidiocese não cobra pelo uso das imagens do Cristo, mas tem poder de veto sobre elas. "O Cristo é um símbolo religioso e deve ser preservado", disse a advogada. Antes de gravar o filme, a Columbia consultou o grupo e o uso foi negado.

Tristeza para o Ceará – “Xô Urubus” – por Pedro Esmeraldo


Neste momento assustador, os cearenses de respeito, principalmente aqueles que desejam ver um Ceará melhor, mais alegre, rico, e bem elevado no seu tempo de limitação progressista, ficam deputados que têm idéias contraditórias, ás vezes ignóbeis, vivem perturbando a mente do bom cearense com gestos mesquinhos, em querer transformar pequenos distritos em cidades independentes.
Não compreendemos como esses homens que se dizem representantes do povo querem cercear o nosso desenvolvimento equilibrado, visto que não sabem fazer outra coisa senão refazer o crescimento reto; vivem discutindo asneiras em plena assembléia legislativa.
Nós, os cratenses, não comungamos com essa idéia de pensamento frágil, pois demonstram muita fraqueza em suas palavras discordantes e provocativas, dizem que querem criar municípios de qualquer maneira, visto que teem como meta principal protelar o desenvolvimento do estado, já que não têm condições favoráveis de desenvolver, pois alguns deles andam engatinhando sem possuir o equilíbrio técnico e econômico. Não há trabalho suficiente para impulsionar a sua mágica economia.
Não é do nosso agrado querer impedir o progresso desses distritos, mas é necessário que haja disposição financeira e progresso social que satisfaçam aos anseios do povo. Nesse caso, tem de enfrentar uma luta árdua e antipática para conseguir recursos suficientes e não deixar cair em um desequilíbrio moral, coisa que acontece constantemente no Brasil. Não recuaremos no nosso pensamento, lutaremos até o fim, não aceitaremos vinditas.
Não esmorecemos um instante, visto que queremos que todos tomem conhecimento da situação econômica do Brasil, que não é boa, como se apregoam. Todos esse pequenos municípios tendem a viver às custa do Governo Federal e permanecem com o pires na mão solicitamos ajuda.
Agora mesmo, lembramos, aos nobres deputados: Por que não cuidar da melhoria da qualidade de vida do cidadão cearense? Por que não incutirem na mente dos homens do campo a qualificação do individuo campestre no avanço tecnológico? Por que não melhorar estilo na produção agrícola, dando curso de capacitação a todos os agricultores de boa vontade que forçará a melhoria de produtividade na vida agropecuária do estado e que atualmente andam entregues às baratas, sem nenhuma movimentação que venha provocar uma melhor disposição do homem para exercer sua tarifa agrícola?
Ah, meus grandes chefes cheios de aventuras milagrosas, fiquem sabendo que não conseguirão milagres com palavras ocas, mas é com o desejo de trabalhar com afinco e mostrar a todos que o Ceará será um Estado produtivo como são os estados de outras regiões do Brasil, já que se engrandecem com muito trabalho e amor a terra comum.
Queremos lembrar ao pessoal da Ponta da Serra: esse distrito foi quem mais se beneficiou no Crato. Tudo isso conseguiu no decorrer dos tempos. Esse distrito deve ser grato ao Crato, pois temos como meta a palavra mágica e sublime, que é a gratidão.

Texto: Pedro Esmeraldo

EXAME DE PRÓSTATA:Morte em CUBA...A MORTE DE CUBA É A MORTE DO PT-Por Wilson Bernardo.


LULA É CONIVENTE COM A FOME...



Fome ZERO: Uma vergonha que alimenta o TOTALITARISMO brasileito em que Ptistas compartilham com a corrupção e o bem estar de seus parlamentares e dirigentes consumidores de TETAS mensalinas de um mensalão,fazedor de escola e academicismos.
AOS MORTOS E AS MORTES DA FOME DE CUBA e nos ostros tambiem irmanos da fome da seca e das esmolas caatingadas nas defecações dos filhos de LULA e os luliasmianismos do Brasil.


Fotos e Texto: Wilson Bernardo

MUSCULAÇÃO SEM CONFUSÃO Por: Pancrácio Esmeraldo


O termo musculação está muito desgastado, pois frequentemente é confundido com fisiculturismo. Muitos praticantes deste, movidos por intenso narcisismo visam tão somente à beleza corporal, não importando os meios para atingir o fim. Muito frequentemente fazem uso de esteróides anabolizantes sob o risco de graves efeitos colaterais. Costumo dizer que são indivíduos com grande massa muscular da cintura pra cima, pouca massa muscular da cintura pra baixo e pouca massa cinzenta do pescoço pra cima. É a própria “geração sibite”, um pássaro de peito grande para pernas extremamente finas. Que não ousem perguntarem as mulheres se gostam desse tipo físico. Por conta do desprestigio gerado pela confusão, o termo deve ser definitivamente banido.

Os especialistas, os livros, as revistas, nos congressos, o termo vigente é EXERCÍCIOS RESISTIDOS. Desde os anos trezentos antes do filósofo Cristo, outro filósofo e cientista, Aristóteles, dizia que “nas ciências da ginástica deve-se encontrar o exercício mais adequado para a biologia de cada indivíduo.”

Entretanto, hoje se sabe que alguns tipos de exercícios se destacam por inúmeros aspectos vantajosos, enquanto outros, não têm nenhum compromisso com a saúde, que os digam a maratona, o iron man e outros do tipo. Dentre os exercícios mais recomendados está a musculação. Entende-se por musculação a prática de exercícios contra uma resistência imposta pelos pesos nos aparelhos. Não diga para uma mãe que recomenda musculação para o seu filho menor, pois certamente, ela não fará bom juízo de você. Se disser que ele vai fazer exercícios resistidos, com critérios e objetivos definidos, ela lhe achará o máximo.

Poderia uma criança fazer esse tipo de exercício?

Os exercícios de explosão, os de grande intensidade e curta duração, bem como os de força dinâmica, como os resistidos, buscam a energia para as suas execuções, principalmente no metabolismo que não requer oxigênio: o metabolismo anaeróbio. Ocorre que as crianças têm um baixo potencial anaeróbio, porque simplesmente ainda não desenvolveram sua massa muscular e consequentemente a força. O surgimento desta depende basicamente dos hormônios sexuais, androgênios e estrogênios. A “explosão” hormonal ocorre na pré e adolescência. Portanto, não se pode “tirar água de pedra”, exigir força de quem ainda não tem condições de desenvolve-la. Tratando-se do organismo humano, não é possível estabelecer uma data exata para que isso aconteça, mas na maioria, na faixa de 14 a 16 anos.

Fala-se também, num prejuízo do crescimento provocado pela pressão da carga sobre as lâminas epifisárias, responsáveis pelo crescimento, mas isso carece de comprovação científica. Entretanto, vale à pena salientar, que com cargas leves, respeitando a fisiologia da criança, não há nenhuma contraindicação para a prática desses exercícios.

O exercício é bom para qualquer faixa etária e até mesmo para o idoso, que tem a oportunidade de manter a força e consequentemente a sua qualidade de vida. Muitos trabalhos sérios mostram, inclusive, sua alta eficiência como causador de emagrecimento. Séries com muito peso (cerca de 85% de uma repetição máxima), poucas repetições, (8 a 10) e intervaladas, (cerca de 3 minutos), tem se mostrado mais eficiente que exercícios prolongados na perda de massa gorda. Isso ocorre por que há grande queima de gordura nesses pequenos intervalos e em algumas horas do pósexercício. Para o hipertenso, tem uma vantagem a mais: permite que a pressão arterial que se eleva nos exercícios, sofra quedas nesses pequenos intervalos, alem do efeito hipotensor agudo.

Para os obesos e os de sobrepeso, são excelentes, já que os livram de conduzirem seus próprios pesos e das lesões ortopédicas provocadas principalmente pelas lesões provocadas pelas sobrecargas articulares. Para os idosos, são fabulosos: reduzem consideravelmente a perda de massa muscular, mantendo a força, sua independência, autoestima e qualidade de vida. Induzem, também, a uma adesão muito maior ao exercício, pelo maior conforto nas suas execuções e por livrarem os praticantes da monotonia dos aeróbios prolongados.

Não se pode esquecer também de salientar que esses exercícios são largamente utilizados na reabilitação cardíaca e em muitas cardiopatias, inclusive na insuficiência cardíaca. Finalmente, não obstante a todas essas vantagens dos exercícios resistidos, não se esqueçam de que uma boa orientação é fundamental, as academias estão repletas de pseudoprofessores.

Por: Pancrácio Esmeraldo
Originalmente postada em 24/02/2010



Edições Anteriores:

Maio ( 2017 ):

01 02 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31